História Forever Me and You (HIATUS) - Capítulo 24


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Alfa, Jikook, Mpreg, Namjin, Ômega, Taeyoonseok
Visualizações 1.232
Palavras 1.139
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Nada a comentar sobre o cap de hoje...só vamo

Capítulo 24 - Capítulo 23


Fanfic / Fanfiction Forever Me and You (HIATUS) - Capítulo 24 - Capítulo 23

Continuação...


Quando chegamos na minha casa, nós fomos primeiro direto para o meu quarto onde guardamos as roupas do Jimin, já que ele ficaria aqui em casa por um tempo.


- Kook ?!- chamou-me.


- o que pequeno ?- perguntei acariciando seus fios .


- tens certeza que eu não irei incomoda-lo?- perguntou.


- já disse que não meu anjo, você nunca ira incomodar-me, e outra-abracei-o- eu moro sozinho, ter alguém comigo me fará bem, principalmente se esse alguém for você- falei- então não se preocupe.


- e como ficará a escola ?- perguntou-me.


- e só falar o motivo meu amor, eles irão entender perfeitamente, e também você é im ótimo aluno, fique tranquilo, os trabalhos que derem na sua sala, peço para nossos hyung's, me passem e os trago para você- falei.


- ok- aceitou- kook- chamou-me.


- sim ?- perguntei.


- estou com fome- falou, e suas bochechas coraram.


- que tal uma pizza hoje ?- perguntei  seus olhos brilharam, o mesmo assentiu freneticamente fazendo-me rir- ok então será pizza, do que vai querer ?

- podemos pedir metade !- falou



- pode ser, como será ?- perguntei.


- hum...-pensou- metade quatro queijo, outra metade cupuaçu, uma pizza doce faz bem as vezes– deu uma risadinha de seu próprio comentário, fazendo-me rir também.


- ok então- concordei- vá lá tomar um banho meu anjo, enquanto eu peço a pizza- falei.


- ok- ficou na pontinha do pé e deu-me um selinho, e correu para o quarto, e eu dei uma risadinha, logo pedi a pizza.


Estávamos eu e Jimin sentados no sofá, comendo pizza, Jimin comeu mais doce do que a normal.


- Kook- chamou-me.


- oi amor ?


- como é sua família ?- perguntou pegando-me de surpresa.


- bom, deixe-me ver- comecei a lembrar dos momentos em que eu ainda morava com meus pais e irmão mais velho- bom, dizem que eu tenho traços da minha Omma, e  tranquilidade do meu Appa, Omma é uma mulher muito bonita e alegre, sempre optou por ficar conosco, Omma engravidou cedo, por esse fato os pais dela não a aceitaram e a largaram, a sorte da Omma e que nosso Appa não pensou duas vezes em cuidar da Omma e do Hyung, os pais do meu Appa, aceitaram minha Omma como uma filha, meus pais sempre foram muito presentes na minha e na vida do Hyung- falei.


- como e a aparência da sua Omma ?- perguntou-me.


- Omma é uma ômega linda, tem cabelos longos bem escuros, sua pele branquinha, e tem lábios pequenos com um tom levemente rosado, e é pequenininha igual a você- falei.


- ei, eu não sou pequeno, as pessoas que cresceram demais- falou com um biquinho, fazendo-me morder o mesmo- Jeon !


- não da para resistir amor- falei.


- continua, como são seu pai e irmão ?- perguntou.


- Appa é alto, e forte, sempre muito companheiro, tranquilo, e amoroso, é um ótimo pai, o Hyung, bom, ele é um ótimo irmão, casou-se com uma ômega minha cunhada,  tenha um sobrinho, de 4 anos, uma graça aquela peste- nos rimos do  comentário sobre meu sobrinho.


- quero conhecer sua família- falou recuperando-se da risada.


- logo logo meu amor- dei-lhe um beijinho- vamos dormir, já esta tarde- falei e ele concordou- então vamos- falei.


