História Friends - Capítulo 22


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Friends
Exibições 21
Palavras 1.046
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Festa, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


OOIIIII PESSOINHAS!!!! Desculpem pelos caps pequenos de verdade,e pra me desculpar to fazendo esse cap aqui pra voces,espero que gostem de verdade. BOA LEITURA

Capítulo 22 - Niterói


Fanfic / Fanfiction Friends - Capítulo 22 - Niterói

P.O.V Samanta

-Pedro eu te amo muito!-Eu disse o abraçando e o beijando,e todas as pessoas que estavam em volta aplaudiram.

-Tambem te amo muito....-Ele disse e nos afastamos.

Ele coloca o anel no meu dedo e eu faço o mesmo com ele,pulo em seus braços e nos beijamos ate o ar faltar.

-Ain meu colação que lindo!!-Leo disse se aproximando.-Deixa eu ver esse anel! Meu santo cristo,ta mais pra anel de noivado!

-O de noivado ja ta guardado-Pedro disse e olho pra ele que me abraça por tras.

-Já?-Gusta pergunta.

-Claro que já! Quero ter ela so pra mim o mais rapido  possivel.

-JÁ sou sua bobinho!

Leo-WWOOOOWWW que lindos!!

Gusta-Agora vamo mpra casa que ta na hora do seu presente!!

Leo-Eu vou ganhaer presente!-Os olhos dele brilharam-Ebaaa.

Voltamos pra casa ja era madrugada,Leo saiu saltitante do nosso quarto com um panda GIGANTE nos braços,isso me fez pensar no quanto somos diferentes e como temos sorte em ter Pedro e Gusta em nossas vidas que sabem exatamente como nos agradar.Eu e ele fomos para o nosso quarto,ja era tarde amanha vamos embora,ainda sem um destino oficial.

Eu entro no quarto pego um pijama em minha mala e me visto no banheiro,desfaço a trança e faço um coque,saio do banheiro e o vejo so de bermuda deitado mexendo no celular. Esse e um dos momentos em que mostramos todo o nosso afeto um pelo outro,ficamos deitados abraçados conversando coisas aleatorias,de vez enquando nos beijamos e faziamos inumeras declarações de amor.Depois de um certo tempo acabo apagando em seus braços.

9:45 A.M 

Acordo com uma certa claridade em meu rosto,me sento na cama e noto nossas bolsas ja arrumadas no chão,levanto ainda piscando um pouco e vou ate o banheiro,faço monhas higienes e vou ate a cozinha,chegando la vejo Gusta segurando Leo no colo enquanto se beijavam.

-A QUI TA CALOR NE!?-Eu disse cortando o clima do casal.

-Chata.-Leo disse ja no chão.-Empata foda.

-Vingança!-Eu disse rindo.-cade o Pedro?

-Ele saiu disse que ia colocar creditos no celular.-Gusta disse colocando seu café. 

-Hum...

-Que horas vocês vão embora?-Gusta pergunta se sentando ao meu lado na mesa enquanto Leo terminava de fazer torradas.

-Não sei,acho que antes do almoço.

-Ata,e pra onde vão?

-Ainda não sei.

Leo-Vocês so podem estar malucos,sair por ai assim sem rumo,isso parece maluquice.

Eu-Me diz desde quando você não gosta dessas loucuras?

Leo-Desde que criei juizo!

Gusta-A sim foi quando você começou a ouvir musica classica e a ser chato.-Ele disse assim que Leo se sentou na mesa.

Leo-Tu acha que sou chato?-Ele perguntou incredulo.

Gusta-Acho.

Leo-Engraçado... Não foi isso que tu disse ontem a noite...-Ele disse sorrindo.

Eu-Leo seja mais discreto,não to muito afim de saber das fodas de vocês ok? 

Pedro- Fodas de quem?

Eu-Amore você voltou!-Eu disse e corri para lhe dar um beijo.

Pedro-Claro,não consigo ficar muito tempo longe de você sabe disso.E alem do mais,ja ta quase na hora de irmos.

Eu-Onde vamos amor?

