História First Love - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Boys, Bts, Depressão, Drama, Hoseok, Jhope, Poesia, Suga, Yoongi, Yoonseok
Exibições 89
Palavras 261
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Festa, Fluffy, Lemon, Musical (Songfic), Poesias, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Yaoi
Avisos: Álcool, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


AI CARALHOOOOOOOO
Hello pessoas :3
Essa é a primeira fanfic de bts que eu escrevo (finalmente tomei coragem), espero que vcs gostem porque eu to muito ansiosa pra escrever aaaaa

Leiam as notas finais porfa <3 titia ama vcs

Capítulo 1 - Chapter 0 Prologue


Fanfic / Fanfiction First Love - Capítulo 1 - Chapter 0 Prologue

  

Diagnosticado com depressão, TOC* e ansiedade, aos 21 anos, a vida de Min Yoongi parecia ter acabado.

  O jovem Min só estava vivo pela música, era o único motivo pelo qual o próprio não havia se jogado do último andar do prédio onde vive, ou se enforcado com uma corda, ou ter ingerido todos os remédios que encontrasse pela frente.

  Isolado de todos, ele vivia em seu próprio mundo, onde não havia espaço para outras pessoas adentrarem.

 

 Poderia algo mudar o jeito de Yoongi?

 Poderia alguém ter passagem para entrar nesse mundo?

 

  Por mais que todas as pessoas que conviviam com Min Yoongi (até seus poucos amigos) dissessem  que não, a resposta é:

 

  Sim, algo pode mudá-lo.

 O nome disso é amor.

 

Eu acredito em amores eternos, daqueles que acompanham a gente pela vida inteira, como se tempo e amor se fundissem num só elemento, tornando-se imutáveis, indestrutíveis.

Eu acredito em amores eternos, daqueles que vão com você para qualquer lugar, não importando o quão distante você esteja, por que a pessoa amada reside em seu próprio coração.

Acredito em amores eternos e sublimes, capazes de reconsiderar tudo, com suavidade, ternura e perdão. Acredito, sim, em amores para toda a vida, e além da vida, pois seria um tipo de amor unido à própria alma, e sem alma a vida não tem razão...

Amores eternos existem sim, e superam qualquer coisa, mesmo quando ninguém mais acredita neles, eles continuam sempre à espreita, esperando apenas um olhar, um retorno, uma reconciliação.


-Augusto Branco


Notas Finais


TOC (Transtorno Obsessivo Compulsivo): O TOC é um transtorno mental caracterizado pela presença de obsessões, compulsões ou ambas.

oioi,gostaram? espero que sim :3
logo mais eu coloco uma capinha na fanfic.
eu to aqui pra fazer merchant de uma fanfic original que eu escrevo,ela é bem legal,vão conhecer moços e moças <3

Link: https://spiritfanfics.com/historia/os-60-dias-5966489

E EU TAMBÉM tenho twitter,me chamem lá não se acanhem eu sou gente boa sz (sigo todo mundo de volta)

Link: https://twitter.com/1panda_

e é isso galero,até o próximo capítulo. comentem o que acharam e o q vcs esperam da fanfic (chega de mendigar plmdds)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...