- Kook- chamou-me e o respondi com um “hum ?”- me leva- estendeu seus bracinhos.


Dei uma risada, e o peguei no colo no estilo noiva, e fomos para meu quarto.


- boa noite meu anjo, te amo- dei-lhe um beijo, e ele abraçou-me mais forte na cama.


- boa noite meu príncipe, eu também te amo- log senti sua respiração ficar leve, logo constatando que ele já tinha pegado no sono, e eu fiz a mesma coisa.


~uma semana depois~


Já passaram-se uma semana que Jimin está na minha casa, e esta sendo maravilhoso, a companhia do Jimin alegra-me demasiado, neste exato momento estou saindo do mercado levando minha janta com a do Jimin para mais tarde, e falando com minha Omma no celular.


~ligação on~


- nunca vi, um filho tão ingrato, depois que come começou a morar sozinho esqueceu que tens família Jeon Jungkook ?- Omma dramática como sempre.

- logico que eu não esqueci de vocês Omma, só que estou focando no estudo, prometo ligar, sempre que tiver tempo.

- rum...mas enfim, como esta ai ?

- esta tudo maravilhoso, e na mais perfeita ordem Omma- falei- e outra tenho uma novidade para contar-lhe.

- o que ? Pelo amor de Deus Jeon, tu não me arranjou neto não né ? Olha eu ainda sou jovem...já basta o Shiwo ( meu sobrinho).

- não Omma, não arranjei-te neto, mas...

- mas o que Kook ?

- tu não diseste que queria eu arranja-se um genro para ti, pois então...

- AHHHH, MEU BEBÊ DESENCALHOU PORRA- gritou Omma- QUERIDO

~OI ?- ouvi meu pai gritar no fundo.

- NOSSO BEBÊ DESENCALHOU- Omma falou e eu ri.

~ O QUE ?, DA ESSE TELEFONE AQUI MULHER

- ai

- como assim Jeon jungkook, me explica isso, me diz, o que fizeste para algum ômega querer-te !

- obrigado Appa, adoro quando vocês acreditam no meu potencial para conseguir um ômega.

-bom...deixa para lá.

~ põe essa merda no viva voz cacete- Omma mandou.

- pronto mulher.

- qual o nome dele ?- perguntou Omma.

- Park Jimin.

- Hum...um nome lindo, ele deve ser maravilhosos falou Omma.

- e é

- querido prepare nossas malas, iremos para Seul.

- não, ele esta entrando no período do cio, quando acabar esse período, eu falo e vocês vem, e tragam o Hyung, minha cunhada, e meu sobrinho, quero toda a família aqui.

- ok, filho, até- falaram.

- até

~ligação encerrada~


Finalmente cheguei em casa, destranquei a porta e entrei, quando entrei não vi Jimin na sala, o que é estranho, quando eu chego ele esta na sala me esperando, fui na cozinha e guardei as compras, sai da cozinha e quando cheguei para subir a escada, um cheiro fortíssimo que fez meus pelos arrepiarem, invadiram minhas narinas, esse cheiro...Jimin.


Subi as escadas imediatamente, e quanto mais eu chegava perto do meu quarto, mas o cheiro ficava forte, cheguei a porta do meu quatro e ouvi...


~hum~...k-Kook~- porra


Abri a porta e no momento em que eu olhei para cama, fui ao céu e a o inferno ao mesmo tempo, Jimin estava completamente nú, tocando-se, senti uma fisgada no meu baixo ventre ao olhar a cena, Jimin olhou para mim...


- Kook, ta doendo~


Notas Finais


Primeiro: PELO AMOR DE DEUS, ABAIXEM QUALQUER COISA PONTUDA, OU QUALQUER COISA QUE CORRA RISCO DE ME MACHUCAR, TRAVISEIRO TAMBEM.

Segundo: ESPEROQUETENHAMGOSTADODESCULPEMPELOSMUITOSERROSEATESEGUNDA.

Terceiro: ~le correndo~ "EU AMO VOCÊS, NÃO ME MATEM".


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...