História Forget the past and live the future - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Alan Ferreira (EDGE), Felipe "Febatista" Batista, Felipe Z. "Felps", João Victor Negromonte Queiroz "Jvnq", Malena "Malena0202" Nunes, Marco Tulio "AuthenticGames", Rafael "CellBit" Lange, TazerCraft
Personagens Alan Ferreira, Felipe "Febatista" Batista, Felps, João Victor Negromonte Queiroz "Jvnq", Malena0202, Marco Tulio "AuthenticGames", Mike, Pac, Rafael "CellBit" Lange
Tags Cellps, Jelu, Jotina, Jvtista, Lobisomens, Malethentic, Maremy, Mexander, Mitw, Super Poderes, Vampiros
Exibições 20
Palavras 3.214
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Científica, Lemon, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Super Power, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Linguagem Imprópria, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oi gente!!
Eu sei que sumi,mas eu tenho motivos importantes:

1- Perdi o meu celular( mas agora estou com outro)
2- Estou sem tempo
3- Estou me dedicando mais aos meus estudos do curso e do colégio
4- Ás vezes tenho preguiça

Vamos ao capítulo!!
Boa leitura

Capítulo 10 - Do not make noise


-Desculpe me - falo e começo a me aproximar do mesmo enquanto espero minhas presas crescerem, quando elas estão totalmente a amostra, vou em direção ao seu pescoço e mordo. Não suguei seu sangue apenas injetei meu veneno, ele se contorcia um pouco pela dor que estava sentindo, retiro meus dentes de seu pescoço e me afasto do mesmo.

- Por que ?- ele pergunta assustado passando a mão no local mordido

- Foi necessário, você irá se transformar. Então só aceite que você é um vampiro, senão a dor pode ser insuportável - disse

- Como assim "a dor pode ser insuportável"? - quando ele termina de falar, o mesmo começa a se contorcer o fazendo cair no chão

- Essa dor, aceite a sua forma  de vampiro e será melhor para você. Precisamos de sua ajuda para enfrentar- los - digo e um dos vampiros me joga longe, me levanto e ele segura meu pescoço tento me soltar, mas foi em vão, de repente ele é jogado para longe, estou enxergando tudo embaçado, espero minha visão voltar ao normal olho para o lado é Alexander?! Está lutando com o vampiro e JP com o outro.

"Crak".

O barulho de 2 pescoços sendo quebrados e vejo que JP e Alexander mataram os vampiros só falta um, mas cadê ? De repente ele aparece e me joga longe, me levanto e corro em sua direção na velocidade de vampiro, passo me braço em volta do pescoço do vampiro, começo a quebra-lo, arranco sua cabeça e a jogo longe. Os 3 vampiros estavam mortos e os outros desmaiados.

- O que aconteceu ? - pergunta Tina se sentando e passando a mão em sua cabeça, pela sua expressão ela deve estar fraca.

- Ajudo- te a levantar - disse JP estendendo a mão para ela e a mesma segura fazendo ela se levantar

- Sei que é uma péssima hora para dizer isso, mas... estou com fome - disse Alexander

- Vamos, eu te ensino a caçar e JP cuida da Tina - disse e JP afirma com a cabeça

- Mas antes temos que tirar eles dali - disse JP apontando para os outros desmaiados

- Então vamos - disse Tina que começa a levitar o Felps, Cellbit , Pac e Mike, apesar dela estar fraca, até que está conseguindo. Continuamos levando todos para o centro do do acampamento onde está a fogueira que Alexander acendeu e finalmente levamos todos.

