História "First Love" - Capítulo 31


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Amor, Bangtan Boys, Bts, Deuses, Drama, Min Yoongi, Romance, Shinigamis, Sobrenatural, Suga
Visualizações 41
Palavras 1.731
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Bishoujo, Bishounen, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Famí­lia, Fantasia, Ficção, Harem, Hentai, Lemon, Lírica, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Cross-dresser, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Não revisei, qualquer erro me avisem. Sei que é tarde para dizer isso... Mas
Significados
{} pensamentos
[] leves interferências narrativas
<> Ações dos personagens
() lugares

Capítulo 31 - Péssimas notícias!


Fanfic / Fanfiction "First Love" - Capítulo 31 - Péssimas notícias!

H- Vai dizer isso à ele mesmo?

Jk- Tenho que dizer...

Yoongi- Por céus! Dizer o quê?

Jk- Jin me disse que foi discutido hoje após o jantar, o possível casamento de Kim Taehyung e Kim Aerum!

H- E como sabe, casamento entre irmãos é normal entre as famílias de puro sangue.

Yoongi- <pálido> E... E o que ela respondeu?

Jk- Parece que ela não reagiu muito bem, disse que ia pensar e saiu da mesa.

H- De qualquer forma eles esperam que seja um sim. Taehyung da sua parte, já acentiu concordando.

Yoongi- Ela não pode fazer isso! <atirou a xícara de leite na parede>

Jk- Calma cara!

Yoongi- Calma uma pinóia. Eu não tenho nem asas para voar, tudo o que eu quero é ficar só! <pegou os papéis foi para o quarto e lá se trancou.>

H- Você não devia ter contado isso à ele.

Jk- Ele mais cedo ou mais tarde ia ficar sabendo.

[Aquela noite não foi uma das melhores para você e Yoongi.

Na manhã seguinte cedo você acorda para seus afazeres.

Arrumou-se e foi para as tarefas diárias do reino. Evitando o máximo se encontrar com Taehyng.]

Nj- Filha leve estes papéis para seu irmão.

Você- Peça para Jin fazer isso. Estou ocupada!

Nj- Com o quê?

Você- Umas coisas ai! <diz se retirando>

J- Ela está evitando ele?

Nj- Pelo visto...

[Você andava pelo corredor.]

Jina- Filha?

Você- <vira de costas> Sim?

Jina- Acompanhe sua mãe em um passeio pelo palácio!?

Você- Outra hora...

Jina- Não ouse me fazer esta disfeita!

Você- <virou os olhos> Está bem!

Jina- Sobre ontem...

Você- Não quero conversar sobre ontem.

Jina- Aerum seja matura, não é desta forma que as coisas tomarão jeito!

Você- Vocês propuseram-me casamento sem se quer me consulta antes.

Jina- Não estamos te obrigando a casar.

Você- Não?

Jina- Não! Mas pense bem, não é algo ruim...

Você- Eu amo meu irmão, mas é apenas como irmão. Quem eu amo como homem é outro.

Jina- Min Yoongi não é?

Você- <suspira> Sim!

Jina- Todavia o destino não vos possibilitou a felicidade de estarem juntos. Ele agora vive uma vida completamente diferente da sua. Ele se quer pode ver seres espirituais agora.

Você- Eu sei disso mama.

Jina- Então, você precisa seguir em frente!

Você- Isso é mesmo necessário?

Jina- É importantíssimo. Faça isso pelo bem de todos filha.

Você- Pelo bem de todos é? <fica refletindo>

Jina- Você consegue. Será feliz! <te abraça>

Você- Eu espero...

T- Aerum! <diz ofegante com as mãos no joelho>

Você- Taehyung? <hesitante, da uns passos para trás.>

Jina- Encare seus problemas de frente querida! <te empurra de leve para frente em direção à ele>

T- Podemos conversar?

Jina- Vou deixa-los à sós!

Você- Vamos para outro lugar!

T- <estende a mão pedindo a sua> Me acompanhe em um passeio pelo jardim?

Você- <olha de uma lado para o outro> Tudo bem... <segura a mão dele.>

[Vocês foram andar pelo jardim e de repente você lembrou de Jihã.]

T- Aerum? Aerum?

Você- Oie?

T- Não está ouvindo o que estava falando?

Você- Desculpa, estava distraída!

T- Tudo bem. É sobre a gente. O que você acha de me dar uma chance?

Você- Chance?

T- Isso! Posso te mostrar que serei um bom marido e te amarei pra sempre! <sorriu sem jeito>

Você- <corou> Sabia que és tão fofo quando estas com vergonha? <sorriu>

T- Isso é um sim?

