História For your eyes only - Capítulo 17


Escrita por: ~

Postado
Categorias One Direction
Personagens Harry Styles, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, Zayn Malik
Tags Harry Styles, Larry Stylinson, Louis Tomlinson, One Direction
Exibições 49
Palavras 2.358
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


heyyyyyyyyy :) Boa leitura!

Capítulo 17 - I feel part of a secret club


Fanfic / Fanfiction For your eyes only - Capítulo 17 - I feel part of a secret club

 

            Quando tinha chegado no apartamento encontrei Niall deitado no sofá assistindo algum filme e me joguei instantaneamente no sofá fazendo com que ele levantasse os pés rapidamente para não serem esmagados. E eu estava com um sorriso estampado no rosto e não conseguiria tirá-lo mesmo se quisesse, e tudo isso por causa daquela criatura adorável que eu estava tremendamente apaixonado chamado Louis Tomlinson e que agora era meu namorado. Meu namorado. Eu repetia isso na minha cabeça e parecia cada vez mais surreal.

            -Você está começando a me assustar... –Niall comentou me observando e o fitei abrindo ainda mais o sorriso.

            Ele pareceu franzir as sobrancelhas e depois pareceu entender algo e se sentou no sofá.

            -Você dormiu no Louis? –Ele perguntou e eu assenti.

            -Sim, eu te disse.

            -Mas... o que você foi fazer lá?

            -Hã... fomos assistir um filme aí acabei dormindo.

            -Sabe Harry, John fez um comentário ontem que me deixou intrigado, não que eu já não estivesse mesmo que lá no fundo, mas ele achou engraçado vocês saírem juntos ontem, além de terem passado a festa toda colados praticamente sabe?

            -O que tem demais? Somos amigos.

            -E esse sorriso bobo e gigante aí em seu rosto é por conta do seu amigo? Ou vou acabou encontrando o seu “namorado misterioso” no caminho?

            Na mesma hora eu senti minha espinha congelar e Niall abria um sorriso, corei absurdamente e abaixei o olhar.

            -É ele não é? –Ele perguntou e eu não respondi- Eu sabia! Não sou tão estúpido okay Harry?

            -Não disse ou pensei que você fosse estúpido...

            Ele rolou os olhos.

            -Ai meu deus! –Niall disse depois de um tempo quando constatou que eu e Louis estávamos juntos. –Vocês estão namorando ou só se pegando mesmo? Há quanto tempo isso está rolando? Foi por isso que ele terminou com a Eleanor?

            Ele começou a cuspir uma pergunta atrás da outra que meu cérebro mal conseguia registrá-las direito.

            -Ele me pediu em namoro hoje! –Disse sem conseguir me segurar com um sorriso e Niall pulou me abraçando.

            -Estou tão feliz por você Haz! Mas me conte... preciso de detalhes, me conte como tudo aconteceu...

            E contei tudo, desde a primeira vez que nos vimos e tudo que havia acontecido até agora, até mesmo o fato de Louis ainda não estar preparado para se assumir para todos e Niall pareceu ficar um pouco acanhado.

            -Eu não sei se era para as pessoas saberem... mas provavelmente na semana todos já saberiam de qualquer jeito, mas ontem enquanto conversava com John eu deixei escapar que Louis havia terminado com Eleanor, eu estava um pouco bêbado devo acrescentar.

            -Está tudo bem eu acho... –Comentei sem ter certeza, mas acreditava que de qualquer forma Eleanor já devia ter espalhado, mas aí lembrei de hoje de manhã em como era bom ter o corpo de Louis quentinho contra o meu. –Oh Niall, ele é tão maravilhoso... –E comecei a falar sobre Louis sem parar e Niall ouvia atentamente sorrindo. –E é tão bom finalmente poder falar sobre ele com alguém...

            -Eu nunca te vi assim Harry, por ninguém e estou realmente feliz que você o encontrou, e que ele te encontrou.

            -Obrigado cara... obrigado mesmo. –Disse com uma mão em seu ombro. –Mas não conte nada a ninguém okay?

            -Claro Harry. Pode contar comigo, adoro ser o único a saber das coisas. –Niall comentou rindo e sorri.

            Ficamos alguns minutos em silêncio até Niall virar para mim com um sorriso malicioso.

            -Então quer dizer que quando você dormiu lá ontem... –Ele começou a dizer e eu corei e ri ao mesmo tempo.

            -Não Niall, nada aconteceu ainda. –Disse e ele assentiu ainda com um sorrisinho e revirei os olhos. Agora que ele não vai me deixar em paz mesmo, pensei dando uma risada nasalada.

            ***

            A semana havia começado e junto com ela uma reunião com o grupo do trabalho onde eu estava com Zayn, uma das meninas comentava o que todos nos campus já pareciam saber que Louis havia terminado com Eleanor, Zayn me olhou questionando, eu apenas desviei o olhar e pedi para pararem de falar da vida dos outros o que deixou um silêncio depois disso e voltamos a focar na organização do trabalho. Enquanto saíamos da sala em que nos reuníamos Zayn me acompanhou e podia sentir as perguntas que viriam.