- Tina agora é com você - disse

- Mas antes temos que colocar todos de mãos dadas para que seja mais rápido - disse ela e assim fizemos, quando todos estavam de mãos dadas, JP e Alexander entram no círculo que se formou quando colocamos todos de mãos dadas

- Mel, você me ajuda - ela pergunta

- É claro - digo e damos nossas e começamos

- Cuta tods  los ferd, no le pedmnos - dissemos e uma luz começa a aparecer no ferimento de cada um, logo todos estavam curados menos Tina

- Por que só você não está curada ?- perguntei

- Posso até ter poderes, mas quando estou ferida ou doente não posso me curar ou ser cura por alguém, tenho que me curar com se fosse uma pessoa normal - disse ela

- Então quer disser que quando você está machucada ou quase morrendo...- JP é cortado pela Tina - Fico fraca

- Vem aqui Tina - digo e ela me segue até a tenda fechada onde se encontra o kit de primeiros socorros. Começo a passar o álcool para limpar seus machucados e ela se segurava para não gritar de dor, depois de limpar seus ferimentos começo a fazer curativos. Terminei os curativos, guardei o kit e saímos da tenda.

- João cuida da Tina, eu vou ensinar o Alexander a caçar - disse

- Okay - disse ele

- E fiquem de olho quando alguém acordar - disse e eles confirmaram com a cabeça

- Vamos Alexander - disse

- Vamos - disse ele e começamos a caminhar, quando estávamos bem afastados do acampamento

- Vamos começar a correr na velocidade de vampiro - disse e assim fizemos. Quando comecei a sentir o cheiro e ouvir um animal bem próximo de nos, parei fazendo o mesmo parar, faço sinal de silêncio e ele entende. Começamos a andar devagar e logo avistei um cervo.

- Ande bem devagar em direção a ele e não faça barulho, depois pule em cima do animal e se alimente - digo e assim ele faz, quando ele está bem perto do animal,  Alexander pula em cima do cervo quebrar seu pescoço e logo em seguida ele começa a sugar o sangue do animal, fiquei observando e percebi que o animal estava seco, sem uma única gota de sangue que tinha no cervo.

- Realmente, você estava com fome- digo

- Vamos voltar para o acampamento? - ele pergunta

- Sim, mas você tem que saber a partir de agora você terá que estudar na mesma escola que minha para pessoas sobrenaturais - digo

- Não sabia que existia um Colégio assim - diz ele

- É o Internato/Colégio New World - disse

- Esse é o colégio, já ouvir falar que ele é um dos melhores do país - diz Alexander

- Temos que avisar a sua família que você foi aceito no colégio New World - falo e ele afirma com a cabeça

- Antes de irmos para o seu acampamento, poderíamos passar no meu- disse Alexander

- Claro - disse e começamos a caminhar

Pov. Cellbit

Acordo e percebo que estou na barraca junto com o Felps, sento no colchonete e minha cabeça dói um pouco. Depois de um tempo sentado, minha dor de cabeça passa e saio da barraca, vi que Tina e JP estão virados de costas para mim olhando a lua, JP coloca o seu braço na cintura de minha irmã e a puxa para mais perto de si, eles estavam tão distraídos que nem perceberam que estava me aproximando.

- BUU - grito e os dois se assustam.

- Que susto desgraça - disse Tina com a mão no peito

- O que eu fiz? - digo chateado comigo mesmo e eles me olham com uma cara de "como assim?"

- Estraguei o momento Jotina, Cellbit seu idiota - digo para mim mesmo e sinto mãos quentes rodeando minha cintura

- Quer dizer que o sr.Pacgnam estragou o momento Jotina - disse Felps, que logo em seguida começou a beijar meu pescoço e dava leve mordidas no mesmo.

- Tudo bem que vocês se amam, mas aqui não - disse JP, deixando eu e o Felps corados

- Vocês são tão fofos juntos, ainda mais corados - disse Tina fazendo uma cara kwai

- Estavam curtindo essa lua crescente sem a gente, que feio - disse Malu se aproximando com Jeremy logo atrás

- Agora temos Jotina, Cellps e Maremy - digo e dou um selinho no Felps, de repente a Tina ficou com olhos brancos e arregalados, quando ela voltou ao normal não conseguiu ficar em pé.

