História Finito - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Visualizações 2
Palavras 474
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Ficção

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 1 - Finito, Do Fim Ao Começo


Primeiro. Uma dor misturada com alívio. Depois. Algo que não soube o que era, era bom e quente como um coração feliz. Uma casa nova.

Lembro-me de minhas últimas memórias, lembro-me do meu fim, minha morte. Foi suicídio.

Se estou vivo? Não sei dizer, estou aqui.

Mas esse calor, essa felicidade. Preenche meu peito, esse amor... acho que isso é amor, isso que aquece meu peito me deixando nesse ânimo e inquietação.

...amado já.”, ouço com dificuldade.

A tristeza foi varrida, a dor retirada, as feridas curadas, era um novo ser, sem todo o fardo, era um novo eu. Renovado, curado e feliz.

Os dias passaram, com eles a sensação e o amor só aumentou, durante esse período tive tempo de pensar nos que deixei para trás, senti falta de todos e desejei do fundo do coração que eles se recuperassem de mim, da dor que havia causado, da ferida que havia feito.

Meu novo lar, é como passei a chamar este lugar onde estou. Se céu é isso, então o céu é um ótimo lugar de estar, quente e carinhoso como os braços de uma mãe cheios de carinho e amor.

É um pouco solitário não ter com quem conversar e alguém para rir, então penso pouco nisso, foco na felicidade e amor, no calor amoroso causado por algo que não sei o que é. Não sei há quanto tempo estou aqui e na realidade eu nem quero sair daqui, pois é tão bom.

Ainda vejo alguns fantasmas, mas como tudo um dia tem de passar eu tive de lidar com todos eles e um a um me resolvi com meus demônios e fantasmas.

... tão... gran... já...”, ouvi enquanto sentia algo gelado sobre mim de alguma forma.

Enquanto os dias passam, sinto-me entorpecido e sinto-me sumir aos poucos, como se estivesse perdendo a noção de quem sou, como se estivesse voltando ao 0, digo estivesse ficando sem memória alguma e mal posso esperar pra ficar sem elas, e só sentir esse amor me preenchendo, não que não vá sentir falta da minha vida antiga, da minha mãe e meus dois irmãos caçulas... é só que estou melhor aqui, fico melhor aqui.

Sei que eles devem me odiar ou se sentirem culpados por eu ter feito o que fiz, mas fiz o que fiz por querer e precisar, por almejar um descanso e um alívio eterno, e é o que estou tendo a medida que a dor e todo aqueles sentimentos começaram a deixar meu ser e eu comecei a ser feliz e aqui estou.

Uma voz me chama, sinto que finalmente é hora. A luz fica forte a medida que sinto-me apagar. E fim.

Epílogo

Um parto normal, um bebê saudável, Christopher Johnson, 0 dias e 2900g. Sua mãe Graziela Johnson juntamente com seu pai William J. Souza ficaram felizes com seu nascimento de seu bebê.


Notas Finais


Fim.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...