História Fire meet Gasoline - Capítulo 34


Escrita por: ~

Postado
Categorias Emma Watson, Mitologia Grega, Nina Dobrev, Os Heróis do Olimpo, Percy Jackson & os Olimpianos, Sasha Pieterse, Shay Mitchell
Personagens Afrodite, Annabeth Chase, Apollo, Artemis, Atena, Bianca di Angelo, Calipso, Clarisse La Rue, Connor Stoll, Cronos, Dionísio, Éris, Eros (Cupid), Grover Underwood, Hades, Hefesto, Hera (Juno), Hermes, Luke Castellan, Percy Jackson, Perséfone, Personagens Originais, Phobos, Poseidon, Quíron, Rachel Elizabeth Dare, Sally Jackson, Thalia Grace, Travis Stoll, Zeus
Tags Ares, Deus Da Guerra, Gaia, Personagens Originais, Profecias, Revelaçoes, Romance, Trevas
Exibições 26
Palavras 924
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Esporte, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Científica, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Musical (Songfic), Poesias, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Canibalismo, Linguagem Imprópria, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oi gente!


Estou aqui com mais um capítulo e confesso que fiquei tocada.


Nas notas finais quero falar uma coisa...


Sem mais de logas....

Boa leitura!

Capítulo 34 - Amor de mãe


Fanfic / Fanfiction Fire meet Gasoline - Capítulo 34 - Amor de mãe

 

(Leitores(a) leiam as notas  finais)

 

 

P.O.V  Ares

 

Mesmo Victória pedindo para nunca, mas lhe procurar, eu não posso desistir  de  nós  tão facilmente.   Era  é  a  minha garota  da guerra.    Eu não iria deixar  que minha  garota pensa-se  que eu  queria  a morte dela e  da nossa  filha. Eu preciso achar ela e  pedir  desculpas  por  mentir.   O único problema  é que  eu  não consigo acha – lá em lugar  nenhum.   Ela  parece  ter  evaporado.  Mesmo, assim eu não vou  desistir.

 

 

- Ares!  - Disse Apolo  entrando  em meu templo.

 

 

-   O que?  -  Digo com raiva.

 

 

-  Encontramos    a  Valerie.   -   Diz  Apolo ignorando  o meu mau humor.

 

 

O encarei com interesse  renovado.  Se  encontraram a mãe de Victória significa  que   conseqüentemente  entraram a  minha mulher  e  minha filha.

 

 

-  Aonde elas  estão?  -  Pergunto   me  levantando do sofá.

 

 

- Me siga!Elas  estão em um hospital no Texas.   – Disse Apolo apressado.

 

 

 

Eu não pude  conter o sorriso.  Será  que  minha  filha  havia nascido?  Ou  então, elas poderiam estar  em apuros .   Mas eu sentia que  minha filha  havia  nascido.    Sigo  Apolo sem reclamar. Tudo que eu quero é  encontrar  a  minha  rainha  e  minha  princesa da guerra. Elas  são tudo  o que  me  importa.

 

P.O.V Victória  Stewart

 

Continuação do sonho:

 

- Diga-me o acordo,  estou disposta a qualquer   coisa.  – Digo com firmeza.

 

-Pois bem...  – Disse Gaia  alegre  com  minha resposta.   -  Você  deve lealdade  a  mim e  sua  filha será  a destruição do Olimpo. Se  você aceitar,eu te salvo! -   Impôs Gaia.

 

Eu fiquei  de costas para  Gaia,para  poder  pensar sem ter que encarar aquela   cretina.  Eu podia deixar   minha filha  ser  livre  com a  minha mãe,mas ela  correria  o risco de  ser capturada por Gaia e eu não estaria lá  para   protegê-la. Ou então, eu poderia aceitar o acordo  e   ficar  com a  minha  filha  e depois arrumaria  um jeito de  me  livrar  de Gaia.

 

Viro-me para  Gaia e  a  olho com desprezo.  Dou um sorriso forçado.

 

-  Eu aceito!  -     Digo  tentando controlar  minha  raiva.

 

 

-  Muito bem! -   Gaia  disse  com animação.   -  Você  não irá  se  arrepender!  -  Diz   sorrindo.

 

 

Gaia  faz um gesto de  mão e  eu senti um formigamento por  todo  o meu corpo.Uma  luz  braça   cegou meus  olhos  momentaneamente  e  depois a escuridão me atingiu. Contudo, eu não temi.  Senti  meu  coração bater   em ritmo  normal e    vida  correr  pelas  minhas   veias.Depois  uma sensação de   choque    em meu abdômen  me  fez  finalmente  sair  daquele  sonho e  me  enviar  para  outro lugar.

