História For You - long Imagine Taehyung - Capítulo 2


Escrita por: ~ e ~Caffeinated

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Rap Monster, V
Tags Casamento Arranjado, Taehyung, Você
Exibições 25
Palavras 1.192
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Hentai, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oi gente^^ mais um capítulo pra vocês.

Espero que gostem e boa leitura :3

Capítulo 2 - Hey, you know it has effect


Fanfic / Fanfiction For You - long Imagine Taehyung - Capítulo 2 - Hey, you know it has effect









 Já haviam se passado duas semanas que estava morando com Taehyung, estava um pouco assustada em estar ali, ele era um pouco estranho. Taehyung estava bem e do nada estava surtando com algo simples, nao o entendia e tinha medo de tentar falar com ele com e acabar me deixando chateada.

  Ignorei isso e segui para o escritório do mais velho . Bati em sua porta levemente cerca de duas vezes.

  - Entre. - Ouvi sua voz soar calma e baixa.

  - Taehyung - Disse baixo assim que abri a porta. Fechei a madeira atrás de mim vendo-o subir o olhar alcançando minha face - Posso falar com você?

  - Seja breve - Respondeu calmo enquanto assinava alguns papéis. Parou o que estava fazendo dando atenção a mim.

  - Eu... Queria apenas entender... Por que você é assim?

  - Assim como? - Levantou os olhos me encarando enquanto mordia o lábio discretamente mas atos que foram flagrados por mim.

  - Está bem e do nada está diferente - Respondi o olhando enquanto passava as mãos por meus cabelos os arrumando.

  - Simplesmente mudamos. Isso é normal - O loiro respondeu com certo tédio.

  - Taehyung, você você é bipolar? - O no olhando preocupada apenas ouvindo a risada de Taehyung que ecoava pelo cômodo .

  - Bipolar? De onde você tirou isso garota? - gargalhou novamente me fazendo o olhar com cara fechada e confusa por sua risada - Garota você é hilaria.

  - Mas por que você ainda está rindo? - Pergunto confusa o olhando atentamente. Me aproximei e rapidamente o loiro agarrou meu braço me puxando de encontro ao seu colo. O ouvi arfar levemente colocando a mão sobre minha coxa me impedindo de sair.

  - Por ser tão linda…. Mas também tirar conclusões tão precipitadas - Sussurrou fazendo carinho em meus cabelos ato que me gerou ainda mais confusão - Tão bobinha mas com um corpo tão lindo….

  - Taehyung me solte… - Sussurro tentando arrumar uma escapatória mas simplesmente ele me rouba um beijo intenso. Na medida em suas mãos grandes desciam para minha cintura era mais um pretexto para perder a minha dignidade e quando ele apertou minha coxa esquerda me fazendo arfar mas logo me soltou mesmo com um protesto por linha parte.


  - E a boca com um gosto tão esplêndido - Sorriu lhe dando mais um selar e logo se levantou - linda minha futura esposa…




  Minha respiração estava falha e meu coração acelerado enquanto suas mãos desciam por minha cintura fazendo meu coração quase pular de meu peito ofegante.


  - Taehyung…. - Sussurro olhando pro mesmo vendo seus lábios se curvarem em um sorriso de lado que pode ser flagrado por meus olhos.


  Me levantei rapidamente enquanto passava as mãos em meus cabelos saindo dali rapidamente.








  Andava calmamente pelo casarão apenas observando o mesmo enquanto analisava os quartos que ali estavam. A casa de Taehyung era grande e confortável e realmente me deixava a vontade de estar ali, os dias se passavam de forma rápida e me deixava cada vez mais ansiosa e nervosa por conta do casamento estar se aproximando de uma forma rápida que que me assustava levemente levemente me deixando cada vez mais ansiosa pro casamento que ele iria ocorrer daqui a poucas semanas já que estávamos fingindo namoro para não deixar tão na cara.


  Estavam arrumada e perfumada devidamente , usava uma camisa social com a gola com possuindo algumas decorações e enfeites, um shorts azul com um cinto de laço na frente e uma sapatilha , cabelos penteados e soltos e uma maquiagem leve em meu rosto com um batom claro em meus lábios.

