História For Us - Capítulo 37


Escrita por: ~

Visualizações 157
Palavras 2.615
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Famí­lia, Musical (Songfic), Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Estou postando de novo porque achei o título da primeira vez ridículo. Haha. Mas acontece.

Uma foto do Wesley lindão como capa sem motivo algum.

Beijos.

Capítulo 37 - Nem tudo que acontece no passado fica no passado.


Fanfic / Fanfiction For Us - Capítulo 37 - Nem tudo que acontece no passado fica no passado.

Soraya P.O.V

- você bem que podia sair comigo depois do evento não é ? _ Wesley sorriu.

Fingi não ouvir e mergulhei a cabeça na água. já estávamos ali a alguns minutos, não muitos levando em conta que Gabi só nos deixou sair depois de passar protetor solar no corpo todo. Ela está realmente levando a sério essa coisa de cuidar de todos.

Senti duas mãos sobre meu quadril e fui puxada para trás. Wesley me abraçou de maneira apertada.

- O que está fazendo?_ tentei encara-lo sem sorrir.

- Você me ignorou, arranjei um jeito de chamar sua atenção._ ele sorriu sapeca.

- Fala o que você quer?!_ me dei por vencida.

- Sai comigo. Depois do evento.

- Você sabe que a sua irmã vai impedir._ sorri sarcástica.

- Gabriela não é minha mãe. E nem sua. Ela não pode nos impedir de ficar juntos por achar perigoso ou simplesmente por não agrada-la.

- O que não agrada ela é o que acontece depois, Wes._ respondi e ele me encarou serio_ Sou eu quem fica mal quando você volta para a sua vida e é ela quem me ver sofrer.

Wesley me soltou e ficou calado um tempo, apenas me encarando. Desviei o olhar dele e encarei os outros que ainda estavam na areia. Geórgia e Cameron jogavam frescobol, Gabriela, Aaron e Shawn estavam comendo, enquanto Ana e Deborah tiravam fotos. O restante estava saltando das pedras, apenas eu e Wesley estávamos afastados.

Cameron notou que eu estava a encara-lo e sorriu para mim, acenando em seguida. Por um momento, acabei por lembrar de quando nós beijamos. Foi um beijo com raiva, fiz aquilo apenas para expressar meu desprezo por ele, depois do que ele fez. Mas gostaria que tivesse sido diferente.

- Sool._ Wesley me chamou e eu virei para encara-lo_ vai ser diferente dessa vez. Eu prometo.

- Por que eu deveria acreditar?

- Porque eu não nunca deixei de gostar de você. Mas como não nos falamos mais, eu não tinha motivos para voltar... Principalmente quando soube que estava com outra pessoa.

O Ian, poderia dizer que foi um erro, ou até mesmo impolgação da minha parte, quando Mayara e Gabriela se fixaram em relacionamentos, me senti insegura por estar sozinha, então acabei aceitando. Não era apaixonada por Ian no começo, como May era por Vitor e as coisas não eram tão intensas como era para Gabi e Thomas. ( Era bom por isso, pois não passava por brigas desgastantes como eles né) Ian era diferente, mais maduro. Mas não muito diferente dos babacas do mundo. Eu não era apaixonada por ele, era por Wesley e isso ele sabia desde o começo e talvez estivesse cansado demais de aguentar quando terminou comigo.

E agora o American Boy,  que me deixou depois de dois meses incriveis, depois de dizer que me amava e partido meu coração em milhões de pedaços está de volta e dizendo que nunca deixou de gostar de mim. Devia bater nele.

- Você não tem o direito de vir até aqui e me iludir outra vez, Wesley._ cruzei os braços e ele se aproximou.

- Eu tenho todo o direito de vir até aqui e dizer que ainda gosto de você se é verdade._ele passou as mãos por meu rosto e me aproximou mais do corpo dele.

- Wesley não..._ segurei no peito dele na intensão de afasta-lo.

Mas foi em vão, ele me abraçou e me espremeu contra si mesmo, me fazendo sentir todos os músculos que ele não tinha antes. Até tinha, confesso, mas não tudo isso.

- Sool...

Não resisti e o beijei e ficamos daquele jeito por um bom tempo.




Gabriela P.O.V

- Eu não sou obrigado a ver isso..._ Cameron entregou a raquete para Johnson que estava se enxugando e se jogou do meu lado.

- O que há, Daddy?_ perguntei jogando uma toalha naquele tanquinho maravilhoso dele.

- Você já viu o que está acontecendo na água?

- O pessoal está saltando e... olhei mais para frente e vi Soraya e Wesley se agarrando._Que putaria._ serrei os olhos.