            -É verdade Harry? Louis e Eleanor terminaram?

            -Sim... por que isso parece importar a todo mundo? –Perguntei me irritando um pouco e Zayn pareceu perceber.

            -Ué, é normal creio eu... afinal eles estavam junto durante um tempinho, né?

            -Como as pessoas ficam sabendo disso tão rápido? –Comentei dando um riso fraco.

            -Vai saber... mas pelo visto quem espalhou não foi a Eleanor, porque naquele dia no nosso jantar, meu e do Liam, todos estavam comentando isso e acabei nem acreditando, mas agora que você diz...

            -E por que você acredita quando eu digo?

            -Ora Harry, você e o Louis são melhores amigos agora, com certeza você saberia. –Apenas assenti enquanto seguíamos até a sala seguinte.

            E de repente é como se eu sentisse os holofotes sobre mim? Eu não saberia explicar, mas eu já estava tão acostumado a ter Louis daquela forma só para mim, só para meus olhos, que esquecia que um dia todos os olhos saberiam e veriam e eu não sabia o que senti quando constatei isso. Talvez eu só não estivesse acostumado, mas eu odiava isso das pessoas sempre quererem saber o que se passava na vida e relacionamentos dos outros. E elas só queriam isso mesmo: saber. Por puramente curiosidade e para ter o que falarem.

            Quando a próxima aula começou nos demos com mais provas agendadas, mal era segunda e eu já sentia que poderia enlouquecer ali mesmo... até que enquanto saía avistei Louis sentado em um dos bancos sozinho e Zayn se aproximou dele juntamente a mim e parecia que todos os problemas que até pouco tempo existiam haviam sumido apenas por vê-lo ali.

            -Hey Louis... –Zayn comentou e ele levantou o olhar dando um sorriso. –Sinto muito por você e a Eleanor... eu sei como deve estar sendo difícil.

            Louis olhou para mim por um momento e eu dei um sorriso triste.

            -Obrigado... está sendo um pouco mesmo, mas vai ficar tudo bem.

            -Assim espero. –Zayn disse e lhe deu um abraço. –Vou indo para o refeitório, encontro vocês lá?

            Assentimos e ficamos observando ele se afastar enquanto eu me sentava ao seu lado e tudo que eu queria era abraça-lo ali mesmo e sentir seu perfume.

            -De repente todo mundo sabe que terminamos? –Louis comentou e eu suspirei.

            -Uma hora isso ia acontecer de qualquer forma...

            -Eu sei, só não estava preparado para essa atenção toda. É muito inconveniente.

            Assenti.

            -Será que ela contou que sou gay? Ou só que terminamos? –Ele perguntou e vi seus olhos um pouco abalados.

            -Não foi ela que espalhou... Niall comentou no jantar do Liam e do Zayn que vocês haviam terminado, ele já sabia por que ele te viu naquele dia lá em casa com os olhos inchados de chorar e eu disse a verdade, Niall não é de fazer fofoca, ele só comentou porque estava bêbado e perguntaram algo...

            -Está tudo bem, não estou chateado com ele ou nada nem tem porquê. Só achei estranho porque não é da Eleanor sair falando sobre as coisas, sabe? Agora faz sentido.

            Assenti e lembrei que agora Niall sabia e sorri.

            -Niall sabe sobre nós. –Disse e na mesma hora Louis arregalou os olhos e virou o corpo totalmente para mim.

            -O quê? Como assim? Você contou?

            -Ele deduziu... ainda mais que cheguei em casa ontem com um sorriso bobo no rosto depois de ter sido pedido em namoro... –Louis sorriu com a lembrança e coloquei uma mão em seu rosto afagando-o- Não havia como eu negar e nem porquê. E, aliás, não estamos fazendo nada de errado...

            -Eu sei... eu sei... como foi a reação dele?

            -Feliz? Ele pulou e tudo mais. –Disse rindo.

            -Bem a cara dele... mas é estranho saber que ele sabe. Estava acostumado só com nós dois no nosso pequeno mundinho.

            -Mas ainda continua nosso pequeno mundinho.

            Sorrimos um para o outro e podia sentir toda a intensidade em seu olhar que quase chegava a me deixar constrangido.

            -Eu quero tanto te beijar agora... –Falei suspirando e ele assentiu.

            -Você tem algo de importante nesse horário? –ele perguntou e eu neguei. Tinha mais duas aulas, mas eu sabia que não iria perder muita coisa e eu não tinha nenhuma falta nessas disciplinas. –Ótimo, quer ir a um parque comigo?

            -Claro! –Respondi e saímos caminhando e conversando, o parque só ficava há umas cinco quadras dali, não era longe, e ainda mais quando se vai conversando o tempo passa rápido. Mas quando estávamos há duas quara caímos num silêncio confortável, Louis caminhava ao meu lado e ele parecia perdido em algum mundo criado por ele e sorri ao observá-lo.

            Assim que chegamos no parque eu o abracei e senti-o se aconchegar em meu peito, sorri e depois nos afastamos e selamos nossos lábios. Suspirei contra seu rosto o que o fez sorrir com nossos lábios unidos. Abaixei meu rosto e encostei meu nariz em seu pescoço, sentindo seu perfume e vi seus pelos se arrepiarem me fazendo sorrir.

