História Forced Marriage - JK (2° Temporada) - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Little Mix, One Direction, Park Bo-gum, Pentatonix
Personagens Avi Kaplan, Harry Styles, Jade Thirlwall, Jesy Nelson, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Kevin Olusola, Kirstie Maldonado, Leigh-Anne Pinnock, Liam Payne, Louis Tomlinson, Mitch Grassi, Niall Horan, Park Bo-gum, Perrie Edwards, Personagens Originais, Rap Monster, Scott Hoying, Suga, V, Zayn Malik
Visualizações 22
Palavras 1.390
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Esporte, Famí­lia, Festa, Hentai, Luta, Policial, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 4 - 4


Fanfic / Fanfiction Forced Marriage - JK (2° Temporada) - Capítulo 4 - 4

"Kaline On"

O raio que deu,iluminou toda a sala, me assustando de imediato. Tentei esquecer-me que lá fora chovia, prestando muita atenção no filme que passava na TV. Sinto Jackson se mexer no sofá, virando-se de costas para a luz da TV. Escuto outro raio,encolhendo-me no sofá. Mordi meus lábios, olhando pela janela da sala, a chuva caia forte lá fora, me deixando preocupada com o pessoal, que saíram com as crianças e até agora não voltaram.

Escuto batidas na porta, levantando rapidamente do sofá e indo até a porta,abrindo-à sem ao menos ver quem era. A silhueta de um homem se fez presente, ele se virou de frente para mim, dando um sorriso, enquanto colocava seus cabelos molhados para trás.

-Ooi, eu sou o Park BoGum, amigo do TaeHyung - disse sem tirar seus olhos do meu

"JungKook On"

-Ela não atende - disse deixando o celular em cima da mesa do estabelecimento, levando a minha atenção para as crianças, que se encontravam comendo uma mesa um pouco distante da nossa

-Não se preocupe, o celular deve estar em qualquer cômodo da casa ou sem bateria - disse Lais colocando sua cabeça no ombro do Jimin

-Eu não devia ter deixado ela sozinha - disse olhando a rua lá fora, aonde eu pude ver o céu ser iluminado por mais um raio - ela deve estar com medo - disse

-O Jackson está com ela JungKook - disse Kauane colocando sua mão em meu ombro, sorrindo em seguida para mim

-Verdade, Jackson está com ela - disse levando a minha mão até a da garota,sorrindo - Não devia me preocupar muito, não é? - ela assente, voltando a se sentar ao lado do Suga

Dei mais uma olhada para a rua, a chuva cada vez mais piorava, me deixando preocupado com as horas que iríamos embora. Suspiro, passando a mão em meus cabelos, voltando a me sentar ao lado da Sohye, que sorriu para mim.

(…)

Estaciono o carro na garagem de casa, tirando a chave do contato. Levo meu olhar para o banco do meu lado,vendo que Hyemi estava dormindo. Levei minha mão até seu ombro,chamando calmamente seu nome,vendo a garota abrir seus olhos, murmurro um chegamos e ela assente,olhando para o banco de trás, vendo Somin deitada no colo do Minkyung, que tinha sua cabeça no ombro da Sumin,que estava mexendo em seu celular.

Saio do carro,abrindo a porta de trás. Sumin tira o cinto de segurança, segurando com cuidado a cabeça do Minkyung, para que o mesmo não acordasse. Pedi que a menor saísse, pegando em seguida o Minkyung em meu colo. Logo vejo os outros carros sendo estacionados. Rapidamente Hoseok se aproxima de mim,pegando Somin do carro. Dou um sorriso, em forma de agradecimento,fechando a porta do meu carro.

Jimin abriu a porta de entrada com dificuldade, já que Jina dormia em seus braços. Todos rapidamente entraram para dentro de casa. Fechei a porta atrás de mim,levando a minha atenção para a sala, vendo Kaline sentada no sofá maior, e no outro sofá se encontrava um homem.

-O que você está fazendo aqui?- pergunto Hoseok segurando firme a cintura da minha filha,olhando furiosamente para o homem na sua frente.

-Eu vim visitar o TaeHyung - disse se levantando um pouco desajeitado,não tirando a sua atenção do Hoseok

-Visitar o TaeHyung? - pergunto Hoseok levando a seu olhar para o marido, que acabou se encolhendo por causa do olhar furioso sobre si - Vocês ainda conversam?- pergunto

-Mas nunca paramos de conversar - disse o homem confuso

-TaeHyung, você disse que não estava mais falando com ele - disse baixo - Você mentiu para mim esse tempo todo - Hoseok disse com a voz falha, deixando que as lágrimas caíssem sobre seu rosto - Você me fez de idiota esse tempo todo- disse

-Não Hoseok, eu iria te contar - disse TaeHyung se aproximando do marido,que se afastou

-Ia me contar quando? - pergunto Hoseok furioso - Quando você tivesse me traído novamente com o BoGum? Hein?- pergunto Hoseok

Todos que estavam na sala arregalaram seus olhos. Aproximei-me do Hoseok, pegando a Somin de seu colo e pedindo para que o mesmo se acalme-se.