Você- Um sim. Pelo bem de todos.

[Foi o que você pensou.]


(Na terra.)


[Yoongi estava em seu primeiro dia de trabalho.]

Yoongi- <maior cara de tédio> Tem cadastro?

??- Sim!

Yoongi- Nome?

??- Jeen!

Yoongi- Trazer na próxima semana tá?

Jeen- Tá!

Hermínia- Não tem como ser mais simpático senhor Yoongi?

Yoongi- Dona Hermínia eles não querem minha simpatia, eles querem os livros.

Hermínia- E eu sua simpatia, faça um esforço!

Yoongi- Okaaaay...

{Como Estela suportava essa chatice?} <olhou para uma sessão de lendas> {Já sei como!}


(Em Õkoku no Seikatsu.)


[A noite chegou, você e Taehyung haviam esperado o jantar terminar para dar a notícia.]

T- <levanta> Em meio à todos os presentes... 

<pega na sua mão> 

Você- <se levanta> Eu aceito o casamento.

T- Então anuncio que a partir de hoje eu e Aerum estamos noivos!

[Houveram palmas e sorrisos com excessão de Inoe que tentou disfarçar a insatisfação.]

Nj- Excelente. Amanhã mesmo o povo ficará sabendo desta incrível notícia!

Jina- Felicidade aos noivos! <estendeu sua taça>

[Todos brindaram.]


(Na terra.)


[Yoongi estava como um idoso mergulhado em livros.]

Jk- Mais livros?

Yoongi- Sim. Estela costumava lê-los. Deve haver alguma resposta pra mim!

H- Não acha isso uma certa obsessão?

Yoongi- Talvez.... Ela aceitou não foi?

Jk- Como você sabe?

Yoongi- Dá pra ver na sua cara!

Jk- E o que você vai fazer?

Yoongi- Qualquer coisa que faça meus poderes voltarem, eu vou impedir este ridículo casamento!

H- <sorriu> Teimoso!

Jk- Bastante!


(Em Õkoku no Seikatsu.)


[Os preparativos começaram a ser providenciados o de maneira rápida. Não por necessidade e sim porque a família Kim há anos não dava uma grande festa. Você, Tehyung, Namjoon e Jina estão no alto do palácio em um palanque com vista para o povo, seria o anuncio de seu noivado.]

Nj- Eis que vos apresento a nova sucessão de rei e rainha de Õkoku no Seikatsu. Meus filhos Kim Taehyung e Kim Aerum ão de se casar logo, em breve eu e minha esposa passaramos nosso legado e trono para que eles possam governar. 

Jina- E que que os ancestrais abençoem esta formosa união para manter no nosso amado reino a paz e prosperidade.

[Namjoon e Jina empurram vocês para frente para que sejam o destaque das atenções.]

Nj- VIVA AOS NOIVOS!!

[O povo gritava em alta voz repetindo o que o rei havia dito junto com grandes sorrisos de felicidade. Eles esperavam boas coisas. Taehyung não podia se conter, ele esticou os lábios, manteve aquele sorriso bobo que ia de ponta a ponta das orelhas. Enquanto você se restringia apenas em um médio sorrioso e simpatia. Ambos acenam para a multidão ali presente. Em seguida vocês se retiram para voltar aos afazeres.]

T- Você não me parece tão animada Rumrum!

Você- Desculpe... Na verdade ainda estou tentando lidar com isso.

T- Que tal jantarmos à sós hoje?

Você- Mesmo? <indiferente>

T- Não quer?

Você- ... Por mim tudo bem! <suspirou e sorriu>

T- Eu preciso voltar ao trabalho! 

[Ele ficou na sua frente interrompendo os passos, beijou sua bochecha e sorriu tímido.]

Você- <boquiaberta, tocou na bochecha que ele beijo e ficou piscando> Taetae!

T- Que reação foi essa? Isso é normal entre nós dois! 

Você- É que agora nossa relação é diferente... 

T- Estas finalmente vendo desta forma? <pareceu se animar>

Você- Acho que estou! <disse corada>

T- Mas você devia reagir mais à outras ações minhas.

Você- Como por exemplo?

T- Essa! <te rouba um selinho>

Você- Tae! <exclamou vermelha>

T- Viu? <disse se retirando feliz da vida>

Você- Bom trabalho!

T- Com certeza terei!

[O dia pareceu bem rápido depois que você se ocupou ajudando sua mãe com a organização dos livros na biblioteca do palácio. Quando o relógio marcou 20hrs...]

