História Final Fantasy XV - Uma nova jornada começa - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Final Fantasy XV
Personagens Lunafreya "Luna" Nox Fleuret
Exibições 10
Palavras 627
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Fantasia, Ficção
Avisos: Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Final Fantasy XV é um jogo que espero há anos, e que finalmente está para chegar. Decidi escrever esse capítulo único para comemorar o lançamento do jogo. Contém spoilers do filme Kingsglaive: Final Fantasy XV.

Capítulo 1 - Capítulo Único


Fanfic / Fanfiction Final Fantasy XV - Uma nova jornada começa - Capítulo 1 - Capítulo Único

      Fizemos promessas. Trocamos sorrisos. Compartilhamos conhecimento. Passamos muito tempo juntos. E então ficamos anos sem se ver. Tudo ocorrendo em um único momento, quando o pai do meu querido amigo o levava para um lugar mais seguro, correndo para fora do campo de batalha, e me levando junto, com sua mão segurando a minha. Minha mãe morria passos atrás e meu irmão começou a se encher de ódio e raiva quando eu abruptamente soltava a mão do rei Regis, ficando longe daqueles importantes pra mim.

      -Há quanto tempo, vossa majestade. – Eu enfim via novamente aquele sorriso, envelhecido, mas ainda gentil da pessoa que me apresentou aquele que seria meu futuro noivo. Conversamos durante alguns minutos, alguns ótimos minutos. Mesmo com a ausência de Noctis, era muito bom ver Regis mais uma vez. Foi nesse dia que eu também tive a chance de conhecer um nobre guerreiro. Nyx Ulric, com seus cabelos castanhos e seus olhos azuis demonstrando certa desconfiança com tudo que acontecia, mas ainda assim com coragem para seguir em frente, ficava ali, parado, “em serviço de guarda”, como dizia.

      -Então certamente não há lugar mais seguro para eu estar. – Disse, e fiquei contente da maneira que ele respondeu, não com palavras, mas com um sorriso discreto e sincero. Os olhares que trocamos nessa noite deixaram claro que eu tinha acabado de conhecer alguém com potencial para ser um grande amigo. Uma pena que as circunstâncias que nos uniria no dia seguinte não fossem das melhores. Mesmo com nossa chegada tardia, o rei Regis ainda lutava bravamente com seu oponente, saindo apenas com nossa chegada, ao o ajudarmos a sair daquele lugar. Estamos prontos para seguir pra Altissia, onde o príncipe Noctis me aguarda. Porém, em um último ato de bondade, Regis se sacrifica pela nossa segurança.

      -Eu sei que sua mãe desejaria o mesmo que eu. Que você e Noctis vivam felizes. Todos esses anos prisioneira porque eu falhei com você... Não de novo. Portas trancadas não mais irão selar seu destino. – Sinto-me com o coração quebrado com suas palavras e com uma ação que me trouxe memórias ao vê-lo soltar minha mão daquele jeito. Ele pede pra seguirmos em frente, mas tanto eu quanto Nyx ficamos observando seus últimos momentos de coragem, lutando com seu inimigo com toda sua determinação. Sei que fiquei com um olhar expressivo ao ver sua morte, pois Nyx afasta minha visão, me puxando pro lado. Ele sempre me tratou bem, com amizade e um bom coração. Vejo o rosto de meu amigo uma última vez enquanto ele cai no chão, morrendo da forma mais honrada possível. Suspirei, e continuei em frente, era o que ele desejava, e faria o possível para cumprir seu último desejo. Sua morte não será em vão.

      Mais tarde, Nyx confessava seus medos para mim, e fiquei contente em saber que ele já confiava em mim o suficiente para dizer tudo aquilo.

      -Sua irmã queria que você visse um futuro também. Qualquer um desejaria o mesmo para família que ama. – O conformei, e usei essas palavras pra me conformar também. Minha mãe. O rei Regis. Eles também desejavam o mesmo. Enquanto tentava o ajudar, ajudava a mim mesma. Eu observava meu amigo e, mesmo considerando que o conheço há pouco tempo, ainda ficava surpresa com sua coragem, ao vê-lo atrair toda a atenção do inimigo para si em prol de minha segurança. E, mais uma vez, mais tarde perderia outro amigo que se sacrificaria pelo mesmo motivo, pra que eu continue em frente.

      Despedi-me de Libertus, amigo de Nyx que me ajudou durante tempo suficiente para que eu veja o quão boa pessoa ele é, e prossegui rumo a minha nova jornada. Noctis, tem tanto que eu preciso discutir com você. Por favor, esteja seguro.


Notas Finais


Um bom jogo pra todos que forem jogar. Espero que tenham gostado e até a próxima.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...