História Felinos e caninos - Capítulo 55


Escrita por: ~

Postado
Categorias Felipe "Febatista" Batista, Felipe Z. "Felps", João Victor Negromonte Queiroz "Jvnq", Lucas "Luba" Feuerschütte, Luiz Felipe (Luiz 1227), Pedro Afonso "RezendeEvil" Posso, Rafael "CellBit" Lange, TazerCraft
Personagens Felipe "Febatista" Batista, Felps, João Victor Negromonte Queiroz "Jvnq", Lucas "LubaTV", Luiz Felipe "Luiz 1227", Mike, Pac, Pedro Afonso Rezende Posso, Rafael "CellBit" Lange
Tags Mike, Mitw, Pac, Tazercraft
Exibições 250
Palavras 640
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Científica, Lemon, Luta, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Slash, Suspense, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Estupro, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Desculpa não postar naquele dia, preguiça bateu ;-;

Capítulo 55 - Orgulhoso



Pov Batista
Eu estava começando a desconfiar mais e mais, o que aquele cara quer? Por que ele me observa tanto? Se é que é ele que me observa....
Tentei apertar mais o passo, olhando para os lados desesperadamente, quero logo sumir daqui.
-Espere- alguém fala e eu paro, sem nem mesmo olhar para trás, pedindo muitas vezes para não ser comigo.
Viro para trás, fechando minha mão para conter meu nervosismo, até um cara de capuz vir até mim.
Eu o olhava esperando ele falar o que queria.
Até ele baixar o capuz, Jv...
-Jota?- eu falo meio surpreso, contendo um sorriso, seria muito egoísmo meu falar de forma nojenta e também seria de muito orgulho meu não o abraçá-lo.
Não, de forma alguma, não vou pular em seus braços.
Mas... Eu tenho tanta saudade dele, quero tanto pedir desculpas...
Mas meu orgulho venceu novamente, cruzei os braços, esperando ele falar, fechando a cara pouco a pouco.
-Quero pedir desculpas... Por tudo- ele pronuncia
-Não... Eu que... Nós somos completos rivais, veio aqui pra nada João- sim, meu orgulho vence qualquer barreira, mesmo querendo outra coisa
-Não... Batista, eu quero seu perdão, por favor, só isso que te peço- jv quase fica de joelhos, eu estava aos prantos, Não sabia o que fazer.
-Eu... Já dei minha palavra João, some da minha vida- não, eu não quis dizer isso, fica comigo.
-O quê?- ele pergunta
-Some- começo a chorar, eu não aguento tamanha tensão e orgulho tudo junto, eu que deveria sumir, deveria morrer por causa disso, eu falo coisas que não quero, é muita coisa de louco, orgulhoso, o cara padrão, Pac e Mike estão juntos mesmo sendo os chefes de gangues inimigas e porque eu não posso ficar com o Jotinha?
-Okay... Eu vou- ele sorri minimamente e dá as costas pra mim, dando apenas dois passos para eu pegar em seu pulso, após o outro, colocando minha cabeça em suas costas, chorando mais ainda.
-F-fica... Comigo, p-pra sempre- coro, mas ainda chorando.
De alguma forma, ele conseguiu pegar minhas mãos que estavam presas em seus pulsos e se virou pra mim e pega meu queixo com o indicador, limpando minhas lágrimas com o polegar da outra mão, obviamente já soltas, sentia meu coração disparar freneticamente, eu sentia um sentimento novo, uma energia nova, isso seria... Amor?
Quando me dei conta, já estávamos nos beijando, eu sentia que fogos estavam explodindo no céu, sua língua explorando minha boca era extraordinário, ele pegando em minha cintura e com a outra mão acariciando meus cabelos era simplesmente maravilhoso.
Quando nos soltamos, vi um sorriso lindo em sua boca como se estivesse mais do que feliz e sem preocupação nenhuma.
-Eu te amo, meu orgulhoso- ele me abraça e eu retribuo, quase dormindo em seus braços, não estava com sono, mas o abraço dele... É tão diferente dos outros...
-Desculpa jotinha, eu não queria ter falado aquilo- falo
-Não precisa se desculpar- sinto ele sorrir
Pov Pac
-IIH,  tão no maior love alí- rio baixinho junto com Cellbit, luba e Alan 
-Que casal mais lindo, quero colocar eles num potinho e nunca mais soltar- Luba comenta
-Realmente são muito fofos- Alan
-Que tal parar de espionar eles e olhar pra mim- ouço uma voz que não era nenhum dos três, nem do casal, olho para trás e vejo mike...
-Ah... O-oi mike, tudo bem?- pergunto com um tom meio nervoso e com um ar de que nada aconteceu
-Oi pac, queria falar contigo, assunto meio sério- ele fala
-Ah claro, galera, depois me contem o que aconteceu, vou resolver uns assuntos- aviso e eles ascentem.
[...]
-Beleza, que tal amanhã a noite? Junta todos e fazemos isso- sugiro
-Okay, mesmo local da guerra?- mike pergunta e eu afirmo com a cabeça
Vai ser um dia histórico para o mundo inteiro.


Notas Finais


Nunca pensei que JvTista ia ser tão.... Sei lá, mas ;-;
Eu vou postar mais felinos e caninos, quando essa acabar, vou terminar hacker, se der tempo, farei uma fic nova... Sei lá, bate umas ideia toda hora


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...