História Forgotten Tales (Contos Esquecidos) - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Fantasia, Romance, Romantismo
Exibições 11
Palavras 459
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Ficção, Magia, Romance e Novela
Avisos: Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Capitulo de introdução da história. poderá ser modificado conforme o desenvolvimento da mesma.

Capítulo 1 - Contos Esquecidos


Fanfic / Fanfiction Forgotten Tales (Contos Esquecidos) - Capítulo 1 - Contos Esquecidos

Em tempos distantes, na era em que os deuses foram esquecidos e abandonados pelos homens, um lugar dominado por um tirano, o único mortal que matou um deus e reivindicou seus poderes e sua imortalidade. Chronus é seu nome. A única esperança desse povo, era uma antiga profecia, considerada por muitos uma história para dormir. Mas, uma minoria, uma pequena e minúscula fração desse povo, ainda acreditava que uma espécie de herói regressaria para a salvação de todos, juntamente com os 8 Sábios, os deuses dessa terra.

A cerca de 500 anos, desde a posse da Ilha dos Sábios por Chronus, e a morte de Lumos, um dos 8 Sábios, um velho Ancião da Alvorada do Sul, previu o nascimento de 2 crianças, que trariam a paz e derrotaria o tirano Chronus, restaurando a ordem e o equilíbrio em Arcelles. Com medo de perder o posto de um deus, e que tal profecia fosse real, o maligno Chronus ordena que jogassem todas as crianças e mulheres grávidas no Fosso Profundo. Indignado, Nostros II, o Rei de Siondor, abrigou todas elas no Norte, já que era protegida por uma antiga magia que os Primeiros Sábios lá lançaram com medo que algum dia tudo saísse do controle, teriam ao menos um lugar livre da mágica que regia essa terra. No Norte, não havia magias ofensivas, apenas magias brancas eram permitidas, já que eram voltadas a curas e ciência.

Os Primeiros Sábios, antes de se tornarem esses deuses, eram pessoas comuns, eram, nobres, camponeses, moradores de rua, qualquer um, se possuir uma propriedade rara em seu sangue, os Hectelions, formas de vida que são associadas a grande poder, teriam três escolhas em suas vidas, receber treinamento para a Legião do Crepúsculo, se juntar à equipe de treinamento para se tornar um Sábio, ou continuar seguindo sua vida normalmente. A cada 200 anos, testes eram feitos com aqueles que completavam o primeiro treinamento, e apenas 8 eram escolhidos e colocados em cargos importantes, 3 para a Legião, 3 para Supremo Conselho Arcano, 1 para Conselho dos Reis e 1 para aprender as habilidades dos Sábios, que mais tarde, seria este o substituto de um deles.

Aqueles que escolhessem continuar com suas vidas, eram diferenciadas das demais, se cometessem crimes, dependendo de sua gravidade, eram exilados nas Ilhas de Thorus, e apenas o Julgamento do Sábio da Justiça poderia retira-lo. Este sábio é Dhanna, a mais antiga dentre os 8, e a mais jovem em idade, e seus julgamentos são rígidos, e poucos voltavam de lá.

Embora considerem a imortalidade dos Sábios um castigo, quando eram substituídos, voltavam as suas cidades e compunham o Conselho dos Anciãos da Alvorada, que por sua vez, eram conselheiros dos reis, e buscavam novos aprendizes portadores dos Hectelions. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...