  Peguei minha pequena bolsa e logo desci as escadas da casa indo para a sala onde meu noivo se encontrava já vestido, trajava roupas casuais uma camisa branca sobre a mesma tendo um casaco preto , calça jeans preta e um All star. Entrelacei meu braço ao dele enquanto saímos da casa.

  - Sorria - O mesmo pediu enquanto andávamos pela rua. Sorri o máximo que consegui diante daquela mentira , estava um pouco desconfortável com os olhares curiosos e desacreditados que recebia e até fotografias que as pessoas tiravam para provavelmente ganhar algum crédito com aquele material.

  - Você é tão famoso que as pessoas tiram foto? - Questiono o olhando um pouco assustada com olhares de algumas oferecidas.

  - Tenho dinheiro e sou bonito , é só isso que a mídia quer. - Respondeu-me calmo - E quando estou acompanhado de uma dama como você é normal ficarem encantados.

  - São todos assim? - Me referi ao seu comentário quanto a mídia.

  - As pessoas são arrogantes e orgulhosas e apenas pensam no dinheiro e não o utiliza para algo bom - O loiro respondeu sem desviar o olhar do meu sorrindo parecendo verdadeiro. - Pessoas tolas.

  - E você utiliza bem seu dinheiro? Nunca o vi fazer algo nobre - Questiono e afirmo o olhando com uma sobrancelha arqueada.

  - Minha cara, eu não preciso que as pessoas saibam o que eu faço, eu preciso da aceitação de ninguém. Eu prefiro ficar em silêncio quanto ao que faço com meu dinheiro, eles não precisam saber. Eu tenho minha consciência limpa e não quero que as pessoas me idolatrem por algo que todos podem fazer.

  - Então o que faz com seu dinheiro? - Pergunto curiosa o olhando vendo o mesmo sorrir abaixando levemente a cabeça.

  - Ajudo Instituições que cuidam de animais que foram encontrados nas ruas em estados críticos. Mando o dinheiro para terem condições de fazer cirurgias, comprarem medicamentos. Amo animais - Sorriu. Estava surpresa e comovida com Taehyung por saber daquilo - e também… contribuo para hospitais do câncer…

  - Nossa - Disse surpresa o olhando - Apenas ajuda os mesmos com dinheiro… isso é lindo Taehyung. Você ajuda muitas vidas.

  - Na verdade… sou doador de medula óssea também, de sangue e já assinei um termo de que se morresse poderiam doar meus órgãos.

  Taehyung dizia aquelas palavras com tanta convicção que era uma lição de vida, o dinheiro que recebia ele ajudava aos animais e as pessoas ,e isso não tem preço além de doar coisas que fariam diferença na vida de qualquer um e, isso me deixou comovida.

  Sorri para o loiro que retribuiu da mesma forma enquanto caminhava sentindo o olhar curioso das pessoas ,  ao nosso redor, fotógrafos se posicionavam em tirar fotos que nos flagra juntos.

 

  - Hey…. Quero que aja como minha esposa mesmo. Então sorria sempre ok?

 

  Assenti,lentamente.  Taehyung sorria de uma forma tão natural que chegava a me assustar levemente,  mas nada disse.  Adentramos o restaurante , mas ao chegar no mesmo  nos deparamos com mais duas pessoas sentadas.

 

  Taehyung fez uma expressão de completo desgosto,  travou o maxilar e respirou fundo antes de dizer:

 

  - Olá,  papai e mamãe.

 

  Taehyung Vision

 

  - Olá,  Taehyung - Minha mãe disse em um certo desprezo olhando para minha noiva em seguida - Olá.

 

  - Olá senhor e senhora Kim - Ela sorriu docemente. Olhei para minha mãe, a mesma possuía uma expressão fingida.  


  Respirei fundo, aquele jantar seria longo. Até demais.


Notas Finais


Espero que tenham gostado ^^

Nos vemos no próximo :3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...