História Forced Marriage - VKook/TaeKook - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jungkook, V
Tags Bts, Jihope, Namjin, Taekook, Vkook
Visualizações 371
Palavras 934
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção, Romance e Novela, Slash, Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oláaaaa!
Aqui estou eu mais uma vez com mais um capítulo!
Aproveitem pra apreciar esse NamJin maravilhoso na mídia 😍

Boa leitura!

Capítulo 2 - Fui Pego!


Fanfic / Fanfiction Forced Marriage - VKook/TaeKook - Capítulo 2 - Fui Pego!

 - Então quer dizer que você ficou o esperando até agora e ele te tratou mal? - Jin questiona, sem também acreditar na audácia do meu, infelizmente, marido.

Desde que eles chegaram, parece que a casa ganhou um ar mais alegre. Seokjin fez algumas panquecas e aproveitamos pra pôr alguns assuntos em dia, já que não era sempre que eu os via.

- Pois é. Chegou aqui querendo dar um de educado mas depois ficou todo grosseiro, se achando a pessoa mais trabalhadora do mundo - reviro meus olhos.

- Talvez tenha sido apenas uma forma de defesa, pelo que você contou, também não foi muito gentil com ele - Namjoon comenta e Jin dá um tapa no braço dele.

- Não acredito que você está o defendendo! - Ele exclama.

- Não estou o defendendo, só to falando pro Tae que nem tudo é como ele vê. Vocês têm a terrível mania de achar que tudo que fazemos é uma forma de ataque - Nam explica.

- Tá chamando a gente de menininha? - pergunto, querendo zombar com a cara dele.

- Não, Tae - Ele ri - Tenta relevar um pouco, fazer amizade com ele vai melhorar bastante o convívio de vocês. Vai por mim. Não faz igual ao Jin que, quando me conheceu, quis me castrar.

O mais velho ruboriza e eu gargalho altamente. Bem que ele é desses mesmo. Auto-defesa acima de qualquer coisa.

Ouvimos um barulho no corredor e logo vejo o moreno com uma cara amassada, como se tivesse dormindo por horas.

- Boa noite - ele cumprimenta. Olho pro céu e vejo múltiplas nuvens, é… parece que vai chover.

- Boa… JungKook? - Namjoon se manifesta.

- Namjoon - ele sorri e o abraça.

- Aish, você não toma jeito, né. Já falei pra me chamar de hyung - O de cabelos roxo diz e bufa - Jinnie, lembra que eu havia comentado com você sobre um amigo meu de Busan que eu não via há anos? Então, é ele.

Arregalo os olhos. Só pode ser castigo mesmo. Agora ele vai sempre defender o JungKook. Que nome ridículo. Bufo em frustração e me abraço mais ao meu hyung.

- Namjoon falou bastante sobre você - ele sorri e aperta a mão do dongsaeng.

- Digo o mesmo. Perdi a conta de quantas vezes ele me acordava de madrugada pra falar de você - JungKook diz e Nam ri, envergonhado.

- Ok, não precisava ter me explanado, JK - JK? - Então quer dizer que vocês…?

- Infelizmente, sim - respondo e sinto o olhar do moreno sobre mim.

- Vou fazer o jantar - ele diz e vai pra cozinha.

- Jantem aqui, por favor - peço e eles assentem.

.

.

.

.

.

.


A primeira semana de convivência foi tranquila. Ele saía 6h de casa pra trabalhar na empresa do pai e só voltava às 17h. Eu, como era o único desempregado da casa, tinha que fazer o que um(a) dono (a) de casa faz. E sempre o encontrava debochando da minha cara por isso.

Mas, como nada é rosas, na segunda semana, a gente já começou a discutir por coisas que não concordávamos, como horários pra assistir televisão, ou bagunça. Mas, não é exatamente isso que tem me incomodado. É seus olhares nada discretos sobre mim. Quando estou fazendo algo, falando ou simplesmente o encarando parece que ele está me despindo com os olhos cada vez que faz isso. Aqueles olhos negros, felinos, brilhantes, que não te permitem desviar o olhar e te fazem suspirar.

Eu não acredito que estou dizendo isso. Mas seria mentira se eu dissesse que nunca me peguei pensando nele. Ele me irrita profundamente, porém mexe comigo de um jeito que nunca ninguém mexeu.

Mas às vezes gostaria de nunca ter pensado nele.

- Eu já falei mil vezes! Eu não sou seu empregado! Seu quarto pode ser uma zona, mas a casa toda não - reclamo pela milionésima vez.

- Ah, Kim. Não enche o meu saco. Foi apenas umas folhas no sofá - o moreno pega a chave em cima do balcão - Vou sair, não dá pra ficar em casa com você me perturbando.

- Vá a merda! - grito quando ele sai. Atrevido de uma figa.

Me sento no sofá e fico assistindo a um dorama qualquer que passa na televisão. E me encontro novamente pensando naquele idiota. Já estou de saco cheio desse garoto, se ele continuar agindo desse jeito esse casamento não vai durar nem um mês e… A porta do quarto dele está aberta.

Lembro que foi eu quem impôs essa regra; "Não invadir a privacidade do outro". Há uns três dias ele entrou no meu quarto e eu dei um soco nele, que, infelizmente, não foi no rosto. Mesmo que tivesse sido pra avisar que nossos - Mais meus que dele - amigos haviam chegado. Eu sei que não é legal ficar mexendo nas coisas dos outros, mas eu não consigo evitar.

Abro a porta do quarto e me surpreendo com o cômodo perfeitamente arrumado e extremamente cheiroso. Dou alguns passos pra dentro do quarto dele, sentindo mais do seu aroma e apreciando toda a decoração. Vejo em cima da cômoda um porta-retrato; uma mulher, muito bonita por sinal, um homem ao seu lado segurando sua mão, e na frente uma menina de cabelos dourados lisos e um menino com uma franja acastanhada e um sorriso de coelho. JungKook e sua família. Será que um dia eu irei conhec…

- O QUE VOCÊ ESTÁ FAZENDO AQUI?! - ouço sua voz soar e congelo.

Parece que fui pego.


Continua….


Notas Finais


Xiiii... E agora, Tae Tae? Como fugir de sua própria enrascada?
Obrigada por todo o apoio que estão dando♡ até o próximo capítulo!

XOXO♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...