História Filha Das Sombras. - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Hora de Aventura
Personagens Ash, Finn, Fionna, Hudson Abadder, Jake, Lady Íris, Marceline, Marshall Lee, Princesa Caroço, Princesa De Fogo, Princesa Jujuba, Principe Chiclete, Príncipe de Fogo, Rei Gelado
Tags Hora De Aventura
Exibições 39
Palavras 823
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Famí­lia, Festa, Luta, Romance e Novela, Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Cross-dresser, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Essa é a minha primeira história sobre as duas.
Espero que gostem .....

Capítulo 1 - Como se fosse o ontem


Fanfic / Fanfiction Filha Das Sombras. - Capítulo 1 - Como se fosse o ontem

Eu me lembro como se fosse ontem .....
Eu arruinei a minha vida entrando na quela merda , é como se fosse o inferno , ou pior .....
Mas eu fui enganada , eu só queria uma vida melhor , eu apenas quis morar sozinha.
Minha vida sempre foi uma merda....

Minha mãe morreu quando eu tinha 5 anos , meu pai ficou muito mais exigente depois que ela se foi .
Ele começou a beber , a trazer vadias para casa , toda noite eu acordava com aquela gemidos nojento .

Até que eu decidi sumir da quela casa , agora imagina .
Uma garota de 16 anos , sozinha na rua , passando frio , fome , os outros me olhavam como se eu fosse um lixo ou uma animal.
Eu não podia mas voltar para casa , meu pai não ia deixar , eu só queria uma vida melhor , eu pensei que nunca ia conseguir isso.
Então aquela dia chegou.

Flashback on

Era apenas mas um dia normal como os outros , como sempre eu estava andando na rua procurando o que comer.
Eu pedia dinheiro para as pessoas , tinha gente que simplesmente me ignorava , e tinha gente de coração bondoso que me dava dinheiro ou até comida.
Morar na rua é um inferno , passar frio de noite é a pior coisa.

Finalmente eu tinha conseguido juntar dinheiro suficiente para comprar um prato de comida para mim .
Eu fui num restaurante , entrando la , os outros me olharam com nojo , mas eu não liguei , a fome e a felicidade era tanto que eu só pensava em comer.
Eu me sentei na mesa e esperei alguém vir me atender , passo minutos e ninguém veio .
Passou uma garçonete no meu lado .

Marceline - olá !

Eu só encostei no braço dela e ela tirou rapidamente.

****- me larga seu monstro !

Eu arregalei os olhos na quele momento .

****- será que você não percebeu que ninguém quer você aqui sua imunda !

Eu ja estava com os olhos marejados.

Marceline - m-mas , e-eu s-so q-quero c-comer !

Ela deu uma risada debochando de mim.

****- então vai no lixão !

Ela saiu de perto de mim, eu me levantei com tudo e sai correndo de la , eu comecei a andar sem rumo .
E quanto fui perceber , eu estava na frente da minha casa , eu olhei pela janela e vejo meu pai com uma mulher e com uma criança , ele estava rindo.
Até parecia uma família feliz.

Então um ódio cresceu dentro de mim, um ódio que nunca senti antes .
Estou cansada disso , dessa vida ..... Das pessoas querendo ser melhor que as outras.

Eu sinto alguém encostando no meu ombro , eu me virei rapidamente.

****- calma ai !

Era uma senhor , com cabelos brancos , uma barba mal feita, com um sorriso amarelo e dentes tortas , e aquele sorrio carregava uma grande malícia.
Meio que baixinho e barrigudo e está usando um terno.

Marceline - oque você quer ?

****- eu te vi aqui sozinha então resolvi falar com você !

Ele olha para a minha casa , e depois para mim.

*****- a sua família ?

Marceline - não mais !

Ele solta uma risada .

****- bem eu sou Jonathan !

Marceline - eu sou Marceline !

Ele ficou em silêncio alguns minutos .

Jonathan - vem me segue !

Eu olho para ele e depois para minha casa .
Eu não deveria ir , mas já estou fudida mesmo.
Ele começo a andar então eu o sigo.

Marceline - onde vamos ?

Jonathan - você deve estar com fome , eu te vi na quele restaurante , então vamos almoçar !

Eu abro um sorrio .

******

Chegando no restaurante , era o mesmo que eu fui .
Ele entra e veio gente correndo atender ele.

*****- o-ola , s-senhor !

Ele passou sem falar nada , ele foi até a quela mesa que eu tinha me sentado.
Eu fui andando até la e me sento.

Jonathan - pode pedir qualquer coisa !

Eu olho desconfiada para ele mas depois eu dei de ombro, eu pedi um bife acebolado.
Aquela mesma menina veio até nós.

****- oque vai querer ?

Ela nem olhou para mim , eu olhei para o Jonathan e ele mandou eu esperar.

Jonathan - eu acho que você não percebeu que não é para mim que tem que perguntar mas sim para ela !

****- m-mas e-ela é u-uma m-moradora d-de r-rua !

Jonathan - e daí ? Ela também é cliente , e por causa disso está despedia !

*****- m-mas e-eu preciso desse emprego !

Jonathan - se vira !

Ela olhou para mim e depois saiu correndo , eu comecei a rir dela.

Jonathan - bem marceline , eu te trouxe aqui para te fazer uma proposta !

Antes que eu pergunte algo veio outro garçom , eu fiz o meu pedido e ele saiu.

Marceline - qual essa proposta ?

Jonathan - você irá descobrir se aceitar , eu só prometo uma coisa , que a sua vida será melhor !

Eu olho em volta e dou um suspiro.

Marceline - aceito !

Flashback off

Acredite eu preferia morar na rua ....


Notas Finais


Aí vai o primeiro cap


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...