História Roller Coaster - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Chaz Somers, Christian Beadles, Justin Bieber, Ryan Butler
Personagens Justin Bieber
Tags Bizzle, Chaz Somers, Christian Beadles, Imagine Belieber, Justin Bieber, Kidrauhl, Ryan Butler
Exibições 139
Palavras 2.974
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ficção, Magia

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


HEY GALEROUS, to de volta! Espero que gostem do cap!


Boa leitura shawtyes! 💛

Capítulo 8 - Bad Foreboding


        Jullien Hampel POV's

Chaz estava lá comigo, nada poderia estar pior, na verdade podia, até que eu vi Justin lá. Não era possível que aquele idiota depois de tudo que fez pra mim estava no mesmo ambiente que eu.

— O QUE ESSE IDIOTA ESTÁ FAZENDO AQUI CHAZ? SAI DAQUI IDIOTA! - gritei assustada por lhe ver ali -

— Calma Jullien, porque se… - o interrompi -

— Tu acha que eu devo ficar calma vendo a pessoa que - eu amo - está destruindo minha vida depois da merda daquele acidente? Pois deveria ter morrido, mas não, a retardada aqui teve… - me interromperam -

— Cala a boca caralho! - Chaz disse -

— Okay - murmurei baixo. Fechei os olhos, deitei na cama novamente e respirei fundo para não chorar -

— Chaz, preciso falar com você - Justin disse saindo do quarto e Chaz fez o mesmo Depois

Depois que eles saíram de lá não consegui ouvir nada, ficou silêncio total, e era assim que eu queria ficar, no silêncio. Odeio barulho
Depois de um tempo Chaz voltou, mas Justin não. Ele foi até o lado da cama e se sentou em uma poltrona.

— Onde está Justin? - perguntei curiosa -

— E porque você quer saber? - Chaz disse sínico -

— Vá a merda Chaz! - falei indignada -

— Ta preocupada com o Bieber é? - falou com um sorrisinho de lado -

— Qual é Chaz? Tu nunca foi de falar assim comigo! - falei tendo esperanças de ele me contar onde Justin estava -

— Ah Jullien, nem começa. - disse frio -

— Então ta bom, pode ir lá com seu amiguinho. Vai lá já que eu não sou nada pra você. - falei emburrada -

— Não fala assim, porque é claro que eu te amo! - disse fofo -

— Não me ama merda nenhuma, porque se tu me ama porque não convence o idiota do Bieber pra me deixar em paz? - falei e ele apenas se levantou e saiu da sala sem falar nada -

Okay, agora eu estou brigada com Chaz também, e eu nem tenho o número dele pra mandar uma mensagem de desculpas. Parabéns Jullien, você está premiada pra dar tudo errado na sua vida. Passaram-se 10min e eu estava ali, sozinha. Como eu iria pra casa sem dinheiro, nem celular? Eu posso ser morta pela segunda vez em menos de uma semana. Ta certo que fui grossa tanto com Justin quanto com Chaz, mas eu quase fui estuprada, fora o lindo corte que estava em meu pescoço.

Logo ouço o barulho da porta se abrindo, eu estava com os olhos fechados e nem os abri pra ver quem era. Não ouvi nenhum barulho, apenas fiquei estática, logo sinto alguém beijar minha boca. Merda, pensei.

        Justin Bieber POV's

Depois de uma certa discussão com Jullien apenas chamei Chaz para vir falar comigo.

— O que foi Dude? - disse Chaz em minha frente -

— Quero Jullien sozinha. - falei simples -

— Não, cara. É mais fácil vocês se matarem ao invés de ter uma conversa civilizada! - disse irônico -

— Por mim cara. E por mais que eu odeie admitir isso tudo foi minha culpa, me deixe pedir desculpas a ela! - insisti -

— Tudo bem, logo volto. - falou indo em direção ao quarto onde Jullien estava -

Comemorei mentalmente e fui até a floricultura que havia ali perto. Comprei um buquê de rosas vermelhas, senti meu celular apitar e era Chaz me mandando uma mensagem avisando que Jullien já estava sozinha. Comemorei mentalmente e entrei no hospital em direção ao quarto onde ela estava. Entrei no mesmo sem fazer muito barulho e cheguei perto de Jullien, depositei um selinho em seus lábios e ela logo abriu os olhos.

— O que você pensa que está fazendo? - disse assustada -

— Estou lhe trazendo de volta pra mim de novo - falei dando um sorrisinho de lado. Peguei o buquê de rosas e me ajoelhei -

— Ah Justin, levanta daí! - disse revirando os olhos quando viu eu se ajoelhando -

— Jullien, você me desculpa? - falei segurando sua mão -

— Desculpo, mas com uma condição! - falou séria e eu assenti - Você terá que me deixar ir para minha casa!

