História Five Nights at Zueira - Capítulo 44


Postado
Categorias Chaves, Felipe Z. "Felps", Five Nights at Freddy's, Naruto, Undertale
Personagens Alphys, Asgore Dreemurr, Asriel Dreemurr, Balloon Boy, Chara, Chaves, Chica the Chicken, Endoskeleton, Felps, Foxy the Pirate, Freddy Fazbear, Frisk, Fritz Smith, Golden Freddy, Jeremy Fitzgerald, Madara Uchiha, Mangle, Marionette, Mike Schmidt, Nightmare Bonnie, Nightmare Foxy, Nightmare Freddy, Obito Uchiha (Tobi), Personagens Originais, Phone Guy, Plushtrap, Purple Guy, Sans, Shadow Bonnie, Shadow Freddy, Springtrap, Toriel, Toy Bonnie, Toy Chica, Toy Freddy, Undyne, W. D. Gaster
Tags A Zueira Nunca Acaba, Animatronicos, Asgore, Asriel, Azeitonas, Chaves, Chavo Delocho, Coelhos, Comedia, Crossover, Engraçado, Fellupfox, Felps, Five Nights At Freddy's, Fnaf, Fnaz, Humor, Humorístico, Interativa, Kuramaautor, Lemon, Luta, Madara, Morte, Naruto, Obito, Orange, Original, Paralelo, Retorno, Romance, Ronald, Sans, Self-inserction, Sexo, Suspense, Titio_wolfe, Undertale, Universo Alternativo, Vineo, Voltou, War, Yaoi, Yuri, Zueira
Exibições 29
Palavras 2.577
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Fantasia, Festa, Ficção, Harem, Hentai, Lemon, Lírica, Luta, Magia, Mistério, Musical (Songfic), Orange, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Sobrenatural, Super Power, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Self Inserction, Sexo, Spoilers, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 44 - The hope



A juiza vinha rapidamente depois de Onioto gritar diversas vezes para ela, que estava distraída conversando com um expectante, que estava a perguntar coisas sem nenhum nexo sobre a competição, coisas essas que ela sabe e não sabe. Mal ela sabia que era um participante um tanto que especial quanto aquelas perguntas.



Apresentadora- 1....- Faz o sinal dô numeral com a mão direita para o público a sua volta.

Onioto- Agora que meu time terá orgulo desta minha façanha épica em todos esses anos de participação.- Ele se ajoelha ao lado do corpo desmaiado de Balloon Boy e torna a rir de uma forma descontroladamente doentia, parecendo estar a querer realizar mais coisas contra ele.

Apresentadora- 2.....- Novamente executa a contagem, com outro número de dedos expostos ao público nervoso com o término da contagem.


Após esse numeral, Onioto agarra o braço de Balloon Man e levanta seu corpo na altura do seu e, com o outro braço desocupado, torna a esmurra-lo mais, obrigando a juíza parar a contagem imediatamente e ir tirar satisfações com ele. Antes mesmo de ela conseguir se aproximar do participante, ela leva um empurrão e cai sentada com seu microfone ainda perdido no ar. Para não causar confusão com ele, ela logo se cala e apenas observa sem ternura em seus olhos aquela cena hedionda e brutal.
Quando tudo parecia estar perdido para a equipe Fazbear, Drake, um dos participantes desta que logo lutaria, torna a contorcer-se de rancor, mas não poderia ir lá e ajudar, então seriam desclassificados instantaneamente. Pensou, pensou e pensou, mas a única solução na qual não fosse ir para lá e meter a pexera no maluco, era incentivar ele, para que, pelo menos, ele consiga arranjar um pouco de forças para voltar a lutar.


Drake- Cara, Balloon Macho, tú não pode perder assim!- Grita para seu amigo com bastante agonia.- Tú é monstrão cara, derruba todas essas árvore do parque Ibirapuera com toda a honra. Tú não sai de casa e comeu pra caralho?

B.M- ..Rgh...- Após ser massacrado pelo ogro, tenta se levantar, ainda sem a contagem da juíza.- ...A-As árvore do Ibira....- Prega suas duas mãos no chão, prestes a levantar.

Drake- Mostra pra esse otário o que você tem aí pra dar pra ele! Mostra o combo 13, porra!- Crava sua espada no chão, ainda incentivando o monstro a lutar.

B.M- É-É TREZE PORRA!!!- Se levanta com dificuldade e retira um pó azulado de seu bolso. Ingere-o é depois de alguma tempo sem nenhuma reação de Onioto, uma aura começa a exalar freneticamente do corpo de Baloon Man.- RRRRIAAARRGH.... AQUI É BODYBUILDER!!!


