História Forever Yours, Daddy. - CHANBAEK - Capítulo 21


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Jimin, Jungkook, Kai, Kris Wu, Lay, Lu Han, Sehun, Suga, Suho, Tao, V, Xiumin
Tags Baekyeol, Chanbaek, Drama, Exo, Hunhan, Kaisoo, Romance, Xiuchen
Visualizações 485
Palavras 1.945
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Lemon
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura❤️

Capítulo 21 - Criminals


Fanfic / Fanfiction Forever Yours, Daddy. - CHANBAEK - Capítulo 21 - Criminals

— Você não sabe o quanto você fica sexy com esse revólver na mão. — Chanyeol diz e me puxa para mais um beijo.

— Chan — Eu gemia — Nós precisamos voltar pra festa.

— Aish, vamos ficar aqui.

— Vamos logo — Saio do colo de Chanyeol e vou até o espelho dar uma arrumada em meu cabelo que estava uma bagunça.

Dei um jeito nos meus cabelos e nós saímos do quarto, algumas pessoas nos trombavam pelo o corredor, algumas bêbadas e outras nem tanto.
Voltamos para a festa e encontramos Taehyung.

— Chanyeol — Ele diz meio tonto. — Cadê o Jungkook?

— Eu não sei cara, você deveria saber, vai procurar ele.

— Você viu ele Baekhyun? — Taehyung diz.

— Ah, n-não vi não.

— Que porra, ele some do nada. — Taehyung diz e bate o copo na mesa. — Eu vou ir procurar ele.

— Vai lá — Chanyeol diz.

Respiro fundo e levo minha atenção até Taehyung, ele estava olhando para todos os lados a procura de Jungkook, eu sabia que se ele pegasse o Jungkook beijando outro cara, ia dar merda.
Taehyung é típico daquelas caras que não tem nada com a pessoa e acha que a pessoa só é dele e de mais ninguém.

— O que tanto você olha hein? — Chanyeol diz me puxando para o seu colo.

— Nada, só me distrai. 

— Ah — Chanyeol diz e me dá um selinho.

— Chan... acho que preciso te contar. — Falo em seu ouvido por causa da música que estava muito alta.

— O que? — Ele pergunta.

— Eu vi o Jungkook beijando outro garoto — Falo no ouvido de Chanyeol e ele me olha surpreso.

— Sério? — Ele diz. — Se eu fosse você eu rezava pro Taehyung não pegar ele fazendo isso.

— Eu realmente espero que não.

— Bom, mas nós não temos nada a ver com isso né? Isso é problema dele, vamos dançar. — Chanyeol diz.

Chanyeol me puxa para a pista de dança e segura forte em minha cintura, ele fixou o seu olhar nos meus e apoiei os meus braços em seus ombros, eu rebolava de acordo com a batida da música, e Chanyeol me olhava com um sorriso malicioso.

Nós estávamos dançando em uma vibe única, até que fomos interrompidos por um garoto que trombou Chanyeol.

— Presta atenção — Chanyeol diz, não perdia o hábito de ser ignorante.

— Desculpa cara, foi sem querer, não precisava dessa ignorância, seu grosso — O garoto de cabelo rosa diz.

— Me respeita moleque, você acha que é quem pra me chamar de grosso? 

— Prazer, sou Park Jimin, e eu posso te chamar de como eu quiser.

— É mesmo é? — Chanyeol diz.

— Calma Chanyeol, você não vai brigar por causa disso né, que besteira.

Chanyeol colocou a mão na cintura e deixou seu revólver a mostra na mesma, levando a atenção do garoto até a sua cintura, o mesmo olha Chanyeol assustado e engole em seco.

— Olha, eu já vou indo, desculpa por tudo — O garoto diz e sai rapidamente.

— Nossa Chanyeol, não precisava disso — Falo e reviro os olhos.

— Olha pra minha cara, eu não nasci pra aturar garotinho folgado não. — Chanyeol diz.

— Acho que foi esse menino que eu vi beijando o Jungkook.

— Se o Taehyung pega um abusado desse ele mata.

— Meu deus — Falo emburrado.

— Ah desculpa Baek — Chanyeol diz e me abraça.

— Vamos embora, eu tô cansado.

— Claro meu amor, vamos.

Saímos daquela festa e pegamos um táxi e depois de um certo tempo nos já estávamos em casa, Chanyeol pagou o taxista e nós saímos do carro, o bairro estava um silêncio por já ser 03h da manhã.
Entramos em casa e fui direto para o quarto, tirei os sapatos e deitei na cama.

— Nossa, está tão cansando que não vai nem tirar a roupa. — Chanyeol diz.

— Eu estou morrendo de sono Chanyeol.

— Então dorme — Chanyeol diz e me dá um selinho.

