História Forever Me and You - Capítulo 36


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Alfa, Jikook, Mpreg, Namjin, Ômega, Taeyoonseok
Exibições 289
Palavras 735
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Álcool, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 36 - Capítulo 34


Fanfic / Fanfiction Forever Me and You - Capítulo 36 - Capítulo 34

P.O.V Jimin.


Sabe aquela sensação de que algo vai acontecer, mas você não está nem um pouco preparado ? Poiser, essa é a sensação que eu estou sentindo agora.


- ei filho, o que houve ?- perguntou Omma.


- não é nada Omma, como você, e minha irmãzinha estão ?- perguntei, e Omma sentou-se ao meu lado.


- estamos bem meu amor, sabe onde esta Jon ?- perguntou.


- foi para casa da Soo, o aniversário dele, e semana que vem, o que faremos ?- perguntei.


-também não sei, e difícil quando seu filho se torna adolescente, com você era mais fácil, um bolo e salgado já bastavam, mas Jon é tão imprevisível- Omma riu do próprio comentário.


- sabe Omma, eu fico pensando muito, será que eu serei um “Omma” bom para meus filhotes futuramente ?- perguntei.


- por que esta pergunta filho ?- perguntou Omma.


- tipo, aish Omma, assim...eu e Jeon já tivemos essa conversa, ambos queremos filhotes futuramente sabe, mas, eu tenho medo de decepciona-lo , tanto quanto ômega, quanto “Omma”, o Jeon e tão perfeito Omma- falei- tenho medo, de um dia ele perceber que me marcar foi um erro- falei, já querendo chorar, mas não vou, Jeon ira sentir, e eu não quero preocupa-lo.


- meu filho, você tem de ter, mais confiança em si mesmo, se Jeon o marcou, e deixou que você o marcasse também, e por que ele te ama mais que tudo, não são todos os alfas que permitem isso, você sabe o que significa quando um alfa deixa o ômega marca-lo ?.


- mais ou menos- falei.


- significa, que Jeon não quer ser seu dono, que ele não quer um ômega submisso a ele, ele quer que vocês dois tenham o mesmo direito entre ele e você, ele não quer que você, abaixe sua cabeça para ele, então fique despreocupado meu filho- falou Omma.


- o Appa, deixou você marca-lo ?- perguntei.


- sim, o marquei no ombro esquerdo- falou Omma.


- obrigado pela conversa Omma, me ajudou muito- falei.


- por nada meu amor, agora uma perguntinha- começou.


- o que ?- perguntei.


- quando é que você vai embora mesmo ?- perguntou.


- pelo amor Omma, quando eu começar a faculdade, expulsando o próprio filho de uma forma indireta, que feio Omma- ela apenas riu, e subiu para seu quarto.


Assim que a noite chegou, Appa também chegou do trabalho, e Jon estava no quarto dele, eu estava no meu, mexendo no meu celular, Kook não me mandou uma mensagem hoje, estranhei, mas ele deve esta muito ocupado.


Mexendo distraidamente no me celular, minha marca começou a coçar, e eu comecei a sentir um calor insuportável, estranhei logo, já que hoje esta muito frio.


Fui diretamente para o quarto da minha Omma, bati na porta, logo ouvi um “entra”, assim eu fiz.


- filho o que houve ? Você esta vermelho !- falou Omma.


- eu também não sei Omma, a minha marca esta coçando muito, e logo eu comecei a ficar com calor, Omma, o que está acontecendo ?- perguntei, ficava calor cada segundo mais.


- meu Deus, querido rápido, vamos para o carro, em direção a casa do Jeon, rápido- os dois saíram me arrastando, entramos no carro, e o Appa acelerou o carro.


- Omma, o que esta acontecendo, por que estamos indo para casa do Kook ?- perguntei, minha vontade era de arrancar minha roupa naquele momento.


- filho, me escute, seu alfa, acaba de entrar no cio- começou- quando chegar lá, ele apenas vai querer se satisfazer, não fale muito com ele, pois ele não vai ouvir, e sua vez de ajudar seu alfa filho- falou Omma.


- chegamos- avisou meu Appa.


- boa sorte meu filho- desejaram, eu agradeci e sai do carro, caminhando ate a porta da casa.


Mesmo eu estando um pouco nervoso, eu sentia uma vontade louca de satisfazer meu alfa, custe o que custar, peguei a chave reserva que ficava escondida, numa pedra falsa, que ficava na parede, e entrei, trancando a porta logo depois.


Nem deu tempo de eu virar-me, senti meu corpo ser prensado na porta, e o cheiro forte do Kook, invadiu minhas narinas.


- Kook- chamei o mesmo de forma manhosa.


- me perdoe se eu te machucar meu anjo- falou, sem eu ter tempo de falar qualquer Coisa, fui virado, e Kook atacou meus lábios rapidamente.


Notas Finais


ANTES, ESPERA, ABAIXEM TUDO O QUE PODE ME MACHUCAR, TRAVESSEIRO TAMBÉM, DEIXA EU DAR MEUS RECADINHOS FINAIS.

DESCULPEM PELOS (MUITOS) ERROS.
AMO VOCÊS 💞💞💞
ATÉ O PRÓXIMO.

AGORA SIM *SAIU CORRENDO*


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...