História Forever - Capítulo 31


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Imagine Jimin
Exibições 40
Palavras 786
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Shoujo (Romântico)
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olha capitulo novamente♥ espero que gostem.

Capítulo 31 - Silêncio


Você e seu primo chegaram no hospital.

Por conta do que Jimin tinha falado, você estava nervosa. Confessou a si mesma que ficaria muito feliz em ter um filho. Mas não tinha certeza se estava pronta para ser mãe. Com certeza ia tratar seu filho com muito amor e carinho, mas claro que você tinha um pouco de insegurança. 

Você e seu primo sentam na sala de espera, aguardando serem chamados. 

Seu primo pergunta:

- Tá bom, por que está tão inquieta?

- Como você acha que eu deveria estar? Talvez posso estar grávida.

- Mas gravidez pode ser uma coisa boa (S/N).

- Eu sei. Mas mesmo assim não deixo de ficar nervosa. Será que eu tenho responsabilidade suficiente?

- Acho que sim. Você estava cuidando de si mesma na Coréia.

- Tem razão. 


Você e seu primo ficaram conversando por meia hora, até serem chamados. 

Você e ele entraram na sala de consulta e o médico pergunta:

- Então. O que vocês tem?

Seu primo responde:

- Não sou eu. É apenas ela. 


Você conta tudo que aconteceu nos ultimos dias. Seus desmaios. E sobre sua tontura e vontade de vomitar. E que agora estava se sentindo muito bem. 

O médico começa a fazer perguntas constrangedoras. Mas que você com certeza sabia que uma hora ia ter que responder.

Ele diz:

- Minha jovem, você é virgem?

Você respira fundo e responde com muita sinceridade:

- Não. 

O médico faz umas anotações e faz mais uma pergunta:

- A quanto tempo perdeu sua virgindade?

Você sente o suor em suas mãos. Mas não deixa de responder:

- Faz alguns meses. 

Ele pergunta:

- E você teve a relação sexual apenas uma vez?

Você responde:

- Não. Foi mais de uma.

- Com a mesma pessoa?

- Sim.

Ele escreve mais algumas coisas e continua com as perguntas:

- Quanto tempo faz que você teve a última relação sexual?

- A apenas uma semana.

- E você lembrou de usar preservativo?

- Não. 

Ele balança a cabeça e fala:

- Por favor. Me acompanhe a sala de exames. 

Seu primo fala:

- Posso acompanhar? 

 O médico responde:

- Pode sim. Vamos ser breves. Fazer um exame de sangue e um raio x.


Depois de todas aquelas chatices dos exames. Seu primo te leva pra casa de sua tia. 

Você ia pegar suas coisas para voltar a dua antiga casa. Ela ia estar tão vazia sem seus pais. Seu ccoração estava apertado. 

Seu primo. Gentil como sempre. Te ofereceu uma carona até sua casa. Você claro. Aceita. 

Chegando lá você o convida para entrar. Mas ele ia estar ocupado com coisas do trabalho. 

Assim que pôs os pés para dentro de sua antiga casa, seu celular começa a tocar. Era o Jimin.

Você atende:

- (S/N). Estou com saudades. Então. Foi no hospital? 

- Fui sim. Ele fez perguntas e me pediu para fazer uns exames também. Amanhã pego os resultados. 

- Entendi. Me prometa que vai dar notícias o mais rápido possível. 

- Eu prometo. 

- Estou ocupado. Liguei para saber como você estava. E também queria ouvir sua voz de novo. 

Você da um sorrisinho.

- Até amanhã então. Quando os resultados saírem. Te amo.

- Até. Também te amo.

E ele desliga. 


No dia seguinte de manhã. Você se arruma para voltar ao hospital. Seu primo ia passar para te buscar.

Ele chega um pouco mais cedo do que o combinado. Então,  vocês tomam café da manhã juntos. 

Depois que vocês terminaram ele te leva imediatamente ao hospital. 


Vocês não esperaram muito para serem atendidos. 

O mesmo médico do dia anterior aparece e fala:

-Tenho os resultados dos exames, mas eu quero conversar com ele a sós. - Diz o médico apontando para o seu primo. 

Seu primo diz:

- Tem problema você esprar aqui mais um pouco?

Você responde:

- Não. Pode ir.


Seu primo on*

Ele entra na sala no médico e diz:

- Por que precisamos conversar a sós? 

O médico responde:

- Porque preciso falar com você sobre sua prima. É um assunto sério. 

-Pode dizer.

O médico solta um suspiro e fala:

- Não sei se você percebeu, mas ela tem desmaiado muito ultimamente. Sim. Ela está grávida. Mas tem um porém. Ela engravidou e ficou sabendo da morte dos pais logo em seguida. Ou seja. Isso fez muito mal ao bebê. 

Seu primo diz:

- Ta mas não estou entendendo onde o senhor quer chegar.

O médico continua:

- A saúde de sua prima, está bem sensível. Ela não pode passar por mais nenhuma emoção até que o bebê cresca um pouco na barriga dela. Ou seja, ela não pode saber que está grávida. Pois se ela souber, pode ter o risco de perder o bebê. Você precisa cuidar dela. Prestar atenção para que ela não sinta excesso de emoções. Entendeu?

- Sim. Entendi. 

O médico fala mais umas coisas e te libera. 

Seu primo estava planejando em como fazer você ficar sem sentir emoções. 


Seu primo off*




Notas Finais


Bjs♥ espero que tenham gostado♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...