História For You: I Promise (CAMREN) - Capítulo 114


Escrita por: ~

Postado
Categorias Camila Cabello, Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton, Personagens Originais
Tags Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane, Fifth Harmony, Lauren Jauregui, Normani Kordei
Visualizações 802
Palavras 1.607
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Mistério, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


^__^ Boa leitura...

Capítulo 114 - Now?


01/01

P.O.V Camila

 

Engoli um seco quando sentir a língua de Lauren deslizando da minha bunda, até meu pescoço. Eu ainda estava de quatro na cama.

 

-Ah-Gemi apertando os lençóis. Lauren colocou a mão em minha barriga e ficou acariciando 

-Camila…Tenho certeza que vai ser bom. Vai ser com muito carinho, princesa…-Ela sussurrou em meu ouvido

 

Meu corpo já estava todo tenso. Inclusive arrepiado. Eu não estava aguentado…Mais uma vez, muitas sensações me invadiram ao mesmo tempo….Era uma mistura de tesão/ansiedade/medo…

 

-Que coisa linda, Camz…Queria tanto que você conseguisse ver-Lauren falou abrindo minhas nádegas outra vez-Eu nem acredito que vou comer sua bundinha gostosa…-Ela me deu um tapa forte, porém super gostoso 

-Oh..-Gemi de um jeito manhoso.-Lo…

-Lindinha…Você é toda linda…Meu Deus-Ela falou com uma voz desconhecida por mim…Estava carregada de prazer e desejo…Ela nunca falou nesse tom

-Sou toda sua, Lolo…

 

Lauren estava atrás de mim, ela desceu sua mão pro meu seio esquerdo e apertou com força…

 

-Quanto você é gostosa…Porra…Deita, pequena…Eu tenho que te estimular primeiro..-Ela falou se afastando de mim.

 

Então eu deitei. Lauren abriu minhas pernas, e deitou sua postura…Ela beijou minhas coxas, logo estava baforando em minha boceta…Deus do céu. Já que não estávamos mais brincando, prontamente coloquei minhas mãos no cabelo dela. Eu amo o sexo oral que ela faz…É simplesmente maravilhoso

 

Ela colocou os dedos abrindo meus grandes lábios, e soprou…Meu coração faltou pouco sair pela boca…

 

Ela encostou a pontinha da língua em meu clitóris 

 

-Como eu amo sua boca…-Gemi passando minhas unhas no couro cabeludo dela...

 

Ela levantou a cabeça e sorriu pra mim. Lo colocou a língua pra fora de um jeito sexy, me mostrando-a, ela chegou perto outra vez de encostar, quando alguém bate na porta do quarto.

 

Deus…Logo agora? Não era possível…

 

Ela levantou a cabeça de novo e me olhou com cara de que”o que vamos fazer?” Eu estava prestes a me levantar, quando escutamos a voz da Paulina vindo da porta. Sabia que isso não iria dar certo, pois Lauren não vai muito com a cara dela…

 

-Camila, ontem quando colocamos a Lauren na cama, eu deixei meu celular no criado mudo...Eu preciso dele, preciso falar com meu empresário

-Já vai…-Falei alto suficiente pra ela escutar.

 

Lauren não me deixou sair…Ela segurou forte em minhas coxas, e começou a passar a língua com vontade em meu clitóris 

 

-P-para…L-Lauren…Hm-Gemi, e suspirei…

-Camila…Eu realmente preciso pegar o meu celular…-Paulina falou e bateu na porta outra vez

 

Pra que ela foi deixar esse celular aqui ?…O que estou pensando…Ela me ajudou ontem com a Lauren que estava embriagada. Que situação.

 

-Oh…Ah…C-como é gostoso-Gemi apertando o ombro dela

-Isso, amor…Geme pra mim.-Lo falou substituindo a língua por seu polegar, ela me penetrou a língua…Deus…

-Vai me dar sua bundinha, Camila?…

-S-sim…-Respondi me debatendo, segurando com força no cabelo dela

-Responde direito-Ela falou, e me deu um tapa em cima do meu clitóris. Não foi forte…Foi muito gostoso. 

