História Fnaf de MITW(Cellps, Jvtista, etc) - Capítulo 21


Escrita por: ~

Visualizações 349
Palavras 1.028
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Lemon, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shounen, Sobrenatural, Survival, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura ❤😘

Capítulo 21 - 2.8ºCap - Morte


Fanfic / Fanfiction Fnaf de MITW(Cellps, Jvtista, etc) - Capítulo 21 - 2.8ºCap - Morte

Pov.Mike 

Eu - tô com do do batista, coitado

Pac - será que ele tá melhor?

Eu - vamos lá ver - a gente foi indo até a sala onde todos estavam dormindo, abrimos a porta e vimos uma cena fofa, Jv dormindo abraçado com batista - vamos deixar eles dormirem - Pac concorda 

Pac - perai - olho pra ele

Eu - que foi?

Pac - cadê o Rezende? - olho a sala e vejo que Rezende não estava lá - quando é que ele saiu?

Eu - vamos perguntar pra Moonkase - saímos dali e fomos em direção a Moonkase - Moon aonde tá o Rezende?

Moonkase - ele disse que iria sair pra ir no banheiro, ele não voltou até agora - não que eu esteja preocupado nem nada mas...porque ele ia sair derrepente no meio da madrugada? - a gente vai depois quando amanhecer procurar ele, pode ser?

Eu - pode - a gente ficou conversando até que amanheceu, a gente foi procurar o Rezende no banheiro e ele não tava lá, fomos procurando em todos os lugares até entrarmos em uma sala do 2 andar 

Pac - AAAAA - ouso o grito do Pac, vou correndo até o local e me assusto no que vejo, Moonkase chega por trás e fica assustada, pac esconde sua cabeça em meu peito

Eu - q-quando isso... - era o Rezende caído no chão, sem a cabeça, meu Deus quando isso aconteceu?

Moonkase - a gente devia ter ido procurá-lo mais cedo - a gente voltou pra sala, Pac ainda estava em choque e pálido 

Jv - o que aconteceu?

Eu - a gente foi procurar o Rezende mas quando achamos ele, ele estava...

Moonkase - morto e sem a cabeça - todos da sala ficaram em choque, ficaram todos quietos - vamos fazer o seguinte, ninguém sai da sala de madrugada sem o seu grupo ou pelo menos que estejam em trio, não queremos que aconteça mais uma morte aqui 

Pac - Mike - ouço ele falar baixo

Eu - o que ?

Pac - eu tô com medo

Eu - calma, vem cá - a gente foi pra sala onde todos dormiam, deitei ele no colchão, e me deito ao seu lado - vamos dormir e relaxar, se acalme okay? - ele deita sua cabeça em meu peito e logo adormece, eu durmo junto. 

Acordo e vejo que Jv e batista estão conversando do nosso lado

Eu - que horas são?

Batista - são 8:00 horas da noite

Eu - nossa dormimos muito - me levanto sem acordar Pac, logo me sento - daqui a pouco vamos ter que ficar de guarda, e você batista, melhorou?

Batista - sim, não tô sentindo mais dor 

Jv - não tô muito afim de ficar mais top aqui não, pelo amor de Deus, quero ir em bora

Eu - você não é o único

Jv - então Mike...depois que sairmos daqui, você vai pedir o Pac em... - o Pac acorda e tapo a boca de Jv 

Pac - boa tarde gente - ele fala sonolento

Batista - boa noite Pac 

Pac - boa noite? Que horas são?

Batista - pra ser mais exato, 8:20 

Pac - O QUE, PORWUE NAO ME ACORDARAM?

Jv - porque você não pediu - começamos a rir

Pac - pelo amor de Deus viu, amo vocês - ele fala irônico 

Eu - cuidado com o que fala hein - olho pra ele malicioso

Jv - não comecem a se pegar na nossa frente por favor - rimos, ficamos conversando até dar 11:50 - vamos tocar a caixinha de música - concordamos, pegamos as armas e saímos da sala, fomos caminhando até o 4 andar, chegando lá fomos tocar a caixa de música, depois que terminamos de tocar, fomos voltando, até que Jv fala pra gente parar - vamos se esconder nessa sala, ele puxa todos nós, ficamos olhando pela janela da loja e a gente vê o homem roxo Passar e outros a inimatronics atrás dele, Pac olha com uma cara de surpreso o que eu não entendi, saímos dali e fomos correndo até a nossa sala logo entrando, a gente se sentou em uma cadeiras recuperando o ar

Eu - pac, por que você ficou com uma cara de surpreso quando viu o homem roxo?

Pac - gente, aquele homem roxo, é diferente do outro dia

Batista - como assim?

Pac - ele é mais alto

Jv - significa que...

Eu - que há dois homens roxos

Pac - exato 

Batista - mas quem pode ser esse segundo?

Eu - não sei - ficamos uns segundos em silêncio, até que vejo a Moonkase vir até nois 

Moonkase - gente, eu fui até a sala onde encontramos Rezende e quando cheguei lá, o corpo dele não estava mais lá 

Eu - como assim?

Moonkase - eu tinha encontrado uma carta roxa dizendo: " se deixasse ele aqui ia ficar uma carnissa, fiquem atentos, porque se bobiarem, um de vocês morrem" - Pac se encolheu em meu colo

Batista - posso falar com você Moon - ela diz que sim com a cabeça, eles vão para um canto e conversam, vejo o Jv olhar pra eles com uma cara de ciúmes

Eu - ciúmes?

Jv - magina - a gente começou a rir, vejo o batista vir até nós e se senta do lado do Jv - posso saber o que estavam conversando?

Batista - só coisas pra distrair - vejo o Jv olhar pra ele desconfiado - para com isso ciumento - ele se aproxima e beija o Jv - o que posso fazer pra você esquecer isso?

Jv - várias coisas, principalmente uma 

Batista - qual?

Jv - virar meu garoto masoquista de novo - vejo batista corar 

Eu - da um tempo pra ele, ele deve tá todo machucado ainda - batista cora ainda mais - olha - vou até o batista e tiro seu moletom e viro ele de costas pro Jv, as costas dele estavam horríveis, vejo Jv olhar preocupado pra ele

Jv - e-eu te machuquei muito no dia batista - ele vai até o batista e passa a mão nas costas dele o que fez ele gemer de dor - d-desculpa - ele tava chorando

Batista - calma, você não me machucou - ele se vira e abraça o Jv - relaxa amor - ficamos conversando até amanhecer






Continua....





Notas Finais


Espero que tenham gostado


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...