— Porra Jullien, você sempre estraga tudo! - falei irritado -

— Não é isso Justin, é que estou com saudades da minha casa, meus pais, minha vida normal! - disse com os olhos marejados -

— Não vou te deixar ir embora Jillien! - falei tentando me acalmar, por mais que fosse impossível -

— Justin, você não manda em mim! - falou óbvia -

— Ah, pelamor Jullien. Você prometeu que iria me ajudar!

— Prometi e vou cumprir! Mas você tem que me deixar ir para minha casa! Daqui 4 dias meus pais estão de volta e eu estou com muita saudade  deles! Eu estou a duas semanas sem falar com eles! Mas é que você não me entende, você nunca passou por isso mesmo..

— Não fale isso, porque você não sabe nada da minha vida! Você acha que é fácil pra mim conviver com eles bem mais longe de mim por muito mais tempo?

— Eu não falei que achava fácil, só…

- Chega Jullien, você vai me ajudar separar Paige de Logan amanhã e um dia antes de seus pais voltarem te levo pra casa. Assunto encerrado!

— Tudo bem, mas agora me dá seu celular pra mim ligar pra eles!

— Não!

— Sim!

— Não!

— SIM!

Peguei meu celular e entreguei para ela. (…) Depois de um tempão de ela falando no celular com muito choro e melação ela desligou o celular e me entregou chorando.

— Isso tudo é saudade? - perguntei com uma sobrancelha arqueada -

— Sim! - disse ela limpando as lágrimas -

— Tudo bem, não comprei essas flores pra nada - falei e ela começou a chorar de novo - Chorando de novo Jullien?

— Desculpe. - murmurou - Obrigada!

(…) Depois de um tempo o médico chegou e disse que Jullien já poderia ir para casa. Depois de estarmos no carro e eu dar partida percebi que Jullien estava com o moletom de Chaz

— Jullien, posso saber o que está fazendo com o moletom do Chaz? - perguntei a fitando -

— Vestindo? - disse óbvia -

— Não se faça de desentendida! - falei sério -

— Ele não foi na sua casa aquele dia? Então, ele esqueceu lá e eu achei bonitinho e vesti hoje! - falou simples -

— Você ficou com Chaz? - perguntei desconfiado -

— Não vou mentir. Assistimos filme juntos, mas não se preocupe porque não aconteceu nada okay?

— Se você estiver mentindo Jullien, irá se arrepender!

— Não estou mentindo!

— Acho bom...

         Jullien Hampel POV's

                       (…)

Depois de chegarmos em casa fui para meu quarto e Justin para o dele. Tomei um banho quente e fui deitar, logo peguei no sono.

                       (…)

Acordei com o sol batendo em meu rosto, levantei e fui ao banheiro, fiz minhas higienes e logo sai. Desci as escadas e me deparei com Chris e Ryan na sala.

— Bom dia! - disse sorrindo fraco -

— Bom dia! - disseram juntos -

— Está melhor? - Chris disse e eu apenas assenti -

Entrei na cozinha e procurei alguma coisa pra comer, achei cereal, coloquei um pouco em uma xícara com leite e sentei na mesa, enquanto estava comendo Chaz entrou na cozinha, veio até mim e me deu um beijo na bochecha, eu estranhei sua atitude

— Me desculpe por ontem, é que eu tive que sair de lá por causa que Justin quase me obrigou! - disse e nós rimos -

— Como assim? - perguntei confusa -

— Não importa! Então, você está melhor?

— É… Sei lá

— O que foi que aconteceu dessa vez? - perguntou me fitando -

— Nada.. - falei de cabeça baixa -

— Aconteceu sim, vai Jullien, conta! - insistiu -

— Justin não quer que eu vá pra casa! - falei triste -

— Desculpe, mas quanto a isso não posso fazer nada!

— Tudo bem... Só, estou com um pressentimento ruim.

— Tudo vai ficar bem princesa! - disse e levantou me abraçando -

— Linda cena! - alguém disse entrando na cozinha batendo palmas, era uma voz que eu conhecia, era Justin -

— Qual é Drew? - Chaz disse e nós se afastamos -

— Cala a boca Chaz. E Jullien, você vem comigo - Justin disse pegando em meu pulso e me arrastando para as escadas. No começo resisti, mas depois me comportei -

Chegamos até o quarto de Justin, entramos e ele trancou a porta.

