História Forever with you - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Suga, V
Tags Colegial, Drama, Ficção, Romance
Visualizações 3
Palavras 2.795
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Escolar
Avisos: Álcool, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Desculpem a demora para postar esse capítulo

Espero que gostem dele:-)

Capítulo 2 - Capítulo 2 Nem tudo é perfeito


Fanfic / Fanfiction Forever with you - Capítulo 2 - Capítulo 2 Nem tudo é perfeito

Forever with you 2° capítulo


Olho para a tela do computador, ele era bonito. E estava esperando minha resposta.

Kitaura - responde ele Nayeon! - fala me olhando confusa. Respiro fundo:

-será que ele é uma boa pessoa? - falo desconfiada. À muitas pessoas que querem mais que uma amizade, ou sejam sequestradores.

Kitaura - Deixa disso! Olha o rosto dele.... Tem cara de um garoto que é bonzinho. - fala babando, olhando pra ele.

-Ok, ok! Eu falo com ele. -começo a digitar no teclado.

Conversa on

Eu - O meu é Nayeon

Jimin - How! Que nome bonito  -vejo ele sorrir. Caralho que sorriso bonito, quero ficar observando esse sorriso o dia inteiro.

Eu -Obrigada! O seu também é bonito. Você mora aonde? -desperto do transe de seu sorriso.

Jimin- Estou em busan nesse momento.

-Busan!! Eu queria muito ir pra lá- falo me virando para kitaura.

Me volto a olhar para a tela, penso antes de enviar a mensagem.

Eu - Que legal eu sempre quis visitar Busan! Estou em Seul.

Jimin - Você é muito legal!

Faço uma Careta e o mesmo ri. Pela primeira vez, eu me senti uma pessoa normal que não tem pessoas ao seu redor falando ser seu amigo, por ser rica e inteligente.


Só uma garota qualquer...

Conversamos por várias horas, Kitaura ja estava dormindo me despeço de Jimin. Fecho o computador deixando ele no chão, deito ao seu lado adormecendo cansada.

Acordo com a mãe de Kitaura batendo na porta pedindo para nós levantarmos. Olho para o lado, Kitaura estava num sono profundo. A acordo e vamos juntas para a sala.

Kitaura - Bom dia Omma! - Sra. Nozomi sorri e vai pra cozinha.

-Kitaura você vai pra festa comigo né?

Kitaura- Sim claro! Iremos pra lá com o namorado da Jisoo, você conhece o Kim Nanjoon? -pergunta me entregando um copo de suco natural de morango e um pedaço de bolo num prato pequeno.

-Claro que sim, ele é um dos garotos mais conhecidos da escola. -pego o copo e o prato, me direciono para a mesa, coloco o bolo e o suco na mesa. Me sento e começo a comer.

Kitaura vem até mim e se senta na minha frente com um pão cheio de salame e queijo. Começa a comer.

Kitaura- Vamos começar a nós arrumar daqui a pouco, preciso achar uma roupa boa pra ir. Beleza? -morde o sanduíche em seguida.

-Tabom, depois de terminar aqui tenho que tomar um banho e fazer o cabelo.-Termino de comer, me levanto e vou para o quarto. Pego meu celular da escrivaninha, e me jogo na cama em seguida. Vejo minhas mensagens:


Mensagens on


Jisoo


-Eu e o Nam vamos te buscar pra irmos a festa ok?

-Ok  -respondo rápido pois ela estava online. Desligo me celular e fecho os olhos lembrando do que tenho que fazer agora, me levanto da cama e vou em direção à minha mochila onde estava minhas roupas para ir a festa.

Pego minha toalha e vou em direção ao banheiro, tomo um banho demorado pois ainda estava cedo.

Me visto, iria usar uma saia cinza com um casaco pequeno preto, na parte de baixo estava com uma meia calsa preta com listras brancas acompanhada com uma bota de cano alto preta.

Saio do quarto e vou até Kitaura que estava no sofá da sala usando o computador, acho que ela estava tentando comprar algumas roupas caras. Me sento ao seu lado no sofá, olho para a tela. Cara eu sou vidente! Eu acertei. Conheço ela muito bem, bem até demais.

Passa o horário muito rápido, eu e kitaura ja estávamos prontas. Esperamos o Nanjoon chegar com seu carro, mas enquanto isso eu estou assistindo TV com Kitaura e sua mãe.

Chega o Nam buzinando, nos despedimos da Sra. Nozomi. Vou até o seu carro, ele é filho de um empresário muito famoso. Isso explica a Rolls-Royce Phantom prata. Entro no carro me sentando no banco traseiro, pois jisoo estava no banco do passageiro.