Balloon Boy faz uma carga de ataque enquanto o ogro ainda percebia a sua revigoração inesperada e aproximação veloz. Quando ele finalmente chega a virar de costas para ver seu adversário, é ligeiramente recebido com um murro em seu estômago, que o faz ter um vômito rápido. Logo Balloon Man o cede uma cotovelada no queixo, segundo golpe do Combo Treze. Onioto ainda estava sem reação e desacordado por conta da pancada em seu queixo, caído no chão, Balloon Man não perdeu a oportunidade é tornou a carregar um golpe especial, esse que o estádio inteiro seria tomado por ele de uma vez só.


B.M- Aqui nóis constrói fibra, rapaz, não é água com músculo não!- Mostra seu músculo mega desenvolvido depois de tomar aquele super suplemento azul.- Tá mais do que na hora de pôr um fim em você!- Coloca as duas mãos no chão, logo uma poeira brilhante, da mesma usada para fazer a espada, começa a surgir do chão, sendo controlada por ele.- Os ogro tão mão academia, rapá.- Começa a voar em uma nuvem da mesma partícula.- Mas eles tão sem Whey!


Então, com uma de suas mãos, ele lança uma rajada daquela poeira no ogro, enterrando-o e obrigando todos a saírem imediatamente do local da luta, pois aquele ataque devastaram apenas os que estavam embaixo e sujeitos a serem cobertos e mortos por aquele resíduo. 
Balloon Man ainda não havia desistido de enterra-lo. Este lançou um ataque mais forte, talvez um que até mataria o que já havia até perdido a luta. Em questão de segundos, B.M, sem mais hesitar em misericórdia, lançou um de seus ataques mais avassaladores: O Tsunami de Yhew(Sim, é Whey ao contrário! Sem criatividade para criar nomes no momento!), aquele material no qual ele ingeriu, só que de uma forma mais mortal, movediça e vermelho rubro.

Após aterra-lo completamente, ele percebe o tamanho do caos que causou, mas não se preocupa e tira tora aquela areia do ringue e cai levemente no chão sem mais andar em sua nuvem de suplemento.
Onioto não se movia mais, mas permanecia a respirar normalmente, apenas em estado de coma.
Logo a juíza conta os três números da vitória e, obviamente, essa dádiva vai para Balloon Boy.


B.M- VEM COM O MONSTRO!!!- Grita em tom ensurdecedor, retirando o suplemento do lugar com seu próprio controle.

Apresentadora- Bem, a vitória é sua, senhor- Vai ao seu lado e levanta seu braço pela vitória.- Agora, pode se juntar com seu grupo para a recuperação!- Larga do braço de Balloon Man e aponta gentil e ligeiramente para o seu time- Até a próxima e que entrem os próximos participantes que iram lutar....


Enquanto isso, na casa do Mike Schmidt, que inha dado a meia volta depois de terem chegado no Sister Location e nem estava preocupado com o destino da Terra.....


Mike- Ah...- Se joga no sofá com um saco enorme de pipoca em suas mãos.  Caem algumas e ele tampouco se preocupa em pegar ou limpar.- Finalmente umas férias daquele hospício que ficou duas vezes pior porque entrou um universo muito nada a ver ali... Undertale, se eu não me engano!- Pega um punhado do alimento em suas mãos e enfia na sua boca.- *Nhom*.... Um bom programa de televisão, sem mulheres, infelizmente, não preciso levantar um dedo e nem enfrentar o Prassódia.... Bem, tudo o que eu queria era um pouco de férias daquela gravação ridícula que tão fazendo em um lugarzinho falando que é um....- Percebe uma aproximação suave e também toma um tapa de realidade por pensar que tem alguém da produção o seguindo.


Apenas os ruídos da Televisão podiam ser ouvidos naquele momento, como se a movimentação tivesse parado e disfarçado para não causar mais nenhum alvoroço.
Estava a passar o Domingão do Faustão em um fucking sábado, em uma gravação antiga, mais ou menos no ano de 94, na qual Mettaton já havia feito referência em um de seus programas de auditório, esse que passava na mesma emissora: A Rede Globo.


Faustão- Agora, vamos mostrar pra vocês a invenção de Marculino Pereira. Grande filósofo da....- Faz uma pausa de erro.- Dos Cascais.- Risadas podem ser ouvidas pelo fundo- Veio diretamente para o nosso Domingão para mostrar a XURRASKEIRA controle remoto!