Pov. Tina

Tive mais uma visão e vejo ela como se fosse em primeira pessoa,mas está tudo cortado em partes que não fazem sentido, volto ao normal só que isso consumiu muita energia minha e como estou fraca, já se pode até imaginar o que aconteceu. Minha visão está normal, mas depois de um segundo, tudo começa a ficar escuro e sinto meu corpo pesar.

- Tina - essas foram as últimas palavras que escutei, tudo ficou escuro e sinto alguém me segurar.

Pov. JP

A Tina está desmaiada, antes que ela caísse no chão eu a peguei.

- O que aconteceu com ela?- pergunta o Cellbit com cara de preocupação

- Ela está fraca - digo pegando ela no colo estilo noiva

- Agora me veio uma coisa na minha cabeça, com todos estão sem feridas menos a Tina? - perguntou Jeremy

- Ela pode até ter poderes, mas quando está ferida ou doente, ela não pode ser curada, tem de melhorar conforme o tempo e vocês estão assim por que eu e a Tina fizemos um feitiço - disse Mel surgindo no meio das  árvores junto com Alexander.

- Vou levar ela para a barraca - digo

- Antes que você a leve, o que aconteceu com ela? - pergunta Mel

- Ela teve uma daquelas visões e de repente desmaiou - disse Malu

- E os outros como estão?- perguntou Alexander

- Ainda não acordaram - disse

- Okay, Vamos descansar que são 01:50 - disse Mel olhando o celular, entrei na barraca e coloquei a Tina no colchonete, deitei ao seu lado e nos cobri.

- Tenha bons sonhos Tina - digo me virando para ela e acariciando seus cabelos cacheados e macios, como você me deixa louco, quero tanto experimentar o gosto de seus lábios, mas não sei se você sente o mesmo por mim e acabo por adormecer com esses pensamentos.

Pov. Malu

- Bem, boa noite para vocês, vem Alexander vamos dormir - disse Mel indo em direção a barraca e o Alexander a seguiu

- Eu e Felps estamos indo dormir também, boa noite pombinhos - disse Cellbit puxando Felps para a barraca

- Vamos dormir? Amanhã vai ser um longo dia - disse Jeremy

- Claro, Vamos - digo e entramos na barraca

- Boa noite Malu - disse Jeremy

- Boa noite - digo, me viro para o lado onde tem a "parede" da barraca e fecho os meus olhos, de repente  uma mão quente rodeia minha cintura e sinto uma respiração fraca em minha nuca, me viro com cuidado para não acordar o Jeremy e fico observando ele dormir, até que adormeço.

9 horas da manhã

Acordo com a claridade que atravessa o tecido da barraca, olho para Jeremy que me observa.

- Bom dia Malu - disse ele com um sorriso lindo no rosto

- Bom dia - digo retribuindo o sorriso, ficamos nos olhando por um tempo e começamos a nos aproximar cada vez mais, até que...

- Bom dia casal apaixonado - disse Cellbit fazendo com que nos afastarmos super corados

-  Nossa, eu só faço bosta - disse Cellbit colocando a mão na testa

- O que foi? Mor - disse Felps atrás do mesmo.

- Estraguei o momento Maremy - disse Cellbit

- Agora já foi, vem gente tomar café - disse Felps 

- Estamos indo - disse Jeremy, levantamos e saímos da barraca

- Bom dia pessoal - digo

- Bom dia Maremy - disse Tina

- Pelo visto já está melhor - falo

- Melhor do que nunca, linda - diz ela

- O que vamos fazer hoje? - pergunta Jeremy se sentando no tronco de árvore que está em volta da fogueira apagada.