- Isso deve ser punição..._ comentou Aaron.

- Infelizmente, não é._ respondi e Cameron me encarou_ Eles já namoravam, lembra?

- Ah, sim. você comentou quando estava bêbada._ Cam concordou.

- Não precisa lembrar disso não._ sorriso sem graça e ele, Aaron e Shawn gargalharam.

- Hey ! Hoje é meu aniversário e como pedido especial de aniversáriante, eu quero que todos se reúnam na pedra._ falou Deborah.

 

Olhei para ela com tedio.

- Não faça isso, Gabriela Brooks._ ela cruzou os braços e sorriu ironicamente.

- Okay. Okay. você ganhou._ me levantei e tirei o short novamente.

- Hey. vocês estarão olhando o que?!_ vi Aaron jogaram areia nos garotos.

- O que foi?!_ perguntei.

- Eles dois estavam te secando._ respondeu emburrado e Cameron riu alto.

- Eu estava olhando para a Ana. veja só como ela fica linda nesse biquíni._ Shawn disfarçou puxando ana para perto de si.

- Eu olho mesmo. você não pode impedir meus olhos, Little Aaron._ Cameron se levantou_ afinal, se eu sou o Daddy, ela é a Mommy. esqueceu ? 

-  O que quero dizer com isso?_ Aaron ja estava bufando.

- Ele não quer dizer nada. Esta tentando te tirar do sério._ o puxei pelo braço e seguimos andando atrás de Deby_ você esqueceu que o Cam gosta da Sool ? ele esta fazendo isso para tirar o foco da frustração dele.

- Se ele tentar te beijar outra vez, eu quebro a cara dele._ ele bufou . 

- Aaron, você sabe que não é meu namorado, certo?!_ o parei para que ele pudesse me encarar melhor_ E Cameron é seu melhor amigo. Da uma tempo dessa infantilidade.

- Não banque a mãe para mim, Gabriela._ ele respondeu irritado_ Eu gosto de você e tenho todo o direito de me sentir inseguro, principalmente sabendo que ele beijou você antes de mim.

- Você não é meu dono._ falei por fim e ele quase engasgou_ estamos apenas ficando.

- So falta você dizer que tem vontade de ficar com Nash também._  Ele cruzou os braços.

- Espera um segundo._ pedi, caminhei até onde estavam nossas coisas e peguei uma garrafa com água, voltei até ele e derramei a água sobre sua cabeça_ Acorda, Aaron. você está sendo babaca.

- Me desculpa, Gabriela._ ela gritou e os outros na pedra nos olharam_ Mas eu não consigo. Eu gosto de você de verdade, desde que te vi. Eu vi você primeiro, eu gostei de você primeiro. Eles não tem o direito de te tirar de mim.

- Aaron...isso não vai acontecer, está bem?!_ pus a mão sobre a testa_ eu gosto de você e achei essa discussão, extremamente desnecessária.

Voltei a caminhar para a pedra. Parece a parte dois de um filme que comecei com Thomas; um namorado ciumento parte 1 e agora é Aaron o namorado, que não é namorado, ciumento parte 2. Isso não vai durar desse jeito.

Notei JJ e Geórgia se aproximando também, ela estavanas costas dele é os dois subiram na pedra rindo, pois quase ele não consegue.

Me sentei na pedra assim como todos e me joguei entre Deborah e Gilinsky. Praticamente no colo de Jack, Bruna e Carter estar estavam filmando, tanto a vista quanto os outros.

- Comece a falar,Deby._ ordenou Carter e nós rimos.

- Eu queria agradecer por esse dia ótimo que vocês estão me proporcionando. É um dos melhores aniversários da minha vida..._ Deborah começou a se desfazer em lágrimas, eu e as garotas fizemos um coro de "waaaaaannnttt" e fomos abraça-la_ obrigada a vocês também garotos, pensávamos que nosso relacionamento com vocês seria somente profissional e acabamos virando uma família. Uma família cheia de inces....._ Bruna tampou a boca dela pois ainda estava filmando e aquele vídeo iria para o canal.

- Eu tive uma ideia!_ Nash gritou do nada assustando a todos. Nos desfizemos do abraço e sentamos em círculo para ouvir o que o senhor Grier tinha a dizer. _Vamos filmar todos juntos. Digo, para o canal de vocês_ ele se referia aos garotos_e para o das garotas. Ewe e Geórgia podem ficar no Centro do círculo, filmando os dois lados. depois juntamos na edição.

- Vamos fazer o que? jogar?_ perguntou Taylor.

- Eu gostei da ideia._ levantei a mão e Nash e Aaron imediatamente me encararam.