— O que você quer? - perguntei tentando parecer séria -

— Conversar! - ele disse se aproximando de mim -

— Fala logo então - falei me afastando -

— O que ta rolando entre você e o Chaz? - perguntou e chegou mais perto de mim -

— Nada! - falei óbvia -

— Então porque que vocês estavam se abraçando na cozinha?

— Qual o problema da gente se abraçar? Eu só estava contando que estava com mal pressentimento e ele me abraçou, só isso!

— PORQUE NÃO É O QUE PARECE! - gritou irritado -

— Você viu a gente se beijando por acaso? NÃO, então não ta rolando NADA! Até porque a única pessoa que eu beijei aqui nessa casa é você

— Acho bom mesmo!

— Ta mas mudando de assunto,eu já bolei o plano pra separar Logan de Paige, e vamos ter que fazer isso hoje!

— Tudo bem, agora fala aí qual o plano!

                      (…)

Depois de eu contar todo o plano pra Justin e ele concordar descemos as escadas e fomos até o escritório com os meninos, chegando lá contamos todo o plano pra eles.

— Ta, mas quem vai ser a garota que vai pegar o Logan? - Chris disse -

— A Jullien! - Chaz disse rindo, olhei para Justin e percebi que seus olhos estavam negros de raiva -

— Não, eu não da porque vou ter que ficar com Paige - disse óbvia -

— Eu só estava brincando! - disse parando de rir -

— Acontece que agora não é hora de brincadeirinhas! - falei séria -

— Chega de showzinho vocês dois porra! - Justin disse irritado -

— Justin, e aquela puta que você pegava ano passado? A… Stacy? - Ryan disse -

— É, pode ser ela mesmo! - disse com um sorrisinho que posso dizer malicioso - Vou ligar pra ela agora mesmo!

                      (…)

Depois de Justin ligar para a tal de Stacy que como o Ryan mesmo disse "puta" me deu até nojo. Não quero fazer Paige sofrer, mas ela tem que se separar de Logan, e como sou sua melhor amiga sei que ela nunca perdoaria uma traição! E vai ser isso que vou fazer acontecer, mesmo não querendo...

                         (…)

A Stacy concordou em nos ajudar e eu já havia falado com Paige para nós irmos em uma boate e um segurança do Bieber iria buscar ela pra ela vir aqui e nós se arrumar para irmos juntas.
Estávamos todos na sala sentados no sofá assistindo televisão, e quando ouvi o barulho da porta se abrindo meu coração acelerou e eu pulei do sofá, abri a porta e corri para abraçar Paige, ela era minha melhor amiga, eu precisava tanto de um abraço. Entamos em casa abraçadas e todos ficaram nos olhando, até que resolvi me pronunciar.

— Então gente, essa é a minha amiga, Paige! - ela sorriu e todos falaram um "oi", logo eu a puxei em direção as escadas -

Depois de eu já ter contado tudo o que estava acontecendo pra ela e nós já prontas descemos as escadas e os garotos já estavam na sala prontos, eles olharam para nós praticamente babando. Eu corei e abaixei a cabeça, não gostava de usar esses vestidos curtos e colados. Na verdade eu era bem diferente de Paige, ela tinha um corpo lindo, escultural, e eu ao contrário. Ela era extrovertida, e eu tímida. Ela um cabelo bonito, de botar inveja em qualquer mulher, e o meu nem bonito era. Então já viu né… tenho certeza que nenhum dos quatro estavam olhando para mim. Olhei para todos, e percebi que apenas Justin olhava pra mim, mas o que mais estava caidinho pela Paige mesmo era o Ryan! Ri baixo ao ver a cena e saí em direção a porta, e eles ficaram admirando Paige e nem devem ter percebido que eu sai de lá. Até que sinto um puxão em meu braço, era Justin.

— O que você quer? Porque não fica lá com eles comendo a Paige com os olhos também? - perguntei com os olhos marejados -

— Não vai chorar de novo, vai? O que aconteceu? - perguntou chegando perto de mim -

— Nada. - Falei deixando uma lágrima cair sem querer -

— Jullien, não minta para mim, porque se não houvesse acontecido nada você não estaria chorando!