 

Sonho off –

 

 

 

P.O.V  Autora

 

Os  médicos  estavam fazendo o possível para  salvar a vida  de  Victória,mas tudo  indica que a mesma    iria   falecer.   Um dos  médicos  pegou o  desfibrilador  e  tentou reanimar  Victória  pela  última vez.   Então, como se fosse  uma  intervenção  divina  seus  sentidos  voltaram e     Victória  permaneceria  viva,surpreendendo  a todos.

 

0000ooo0000ooo0000

 

 

O médico saiu da sala  de  operações e  foi ao encontro de Valerie  e as  outras  meninas.  Ao  ver  o  doutor , o coração de Valerie  se encheu   de  esperança.

 

 

- Sua  filha  irá  sobreviver,foi difícil reanima - lá   e  estabilizar seu quadro,mas conseguimos.   -   Disse  o Doutor.  –  Já  vai  poder  visita-lá em breve.   -  Ela  irá  acorda  hoje  ou talvez  amanhã.   -  Disse  sorrindo e  logo depois  saiu.  Deixando para trás  um grupo de  mulheres   extremamente felizes.

 

 

0000ooo0000ooo0000

 

 

P.O.V  Victória  Stewart

 

Acordei com som de aparelhos  hospitalares preenchendo os  meus  ouvidos.  Quando abri meus  olhos  notei que  o quarto estava  sendo somente  iluminado pelos  aparelhos  e   uma   luz   fraca.  Eu   olho para  o lado e  vejo minha  mãe dormindo  no pequeno  sofá.  

 

-  Mãe!  - Chamo com minha voz mais  fraca  que  o normal.

 

 

Ela  nem se meche.   -  Mãe! – Falei um pouco mais  alto.

 

Finalmente ela  ouviu e  despertou. Ela  veio correndo ao meu encontro.

 

 

-Ai meu deus!Minha filha! - Exclamou feliz.   -  Você  acordou!   - Disse me abraçando e me dando múltiplos  beijos  no rosto e na  minha testa. 

 

 

-   Eu te  amo  mãe!  -  Digo  sorrindo.   -    Cadê a  minha  menina?   -   Pergunto  aflita.

 

 

- Eu vou trazê-la!   -  Disse  afobada.

 

 

Eu sorrio  ao lembrar de  minha filha.Ela  era  tão bonita  e  graciosa. Tinha  olhos  castanhos esverdeados  e  um semblante  de serenidade.  Sua  cor era  morena.    As meninas  entram no quarto e   minha  mãe também trazendo a  minha filha nos  braços.  Apanhei minha menina  e  minha mãe  me deu um plano úmido.

 

 

- Passa  em seu  seio e  dá  de  mamar para ela.   – Disse  minha  mãe.

 

 

As  meninas  me deram olhares apoiadores .  Peguei o pano e  limpei meu seio.  Depois  amamentei pela  primeira  vez  minha filha.    Quando ela  começou  a mamar,pude  sentir   uma  conexão entre  nós  duas que  ninguém nunca  iria  cortar.  o meu amor de  mãe    aumentou de tamanho para  um amor  sem medidas.  Eu faria  o possível e  impossível pelo   bem  de Hope. Aquele  momento era  íntimo meu e de  minha filha e apesar de  doer  um pouco,eu apreciava  com satisfação cada segunda.

 

 

- Ninguém  vai me separar de você!   - Digo sorrindo para  minha  filha.

 

 

Minha mãe  e as  meninas  estavam emocionadas.   Eu achei que  finalmente  podia  ficar pelo menos  por  alguns dias  me paz  com minha filha.  Porém a porta se abriu e  revelou a pessoa  que  eu  não queira  ver tão cedo.

 

 

- Ares... – Murmurei surpresa.

 

 

Ele  iria  falar algo,mas quando notou que eu amamentava  a  nossa  filha,ele  parou e  eu puder  ver em seus  olhos  que ele  estava  emocionado.    Ele  se aproximou e sentou   na beirada da cama e  continuou calado.   Então, nós dois  ficamos  aproveitando aquele  momento em silêncio e calmaria.

 

 


 

 

 

 


Notas Finais


Gente,como eu falei quero falar algo com vocês. Eu queria saber se vocês querem um a segunda temporada,pois eu estou com algumas ideias. Digam se querem ou não,que quando sair o último capítulo eu coloco já um link com a segunda temporada.

Bem era só isso.

Espero que tenham gostado!

Muitos beijos e abraços <3

Até o próximo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...