Jisoo - Oi meninas! -diz sorrindo, aquele sorriso é maravilhoso.

Kitaura - Oi jisoo e Nam! Vocês são de que ano? Por que nunca os vi no corredor do 1°colegial... - Eu também tinha essa dúvida, eu quase não os via na escola.

Jisoo - Somos do 2° ano! E não saímos da sala por que não gostamos, é muita gente passeando num espaço.


Chegamos na casa do Kook, aqui que é festa.

-Casa grande! Vamos Kitaura, tenho que falar com uma pessoa. -Cruzo nossos braços e vamos em direção à porta da mansão do kook.

Abro a porta e entro com kitaura do meu lado. Logo me deparo com casais se pegando, pessoas bebendo, outras dançando como umas possuídas,já ia ir até elas e expulsar os demônios rapidinho.

Procuro o Kook, avisto ele conversando com o Jin e o Tae. Vou até eles.

Kitaura - Nay, eu vou pegar uma bebida e já volto - fala se distanciando, concordo com a cabeça.

-Oi meninos! Mas que festa é essa? Cadê a animação? Música alta, até explodir o som! -falo animada. Tava mesmo querendo ter uma diversão e bagunça.

Kook -Nayeon preciso falar com você... Mas em outro lugar. - Me puxa pelo braço devagar. Me leva até o jardim, onde tinha poucas pessoas andando e conversando.

-O que foi kook? -pergunto confusa. Olho para seus olhos, estavam me olhando, ou melhor olhando para minha boca. Ele se aproxima devagar, eu já sabia o que iria acontecer. Fecho meus olhos.

Jennye - O que você está fazendo Nayeon? Com ele... -Dou um pulo e me distâncio dele, olho para seu rosto que estava enfurecido.


Olho para o seu lado, Lisa sua melhor amiga.

Lisa- Kook o Jin está te chamando lá dentro. -olha pra mim com cara de nojo.

Kook -Ok... -Se distância de nos aos poucos, quando entra na casa Lisa avança em mim.

Lisa- O que você tem garota? Demência? Você sabe que a Jennye gosta dele, mas mesmo assim veio pegar ele. Você não tem um pingo de respeito pelo pensamento de outras pessoas? - começa a gritar comigo, eu já que não podia ficar ali parada ouvindo, tive que me proteger.

- Pra começar, eu não vim aqui pegar o Kook. Ele me chamou até aqui porque queria falar algo comigo, eu nem iria imaginar que ele tentaria ficar comigo. Então fica na sua, eu não encostei um dedo nele. E nem encostaria, ele é meu amigo e você também Jennye... -Olho para a sombra de jennye atrás da Lisa.

Lisa- Uma coisa você não falou, se você nunca ficaria com ele. Então por que não recuou quando viu ele se aproximando? E por que você levou um susto quando eu cheguei? Estava fazendo algo errado, escondido, que ninguém poderia saber. No fundo você queria beija-lo. -Anda devagar até chegar bem perto de mim e sussurra- Se fosse comigo eu nunca perdoaria essa pessoa, nem chamaria mais de amiga. Por que amiga é pra ajudar, não deixar de lado e que dane os interesses dela. - Vira de costas pra mim e sai andando com Jennye chorando, até entrarem na casa e sumirem no meio das pessoas.


Tae on

Nayeon estava aqui uns minutos atrás, foi com o Kook pra longe. Me despeço do Jin e vou até onde ficam as bebidas, Miyuki estava com sua amiga Sana e outras garotas que não conheço.

Pego uma bebida vodka, bebo tudo. Não consigo mais pensar em fazer nada, uma garota se aproxima de mim. Olho pra ela.

-Miyuki? É você? -coloco minhas mãos em seu rosto, é ela. A puxo para perto, para um beijo. Ouso a voz de uma pessoa gritando. Gritando o meu nome, me viro pra ver a pessoa que tinha me chamado.

Miyuki- TAE!! Eu não acredito, você ia beijar ela... - a tal garota eu reconheço a voz

-Miyuki! - vou até ela e a abraço, mas logo ela me empurra e caio no chão. Todos estão girando, eu estou ficando tonto. E acabo fechando os olhos para poder melhorar.

Tae off


Nayeon on

Entro na festa de novo, procuro Kitaura. Encontro ela, mas não em uma das melhores condições. Estava bêbada, dançando que nem uma louca. Vou até ela e a puxo pelo braço.

-Vamos temos que sair daqui Kitaura - falo puxando ela pela porta.

Kitaura - Calma ae eu nem dei meu grande passo final. -fala com voz de bêbada. Pedi pro Nam nos levar de volta, e lá estava ele no carro. Entro com Kitaura e logo ele dá a partida.



