História Fnaf - Os Hentais - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Five Nights at Freddy's
Personagens Ballora, Bonnie Hand Puppet (Bonbon), Bonnie the Bunny, Chica the Chicken, Circus Baby, Ennard, Foxy the Pirate, Freddy Fazbear, Funtime Foxy, Funtime Freddy, Golden Freddy, Mangle, Marionette, Nightmare, Nightmare Bonnie, Nightmare Chica, Nightmare Foxy, Nightmare Freddy, Shadow Bonnie, Shadow Freddy, Springtrap, Toy Bonnie, Toy Chica, Toy Freddy
Tags Hentai ships Aleatórios
Visualizações 32
Palavras 2.579
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Bishoujo, Colegial, Comédia, Ecchi, Famí­lia, Ficção, Hentai, Romance e Novela, Yaoi, Yuri
Avisos: Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Acho que eu estou voltando com mais calma que o esperado e tal mas estou voltando certo?
Bem... Eu não sei se vocês queriam yaoi, yuri ou hentai comum então eu fiz yaoi!
Sim eu sou fujoshi menino!
Não gay! Fujoshi!
Narração do Toy Bonnie.

Capítulo 4 - Despedida Bonnie x Toy Bonnie


Eu estava no meu quarto, pensando na minha vida quando caiu minha ficha de estávamos no ultimo semestre do internato. 

Pensei em fazer algum tipo de comemoração ou despedida com meus amigos. 

Bem na real mesmo eu queria era fazer uma despedida com meu namorado, o Bonnie.

Mas antes de arrumar estas despedidas, tenho que enfrentar o dia inteiro de aulas.

Me levanto da minha cama e começo a levantar meu colega de quarto Toy Freddy.

- anda preguiçoso - pedi calmamente puxando suas cobertas de levinho - já são 6:20.

- a primeira aula é só 7:10! Argumentou sem levantar seu rosto - dê ao menos "bom dia".

- desculpa - eu respondi tímido. Na maioria das vezes eu era muito tímido e meigo mas quando estávamos somente eu e meu namorado era eu que mandava. Não que eu não tenha a mesma coragem com as outras pessoas mas com ele era diferente, ele precisava de alguem como eu para dar juízo para ele - bom dia!

- você é um doce - afirmou finalmente saindo da cama e pondo a mão na minha cabeça bagunçando meu cabelo - Sabia?

- uhum... Mas agora é serio! Vá se arrumar porque hoje temos coisas a fazer!

- oque você quer fazer coelhinho? - perguntou soltando um sorriso de canto e indo ao banheiro.

- uma despedida! E você meu amigo, é a chave principal! - expliquei começando a me arrumar.

- por quê? - perguntou Saindo do banheiro - sabe onde esta a minha blusa marrom?

- é o seguinte: eu quero que você vá dormir no dormitório da sua namorada! - expliquei apontando para a blusa que ele procurava

- que namorada? - sorriu irônico pegando sua blusa.

- namorado? Que seja!

- tá tá mas por que você quer o quarto inteiro para você? - para virar cambalhotas a noite inteira! Oque mais? - ah! Você quer namorar!

- é mesmo? Lezado!

- ta bem... eu arranjo um lugar para dormir... - respondeu manhoso. Até parece que não tem meia duzia de desesperados querendo dormir juntinho com ele - mas antes de tudo... Temos que ir para as aulas.

- pode ficar tranquilo que a despedida não vai ser só dele - pisquei de canto - só tenho que achar o resto das pessoas.

- quem exatamente?

- nossos amigos! 

Terminei de arrumar meu casaco e minha camisa então saí do quarto e fui até o meu armário pegar meus matérias da primeira aula.

E assim comecava meu inferno diário. Eram seis aulas chatas das 7:10 aos 12:15. Depois tínhamos um intervalo do 12:15 até as 14:10 que era o tempo que eu tinha para resolver meus problemas - acredito ser tempo o suficiente - depois do intervalo era aula das 14:10 até as 17:30.

Minhas aulas do primeiro turno do dia eram todas revisões então eu nem dei muita bola. No final delas eu subi para o intervalo procurando as pessoas. 

Primeiro chamei o casal dos Shadow para ir, depois chamei os Funtimes e por ultimo fui chamar a Toy Chica.

- desculpa Bonnie mas eu vou estar ocupada no final do dia - oque ela teria para fazer mais tarde? - o Toy Freddy vai dormir aqui - falou corada e eu pareci surpreso. Então ele ia dormir aqui? - desculpa! Ele não te contou?