-Eu não irei me acalmar, JungKook. O TaeHyung sabe muito bem que odeio mentiras- disse sério - Você já me traiu uma vez, eu te desculpei porque te amo, mas não aceito ser idiota duas vezes - disse fechando seus olhos, respirando fundo - eu quero me separar TaeHyung - disse seco

-O que?- pergunto TaeHyung pasmo

-Hoseok você não acha que está tomando uma decisão precipitada?- pergunto Kaline assustada com a situação

-Não, não estou - disse Hoseok

-Papai, por favor, não se separem - disse Sumin abraçando o Hoseok, deixando que as lágrimas molha-se a blusa de seu pai

-Antes de qualquer decisão, eu acho que devemos conversar antes - disse TaeHyung limpando as lágrimas que caiam em suas bochecha - se depois da nossa conversa, você ainda querer se separar de mim, tudo bem, mas não quero que tenha idéia errada de mim novamente - suspirou

Hoseok assente, se abaixando de frente a Sumin,dizendo que iria ficar tudo bem. Deu um beijo na testa da garota, logo passando por TaeHyung, indo em direção ao escritório. TaeHyung deu um sorriso fraco para a filha, logo seguindo seu marido.

"Hoseok On"

Passo pela porta,indo em direção a mesa de JungKook, parando de frente a ela, escutando a porta sendo fechada.

-Porque você ainda acha que eu te trai? - pude escutar a voz do TaeHyung, a mesma estava grossa - poxa Hoseok, eu pensei que já tínhamos conversado sobre aquilo. Eu não beijei o BoGum, não mesmo, é apenas uma montagem. Mas parece que depois de tanto tempo, você ainda não se esqueceu e não acredita em mim - suspirou - sabe porque eu ainda continuei a conversar com ele?- pergunto alterando seu tom de voz - Porque ele é o único que tem notícias da minha família, ele é o único que tem contato com meus pais. Você pode não perceber, mas eu sinto saudades deles. Eu iria te falar, iria te falar que ele estava vindo para cá, mas por causa da situação da Sumin,acabei me esquecendo. E novamente, iria sair como se fosse o traidor da história. Sei que fui errado por não ter falado que estava conversando com ele, mas te trair não é demais? O meu amor por você não mostra que eu nunca faria algo assim? - pergunto baixo - Eu nunca iria te machucar Hoseok, mas talvez você não saiba disso - fungou - Talvez você não me conhece, porque se me conhecesse, saberia que não iria te trair - TaeHyung

-TaeHyung eu…- disse com a voz falha

-Não Hoseok, quem não quer ouvir agora sou eu - disse ao ver eu me virando de frente para si - Você não acha que em um relacionamento devia ter confiança? - pergunto olhando friamente para mim - cadê sua confiança em mim?hein? - disse rude - se você não tem confiança em mim, porque ainda continua comigo?- pergunta

-Porque eu te amo TaeHyung - segurei seu braço - Desculpa por não ter acreditado em você, mas ver o BoGum me trás más lembranças do passado. Não deveria ter dito aquilo, não deveria ter dito que você tinha me traído, mas acabei soltando sem querer, eu estava inseguro - disse sentindo meu coração querer parar

-Porque você estava inseguro, Hoseok? - pergunto TaeHyung se aproximando de mim,limpando as minhas lágrimas

-BoGum é muito mais bonito que eu,e ele sempre gostou de você - respirei fundo - por isso que acreditei na foto que me mandaram de vocês dois. - eu

-Hoseok, você é muito mais bonito que o BoGum, disso você pode ter certeza - sorriu fraco - BoGum pode me amar, mas não é ele que está em meu coração - disse me dando um selinho - por favor, nunca mais desconfie de mim - disse sério

-Nunca mais irei desconfiar de você meu amor, nunca mais - disse abraçando forte TaeHyung, que correspondeu o abraço colocando sua cabeça em meu pescoço

Continua…

Desculpem a demora e pelo capítulo chato. Prometo melhorar e explicar melhor a situação do nosso V-Hope.

Por favor, não odeiem o BoGum, ele é uma ótima pessoa e irá ajudar muito nosso casal V-Hope. (Mesmo não parecendo isso no começo).

Bom, até o próximo capítulo ♡♡



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...