            Apontei para um banco e nos sentamos lá, Louis pegou uma folha seca do chão e ficou observando-a.

            -Por que as folhas secas são mais lindas que as folhas vivas nas árvores? –Ele perguntou subitamente e franzi as sobrancelhas.

            E me vi sem resposta e ele virou o olhar para mim e dei um olhar suave com um começo de um sorriso.

            -Porque as folhas secas já passaram por coisas demais... são folhas vividas. Elas têm uma história. –Vi-me dizendo e Louis de um pequeno sorriso se encostando no banco em seguida ainda segurando a folha na mão.

            Ficamos observando um time de futebol que treinava no gramado perto de nós e vimos alguns deles serem arrogantes com um cara que limpava os equipamentos.

            -Aquilo é tão desnecessário... –Louis comentou tirando o olhar deles.

            -Sabe Lou... quando Niall te conheceu disse que te achou legal porque não era um daqueles caras que se achavam superiores e blábláblá. E agora te conhecendo como eu conheço e sabendo de tudo que passou fiquei pensando que como você não se tornou um desses, entende?

            Ele assentiu e deu um sorriso triste.

            -É porque quando você sabe o que é se sentir sendo atravessado por palavras maldosas, quando se é triste, quando se já está cheio de tudo e qualquer coisinha mais pode foder com tudo... você não quer que ninguém sinta o mesmo que você, porque você sabe como é... E sempre escolhi tratar as pessoas como queria ser tratado, é o certo, não é?

            Sorri em resposta e o abracei de lado e senti-o sorrir contra meu pescoço. E de repente eu via um Louis diferente. Ele não via, mas ele se importava sim com as pessoas, mas em um nível diferente. Ele sempre tentava entende-las antes de qualquer coisa... e acho que esse poderia ser a melhor definição de se importar. Ele sabia que cada um tinha uma história e que todos os dias lutavam por uma batalha invisível diferente da dele, mas que nem por isso era menos dolorosa ou difícil. Ele entendia. Ele se fazia acreditar que não via as pessoas, que não se interessava, mas é porque ele nunca via o externo, sempre olhava primeiro do que tudo para dentro e acabava nunca conseguindo entrar ou entendendo porque ele mesmo já era muito confuso.

            Abracei ainda mais –se era possível- Louis em meu peito e o vi lançar um olhar para mim sem entender muito bem aquele meu ataque de carinho, mas ele apenas sorriu em resposta e passou os dedos levemente por meu peito.

            -Você é incrível Louis, você é maravilhoso do jeito que é e nunca deixe te dizerem o contrário, porque quem te ama de verdade vê o que eu vejo em você... –Disse e depositei um beijo no topo de sua cabeça e pude senti-lo suspirar.

            -Obrigado Hazza... acho que isso foi uma das coisas mais bonitas que já ouvi de alguém e vindo de você... significa muito, tudo. –Ele disse olhando para mim e sorri afagando seu rosto. –Você é muito maravilhoso para mim.

            Sorrimos um para o outro e ficamos ali abraçados por um tempão observando algumas pessoas que andavam pelo parque, algumas crianças que gritavam longe enquanto trocávamos beijo e risadas, até que vi o já estava perto do horário do almoço e demos as mãos enquanto caminhávamos de volta ao campus. E eu adorava aquela sensação das nossas mãos dadas, parecia algo simples, mas era perfeito.

            Quando entramos no refeitório fomos direto fazer nossos pratos e quando nos viramos com as bandejas prontas avistamos um Niall acenando e com um enorme sorriso no rosto, ele parecia que poderia sair pulando a qualquer momento por ali, Liam e Zayn ainda não haviam chegado.

            Quando sentamos na mesa Niall nos observava minimamente cada movimento enquanto comíamos e riamos disso.

            -Niall, dá um tempo okay? –Comentei rindo enquanto tomava um gole do meu suco.

            -Desculpa Harry, mas olha vocês aí... –Niall não continuou a frase e fez uns gestos com as mãos e rolei os olhos. –Estou muito feliz por vocês, sério mesmo Louis.

            Louis abriu um sorriso enorme e sincero e agradeceu.

            -Me sinto parte de um clube secreto. –Ele sussurrou e rolei os olhos, Louis apenas riu.

-Quem diria hein Harry? Você namorando... e logo um cara tão legal como Louis. –Ele comentou e sorri olhando para Louis.

-Nah. Eu é que tenho sorte de ter Harry... –Louis disse sorrindo.

-Ah, parem vocês dois... –Niall disse cruzando os braços e fazendo uma cara engraçada, mas ainda sim com um sorriso brincalhão no rosto.

-Você vai encontrar alguém Niall... quando menos esperar. –Louis comentou e Niall assentiu sorrindo e voltando a comer.

Logo depois Zayn e Liam apareceram murmurando um “Ah, aí estão os sumidos.” Falando de mim e de Louis que fingimos indiferença e assim mais um dia se seguiu normal...

           

     


Notas Finais


xoxo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...