História Foudre - Capítulo 15


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Colegial, Magia, Romance
Exibições 17
Palavras 1.418
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 10 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Escolar, Ficção, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Ooi coisinhas,
Gente que amorzinho essa Clara não? Poise todo mundo quer ela gente minha amiga quer vender a irmã dela na OLX para comprar a Clarinha kkknem vou citar o nome né ~AudyWings, to prestes a criar um fábrica em que fabriquem várias da Clara Ross para distribuir pros leitores #PorMaisIrmãosIguaisAClaraRoss , beleza que comece o capitulo <3

Capítulo 15 - Explosão


Acordei com a Clara e o Rafael dormindo ainda então me levantei com cautela fazendo o mínimo de ruido possível mas vi um vulto preto então me deitei novamente junto com  Clara na tentativa de protege-la de algo vi claramente o Eduard parado na porta e já tive vontade de mata-lo ali mesmo mas lembrei que Clara estava aqui e que mesmo com todas as minhas tentativas nunca consegui mata-lo 

Ele riu, uma risada fria e maligna que fez o Rafael resmungar algo como ''Me deixa dormir'', o Rafa tem um sono pesado ou seja não acordaria fácil mas já Clara não ela acordou e gritou com a visão que teve do Eduard, eu tentei acalma-la em vão e ela conseguiu me surpreendeu me abraçando com a pouca força que ela tem

- Clara calma vai ficar tudo bem eu vou proteger você - eu disse correspondendo o abraço

- Que fofo Ana mas quem eu mato primeiro o garoto ou a criança? - ele disse continuando sua forma de assassino frio o que vez Clara se encolher de medo

- Nenhum Eduard... mas bem se quiser matar um deles vai ter que passar por mim primeiro - digo sussurrando para Clara acordar o irmão

Ela foi correndo para a cama do irmão e com um pulinho subiu em cima do ruivo e o sacudiu sem cessar até que ele se levantou com cuidado para não derrubar a pequena, ele não se assustou com Eduard porque pela menor acordar ele assim é que deve ter algo de errado acontecendo no momento 

- O que você quer Eduard? - Rafael peguntou 

- Talvez infernizar a vida de vocês- diz Eduard se aproximando 

- Clara vai pra trás de mim - diz Rafael se levantando e Clara vai para trás dele, ela é da altura da cintura dele

Rafael encarou o Eduard e eu peguei na mão da Clara e fui com ela para um canto do dormitório do Rafael onde estaria longe o possível para que Eduard não a atacasse enquanto o Rafael discutia com o Eduard até que o Eduard tocou a mão na testa do Rafael e com esse ato  fez cair de joelhos como se tivesse uma lembrança de algo ele gritou ''Corre'' e eu peguei automaticamente a Clara no colo e rapidamente ele se levantou e correu em direção aos quartos chamando o pessoal os únicos conseguiram correr da escola foram o diretor, Isabela, Zoe, Miguel, Bia, Jean, Lise, um garoto loiro que eu não conhecia e a Julia conosco quando saímos da escola gritando para correrem a escola explodiu atrás de nós levando todas as vidas que ali contia 

Eu e os outros fomos arremessados para fora pelo impacto, conferi se Clara estava bem e felizmente ela estava só desacordada mas tinha pulso e tudo, olhei para os lados com dificuldade e vi o Rafael descordado no chão com a testa sangrando, olhei para o outro lado e vi Miguel acordado tentando se levantar em vão pois estava com as costas machucadas e vi todos alguns desacordados e outros bem ativos tentando ajudar os outros eu senti meus olhos pesarem e os fechei sentindo o meu corpo amolecer por cima da Clara pois não larguei ela em momento nenhum

(...)

Acordei sendo carregada por Miguel que estava com uma cara de dor pelo o que se via em seu rosto, Clara não estava comigo ou seja fiquei inquieta para saber dela, tentei me soltar e o Miguel soltava grunhidos de dor toda vez que eu tentava fazer tal ato 

- Miguel - chamei

- Hm? - ele respondeu 

- O que você tem? Tipo toda vez que tento me mexer você..,

- Não é nada - ele respondeu ríspido

- Miguel me conta, não minta pra mim por favor 

- Machuquei as costas só isso - ele comenta evitando olhar para mim

- Ainda fala só isso posso ver como tá? - perguntei 

- Não 

- Depois vou convencer você mas e a Clara... o Rafael... estão bem? - perguntei me embaralhando nas palavras