Você- Mama preciso ir agora!

Jina- A pressa por quê?

Você- Tae me convidou para um jantar!

Jina- Um jantar romântico? <empolgada>

Você- Romântico? <corou>

Jina- Vem, vou lhe ajudar à escolher o vestido!

<puxou um de seus braços>

Você- De repente a pressa!?

Jina- Hoje é uma noite especial! <sorrindo>

[Ela te levou para seu quarto e abriu o guarda-roupas.]

Jina- Certamente você não usou metade dos vestidos que estão aqui...

Você- Muitos eu nunca havia visto...

Jina- Sempre que algo me lembrava você eu comprava... Minhas esperanças de tê-la de volta nunca diminuíram.

Você- O meu eu da terra nunca se quer pensou em usar um desses! <disse tocando no tecido de um>

Jina- Mas o seu Eu de agora é quem realmente você é. A princesa de Õkoku no Seikatsu! Deves usar os mais belos vestidos.

Você- Não me exaltem como se eu fosse digna de adoração!

Jina- Você é uma kami e kamis são adorados! <tirou um vestido dourado do cabide>

Você- Este? <chocada>

Jina- É ideal para a noite!

Você- Eu não estou indo casar eu estou apenas indo comer algo sozinha com Taehyung.

Jina- Não faça de pouco algo tão importante filha. Sei que não estas animada com tudo isso... Mas faça um esforço. O kami que você ama agora é um homem. Delimite distância entre vocês dois!

Você- <parecia que seu coração estava sendo esmagado> Pois bem mama. Farei como mandas!

[Você por um momento lembrou que seus atos insensatos só levaram problemas para Yoongi e seus amigos, então desta vez você queria agir pela razão e não pelos impulsos.

Você se banhou, sua mãe lhe ajudou a vestir-se e logo estavas ali, de frente para Taehyung que parecia não estar acostumado com a sua formosura.]

T- Não importa como eu te vejo, a cada hora que passa você está mais bela! <disse admirando>

Você- E você continua um galenteador... Não cortesiou muitas kamis por ai? <disse sorrindo>

T- Não... Eu dediquei meu tempo a você e a família. <puxou a cadeira pa jira você sentar.>

Você- Cavalheiro... És um kami de estundiante beleza!

T- Agradecido por receber um elogio como esse! <sorriu>

[Ele fez um gesto e os lírios que decoravam o local começaram a emitir som... Uma música lenta que causava um clima romântico.]

Você- Espíritos celestes?

T- Isso! Eles são como uma orquestra! <parecia apreciar o som>

[O jantar foi servido. Vocês comeram tranquilamente enquanto trocavam olhares. Quando terminou o lhes restou fazer foi conversar.]

Você- Eu nunca imaginei um cena como essa entre nós dois... Tipo... Uma.cena romântica!

T- Você tem uma imagem fixa prevalente, de que irmãos não casam... Não te culpo por isso. A final suas lembranças da vida na terra estão ai na sua cabecinha.

Você- Não é provocado, penso naturalmente... Talvez de fato minha vivência lá me afetou como kami. Eu me deparou pensando e agindo como uma humana as vezes... <sorriu sem jeito>

T- Você sente falta da vida que levava na terra?

Voce- Não sei... É tudo muito confuso pra mim.

T- E se fosse o Min Yoongi que estivesse aqui?

Você- Por quê falar dele assim de repente?

T- Por que você não me parece tão satisfeita com a noite.

Você- Eu estou me esforçando o máximo que posso Tae!

T- <ele pegou em uma de suas mãos> Desculpa... Eu sei!

Você- Eu não posso te comparar com ele, e você também não deve ficar se comparando. O que eu vivi com ele e o que vivo com você são coisas completamente diferentes!

T- É como se você estivesse jogando na minha cara que você me vê apenas como irmão enquanto ele te proporcionou coisas como homem!

Você- Quer queira, quer não foi isso mesmo... Não é por mal Taehyung, eu de fato estou tentando esquecer.

T- Acho que você não deveria fazer isso sozinha!

Você- Como assim?

T- Deixe-me te ajudar... E fazer você me vê como homem.

Você- Eu deveria dizer um sim?

T- Deveria...

Você- Se casarei com você é natural que eu que te tenha como marido então pra isso eu preciso te amar como homem. É preciso tentarmos!

[Tais palavras aqueceram o coração de Taehyung.]

T- Um brinde à nós dois! < estendeu a taça>

Você- Tim-Tim? <sorriu>

T- <gargalhou> Tim-Tim!



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...