 

Eu gemi, e quando eu iria responder, Paulina bateu na porta e nos chamou de novo.

 

-Tá de sacanagem…-Lauren resmungou-Foda-se…Responde o que eu te perguntei, Cabello…

-Amo quando você fala meu s-sobrenome a-assim-Gemi e mordi meu lábio 

-Responde….-Ela me deu outro tapa dessa vez mais forte.

 

Mais um gemido saiu da minha boca…automaticamente fechei meus olhos e forcei minha cabeça pra trás. Dessa vez o gemido foi mais alto...Lauren sorriu imediatamente 

 

-Vou dar ela pra você, d-deixar você comer, foder…e fazer mais o que você quiser com a minha bunda, Lolo-Tentei fazer a voz mais sexy que podia, junto com uma voz inocente.

 

Minhas palavras atingiram em cheio a danadinha de olhos verdes…Que por uns segundos ficou sem reação nenhuma. Apenas passando a língua no lábios

 

-Eu…-Ela começou a falar mais foi interrompida pela Paulina que gritou mais uma vez 

 

Ela surtou…Saiu de cima de mim com a cara péssima, e a abriu a porta com total agressividade 

 

-SERÁ QUE NÃO POSSO FODER EM PAZ?-Ela gritou tão alto que escutei Lucy gritando e rindo no andar debaixo…Ela estava rindo agora, espera ela saber que esse grito foi pra Paulina

-Ahh..é-é…-Paulina tentava falar

 

Eu me levantei depressa, peguei o celular da Paulina que estava no criado mudo. 

 

Que porra foi essa que Lauren fez? Meu Deus…Quantas vezes terei que dizer pra ela não expor nossa vida desse jeito?

 

-Será que nunca vou conseguir transar com minha namorada com vocês por perto?…Logo agora que eu iria conseguir o que eu tanto…-Não deixei ela terminar de falar, e com uma puta vergonha pulei do lado dela e puxei o cabelo dela pra dentro do quarto. Eu estava tão nervosa que nem me lembrei de me cobrir.

-Au, Camz…-Ela grunhiu de dor

 

Ainda segurando o cabelo dela, olhei pra Paulina que olhava pra todos os lugares menos pra mim…Eu também não sabia onde enfiar minha cara. Primeiro que ela nunca me viu nua, e a única pessoa que me viu nua até hoje foi Lauren, e aquela massagista lá do México, mas isso não conta muito… Segundo pela vergonha da ignorância de Lauren, terceiro por Lauren expor nossa vida sexual. 

 

-M-me d-desculpe, Paulina-Falei praticamente jogando o celular em cima dela…

 

Ela nem me respondeu, só concordou com a cabeça, respirou fundo e ainda sem olhar pra mim, virou de costas e sumiu em meio ao corredor

 

-Será que você pode soltar meu cabelo pra voltarmos para o que estávamos fazendo?-Lauren falou e soltou um gemido de dor.

 

Bati a porta do quarto com muita força, e joguei ela na porta, ainda segurando no cabelo dela, agora com mais força 

 

-QUE PORRA VOCÊ FEZ?-Gritei com muita raiva

-Eu só…

-Cala a boca…Quantas vezes eu vou ter que repetir pra você não expor nossa vida sexual? 

-Ela estava atrapalhando a gente, Camila-Lauren falou colocando a mão em cima da minha que estava no cabelo dela, tirando minha mão com agressividade de lá.

-Foda-se…Essa casa é dela, e da Lucy, elas alugaram…Nós estamos aqui de favor.

-Não tem porra nenhuma de favor, a Lucy é minha amiga, e nós ja tivemos algo-Cruzei meus braços e olhei no fundo dos olhos dela 

-Porra…-Bati minha mão na porta-Vai falar disso agora? Do que teve com ela? Sério?

