História Feliz dia das crianças,Chaeyoung! - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias TWICE
Personagens Chaeyoung, Jihyo, Personagens Originais
Tags Chaehyo, Jichaeng
Visualizações 41
Palavras 780
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Fluffy, Romance e Novela, Yuri
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Um one shot ChaeHyo de dia das criancas meio atrasadinho rs
Espero que gostem ♥

Capítulo 1 - Balão Amarelo


Fanfic / Fanfiction Feliz dia das crianças,Chaeyoung! - Capítulo 1 - Balão Amarelo

Naquele dia minha família comemorava mais um dia das crianças no parque na cidade

Tudo estava tão belo,as crianças sorriam,era uma verdadeira festa!!

 

Bom,nem todas as crianças sorriam...

 

Enquanto eu caminhava procurando por diversão eu encontrei uma pequena menina sentada em um banco segurando o que aparentemente eram os restos de um balão que estourou...ele era da cor azul.

 

Eu pensei em passar reto e ignorar a garota,mas resolvi me sentar e conversar com ela.

 

- Oi - Arrisquei dizer,sorrindo.

 

- Oi... - Disse ela,desanimada.

 

- Qual seu nome? - Perguntei.

 

- Chaeyoung - Respondeu ela - e o seu?

 

- Jihyo! - Respondi,animada,mas a garota continuava triste - Oh...por que está assim?é o balão? - Perguntei.

 

- Também...sabe...meus pais parecem ter me abandonado,eu não encontro eles em lugar algum - Respondeu ela,ainda observando os restos do balão - Eu queria outro balão...

 

Eu observei a tristeza da garota e logo olhei ao redor e observei um vendedor de balões,eu me levantei,entreguei algumas moedinhas que eu carregava para comprar doces e ele me entregou um balão amarelo.

 

Eu voltei correndo até a garota e a entreguei o balão,fazendo a garota levantar os lábios,onde eu pude ver buraquinhos surgirem em suas bochechas.

 

- Oh...o que são esses buraquinhos em suas bochechas? - Perguntei.

 

- Eu não sei,eles sempre aparecem quando eu levanto meus lábios - Respondeu ela,tocando o bochecha.

 

- São fofos!! - falei,me aproximando - espero que eles apareçam bastante!!

 

A menina continuou mostrando aqueles buraquinhos,que,depois de alguns anos descobri que se chamam "covinhas",como uma cova para a tristeza,apenas fazendo a felicidade sobreviver.

 

A garota ficou quieta apenas observando o balão,até que seu sorriso desabou.

 

- Meus pais ainda não voltaram... - Disse ela.

 

- Sim...hey,quer brincar? - Perguntei,tentando animar-la.

 

- Brincar?de que?

 

- Hum - Eu comecei a pensar por alguns segundos - esconde-esconde? - Perguntei.

 

- Parece legal! - Disse ela,animada.

 

- Vamos lá!!Eu começo a contar!! - Disse eu.

 

- Hey...o que faço com o balão? - Perguntou ela.

 

- Amarre no braço do banco,depois você o pega!! - Respondi.

 

- Ok - Disse ela,correndo até o banco e o amarrando.

 

- Vamos lá!! - Disse ela,correndo para se esconder.

 

Eu fui em direção à uma árvore e comecei a contar.

 

Depois que acabei a contagem saí correndo procurando por Chaeyoung.

 

Eu corria pra lá e para cá,eu não encontrava a garota de forma alguma,o tempo se passava e eu resolvi desistir...teria ela me abandonado?

 

Eu me sentei no banco onde a garota estava quando a encontrei e comecei a observar o balão.

 

- Eu disse para ela que depois ela o pegaria...

 

Após uns minutos sentada ouvi minha mãe me chamando,o que me fez levantar do banco,pegando o balão.

 

Eu corri até ela e a encontrei,mas,ao mesmo tempo,consegui enxergar Chaeyoung vindo correndo em minha direção.

 

- Jihyo!! JIHYO!! - Gritava ela,animada.

 

- Desculpe a demora...eu estava me escondendo até que encontrei meus pais... - Disse ela.

 

- Que bom que os encontrou!! - Disse eu,animada - Sem problemas com a demora.

 

A garota levantou os lábios novamente,mostrando novamente os buraquinhos em suas bochechas.

 

Eu sorri e a entreguei o balão.

 

- Obrigada!! - Disse ela,me abraçando.

 

Eu sorri e beijei sua bochecha,a deixando um pouco vermelhinha,parecia envergonhada.

 

- Hey...Jihyo...quer ser minha amiga? - Perguntou ela.

 

- Claro!! - Respondi.

 

A garota sorriu

 

- Quer vir brincar aqui amanhã? - Perguntou ela.

 

- Sim!!vamos continuar brincande de escode-esconde!!

 

A garota balançou a cabeça,animada.

 

- Hey,eu já vou!!até amanhã!!feliz dia das crianças!! - Disse ela,correndo em direção aos seus pais.

 

Eu acenei para a garota e a observava correndo,seu balão parecia estar vermelho por algum motivo que eu não conseguia decifrar,eu acabei até esquecendo de a dizer tchau e a desejar um feliz dia das crianças.

 

Quando a garota sumiu de minha vista eu fui em direção à minha mãe,que de longe me observava.

 

- Encontrou uma nova amiga? - Perguntou ela.

 

- Sim!! - Respondi.

 

No outro dia nós nos encontramos novamente e começamos a sempre nos encontrar...tudo a partir daquele dia das crianças...

 

- Hey Jihyo,por que pensa tanto assim?você quer se casar comigo ou não? - Perguntava Chaeyoung,que estava de joelhos,eu acabei me destraindo após a garota fazer o pedido e acabei me lembrando de como nos conhecemos...

 

- Oh,desculpe,acabei me distraindo,claro que aceito!! - Respondi.

 

A garota sorriu e colocou o anel em meu dedo,eu fiz o mesmo e então nos beijamos.

 

Foi num mesmo dia das crianças o dia em que Chaeyoung me pediu em casamento...a mesma data em que há alguns anos atrás nós duas nos encontramos,uma data que se tornou mais especial do que já era.

 

- Feliz dia das crianças,Chaeyoung! 


Notas Finais


Se viu algum erro,pode dizer que eu arrumo ♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...