História Foi Na Brincadeira que tudo começou - Capítulo 45


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Originais, Romance
Exibições 101
Palavras 767
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Ecchi, Escolar, Famí­lia, Festa, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Olá Lunáticoooos <3
Tudo bem com vocês??(Parece entrada de youtuber kkkk)
Cheguei com um novo capítuloo!!
Ontem não postei,pois fui num rolê com meus amigos!Sorry <3
Maas,hoje teem!
Espero que gostem e...
Boa Leituraaa <3
~Tia Moon

Capítulo 45 - O Acontecimento Do Ônibus


Fanfic / Fanfiction Foi Na Brincadeira que tudo começou - Capítulo 45 - O Acontecimento Do Ônibus

-Então,você desistiu de tentar sair?-Me levantei da cadeira e me deparei com uma menina desconhecida.

Não estou entendendo nada!O que que essa menina desconhecida quer comigo?Será que é só uma brincadeira??

-S-sim.Eu vi que não estava adiantando...-Falei suando frio.

-Ai,ai...Acho que era melhor você continuar tentando.Mas,pena que o tempo acabou agora.-Como assimm???

-Oi Lunna...Acho que está na hora de continuarmos o assunto de ontem do banheiro.-Me virei e dei de cara com a Zoey.

Agora ela não escapa!Vou descontar todo o ódio que tive na minha vida toda na cara dela!

Sem eu ao menos esperar,a porta do ônibus abriu e muitas meninas começaram a entrar e a cada segundo o ônibus fica mais cheio.Pode ser que eu não lide com isso tudo,mas se eu conseguir só acertar a Zoey está ótimo!

-Você acha que tenho medo de você?-Falei me aproximando.Não sei o que deu em mim,mas eu sinto que meu sangue está fervendo.Não serei capaz de bater em todas,mas pelo menos uma parte sim.

-Você acha que tem chances contra mim?-Ela falou se aproximando.

É agora!O rosto dela está a um braço de distância...Peguei a cabeça dela com os dois braços,elevei meu joelho e puxei a cara dela em direção ao mesmo.O barulho do impacto foi grande e todas as meninas em volta estão me olhando.

-Aaaaiiii!Qual é o seu problema??MENINAS ATAQUEM!-Ela falou com a mão na testa.

-PRA MIM,BRIGA NÃO É PUXAR CABELO NÃO!-Falei alto.Estou perdendo a paciência.

Ela está com um enorme calombo se formando no rosto e está com a mão no mesmo.Agora,milhões de meninas estão vindo para cima,umas puxando meu cabelo,outras me chutando.Mal sabem que são fraquinhas e que no momento que eu me mover,já era!

Todas estão me deixando roxa já.Eu não queria machucar essas desconhecidas,mas...

Comecei a distribuir cotoveladas nas que estão em volta e elas começaram a gritar e reclamar.

-Só veem!!-Uma delas falou em meio a multidão e logo parou na minha frente.-Você acha mesmo que vai roubar o Gus da gente?-Ela disse metendo o dedo na minha cara.

-Ele é meu na-na-namora-rado!-Falei gaguejando e vermelha.Por que toda vez que as coisas envolvem ele eu me sinto assim?

-Não é nada!Não consegue nem falar isso sem gaguejar!-Ela disse me provocando.

-Talvez você tenha razão,mas ele me na-namora,não vocês!-Falei vermelha.

-ESCROTA!VOCÊ JÁ ESTÁ ROXA O BASTANTE POR HOJE,MAS A PARTIR DAQUI ATÉ O FINAL DA ESCOLA VOCÊ VAI SE FERRAR NA NOSSA MÃO!-Ela falou se virando.-VAMOS MENINAS!

Já estou sozinha no ônibus e me pergunto o que elas planejam...Mas,eu tenho uma amiga!Pelo menos isso!Agora que já estou mais calma estou sentindo todos as dores do mundo.Minhas pernas estão cheias de hematomas e meu coro cabeludo dói.Acho melhor eu ir comer na cabana mãe antes que a comida acabe...

Me levantei dolorida e fui até a cabana onde todas estavam em um canto cochichando e o Gus está vindo correndo em minha direção com os olhos arregalados.

-O Rafa me falou!Elas já começaram a fazer bullying com você?Amor,você está bem?O que que elas fizeram?

-Cal-calma...-Por que quando me aproximo dele é como se nada tivesse acontecido?É tão estranho gostar de alguém...-Elas tentaram me bater,mas eu dei uma joelhada na Zoey e cotovelada nas outras.

-Mas,pelo o que vejo aqui...Você levou uma surra.

-Porque eu deixei.Não queria machucar ninguém além da Zoey...-falei sem graça.

-Amor,vem cá...-Ele disse me abraçando.

Ele é tão fofo,cheiroso e protetor...

-Nunca mais deixa elas te baterem,me grita...Eu me preocupo muito com você...-Ele disse me apertando.

Ele é tão diferente dos outros...E esse jeito gentil e preocupado me deixa tão nervosa.QUE QUE ESTOU PENSANDO??NÃO POSSO DAR UMA BRECHA QUE A MINHA MENTE VIAJA!

-Ma-mas,eu es-estou bem.-Falei andando ao lado dele até a Bebeca e o Rafa.

-NÃO ACREDITO QUE AQUELAS VADIAS FIZERAM ISSO!!-A Bebeca disse se levantando e me abraçando.-Eu ia te contar isso hoje,mas você não tinha aparecido...Vou te contar tudo que vimos e ouvimos.

A Bebeca me contou sobre a foto,o que a Zoey falou e que todas estão revoltadas com isso e que querem impedir o namoro me atingindo.

-Nossa...-Falei chocada.

-Também estou horrorizada!MAAAS,ME DIZ!Como foi a noite de vocês????-Ela falou sorrindo e arqueando as sobrancelhas.

-Qu-que?-falei totalmente vermelha e com uma mão no rosto.

-Érr...-O Gus falou vermelho.-A-acho me-melhor guardarmos isso para nós mesmo,né?

-Uhum...-Falei olhando para baixo.

Passamos a maior parte do tempo ali conversando até a hora de ir para o ônibus onde eu e o Gus acabamos adormecendo.Chegando lá nós fomos juntos andando até em frente a minha casa.E a partir de amanhã nossa rotina voltará ao normal...Não quero nem me despedir dele por hoje,mas isso tem que ser feito...


Notas Finais


Goostaram?Espero que sim <3
Me digam nos comentáriooss <3
Uma joelhada beeem na testaaa <3 Kkkkk
Um beijaum Lunáticooos <3
~Tia Moon


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...