História For Here - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton
Tags Camren, Fifth Harmony, Larry, Norminah, Vercy
Exibições 218
Palavras 1.207
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Voltei pessoal!
Nem deu pra sentir saudades né ...
Gente vou fazer assim agora, o nome que tiver no título vai ser a personagem que vai narrar, neste caso a Lauren vai narrar o capítulo.

Capítulo 4 - Lauren


Hoje faz dois dias que descobrir que Camila havia voltado pra cidade e em apenas dois dias já estou cansada de ouvir " nossa que latina gostosa " " oh lá na minha cama " " essa vadia deve ser quente na cama " e outras coisas mais, meu pessoal é bem romântico eu acho que já deu pra perceber.

Mas eu não tirava a razão deles, afinal, Camila estava muito gostosa, dentro de uma calça jeans cintura alta e uma blusa branca de seda, com os cabelos ondulados e longos caindo pelos ombros e peitos, e sem falar naquela boca carnuda e seu rosto fino que era o contraste perfeito da perfeição, mais ao mesmo tempo que eu queria fode-la eu queria mata-la e não me julguem por isso.

Eu não sou de ferro mais esse dois dias estou me fazendo .

- Chefe o que fazemos com o carregamento?

Luis um dos meus homens de confiança perguntou olhando para seu celular.

- Mudem a rota e coloquem no galpão do norte lá estará seguro - disse acendendo um cigarro e olhando pelo vidro pra minha boate que hoje estava cheia.

Eu tinha varias boates espalhadas pela cidade e é claro que elas estavam em nomes de pessoas diferentes, além das boates eu tinha bares, restaurantes, e outros empreendimentos, porém eu continuavam morando naquele bairro, não sei porque mas eu nunca conseguir sair de lá, ali era meu refugio, meu lugar seguro, naquele bbairr foi onde vivi os melhores e piores momentos da minha vida e abandonar ele seria como abandonar minha história.

E o retorno de Camila só me fez perceber o quanto aquele local ainda me assombrava, eu odeio ainda mais Camila por aparecer, por ter a ousadia de aparecer depois de todos esses anos, mas ela vai me pagar e eu vou fazê-la implorar pra ir embora daqui o mais rápido possível, eu vou fazer ela desejar nunca ter aparecido aqui novamente.

Desci as escadas e fui até o escritório onde encontrei quem eu queria - Chega aí ManiBear - logo a negra enfiou mais ainda os dedos na vadia que ela estava fodendo em cima da mesa e virou furiosa pra mim.

- Que porra Lauren - ela disse fodendo mais forte a mulher em sua mesa - será - ela disse e estocou o dedo mais forte  - que você - mais uma estocada - não vê - mais uma estocada - que estou ocupada - a mulher gozou freneticamente em seus dedos e eu sorri com aquilo, aquela era a minha garota.

Ela tirou os dedos e colocou na boca da vadia que logo chupou um por um fazendo uma cara de safada, eu estava quase indo lá e fodendo aquela garota também mas eu não poderia perder o foco.

- Vem logo que não tenho a noite toda - disse e bati a porta, passei por algumas pessoas e fiquei esperando no carro vendo ela aparecer com uma cara de poucos amigos - espero que tenha lavado as mãos.

- Ela lavou com a boca, aquela puta é gostosa pra caralho - ela disse me fazendo sorri - pra onde estamos indo Laur?

- O que acha de ir visitar sua loira?! - arquei a sobrancelha vendo ela fechar a cara.

- Ah não isso não ...

- Calma ta, vamos na casa da Camila e a Dinah está por lá.

- E o que vamos fazer por lá? - ela perguntou ligando o som.

- Da a boas vindas pra nossa nova vizinha - disse com um sorriso sacana imaginando o que eu iria fazer com Camila.

- Lauren o que você vai fazer? Porque que eu saiba você odeia a Cabello.

- Já falei vou só da as boas vindas.

- Tá eu sei - ela sabia mesmo que não era só isso mais se contentou por pouco tempo - Eu não queria ver a DJ.

Seu semblante era triste e eu não a culpava por isso na verdade eu me culpava por isso pois afinal foi eu quem a arrastei para essa vida mesmo ela dizendo que não , eu e a Mani sempre fomos muito apegadas assim como a Dinah e a Camila, vivíamos juntas na escola e nas ruas, nos protegiamos acima de tudo e ate brigávamos com nossas ex pra nos proteger, só eu sei o quanto foi difícil e o quanto é difícil ela ver a Dinah todos os dias e não poder toca-la.

- Eu sei, desculpa por isso, se quiser pode descer eu vou sozinha.

- Nao,tá tudo bem eu vou - ela disse me impedindo de parar o carro.

- Tem certeza - eu não queria forçada a nada.

- Sim vamos logo - com isso acelerei o carro e logo chegamos na porta da casa velha que agora Camila estava residindo por um tempo, por pouco tempo.

O jardim recebeu uns cuidados esses dias dava pra ver que a cerca estava pintada recentemente e a grama aparada diferente das outras vezes que passei por aqui, porem a fachada ainda continuava com a tinta antiga, as luzes estavam apagadas menos a do quarto que era da Camila, claro que eu lembro, jamais esqueceria daquele maldito quarto.

Flash back. On

- Camz amor você esta melhor?

Era uma segunda feira e ela não estava se sentindo bem, seus país mandaram eu vim visita-la pois ela não saia do quarto e não comia, coisa estranha pois ela vivia comendo.

Seu quarto era rosa e nas paredes haviam posts de várias bandas mais o maior poster era o do Ed Sheeran seu cantor favorito, na parede da esquerda era seu quadro de fotos onde ela guardava recordações e na outra parede ela havia desenhado um unicórnio enorme, sem falar no seu pijama de banana que ia dos pés e cobria sua cabeça, aquela era a cena mais fofa do mundo.

- Tô bem Lo - sua voz era fraca e triste.

Eu sentei ao seu lado e comecei a lhe fazer cafune vendo seus olhos fecharem e uma lágrima cair.

- Camz o que houve? Me fala por favor .

Logo seus soluços apareceram e eu me preocupei mais ainda pois não era costume vê-la chorar se não fosse por filmes.

- Por que você tem que ser tão perfeita Lauren? - ela levantou de uma vez me assustando e quando eu fui tentar dizer que não que eu não era perfeita ela me impediu - Porque seus olhos tem que ser tão lindos, são como duas órbitas verdes que me prendem a eles cada vez que te olho, e sua voz rouca é a mais linda que já ouvi chega a ser melodia para os meus ouvidos,você não tem noção do que me causa quando você sorrir e eu tenho a certeza que eu causei esse sorriso em você, você não tem noção do quanto eu amo está  ao seu lado pra te ouvir falar sobre politica, sobre projetos sociais ou ate mesmo só pra te ver dormi, a verdade é que eu tô apaixonada por você Lauren e eu me apaixono a cada dia mais e eu não sei como isso aconteceu e isso me assusta me assusta muito entende.


Notas Finais


#ForHere @Camzc95


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...