- Vamos fazer uma trilha, Alexander conhece um ótimo lugar para irmos e fazermos um piquenique - disse Mel

- Mas e a Tina, ela está fraca - digo me sentando do lado do Jeremy

- Eu fico, podem ir se divertir - disse Tina

- Vou cuidar dela - disse JP com uma maçã na mão

- Se for assim, quero ficar com a minha melhor amiga - disse

- Também vou ficar - disse Jeremy

- Então, vamos colocar uma roupa confortável - disse Batista

- Eu vou arrumar uma cesta com algumas coisas dentro - disse Tina

- Eu te ajudo - disse e fomos para a tenda, pegamos a cesta e colocamos alguns pacotes de biscoitos, frutas, sanduíches, sucos e uma tolha de piquenique. Podemos até nos alimentar de carne crua ou de sangue, mas é bom comer outras comidas. Saímos da tenda com a cesta pronta.

- A cesta está pronta, aqui está - disse colocando ela em cima do tronco

- Pode deixar que eu carrego - disse Authentic

- Todos estão prontos ? - perguntou Malena

- Sim - disseram todos exceto eu, Tina, JP e Jeremy

- Okay, vamos - disse Pac e nos despedimos, eles foram em direção a trilha.

- O que vamos fazer? - pergunta Tina

- Que tal aproveitarmos esse calor e entrarmos na cachoeira - sugere JP

- Okay, mas vamos comer antes - digo e todos concordam, fomos em direção a tenda. Pego um sanduíche e um suco de laranja, Tina pega uma maçã e suco, JP pega o mesmo que eu e Jeremy uma maçã e sanduíche. Terminamos de comer e ficamos conversando sobre coisas aleatórias.

30 minutos depois

Ficamos esperando um pouco para não passarmos mal na água.

- Tina e eu vamos colocar os nossos biquínis e já voltamos - digo e cada uma de nós pegou seus biquínis e entrando cada uma em suas barracas, termino de me trocar e saio da barraca ao mesmo tempo que Tina.

- Já podem entrar para se trocarem - disse Tina e assim eles fizeram

- Adorei seu biquíni - disse Tina, estou usando um biquíni que a cor da calcinha é roxa e o top tem o fundo preto com várias flores roxas e brancas

- Obrigada, o seu é bem bonito- disse, ela está usando  biquíni que sua calcinha é azul e seu top tem o fundo branco com algumas flores azuis e laranjas. Os meninos saem das barracas.

- Vamos? - pergunta meu irmão que está usando uma sunga preta e Jeremy está com uma azul marinho.

- Claro - disse Tina e então caminhamos em direção a cachoeira, entramos na mesma, está um pouco fria a água, mas dá para suportar. Começamos a brincar jogando a água um no outro e Tina estava indo cada vez mais para o fundo.

- Tina onde você está indo ? - perguntei

- É que eu vi um brilho ali - ela aponta para as pedras

- Então vamos até lá - disse Jeremy, fomos até a Tina e estamos indo em direção as pedras onde é formado a queda da água.

- Olha - digo apontando para uma pequena fenda em uma rocha enorme

- Se afastem - disse Tina e assim fizemos, ela fechou os olhos, abriu os braços como se estivesse tentando abrir algo com dificuldade e fez com que a rocha se abrisse dando uma passagem favorável para passarmos.

- Vamos ver o que é - disse Tina, entramos na rocha e encontramos...

Pov. Pac

( Autora: Sim, eu fiz isso mesmo)

Estamos andando a muito tempo e até agora essa trilha não nos levou a lugar nenhum.

- Será que essa trilha vai nos levar a algum lugar?- pergunto

- Com certeza, você está cansado Pac ? - disse/perguntou Mike

- Um pouco - digo

- Olha gente - disse Malena apontando para  local lindo, ele é todo aberto e parece que tem um carpete de grama com vários tipos de flores

- Isso é lindo - digo

- Realmente é muito lindo - disse Cellbit

- Vamos começar o nosso piquenique - disse Authentic

- Vamos - disse Batista, fomos para o centro do campo florido, tiramos a tolha e colocamos a mesma no chão, arrumamos os alimentos e comemos. Terminamos de comer e ficamos aproveitando a paisagem onde está passando várias borboletas de cores alegres e chamativas. Uma das borboletas pouso em meu nariz o que me fez dar um sorriso ao sentir suas pequenas patas em meu rosto.