Pedro-Eu tava querendo ir em Niterói...

-Niterói?-Todos falamos juntos.

Eu-Por que Niteroi amor?

Pedro-Preciso resolver uns assuntos lá.

Quando ele disse isso todos ficamos quietos e fomos tomar nosso cafe. O que sera que o Pedro tem pra fazer em Niteroi? Sera que e alguma coisa seria?Fiquei um bom tempo pensando,ate Pedro me chamar e dizer que era hora de irmos. Tomeu um banho e troquei de roupa,peguei minhas coisas e levei pro carro,nos quatro estavamos em frente a casa do casal nos despedindo. Quando abraço Leo ele me entrega uma carta pra que eu leia no caminho,logo depois entramos no carro e fomos embora.

CARTA

 

Lembranças...Elas são a unica coisa que nos podemos levar conosco ate o dia de nossa morte,lembranças ruins fazem parte pois todos nós passamos por momentos dificeis,possamos por esse momentos pra que aprendamos a lição e vermos quem realmente esta do nosso lado e tu...Tu guria sempre esteve comigo,sempre me ajudando a lidar com meus problemas e sempre torcendo por mim... Agora sobre os momentos bons,temos milhares,uns tão ridiculos mas mesmo assim tão especiais,tambem a outros em que eu paro e agradeço a Deus te ter na minha vida,guria tu e louca,engraçada,lerda,demente,carinhosa,fofa,durona,original criativa,nossa como eu te amo,por favor volte logo.

PS:Comprei uma coisa pra tu usar quando estiver com o Pedro...;) 

CARTA

Ri ao ler a ultima parte da carta,meu amigo,vou sentir tanto a falta dele. Mas acho que logo nos veremos de novo...

 

-Amor falta quanto tampo pra chegarmos la?-Perguntei me virando para olhar Pedro dirigindo.

-Umas 5 horas amor.-Ele disse e me joguei no banco suspirando.-Coloca uma musica legal.

Olhei no pen drive dele e so tinha rock,coloquei uma musica que eu realmente gosto Sweet Child O´ Mine. Durante o caminho Pedro estava muito quieto,eu estava realmente muito curiosa pra saber o que tem em Niteroi,ele nunca comentou nada sobre esse lugar,nem mesmo quando estavamos pensando em onde iriamos ontem a noite. 

P.O.V Pedro

Já tem quase uma hora que a Sam apagou,ela tem uma facilidade de dormir que me surpreende,ela e tão perfeita,as vezes fico me perguntando por que ela me ama,ela sempre foi tão linda,engraçada,mas tambem triste... Ate os nossos 15 anos Sam se mostrava uma pessoa tão triste,mesmo que nunca demonstrasse isso,eu percebia pelo olhar dela,quando nos saimos do internato tinhamos 15,ela saiu e eu implorei pra minha mãe me tirar de la e me colocar na mesma escola que ela,minha mãe sempre me mimava,eu tinha o que queria,acho que e pelo fato de eu ser o filho mais novo.Precoce era  assim que ela chamava meus irmãos os gemios Mike e Nike,eles eram mais velhos que eu 7 anos,quando eu tinha 14 anos minha irmã Nike saiu de casa e foi morar com o namorado,e Mike saiu logo depois pra morar em um apartamento sozinho. E eu fiquei,mas olha so agora,me tornei um precoce tambem,ja quero ate casar. 

16:32 P.M

Já  chegamos, e Sam ainda ta dormindo,serio mesmo acho que ela pensa que e um urso e que tem que hibernar so pode.Parei em um sinal e aproveitei para acorda-la.

-Sam? Amor acorda ja chegamos.-A balanço e ela faz sinal pra eu parar.-Sam? Sam levanta carai.

-Sai porra deixa eu dormir!

-Você ta dormindo desde meio dia sua doida. Amor acorda e serio!

-Ta...-Ela disse molenga se levantando.-Onder vamos ficar?

-Você ja vai ver...

 

 

 


Notas Finais


Bye meu povo ate o proximo cap adoro voces!!! BEIJOS NO CORAÇÃO!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...