História Freak Show - Capítulo 1


Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Freak Show, Lemon, Originais, Yaoi
Exibições 14
Palavras 729
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Ficção, Fluffy, Lemon, Magia, Mistério, Policial, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Survival, Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Canibalismo, Drogas, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Boa leitura, e mil perdoes pelos erros de escrita.
<3 Vejo vocês la em baixo.

Capítulo 1 - .xX-Welcome To The Freak Show-Xx.


Fanfic / Fanfiction Freak Show - Capítulo 1 - .xX-Welcome To The Freak Show-Xx.

"Só mais uma noite, e iremos fugir. Mas talvez nem valesse apena escapar, estamos presos ao nosso destino cruel."

-Envi! Martins! Vamos logo seus molengas!! 

Hora do início Bom somos a atração principal do "Circo do Horror", conhecidos por nossa apresentação de movimentação a base de cordas e lenços.

- Certo chefe. –Envi sorriu já Martins tinha uma expressão tediosa - Tá chato.

 Fomos jogados para nossa cela e nossos pés e corpos doíam por que eles eram queimados e isso piorava tanto a minha movimentação.


-Grrr... Isso dói...  - Martin apenas reclamava então resolvi eliminar tensão do assunto - Martins, já vai acabar... Só uma noite...!

-SEMPRE É UMA NOITE ENVI. - Ele gritou e apos isso abaixo a cabeça iniciando um som de fechadura no local.
 
Nos fomos puxados pelo teto assim subindo ate o palco onde estava o público, nos estávamos de cabeça abaixada até começar a tocar "Mad Hatter" e nosso chefe começou a falar...

-Senhoras e senhores conheçam as marionetes humanas! - Nosso chefe nos chamava assim nas apresentações, ele poderia parecer um anjo encantador na frente de todos mas aquilo sim era uma mascara perfeita de falsidade pura.

-Olá caras crianças - Então Envi tomou a iniciativa levantando a cabeça com um olhar calmo e assustador. Seus olhos tinham uma tonalidade rosa forte.

-Vamos jogar um jogo mortal? - Já eu levantei minha cabeça com um sorriso doentio em minha face com os olhos vermelho como sangue.

Nossos olhos assustavam todos e martins segurou minha mão começando a manipular nossos corpos através dos tecidos....Significava que Martins estava no controle de tudo! Ele corria pela parede da lona me arrastando e jogávamos facas nos alvos e se balançar nos tecidos que nos seguravam e quando chegou o grande final... Começamos a descer lentamente enquanto dançávamos com sorriso em nossos rosto apos isso só podia sentir meus pés tocando  chão frio e úmido de terra.

-Vamos fazer isso e.. Envi quer fazer Grand Finale? - Martins falou com o sorriso doentio no rosto enquanto segurava a minha mão.
C-Claro! – Murmurei e então ele sorriu para mim

Nos começamos a dançar em uma sintonia lenta e comecei a dar piruetas entre os tecidos no alto enquanto, Martins estava a segurar quatro facas e começava a jogar elas para cima como malabarismo e eu desviava da mesma. Em um momento aconteceu algo inesperado acabei por errando um pequeno movimento e as facas voltavam para mim cravando em meus pés e minhas mãos formadas uma cruz no chão e eu segurando para não soltar um grito apenas continuei a encenar o público como sempre aplaudia e dava risadas de nos. Como se não tivesse sido nada...

- Envi! Não devia ter deixado você se arriscar eu sou um idiota me perdoa irmão. –Martins sussurrava com raiva de si mesmo, mas apenas continuou o show enquanto ouvia seu irmão dizer.

-A culpa não e sua  sim minha vamos continuar... Temos muito tempo depois para conversa. – Envi disse sorrindo com lagrimas nos olhos, aquela cena partia o coração de Martins

De repente começou a tocar "Control" e levanto tirando as facas de mim e começo a dançar entre os tecidos com Martins e um sorriso um pouco macabro em meu rosto enquanto eu dançava e gritava alto fazendo a encenação de estar sendo purificado e caio  no chão junto a Martins cabisbaixo e fomos pendurados parecendo morto...

-Hahah! Que piada – Um menino loiro na plateia se levantou indo ate o centro onde se encontrava as marionetes penduradas e retirou o celular do bolso para filmar elas.

-Bu... – Nos levantamos a cabeça para assusta-lo e Martins o agarrou  puxando para o alçapão, a plateia se chocou até o locutor dizer que fazia parte do show, todos aplaudiram mas entre todas as verdades sempre existe uma mentira... O garoto? Bom digamos que foi um brinquedo bom por um curto tempo para Martins e para mim um cena chocante.

- Amado publico se preparem  que esse só foi apenas o começo de nossa diversão.... A noite é uma criança aproveitem as comidas e bebidas, pois nossa  próxima estrela do show ira brilhar!... – O Locutor disse e assim algumas pessoas saíram para comprar comida e bebidas, já alguns ficaram a esperar...

-Nos vamos ter uma noite muito divertida... – O locutor murmurava enquanto já arrumava a próxima parte do show...

“Welcome To The Freak Show”


Notas Finais


Nos vemos no próximo capitulo :3
;-; estava devendo uma Fanfic e finalmente postei, agora ta feliz Senhorito BabyBoom ? x'D
Beijos de Creme de Avelã


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...