- Eu também _ Aaron deu de ombros.

- Pois é,  casais. Infelizmente vocês teram que se separar no vídeo._ avisou Ewe. 

- Gabi, troca de lugar comigo._ pediu Ana, ela estava sentada na frente de Ewe, entre Shawn e Nash, prontamente levantei e fui sentar.

Aaron cochichou algo no ouvido de Cameron que confirmou pensativo, as garotas continuaram se organizando, era tanta gente ali que estávamos para cair daquela pedra e ela não era nada pequena.

- Vamos lá, organizar melhor vocês._ Soraya se irritou e levantou_ Vamos separar esse casais.

- Que casais, que nem estamos sentados juntos?_ Ethan Ethan olhou em dúvida.

- Vamos separar você do Gray. para nao ficaras mesma caras na mesma tela._ ela sorriu.

- Eu devia interpretar isso como um insulto ou quem sabe preconceito contra gêmeo._ Grayson levantou reclamando e nos fazendo rir.

- Um Jack para Ewe e uma Jack para a Geeh._a loira já sai dando apelido para a jovem_ vou chamar você assim, okay ? 

Geórgia confirmou sorrindo. A loira apontou para Carter, colocando-o ao lado de Wesley.

- Porque não juntamos o Cashew outra vez?!_ sugeriu Cameron.

- Eu gostei._Matthew se empolgou e saltou para o colo dele_ Vem Nash.

Nash pareceu decepcionado mas foi para o lugar ao lado de Matt que estava no lugar antes de Aaron. Soraya veio e sentou ao meu lado.

- Ei, você são casalzinho também._ Blake reclamou e eu ri.

- Te enxerga pirralho._ eu mandei um beijinho pada ele e passei o braço pelo pescoço de Sool_ eu sou a Mommy eu tenho prioridade.

L- Eu sou a aniversáriante e tenho a prioridade de querer a May do meu lado._ Deby levantou a mão.

- Tudo o que a aniversariante quiser._ Mayara levantou e foi abraça-la.

- Eu sou o mais novo posso ficar perto da Mommy?!_ Blake sorriu furtivo para mim que gargalhei e olhou para Aaron  em seguida.

Até o loirinho já havia notado que Aaron  estava ficando meio psicopata. Cameron olhou para o little Aaron que estava ficando vermelho, de maneira muito fofa que se não estivesse gravando, levantaria e o beijaria.

- Não. A mommy pertence ao Daddy. Somente._ Cameron riu e Aaron jogou uma pedrinha nele.

- Não mesmo, Dallas._ assoprei um beijo para ele.

- Foco no que íamos fazer gente. Pelo amor de Deus._ pediu Biah.

- Vou explicar._ falou Nash e todos passaram a encara-lo_ O jogo consiste em perguntas e respostas sobre qualquer pessoa do grupo; quem errar paga e sai do jogo, quem acertar, continua.

- quem errar, se joga daqui de cima._ sugeriu Hayes.

- Isso ai._ os garotos ficaram ainda mais empolgados.

- Ainda bem que eu não estou nesse jogo._ Geórgia comentou com Ewe.

- Porque que eu já estou prevendo catástrofes acontecendo?!_ cocei minha cabeça em frustração.

- Vamos começar. A primeira pergunta. Quem vai fazer?_ disse Nash.

- A primeira pode ser uma fácil._ Deby deu de ombros.

- A primeira música que os Jack's cantaram no evento?!_ Soraya falou rápido.

- Like That . _ todos gritamos juntos e caímos na risada em seguida.

- Esperem!_ Biah chamou a atenção de todos_ vocêa não estavam na primeira semana, como sabem?_ ela apontou para Hayes, Blake e Wesley.

-Ja estivemos em outros eventos._ respondeu Hayes.

- Eles sempre começam com essa música, é a que levanta o público de primeira._ Blake falou o obviu.

- Foi um palpite arriscado._ Wesley riu.

- Próxima rodada._ gritou Grayson_ já achei esse jogo legal.

- Primeira música que o Shawn cantou no evento?!_ falei alto.

- O assunto é música agora é ? _ Gilinsky foi irônico.

- Só responde, Jack. ou vai dizer que não lembra?_ Deborah sorriu sarcástica_ O precipício está a sua espera.

- Vamos responder juntos._ determinou Carter.

- 1 2 3... treat you better!_ gritamos todos juntos.

- Essa foi fácil. saiu vários comentários sobre o romancede vocês que começou começou partir daí._ Wesley respondeu logo antes que eu perguntasse.

- Você é chato._ falei em português.