- Clara ta acordada e pulando com o ursinho dela o Rafael ta bem só mancando porque por sorte não quebrou a perna foi uma pancada forte... e todos estão bem por aqui - ele comenta me olhando nos olhos e me perdi nos olhos dourados dele, nos cabelos platinados e seu sorriso cativante de ''esta tudo bem'' 

- E você e a Bela nesses últimos meses - sussurrei e ele riu 

- Provavelmente ela não gosta de mim - ele comenta sorrindo meigamente 

- Gosta sim tu é que não pergunta - eu disse - posso andar sozinha agora só quero ver a Clara e minhas amigas 

- Só pra avisar a Isabela não acordou ainda - ele disse triste e me soltando com cuidado no chão

Eu fui até a Clara ela estava saltitando com a sua pelúcia a Flor nos braços como se nada tivesse acontecido, ela estava aparentemente com leves arranhões nas pernas e nos braços, quando a pequena me viu veio saltitando até mim e pegando na minha mão

- Brigada Ana - ela me abraçou 

- Oh pequena não foi nada 

- Foi sim você me ajudou daquele cara malvado - ela disse sorrindo - meu irmão ajudou você?

- Sim ele falou pra todo mundo correr Clarinha - peguei ela no colo

- Você tem uma irmãzinha para brincar comigo? - ela pergunta com uma carinha pidona

- Tenho não mas considero você minha irmãzinha 

Ela me abraçou mais e eu a botei no chão pois preciso ver as meninas, fui até elas e vi Lisa, Julia e Bia conversando sérias, olhei para o lado e Isabela estava sendo carregada pelo pai o diretor, cheguei mais perto das garotas que sorriram ao me ver e correram para me abraçar

- Nossa cara quase morremos - diz Bia

- Não quero lembrar mais disso - diz Lisa

- Machucou o que Ana? - pergunta Julia

- Só bati a cabeça no chão e uns cortes leves no braço e vocês? - digo curiosa

- Cortes leves e uma queimadura de 1 grau na perna - diz Lisa

- Uma queimadura de 1 grau nas costas pois estavamos fora da escola quando explodiu então quase não tivemos queimaduras- explica Bia

- Alguns cortes e arranhões por quase o corpo inteiro - comenta Julia

- Que bom que ninguém se feriu gravemente - diz Isabela saindo dos braços do pai e ajeitando o seu cabelo rosa curtinho

- Poise - diz Lisa

Conversamos por quase o caminho inteiro batendo papo e contando novidades uma pra outra até que resolvo ir conversar com o Rafael pois precisamos agir como adolecentes de cabeça formada em relação a Clara pois temos que agir agora como irmãos dela ou até talvez pais se preciso não que eu goste dele pois na verdade não sei mas pela Clara nós temos que passar confiança e tranquilidade pois de alguma forma ela também está envolvida

- Rafael - o chamei e ele sorriu como resposta - sabe a Clara precisamos ser maduros perto dela meio que evitar brigas ok

- Eu sei ela nunca me viu brigando com alguém... quero poupar ela de ser um dsent - diz Rafael

- Como? 

- Ela é um dsent mas tipo... os dsents da luz são raros igual a ela e... os matam para obter mais poder - diz Rafael e eu o olho incrédula 

- Eu vou ajudar você com ela ok no que precisar... - sorri

- Obrigado Ana é uma responsabilidade e tanto cuidar dela - ele comenta suspirando cansado 

- Eu sei, toda criança é assim... bem quero dividir com você a responsabilidade pois sei que deve precisar de ajuda e uma figura feminina para ajudar acho que não vai mel né - comentei 

- Beleza mas mesmo assim obrigado - ele agradeceu 

- Por nada 

O diretor achou um lugar para acamparmos na luz da noite e expostos mesmo, o Miguel conseguiu fazer uma capsula de gelo puríssimo para nos proteger durante a noite e eu deitei perto do Rafa e da Clara, Clara fez questão de dormir perto de mim e do seu irmão e quem sou eu pra recusar um pedido dessa garotinha, ela ficou exatamente do meio entra nós dois e disse que queria que nós três fossemos parte da mesma família mas mal sabe ela que o Rafael me machucou profundamente e que isso ainda esta cicatrizando...

 

 

 

 


Notas Finais


E paah acabou
Saiu no dia certinho u.u
Beleza não to com cabeça pra notas finais
Fui!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...