Depois de um certo tempo Chanyeol deitou ao meu lado e eu adormeci.
                  ♡♡♡♡♡

Acordei com a voz de Chanyeol falando no telefone, ele estava falando tão alto, parecia irritado, ele não costumava a falar assim no telefone.

— Tem que ser tudo direitinho pra não dar ruim Taehyung — Ouço Chanyeol dizer. — Tchau.

— Aconteceu algo Chan? — Falo ainda deitado na cama.

— Ah meu amor, me desculpe, eu te acordei né? — Chanyeol diz e se senta na cama.

— Não se preocupe com isso — Falo e Chanyeol sorri. — Mas o que houve?

— Eu só estava conversando com o Taehyung, nada de mais. — Chanyeol diz. — Vamos tomar café da manhã? 

— Vamos — Falo e me levanto da cama e vou ao banheiro fazer minhas higienes.

Depois de ter saído do banheiro desço as escadas e Chanyeol já estava lá em baixo, sentei na mesma e o mesmo colocou o café pra mim.

— Você quer sanduíche ou bolachinhas de chocolate? — Ele pergunta.

— Sanduíche.

— Acordou saudável hoje — Ele diz e eu dou risada.

Tomamos café juntos e depois ficamos conversando sobre alguns assuntos aleatórios, e depois fomos pra sala assistir TV.

— Eu tenho uma coisa pra você — Chanyeol diz.

— Sério? O que? — Pergunto curioso.

— Seu celular — Chanyeol diz e me dá uma caixinha.

Era um IPhone 7 na cor vermelha, era tão bonito e delicado, nem se comparava ao meu outro celular.

— Gostou? — Ele pergunta.

— Eu amei Chan — Falo animado. — Obrigado — Falo e abraço Chanyeol.

— Por nada meu amor. — Chanyeol diz. — Mas é o que eu te falei, você vai ter que usar com muito cuidado.

— Ok.

— Eu não quero você falando com os seus amigos ou com alguém próximo da sua família, isso pode me prejudicar, você pode usar pra pesquisar algo, ligar pra mim ou pro Taehyung, jogar ou outra coisa que não seja isso.

— Ok — Falo com um sorriso fraco.

— Eu sei que você sente muita falta da sua mãe e dos seus amigos meu amor, mas é só pra não ter problemas.

— Tudo bem Chan. — Falo e Chanyeol me deu um beijo na testa.

— Eu te amo, ok? — Chanyeol diz.

— Eu também te amo muito — Falo e Chanyeol me beija.
                 ♡♡♡♡♡

Passei a tarde inteira assistindo TV com Chanyeol, agora eu estava sentando na cama vendo alguns vídeos em meu celular e Chanyeol estava saindo do banho, até que vejo o celular de Chanyeol tocando em cima da escrivaninha.

— Chan, seu celular está tocando — Pego o mesmo e era Taehyung, e entrego a Chanyeol.

— Fala Taehyung — Chanyeol diz e sai do quarto, Chanyeol ficava muito misterioso quando Chanyeol ligava.

Decido ir atrás de Chanyeol escondido pra tentar ouvir o que ele estava falando com Taehyung, Chanyeol entrou na cozinha e eu fiquei ouvindo atrás da porta.

— Hoje as 23h? Ok, é naquela joalheria no centro, certo? — Ouço Chanyeol dizer. — Não esquece de trazer as toucas, até lá.

Chanyeol abre a porta imediatamente e ao me ver na porta ele se assusta.

— Você estava ouvindo por trás da porta Baekhyun? — Ele diz num tom bravo.

— Ah, não, eu só estava passando por aqui Chanyeol.

— Você quer mentir pra mim Baekhyun? Fale a verdade.

— Ok, eu estava escutando sim Chanyeol, me desculpe.

— Que coisa feia Baekhyun — Chanyeol diz e sai da cozinha.

Vou até a sala e o mesmo estava sentando no sofá, sento ao seu lado e ele me ignora.

— Desculpa Chanyeol, eu sei que isso é feio mas, foi só curiosidade, desculpa.

— Ok Baekhyun, o que você ouviu?

— Nem deu tempo de ouvir nada Chanyeol.

— Eu quero a verdade Baekhyun.

— Eu não ouvi nada Chanyeol.

— Eu sei que você ouviu eu falando  sobre o assalto no banco hoje. — Chanyeol diz e eu engulo em seco.

— Sim, eu ouvi.

— Então não minta pra mim. — Chanyeol diz e sobe as escadas.

Parabéns Baekhyun você não sabe nem ouvir a conversa alheia, que burro, subi as escadas e fui até o quarto, Chanyeol estava sentado na cama e eu sentei ao seu lado.

— Chan, me perdoa, você não vai ficar com raiva de mim por causa disso, você me ama ou não porra? — Falo alterado, eu já estava quase gritando.