- ah... Na realidade eu pedi para ele dormir fora então... - disse corado - só não sabia para onde ele iria.

- oh! - ela pareceu surpresa - mas... Tem algum problema? - como teria problema se eu pedi para ele dormir fora? - tipo ele dormir aqui?

- não! não! Imagina! - respondi com medo dela desistir da ideia - só... Não façam besteiras - respondi sorrindo de canto.

- besta - brincou rindo - mas é sério, desculpa mesmo!

- esquenta não loirinha! - pisquei de canto - vai namorar! - sai do quarto brincando ela não pareceu ficar brava.

Agora tem a última e mais importante pessoa a ser chamada o  Bonnie.

Procurei ele na biblioteca, na quadra, pátio, refeitório e por último e mais óbvio no seu quarto.

Ao chegar, bati na porta e esperei ele vir me atender. A porta se abre e ele aparece falando:

- ooi? Ah é você! - comprimentou terminando de abrir a porta - entra.

- oi - cumprimentei entrando no quarto - esta ocupado?

- imagina! - debochou - não para você - continuou se jogando na cama. São esses momentos que ele precisa de alguem como eu para dar juízo nele.

- estamos em horário comercial - declarei fechando a porta e me sentando do seu lado.

- ah - bufou emburrado - chato!

- então... Você reparou que estamos no último semestre do ano certo?

- uhum - gemeu concordado e se sentando do meu lado.

- então... - coloquei minha cabeça no seu colo - queria fazer um tipo de despedida...

- como?

- eu vou tirar o segundo período de aulas para arrumar as coisas no meu dormitório. Depois era esperar a galera chegar.

- que galera?

- nossos amigos! Mas pode ficar calminho porque eu convencei o Toy Freddy a dormir fora... Então oque me diz?

- o que?

- dorme no meu quarto?

- tá bem, tá bem - concordou sem pensar duas vezes começando a fazer um cafuné na minha cabeça. Eu comecei a cair nas carícias dele e acabei por cair no sono.

Era o descanso que eu precisava, porque eu acho que mais tarde eu não vá dormir tão cedo assim.

Um pouco mais tarde Bonnie me acorda com calma e eu pergunto:

- que horas são? - ainda sonolento e de olhos fechados.

- são 17:18.

- sério! - gritei desesperado me levantando do seu colo.

- não! - ele riu da minha expressão de desespero. Vai ter volta! - ainda são 13:50 tentei me levantar sem te acordar mas não consegui.

- por quê não me acordaria?

- você estava parecendo um anjinho dormindo e eu tinha que ir para aula! Não queria te acordar! - respondeu manhoso.

- que isso... Você pode me acordar sim.

- mas você estava muito fofinho! Não queria te acordar!

- mais tarde você não me acorda, beleza? - perguntei me sentando no seu colo.

- tá - sussurrou perto do meu rosto logo imendando num beijo bem calmo.

- tá muito bom mas eu tenho que ir arrumar as coisas e você para aula... certo?

- uhum... - Gemeu concordando.

Dei um ultimo beijo no seu rosto e me levantei, depois saí para o meu quarto.

O sinal estava perto de bater então eu tinha que ser rápido. Fui na cantina e peguei uma porção de salgados e um refrigerante. 

Coloquei as coisas no meu quarto e quando saí fui barrado por um professor que me perguntou:

- sr. Toy Bonnie.

- olá professor! Precisa de algo?

- sim, uma resposta.

- pois não? - comecei a me sentir um pouco ameaçado.

- para quê as bebidas?

- uma reunião com alguns amigos no final do dia! Nada de mais! - respondi forçando uma risada.

- sinto muito em ter que perguntar mas... Não tem nada alcoólico certo?

- não senhor! 

- de acordo com o regulamento eu teria que verificar... Mas eu confio em você sr. Toy Bonnie.

- obrigado senhor!

- você parecia estar ocupado ou com pressa, pode ir agora! Desculpe qualquer inconveniente!

- imagina! - respondi e saí andando.

Eu realmente não tinha nada alcoólico mas por um momento tive medo do professor confiscar as coisas.

Sai andando até o quarto do Bonnie para pegar uma coisa.

Bati na porta e ninguém abriu.

- acho que ele já foi para aula - pensei.

Peguei uma chave extra que ele tinha me dado - com a aprovação do colega de quarto dele - para caso alguma coisa assim acontecesse e abri a porta.