- Sem brigas, crianças._ Shawn fez carinho na minha cabeça como se eu fosse um cachorrinho_ essa pergunta foi fácil fácil deduzir.

- Próxima ! _os gêmeos gritaram juntos.

- onde foi o primeiro beijo de má...

- Cuidado com a pergunta que vai fazer!_ avisou Ana.

- De Shawn e Gabi?!

- Não. não vamos responder essa. _ disse Shawn.

- Provavelmente não foi na nossa frente._ Deby justificou rindo.

- Troca as perguntas. Algo que aconteceu essa semana._ sugeriu Mayara.

- O ultimo esquecido em festa?!_ Matthew perguntou.

Todos riram e trocaram olhares.

- Respostas no três._ falou JJ_ 1...2...3!

- Cameron._ respondeu Blake.

- Carter._ o restante respondeu.

- Blake errou feio. Você não presta atenção?_ Taylor riu.

- Foi o Carter. Você mesmo levou o Cameron para o banco quando estávamos voltando da festa._ comentou Wesley . 

- Eles tem Alzheimer quando bebe._ contou Hayes rindo_ vai ter que fazer fazer punição.

- Estamos na pedra maior. Ele não precisa._ falei.

- Eu vou. relaxa._ Blake levantou e todos fizemos o mesmo. 

As meninas continuavam filmando. nos aproximamos da beira junto com ele, nem os garotos pareciam seguros com aquilo. Blake pegou um pouco de distância e se jogou.

Ouvimos o barulho de um gemido alto e então ele bateu contra a água. voltamos para a beira para verificar, mas ele não emergiu.

- Aquilo é sangue...?_ Biah cochichou.

- Eu vou pegar ele..._disse Nash.

- Não. Eu vou._ Aaron se pôs na frente.

- Vocês vão ficar._ parei os dois_ Eu sei nadar. Me esperem ali. Vou puxa-lo para a beira._ falei e me preparei para saltar_se Blake estiver brincando eu o mato afogado.

Saltei na água e assim que abri os olhos o ví tentando nada apenas com um braço. realmente havia sangue, mas de um corte que havia no braço dele, próximo ao ombro.

Nadei até ele, que sorriu ao me ver. Aceitei-lhe um cascudo e então o puxei mais para a superfície.

- Porque fez isso?_ ele reclamou.

- Não me assuste mais desse jeito. Te proibo._respondi e então verifiquei o braço dele, parecia um pouco profundo, talvez precisasse de pontos_ O que houve com seu braço?

- Bati na descida, saltei próximo demais as pedras. acho que desloquei._ ele estava tentando me ajudar a nadar.

Chegamos ao raso da praia e Cameron e Nash me ajudaram a tira-lo da água. Soraya apareceu com água e uma toalha, colocando sobre o ferimento.

Olhei novamente para ela e notei que seu rosto estava vermelho e inchado.

- Hey! Loira. O que aconteceu com seu rosto?_ toquei em seu queixo.

- Comi algo que me causou alergia._ a voz dela já estava rouca.

- Meu deus. hoje deve ser o dia._ bati contra testa_ tenho anti alérgico em casa. Voce pode pegar na minha mochila.

- Você não vai voltar para casa conosco?_ Ana brotou ao meu lado.

- Eu tenho que levar Blake ao hospital. Essa não... Daves vai me matar._ fiquei ainda mais preocupada.

- Vamos conversar com ele, relaxa._ Ana sorriu.

- Você. _ disse Soraya com dificuldade_ não sei terei voz até lá.

- Eu preciso pegar umas roupas e um táxi pada levar aquela criança._ apontei para Blake e caminhei até onde estava minha mochila.

Peguei minha calça de moleton cinza e uma jaqueta. vestindo em seguida, os garotos viraram para me encarar.

- onde você vai?_ Ethan que estava mais próximo próximo mim, perguntou.

- Cadê o Cameron?_ rebati. 

- Estou aqui._ ele correu até mim.

- Eu vou levar Blake para o hospital. A liderança do grupo vai ficar na sua responsabilidade. Por favor, Cam. mantenha o foco._ pedi_ Tentaremos chegar a tempo no evento.

- Então vocês tem que sair agora._ disse Gilinsky.

- Sim._ peguei minha mochila e olhei para blake_ onde está sua mochila?

- Aquilo._ Nash me entregou, sorri breve em resposta.

Aaron me puxou para perto dele e me beijou, me afastei e o encarei.

- Cuide bem dele, por favor._ ele pediu.

Beijei sua bochecha e fui até Blake, oferecendo meu ombro a ele. 


Notas Finais


Comentem e deixem uma escritora feliz.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...