- É linda - disse Mike ao meu lado

- Sim, ela é - digo, a borboleta é preta e suas asas azul com detalhes pretos. Fico admirando a borboleta até que ela sai voando. Todos estavam afastados e só tinha eu e o Mike na toalha.

- Pac...- Mike me chamou

- Fala Mikaé - disse, ele gosta quando o chamo assim

- Quero lhe contar uma coisa - disse ele

- Pode contar, sou todos ouvidos - digo com um sorriso no rosto e ele retribui com um sorriso tímido.Ele pegou minhas mãos e olha no fundo dos meus olhos.

- Pac, desde de que te vi meu mundo ficou de cabeça para baixo, quando estou perto de você me sinto melhor, disposto e alegre, você é uma pessoa incrível Pac, mesmo que você seja de mais para mim quero que saiba que eu te amo - disse ele ficando um pouco corado, olhei para o mesmo com um sorriso no rosto, ele fica um pouco confuso e ataco seus lábios, ele me pediu passagem com timidez e cedi, nossas línguas pareciam dançar com o beijo de amor e necessidade. O ar acaba e mordo seu lábio inferior. Encostados nossas testas

- É bom saber que meu amor é correspondido - digo ofegante e ele dá um sorriso

- MITW IS REAL - gritou Cellbit

- Então já que Mitw é real...- Mike fala e pega uma uma pequena caixa em seu bolso, ele continua

- Quer namorar comigo? - diz ele abrindo a caixinha onde contém duas alianças.

- Mike, estou sem palavras... minha resposta é... SIM - ele abre um sorriso no rosto e me dá selinho demorado, depois do selinho pego em sua mão direita e coloco uma das alianças em seu dedo anelar, ele pega a outra aliança e coloca no meu dedo anelar da mão direita.

- Eu te amo Mikhael - digo encostando novamente nossas testas

- Eu também te amo Tarik - diz ele que logo depois selou nossos lábios em um beijo apaixonado, coloco minha mão em sua nuca para aprofundar o beijo e ele coloca a dele em minha cintura, quando ar acabou um fio de saliva estava ligando minha boca a de Mike.

Pov. Felps

- Que fofos - disse Cellbit com uma carinha muito fofa

- Cell - o chamo

- Fale felpopinha - disse ele olhando para mim

- Esquecemos de colocar nossas alianças -  disse

- É verdade, você está com elas? - disse/perguntou Cellbit

- Sim - disse tirando elas de meu bolso onde continha a caixinha com as alianças, abro a mesma, ele pega uma delas e coloca em meu dedo anelar, faço o mesmo com ele e lhe dou um beijo, minha língua explorava cada canto de sua boca e quando o ar acabou dei um selinho no mesmo, ficamos nos olhando por um tempo e pego sua mão entrelaçando nossos dedos, ficamos observando a paisagem por um tempo.

- Gente, vem ver - disse jvnq e fomos até ele, onde se encontra um precipício e lá em baixo tem gente acampando!?!

- O que é eles estão fazendo ali? - pergunta Batista

-  É proibido acampar ali, já que é um local que contém alguns animais perigosos lá em baixo - disse Alexander

- Vamos até lá - disse Cellbit

- Mas ele acabou de falar que é perigoso - digo

- Para as pessoas normais e nos não somos - disse Authentic

- Então o que estamos esperando, vamos descer - disse Alan

- Eu estou com um pouco de medo,mas tudo bem, eu vou- disse Maêthe e assim fizemos descemos com cuidado para não nos machucados

- Não façam barulho - disse Mike

- Não sabemos se eles são como nos ou não - disse Mel e começamos a nos aproximar devagarinho

Continua...


Notas Finais


Digam se está gostando e dêem opiniões para eu colocar no próximo capítulo.

Bjs e até o próximo cap!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...