— Você sabe que eu odeio esse tipo de coisa Baekhyun, eu odeio — Chanyeol diz.

— SÓ PORQUE EU OUVI VOCÊ DIZENDO QUE IRIA ROUBAR CHANYEOL? MAS PORQUE VOCÊ VAI FAZER ISSO? 

— PORQUE ESSA É A MINHA VIDA BAEKHYUN, EU SOU ASSIM, E SE VOCÊ QUISER FICAR COMIGO, VAI TER QUE ME ACEITAR ASSIM, PORQUE EU NÃO SOU BOM MOÇO BAEKHYUN. — Chanyeol grita e eu sento na cama, meus olhos estavam cheios de lágrimas, Chanyeol nunca gritou comigo daquela forma. — Me desculpa Baekhyun, eu perdi a cabeça, me desculpa. — Chanyeol diz passando a mão na cabeça. — Me desculpa — Ele diz e se senta ao meu lado.

— Não precisava gritar assim comigo.

— Me desculpa Baek, eu só fiquei nervoso — Chanyeol diz e me abraça. — Você sabe que eu nunca gritaria desse jeito com você. 

— Tudo bem — Respiro fundo. 

— Eu te amo Baekhyun, eu não suporto te ver chorando. 

Seco minhas lágrimas e Chanyeol me abraça novamente e depois me dá um beijo rápido.

— Então Baek, eu preciso ir agora, você quer que eu ligue pro Jungkook ficar aqui com você? 

— Não Chanyeol, eu não quero ficar aqui com ninguém, eu quero ir com você.

— Não Baekhyun, de jeito nenhum, você não pode ir comigo, é muito perigoso.

— Eu quero ir Chanyeol, por favor, me leva com você. — Falo e Chanyeol respira fundo.

— Ok, então você vai. 
               ♡♡♡♡♡

Já eram 23h e Chanyeol estava com uma calça jeans preta e um grande casaco preto, ele estava de luvas também, e pra finalizar, colocou o revólver em sua cintura.

— Está pronto? — Chanyeol pergunta.

— Sim.

— Então vamos.

Descemos as escadas juntos e fomos até o portão, Taehyung já tinha chegado, entramos no carro e Taehyung encarou Chanyeol.

— Está pronto?

— Sempre — Chanyeol diz.

— Porque o Baekhyun está aqui?

— Ele quis vir.

Taehyung acelerou o carro e eu estava nervoso, com medo de algo dar errado e prenderem Chanyeol novamente.
Pego um revólver que estava no banco de trás e fico olhando para o mesmo, eu estava me sentindo um criminoso ali, junto com Taehyung e Chanyeol.
Depois de um certo tempo chegamos na tal joalheria que já estava quase fechando, Taehyung colocou sua touca e Chanyeol também.

— Está pronto? — Taehyung diz.

— Sim — Chanyeol diz e pega seu revólver.

— Eu posso ir com vocês também? — Pergunto.

— Enlouqueceu Baekhyun? Você não tem experiência com isso. — Chanyeol diz.

— Pra mim, ele tem experiência até demais. — Taehyung diz.

— Eu consigo fazer isso Chanyeol, deixa eu ir com vocês.

— Deixa ele Chanyeol — Taehyung diz.

— Você vai ter que ameaças as moças, enquanto isso você pega as jóias, pega o quanto você puder, e se elas reagirem, você atira. — Taehyung diz.

Taehyung me dá uma touca e eu coloco a mesma, pego o revólver que estava no banco de trás e nós saímos do carro discretamente.

Nós entramos rapidamente na loja e Chanyeol já ameaçou as duas garotas que estavam lá.

— Não se mexe senão eu atiro porra! — Chanyeol diz e as duas moças levantam as mãos pra cima.

Taehyung e eu começamos a colocar as joias dentro dos sacos enquanto Chanyeol apontava a arma para as duas garotas, elas estavam em pânico.

Eu estava tremendo, eu estava muito nervoso, eu nunca tinha feito aquilo, eu nunca imaginei fazer isso um dia.

Peguei o máximo de joias que eu consegui e nós voltamos correndo pro carro correndo, Chanyeol veio pro carro e ele ainda apontava a arma para as duas moças, Chanyeol entrou no carro e Taehyung acelerou o mesmo.

— Conseguimos porra — Taehyung grita e Chanyeol ri.

Chanyeol pega as joias e coloca algumas, e Taehyung também.

— Quer se casar comigo Baekhyun? — Chanyeol diz rindo ao colocar um anel no meu dedo e eu acabo rindo também. 

Eu acho que não tinha percebido, mas depois daquilo, eu completamente já virei um criminoso junto com Taehyung e Chanyeol.


Notas Finais


Eita Baekhyun, quem te viu, quem te vê parte 2 skskkzasjssj.
Comentem aí oq vcs acharam❤️
Até o próximo capítulo❤️


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...