No dia seguinte.....

Acordo com uma dor de cabeça infernal, olho em volta estava no quarto de Kitaura. E do meu lado, estava ela. Me levanto cambaleando, vou até o banheiro me assusto com o que vejo no espelho. Estava com olheiras e com uma cara de idosa. Preciso ficar boa, pois amanhã tem aula.

Tomo um banho, e coloco um vestido cinza básico. Faço um coque no cabelo e pronto. Hora de arrumar esse rosto tenebroso. Pego todas as minhas maquiagens, e faço uma mudança radical no rosto.

Kitaura ainda estava dormindo, então resolvi ir à sorveteria. Pego minha bolsa e saiu de sua casa, começo a andar pelas ruas até chegar numa sorveteria próxima.

Entro e acabo me deparando com Lisa e Jennye comprando sorvete, me escondo atrás da parede. Ouso elas se aproximarem de mim, mas logo para os passos. Elas estão sentandas, conversando tenho ouvir a conversa.

Lisa - Não liga pra o que a Nayeon pensa, ou fez. Isso passou, ela não pegou o Kook, então você ainda pode pegar ele!

Jennye - Verdade! A Nayeon só pensa nela mesmo, é muito metida aquela garota. Aquela convencida, vou chamar o Kook pra sair hoje mesmo. Esfregar naquela cara de tapada que ela tem.

Lisa - Beleza, quando terminarmos aqui vamos até a casa dele.

Me distâncio da parede e começo a correr, bem longe da sorveteria. Me sento num banco da praça, para descansar.


Elas pensam que eu ligo pra isso, até parece. A Jennye pode ficar com tudo dele não estou nem aí.

Miyuki on

Estou em casa chorando, Tae estava pronto para beijar aquela garota.


Desde hoje de manhã ele não para de me mandar mensagem. Mas estou até agora ignorando, ouço a campainha tocar. Saiu do meu quarto, depois de lavar meu rosto.

Abro a porta e me deparo com o Tae segurando um buque de flores.

Tae - Me desculpe Miyuki, eu bebi muito ontem à noite. E achei que você fosse aquela garota, eu nunca iria te trair! -fala olhando para baixo, depois para mim. Essa história faz sentido, ele nunca fica bem quando bebe muito.

- Esta tudo bem Tae! Mas me prometa que não irá beber muito. -falo com dúvida. Ele sorri.

Tae- Eu prometo, obrigada Miyuki! Eu te amo! - me abraça derrepente. Retribuo o abraço dele.

-Eu também te amo.



Min Nayeon


Seul, 18/09/2018

É feriado, estou em casa. Olho para a TV, estava passando um filme que parecia até que legal. Só que não estava prestando atenção nele, com meu celular na mão falo com meu amigo virtual. Nunca o vi, mas nós comversamos como se fossemos amigos desde à infância.

Conversa on

Jimin - Você está bem? Comeu? Fez sua lição? Tem alguém te perturbando na escola?.... -como sempre se preocupando comigo. Começo a rir, ele fica fofo preucupado.

Eu - Eu to bem Jimin. Não precisa de tudo isso.... E por acaso, já está tudo pronto pra você vir aqui? Estou ansiosa! -falo com a voz um pouco alto, fazendo festa dentro de mim. Eu queria tanto conhecer ele.

Jimin - À sim! Está tudo pronto, só precisa chegar o dia que irei estar a caminho. Ficarei aí por 2 meses! - fala rindo do meu entusiasmo.

Eu - É bom mesmo você estar pronto. Eu tenho tanto a te mostrar...

Conversa vai, conversa vem. Passamos 3:00 horas na chamada, nem parecia. O tempo passa tão rápido.


Me despeço dele, desligo meu celular.

Desde o dia daquela festa na casa do Kook, ele vem falando que vai vir aqui pra poder me fazer companhia.

As pessoas da escola ainda andam comigo, eu perdi só duas amigas minhas. Elas eram tão legais, mas isso acabou por causa de um garoto.


Desligo a TV, recebo uma ligação. É o meu irmão Yoongi. Atendo na hora

Ligação

- Oi Yoongi! Você está bem?

Yoongi - Oi Nayeon, eu to bem. Só liguei pra te avisar que irei voltar pra casa no dia 13 do 11. Depois avisa pro papai tabom? Era só isso mesmo. Tchau mana!

- Tchau yoongi!

Saiu da chamada, deixo meu celular no sofá e vou até meu jardim. Ir lá e deitar na grama me deixa mais calma e relaxada.

Fixo meu olhar para as flores e as árvores.


-Porque tão longe Park Jimin?

Acabo adormecendo ali mesmo, olhando para o céu limpo e bem azul.