Na realidade não era algo tão importante. Eu queria pegar uma blusa dele emprestada e pelo fato do sinal já ter batido. Ou Eu matava aula ou chegava atrasado na aula.

Decidi por matar aula no quarto dele. Me joguei na cama dele que já estava bagunçada e comecei a mexer no celular.

Como não tinha nada de interessante no celular decidi por, colocar um despertador para as 17:25 e me deitei nas cobertas para dormir um pouco.

A cama dele era relativamente maior que a minha... Não sei o por quê! Será que os alunos mais velhos ficam com os dormitórios com camas maiores? Nunca tinha parado para pensar nisso.

Pensando em coisas assim eu acabei caindo no sono.

Acordei como planejado as 17:25 graças ao despertador. Me levantei, arrumei a cama dele e depois saí deixando tudo em ordem e trancado.

Já tinham alguns alunos no corredor então eu fui para o pátio - mais exatamente perto da entrada da quadra - para esperar a galera descer das aulas.

Acho que não combinei com o Bonnie de me encontrar aqui... Perfeito!

Fui correndo até a sala dele para esperar ele sair.

Quando ele saiu me olhou curioso e perguntou:

- tá fazendo o que aqui? E como pegou essa blusa? - perguntou indo ate o armário dele.

- eu estou aqui para te levar e essa blusa eu peguei no seu quarto!

- você matou aula?

- fala mais alto! Ninguém ouviu!

- matou? - perguntou terminado de guardar seu material e me encarando sério com um sorriso no canto do rosto.

- sim - admiti meio envergonhado - ...no seu quarto.

- só você mesmo! - riu me abraçando e depois dando um beijo na minha cabeça - uma pergunta... Só por teimosia mesmo... Você arrumou meu quarto? - perguntou me soltando e me olhando nos olhos.

- claro! Aquela bagunça!

- chato! - não era bagunça, é que o jeito dele de arrumar é meio bagunçado mesmo... Mas ainda assim é o jeitinho que ele se acha.

- vem que nós temos que encontrar com os outros! - disse puxando a mão dele. 

Descemos até o ponto de encontro e vimos todos conversado. 

Ainda bem que todos já se conheciam. Não ia ser uma noite de casais, seria uma de amigos.

Contando piadas, ouvindo música boa, compartilhando coisas boas. Já que estamos todos vivendo juntos! Porquê não socializar?

- eae? Vamos? - chamei.

- vão indo que nós vamos pegar mais um refrigerante - respondeu Funtime Foxy pegando na mão do seu par - número 22 da quadra 3 né?

- exatamente! Não se atrasem!

- já já a gente tá lá.

O resto veio comigo e com o Bonnie para o meu dormitório.

Chegamos lá e antes de entrar eu disse: 

- só não reclamem da bagunça! - abri as portas e adentrei no meu dormitório - tem jogos ali e bebidas ali - apontei para os seguintes lugares e fui para o meu rádio por uma música - Guns, Iron, Red Hot, System ou Ranones? - sugeri as opções.

- Guns! - optou Bonnie.

- Guns 'n Roses - optaram os dois Shadows.

- não tem AC/DC ou Nirvana não? - perguntou Funtime Freddy entrando no quarto. A quanto tempo eles estão ouvindo?

- não... - respondi desapontado - oque é isso Freddy?

- água de pássaro...

- tá brincando!

- não é nada muito forte não

- eu tenho Nirvana no meu quarto! - intrometeu Bonnie pegando um controle do vídeo game e o ligando.

- eu pego - ofereci indo até a porta.

- eu vou junto - falou Bonnie se levantando e deixando o controle no chão.

Saímos do quarto e fomos até o dele de mãos dadas no caminho eu perguntei:

- você gosta de Nirvana?

- você gosta - respondeu olhando para mim com um sorriso no rosto - você que usa o radio no meu quarto!

- o video game que esta no meu só você e o Toy Freddy que usam - expliquei olhando para frente de novo.

Chegamos no quarto dele, entramos então eu perguntei:

- onde esta?

- ali no canto - respondeu apontando para uma estante e indo até o seu armário.

Eu peguei o disco e ele pegou uma blusa preta de bolso canguru. Trancamos a porta e voltamos ao meu quarto. Quando chegamos todos já estavam se servindo e rindo até que eu perguntei:

- Nirvana ou Guns?