— É esse pressentimento ruim, Justin - falei me desabando em lágrimas -

— Vai ficar tudo bem, não vou deixar que nada de ruim aconteça! - disse e me abraçou forte -

— Obrigada - sussurrei e ele se afastou de mim e depositou um beijo em minha bochecha -

— Vamos chamar o resto do povo? - perguntou indo até a porta e eu assenti - Vamos povo! - falou em voz alta e todos levantam saindo de casa -

— Ela tem namorado, garotos! - disse e todos rimos -

Se dividimos nos carros e fomos até a boate, ela estava lotada! Quando entramos eu fiquei meio encolhida e sem saber o que fazer pois quando entramos lá praticamente todos olharam para nós. Fiquei meio pra trás, pois havia muita gente e odeio esbarrar nas pessoas, senti alguém ficar perto de mim em envolver um braço em minha cintura, olhei para o lado e vi Justin.

— Fica perto de mim - falou em meu ouvido e eu assenti -

Fomos até a parte VIP e sentamos todos em uma mesa. Estava apenas eu tomando energético, o resto tudo whisky, vodca e essas bebidas.

— Não vai beber, Jullien? - Chaz perguntou e todos olharam pra mim. Fiz com a cabeça que não e pude perceber Justin dar uma risada fraca -

— Qual o problema se não acho graça em tomar essas bebidas ruins e amargas? - falei para Justin -

— Nenhuma - disse se rendendo e eu apenas assenti -

— Vamos dançar, galera? - falei levantando e todos levantaram também -

Chegando a pista de dança eu e Paige começamos dançar loucamente ao som de Work From Home. Olhei para os lados e vi Chaz se pegando com uma loira em um canto, Chris com uma morena e Ryan e Justin não vi, até que vejo Ryan dançado com Paige, achei eles tão fofos que até me afastei um pouco. Eu estava andando até a área VIP novamente até que senti alguém me abraçar por trás, era um cara que eu não conheço, ele cheirava álcool e estava bêbado, tentei me afastar mas foi uma tentativa falha. Ele tentou me beijar a força mas não teve muita sorte pois eu mordi seu lábio, e o mesmo começou a sair sangue. Ele me segurou mais forte ainda conta seu corpo e eu tentava me soltar, meus olhos estavam marejados e eu me segurava pra não chorar, até que sinto ele ser puxado com força e eu me assustei. Justin havia lhe derrubado no chão e estava lhe dando vários socos no cara, ele recebeu alguns socos também e seu nariz estava sangrando. Eles iriam se matar se ninguém os separasse. E ninguém fazia nada para separar eles. Corri até o Chaz, o que estava mais perto de mim no momento, eu já chorava mais do que nunca

— Chaz, Chaz por favor. O Justin… me… ajuda… - não consegui mais falar, o choro era muito forte, apenas peguei seu braço e guiei ele até onde Justin estava. Também chamei Ryan e Chris, eles logo chegaram lá e separam os dois -

Depois de sair ainda cedo de lá Justin já havia se acalmado e eu e Ryan estava ajudando ele entrar no carro, até que ouço Paige vindo correndo e chorando até mim, ela chegou e me abraçou.

— O que aconteceu? - perguntei assustada -

— O Tiago… ele ta me traindo, Jullien. - disse e chorou mais ainda -

— Calma, calma. Ele não te merece amiga. E você dorme na casa do Justin hoje, tá? - perguntei e ela assentiu -

                     (…)

logo chegamos em casa eeu fiquei um pouco no quarto onde Paige dormiria e depois fui para a sala e vi Justin tentando limpar seus machucados e cheguei até ele e começei a lhe ajudar.

— Ai! - resmungou -

— Você quer que infeccione? Vai doer mais ainda! - murmurei pois ele não parava quieto -

— Olha o casalzinho lindo! - Chris disse brincando -

— Vá a merda Chris! - falei rindo -

— Aah, fala sério, vocês ficam fofos juntos - falou "brincando" -

Justin levantou do sofá e tentou dar um soco nele, mas eu entrei na frete.

— Se acalma Justin! - falei tentando acalmá-lo - Ele não vai mais fazer essas brincadeirinhas, né Chris?

— Uhum.. - disse se segurando pra não rir -

— Acho bom mesmo. - falei séria - Boa noite gente, vou dormir! - falei e todos assentiram -

Subi as escadas e entrei no banheiro, tomei um banho gelado e fui até o closet, coloquei apenas uma lingerie e quando eu estava saindo do closet vejo alguém na minha cama, era Justin. Dei meia volta e coloquei um roupão, voltando até o quarto novamente.

— O que você quer? Fala logo porque eu to com sono e quero dormir - falei séria me sentando na beirada da cama -

— Eu quero você! - disse e em questão de um piscar de olhos ela estava em cima de mim e logo começou a me beijar -

— Jullien, você sabe onde tá o… Ai, desculpa, volto outra hora














 

  Continua! ✨


Notas Finais


xoxo babes ♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...