Min Nayeon


Seul, 14/10/2018

Acordo disposta para o dia, começo a dançar enquanto me levanto da cama e vou ao banheiro. Me arrumo toda feliz, primeiro dia que estou feliz em ir pra escola. Desço cantando e pulando pela escada, meu pai está numa viagem de negócios. Então irei comer sozinha, pego um pedaço de bolo da geladeira e um copo de suco.


Enquanto como pego meu celular, Falta dois dias para ele vir. Resolvo mandar mensagem pra ele, vai que ele não se lembra do dia.

Conversa on

Eu - Oi jimin!! Não se esquece o dia, depois de amanhã. Faremos tanta coisa quado você chegar! Não vejo a hora. - Ele não está online, desligo meu celular. E o deixo de lado, termino de comer.

Pego minha bolsa e meu celular, e saio de casa. Vou agora com minha melhor amiga, meu pai finalmente me deixou ir andando. Avisto Kitaura na frente do portão, vou até ela.

-Oi Kitaura! Vamos, não quero me atrasar! -falo entrelaçando nossos braços a puxando para o caminho da escola.

Kitaura - E aquele gatinho?! O garoto que conversa com você toda hora! Ele vai vir mesmo? - fala pulando de alegria. Rio de sua alegria, ela deve gostar dele. Toda hora pergunta sobre ele.

- Ele ta bem! Vai vir depois de amanhã. Só estranhei uma coisa...

Kitaura - O que? - me olha preocupada.

- Até agora ele não me respondeu.... Ele sempre responde na hora, desde de manhã ele nem leu a mensagem. -faço bico pegando meu celular, vendo se ele não respondeu. Nada...

Kitaura - Ele deve estar ocupado! Acho... - me puxa para correr pra escola, já mais à frente. - Vamos!! Se não vamos nos atrasar, daqui a pouco ele responde.


Passa-se o dia inteiro, e nada dele me responder. Estou voltando para casa, com meu celular na mão. Acreditando que ele esteja me escrevendo ou pelo menos lido as minhas mensagens.

Entro em casa, está vazia pois as criadas devem estar dormindo. Vou direto para meu quarto, me jogando na cama. Fecho os olhos, e acabo adormecendo.


Acordo com um susto no meio da noite, pego meu celular em cima da mesinha. Vou até o contato do Jimin

-ele não leu... -fico decepcionada, deve ter acontecido algo com ele. E eu não posso ficar aqui sem fazer nada.

Volto a dormir, com um plano em mente.


Dia seguinte...

Acordo com o barulho do meu despertador, vejo no relógio 5:00 da manhã.

-Perfeito, agora só colocar o plano em prática.

Levanto pegando uma mochila grande, vou até meu closet e pego varias roupas que seria preciso usar. Dobro e coloco tudo na bolsa, me viro para o relógio 5:20.


Termino de pegar as roupas e coloca-las na mochila, vou ao banheiro tomo um banho e coloco uma calça jeans com um casaco de lã cinza por cima de uma regata branca.

Pego minha mochila, meu celular e um bolsa pequena. Desço pra cozinha, pego salgadinhos, sucos e frutas para comer no caminho. Coloco tudo na bolsa, pego minha carteira com meu dinheiro e meus cartões.

- Acho que com isso eu vou conseguir!

Abro a porta da sala, saiu e olho para a rua. Deserta, não tinha ninguém. Chamo um Uber e espero ele chegar na frente de casa.

Quando o carro chega eu me sento no banco do passageiro.

Motorista- Para onde vai? - ajeita seus óculos

- Para o aeroporto!

Motorista - Ok. - liga o carro e me leva até o aeroporto. Primeira parte do plano concluída.

Ele me deixa na frente do aeroporto, pago ele e o mesmo vai embora em seguida.


Entro no aeroporto, fico esperando na fila para comprar a passagem. Quando chega minha vez a moça me cumprimenta com um sorriso maravilhoso.

Moça - Para onde?

- Para Busan! Por favor.

Moça - Claro! São $600,00 a passagem com ida.

Pego meu cartão e meu documento, e os entrego para ela.


Ela começa a digitar no computador as minhas informações, depois que preenche me entrega a maquininha do cartão, coloco a senha do cartão e depois o entrego pra ela.

Ela me devolve o cartão, o documento e o passaporte com a nota fiscal. Vou até o meu avião, iria sair daqui 20 min. Ligo meu celular para ver o horário, 6:30.

Entro no avião e vou até meu lugar, coloco minha bolsa em cima e me sento em seguida, olho pela janela.

-Estou indo Park Jimin!


Notas Finais


Obg 💜 por lerem. Postarei o próximo daqui uns dias.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...