A maioria optou por Guns então era isso que ia ser tocado. Eu me senti um pouco estupido por ter ido até o quarto do Bonnie para ouvir oque já tínhamos aqui.

Começamos a comer, beber, ouvir músicas e jogar.

Foi um belo jeito de dizer um tchau... Na realidade eu e os outros ainda tínhamos um ano letivo inteiro aqui. Quem ia embora no próximo ano na verdade eram apenas o Bonnie e o Funtime Freddy.

Tomara que eu não perca conexão com eles.

No final da noite todos tinham ido aos seus dormitórios já que o toque de recolher era as 22:30 eles infelizmente tiveram que ir.

Desligamos os aparelhos e começamos a conversar:

- ta cansado grandão? - perguntei me jogando na cama.

- não muito - respondeu se deitando por cima de mim com calma.

- você não se cansa não? - perguntei começando a mexer no cabelo dele.

- não... Dá trabalho me cansar.

- é mesmo? - sorri maliciosamente - posso tentar?

- sinta-se... - parou para me por para cima de sí - ...avontade

comecei com um beijo bem calmo e molhado nele enquanto passava minhas mãos na sua nuca, ele pôs suas mãos na minha cintura fazendo eu me acomodar no seu colo.

- calma ae... - sussurrei no seu ouvido.

- não! - respondeu em uma intensidade baixa para mim me colocando por baixo novamente e atacando meu pescoço.

Ele mordia, chupava e lambia todo meu pescoço me arrepiando todo. Ele começou a passar a mão em minhas costas - mais exatamente na minha cintura - e ficava me apertando.

Eu olhei em seus olhos, ele me encarou de volta colocando sua mão por dentro da minha calça começando a massagear meu membro.

- ahn... - gemi baixinho fechando os olhos e corando sentindo meu rosto queimar.

Ele abaixou minhas calças e começou a lamber meu membro por cima da calça me levando ao delírio - aquilo era muito bom.

Quando ele tirou meu membro para fora e começou a chupar ele. Depois de um tempo comecei a me acostumar com os movimentos e comecei a forçar sua cabeça contra meu membro.

Antes que eu gozasse eu me levantei e fiquei por cima dele.

- hoje você é o passivo! - anunciei dando uma lambida no pescoço dele - entendeu mocinho?

- c-certo - gemeu baixinho para mim.

Abaixei as calças dele e comecei apertar suas nádegas. Ele gemia meu nome para mim. Eu cheguei perto da sua entrada e perguntei:

- pode? 

- uhum - gemeu concordando com um sorriso no rosto.

Eu entrei enquanto beijava ele com calma para tentar desviar a atenção dele da dor.

Um pouco de tempo depois comecei a me movimentar dentro dele muito devagar. Ele se virou para mim e me abraçou passando suas pernas por volta de mim e suas mãos no meu pescoço.

Ele gemia mais alto e eu começara a me mexer mais rápido. Depois de um tempo comecei a ficar um pouco cansado.

Estava chegando perto do meu ápice e ele parecia estar quase lá também.

Me olhou com um sorriso no rosto e disse:

- estou pronto!

- eu também - repondi corado.

Eu saí de dentro dele e coloquei meu membro junto com o dele, coloquei minha mão apertando eles começando a nos masturbar até que nós gozamos.

Eu era relativamente mais leve que ele então eu me soltei em cima do mesmo. Ele me abraçou e perguntou cansado:

- gostou?

- foi ótimo - respondi me abraçando nele e dando um selinho na sua testa - te amo... - suspirei cansado.

- também te amo - respondeu docemente com seu fôlego já recuperado.

Me levantei e fui no banheiro me limpar. Me arrumei no espelho, sai do banheiro e fui direto para cama.

Me abracei de conchinha nele dando um beijinho na sua nuca, colocando uma conberta sobre nós e dizendo:

- boa noite coelhão!

- boa noite coelhinho - respondeu manhoso.

Dormimos abraçados sentindo o cheirinho um do outro. 


Notas Finais


Não faço a mínima ideia se era isso que vocês queriam mas esta aí!
Mandem um ship com a Chica que não seja com ninguém que já foi!
Se você não sabe quem já foi, dá uma olhada nos outros capítulos!
Pode pedir ship repetido!
Aquela história das músicas foi por causa que eu estava ouvindo na hora e me deu vontade de fazer um tipo de piada!
Só isso mesmo!
BYE
BJS
Maurin_Mellow


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...