-Eu só quis dizer que sempre quando estamos transando ou em um momentos íntimos elas nos atrapalham-Bufei de raiva e segurei no cabelo dela outra vez.

-A Paulina nunca te fez nada…Ela só te ajudou, sua ignorante…Como eu aguento você? Eu falo pra você fazer as coisas e você faz tudo errado, Lauren…Você não é mais uma criança, não vou passar o resto da minha vida falando o que você deve ou não fazer…Falei pra você não falar da nossa vida sexual em público, você por acaso lembra de ontem? Eu te falei isso ontem, porra. Você chegou praticamente dizendo que transamos no carro pra Lucy. Eu odeio isso, odeio. Nós conversamos ontem e o que você disse ? "não vou fazer mais isso", ai hoje que você faz? Berra pra vizinhança inteira escutar. Será que você ainda não percebeu que isso é nosso…Eu tenho vergonha, não sou depravada como você. Porra…Eu sou tímida…

-Eu sei…-Ela falou em um tom quase inaudível 

-Você sempre estraga tudo…Já estou cansada disso.

-O que?-Ela levantou seus olhos para os meus- A gente está brigando mesmo por causa da Paulina ? Fala sério, Camila…

-Você é burra? Isso não tem nada a ver com a Paulina…Tem a ver somente com você. Você não me respeita. 

-Não?-Ela falou dando uma risada sarcástica -Eu faço de tudo por você…Você não percebe isso?

-Eu não vou repetir tudo que eu falei…Reveja seus conceitos de ”faço de tudo por você”…Pois me ouvir, e prestar atenção no que eu te falo está fora disso…Quantas vezes eu disse “Não fale da nossa vida sexual” Isso é algo nosso…-Lauren me olhou e ela iria protestar, mas pra mim, já tinha dando tudo que tinha que dar-Chega…

-Tem razão…Chega…-Ela falou me empurrando da frente dela. Quando ela saiu da porta eu vi um pouco de sangue na porta branca, no local onde por conta da agressividade que usei, acabei batendo a cabeça dela…Deus…Eu machuquei ela, como pude me esquecer que a ferida ainda está sarando?

 

Fiquei imóvel e uma vontade de pedir desculpa me tomou conta….Porém fiquei parada, e minha cabeça rodou pra onde ela tinha ido…Lauren estava vestindo, calcinha, um short jeans e uma blusa do Pink Floyd. Em nenhum momento ela parou pra me olhar…Ela começou a colocar o tênis  em seguida..

 

Eu me encostei na porta e a fitei sentada na cama colocando eles com pressa…Assim que terminou, ela pegou o celular, ela não ligou ele, apenas olhou e olhou, parecia se estava decidindo se pegaria ele ou não, depois colocou ele de volta no criado mudo. Pegou o dinheiro na carteira, a chave do carro e veio caminhando em minha direção 

 

-Você pode me dar licença ?-Ela perguntou sem olhar pra mim

-Onde você vai?

-Esfriar a cabeça…

-Lauren…Você é uma estúpida-falei segurando o maxilar dela com agressividade. Quando eu soltei ficou a marca dos meus dedos por ela ser branquinha

-Ótimo…A estúpida precisa de um tempo pra colocar as coisas daqui no lugar-Ela falou apontando pra cabeça-Me da licença, Camila-Ela falou com o tom bravo.

 

Neguei com a  cabeça e me afastei da porta. Ela passou feito um furacão, batendo a porta da mesma força que eu tinha batido minutos atrás, meu corpo até tremeu com susto.

 

Minha vontade era de bater nela…Meu Deus…Bufei de raiva e fui tentar esfriar minha cabeça em um banho…Lauren sempre consegue estragar nossos melhores momentos…Por que? Quanta raiva eu estou sentido…Ela não deveria ter me tratado assim…Não deveria ter feito nada disso.


Notas Finais


*__* Não foi dessa vez... Comentem!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...