Marculino- Aperta o número "1", liga- Aperta o botão de um controle em suas mãos.

Faustão- Ligô!

Marculino- E aperta o...- Do nada a churrasqueira estoura, impedindo-o de falar o botão que haveria de apertar, e um fogo alto se alastra no equipamento.

Faustão- PUTA VIDA!- Dá um pulo para trás, quase se juntando à plateia por conta da explosão.- E-E agora pra desligar essa merda aí, meu?- Começa a tremer de desespero e aproxima seu microfone de sua boca.- Pô, ela ligo! Agora não desliga?! TÁ PEGANDO FOGO BIXO....

Mike- ...Pfft...- Começa a gargalhar descontroladamente da situação de Fausto Silva, desesperado com seu estúdio.- M-Mano, isso que é programa de verdade! Não se vê mais uma dessas hoje em dia.- Limpa a lágrima de seu olho e volta a comer vorazmente sua pipoca de microondas(ATENÇÃOcrianças, pipocas como essa que Mike está comendo causam câncer, como também o sorvete. Você deve estar se perguntando: Nossa, Caio, se sorvete dá mesmo câncer, por que a Baby não pegou? E eu te responderei caso esteja a pensar nisso: Vou precisar mesmo responder? Fala pro doutor que passiu lá no "Hora veja, "Hoje em dia", eu sei lá, fala com ele!).

??????- Mike!- Uma voz do meio da escuridão da sala ao lado lhe chama com um tom amedrontador.- Você e esqueceu de ir trampar hoje e também suas manteigas(Também dá câncer, não me julguem!)exóticas!- Puxa a palavra final. Logo um braço robótico, mais parecido com o de um Endoeskeleton do Sister Location começa a balançar o balaio de manteigas.

Mike- ... o que você qué de mim, criatura? Eu não pedi manteiga, muito menos sua companhia!- Logo um óculos de Deal With It brota no rosto dele.

??????- Mas vai ouvir mesmo assim, não tô nem me lixando pra o que você quer de mim ou não quer!- Logo o acessório quer estava na cara de Mike aparece no rosto do ser desconhecido.- Acho que eu vou ser obrigado a usar a ignorância contra você!- Coloca a bacia dos derivados em cima da televisão, que estava em cima do criado-mudo. Então ele começa a se arrastar para frente da televisão.

Mike- A-Ah... E-E-Ennard?! O que... porque você me seguiu até em casa? O torneio deve tá comendo quente agora!- Para não desperdiçar alimento, volta a comer sua pipoca, voltando ao Ultimate Modo Mega Foda-se, como estava antes da aparição de Ennard.

Ennard- Para a sua enorme tristeza, Baby(Mesmo que na história original do jogo os dois sejam a mesma coisa....) me mandou aqui só pra te pegar mesmo e fazer... digo, obrigar você a ir lutar junto do pessoal, senão, se eles ainda viverem, ela vai te meter o couro e te virar do aviso, mesmo que isso custe um guarda noturno.- Para em frente ao televisor de 63 Polegadas, mesmo que seja cientificamente impossível ele ter colocado o pote de manteigas ali.

Mike- Não vou falar nada, só observar o que mais aquela pé no saco quer de mim!- Revira os olhos e taca mais um punhado em sua boca.- Antes que fale mais alguma coisa, eu preferia um panque no meio da minha cara do que meia hora de sermão, ouvindo a mesma desgraça.

Ennard- Para, mano, se é mó viadão!- Estranha o que ele pede ao invés de sua fala quase permanente.- Mesmo que você ser atingido por uma bofetada no meio da cara, ela falo pra eu te levar com vida e revigorado até aquele torneio. E você e ainda tá me devendo um pedido maroto de desculpas.

Mike-Você tá me tirando, ô pede pica do inferno. Vai se prostituir por X-Burgue. Eu Tô te devendo o que?- Levanta de seu estofado e joga o pacote vazio para fora da janela.- Uma surra de piroca com maionese?!

Ennard- Como é que é, malakoi?- Brota uma serra elétrica em suas mãos, ele a ativa e aponta para Mike como forma de ameaça-lo.

Mike- Era brinks ... era brinks! Tá que lhe pariu...!- Pula e ultrapassa a persiana com a cabeça, correndo mais que o Diego Maratona na São Silvestre(*Sans vai se lembrar disso*).


Lá no torneio, já com os próximos lutadores se combatendo....


Bryan- Ué! Cadê minha motosserra?- Fala baixinho, querendo que ninguém escute sobre sua arma secreta.- Onde que ela foi parar, meu santo baralhinhos(Com certeza você, criador desse persinagem, deve ter entendido muito bem de eu ter colocado essa frase.).

Namae- Num sei!- Fala atrás de uma cela para um microfone em sua frente com uma cara bugada.


Enquanto Bryan procurava por sua arma, Drake estava no campo de batalha, lutando friamente contra um outro adversário do time oposto, esse chamado Jerett(Por favor, não perguntem sobre quem é esse maluco. Ele é mais um personagem avulso para ser mais avoado que eu na vida!), um jovem, pantera, que decidiu ceder-se para lutar contra ele.
E a luta estava bastante frenética e corrida. Drake estava tentando se sobressair, mas estava a nível de seu adversário. Como se os dois estivessem a ler cada um o movimento do outro e visse-versa.
Jerett, injuriado e cansado de ser driblado pelo jovem dragão, decide aumentar seu Status de velocidade, assim parando de atacar por um instante.


Drake- Oras?- Percebe a repentina parada de seu adversário.- Não vai atacar?

Jerett- Claro que vou!- Lhe dá um sorriso impertinente e sarcástico.- Se você tiver um pouco de paciência você poderá apanhar um pouquinho mais!- Ergue sua mão esquerda para cima, já que sua outra estava ocupada a segurar sua lâmina.

Drake- Maldito!- Olha para cima, bem para onde ele estava a posicionar o braço, então percebe que ele estava a sugar um pouco do azul do céu da terra {Pensa: Droga! Eu não posso usar o unny Day, porque, com toda a certeza, seria uma deixa maldita pra eu queimar a Terra. E também está de noite por lá, eles iriam achar um tanto que medonho o Sol nascer do nada por lá! Hm.... pensa, Drake,como você pode.... ah não, esquece!}. Logo uma aura de chamas envolve o garoto, fazendo-o flutuar um pouco, este volta ao chão e retorna ao ataque contra Jerett Natas.


Drake rapidamente executa um corte extremamente rápido com sua espada, mas não surtiu efeito, pois este foi esquivados pela pantera, zangada pelo traiçoeiro dragão. Jerett, então, decide atacar e parar com as esquivas. Ele dá um rodopio, que acaba formando uma barreira de energia, na qual nada parecia passar por ela. Drake, confuso com tal ato,torna a tentar fincar sua espada Hellstorm no tal campo de força. Não tendo êxito, ele torna a observar o que lhe preparava lá dentro, ou qual ataque ele iria utilizar em próxima circunstância, mas permaneceu em guarda caso ele decida passar por baixo da terra para o atacar de surpresa.

O jovem dragão, depois de ter esperado uns cinco minutos em frente aquela proteção de energia, decide teleportar-se lá para dentro, para saber o que ele estava a planejar e, enfim, por um final no golpe ou coisa que ele estava a fazer ali dentro. Conseguindo se infiltrar dentro da proteção avermelhada, percebeu que ele estava a carregar um poder derivado de diversas mini esferas nas pontas de seus dedos. Drake então, sem levantar suspeitas de que esteve ao mesmo espaço que a pantera, volta para fora do círculo e retorna a atacar a barreira com seu poder Dragon Claw e ao mesmo tempo que atacava ganhava mais poder, tornando o ataque mais efetivo a cada arranhão que desferia no círculo de poder.
Jerett, vendo que sua barreira não ia durar mais tempo e que já havia terminado de preparar seu ataque, deixa um Fake Make, um clone que continuava a executar o que ele estava a fazer antes da reposição.

Drake não percebe a substituição, nem se dá o trabalho de olhar ao seu redor, pois estava convicto de que ele, Jerett Natas, estava por dentro da Proteção.
Após conseguir posicionar-se corretamente atrás do garoto, a pantera o dá um prévio aviso de que estava em sua traseira, esperando para que não pudesse ser traíra.


Jerett- Surpresa!- Em uma ironia incalculável, faz Drake olhar para trás e, quando ele faz isso, aponta sua espada de prata para ele e o lança um raio extremamente destrutivo, junto também de seu clone, que lançara o mesmo raio rubro em direção a Drake, que teve uma reação inusitada. Essa na qual poderia gastar de seus poderes em um piscar de olhos. 


Então, ele agarra a Dark Nightmare de suas costas,  junto com a Hellstorm na outra mão e tenta aparar os dois ataques de uma vez só....



(Continua.....)



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...