História Friends or not?! - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Suga
Tags Romance, Suga, Yoongi
Exibições 299
Palavras 1.000
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Famí­lia, Festa, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


💕💕💕

Capítulo 6 - Ciúmes!


     (s/n) On

   Acharam que ia rolar? Não! Não rolou nada além de uma discussão de trinta minutos.

   "Você não tem idade para beber, no momento eu estou responsável por você, se você tivesse cometido algo mais sério ou uma besteira..." 

   "Você Já falou isso, muitas vezes, eu já entendi, desculpa..." - peço pela nona vez.

   "Não basta só pedir desculpas,  tem que prometer nunca mais fazer isso..." - sério,  tá parecendo minha mãe.

   "Eu prometo nunca mais sair para beber enquanto estiver na escola ou com você!" - reviro os olhos.

   "Ótimo, tem que cumprir!" - senta do meu lado - "você e o Namjoon se beijaram?" - me encara.

   "Não! O Namjoon é meu amigo, não aconteceu nada entre nós..." - ele ri.

   "O engraçado é que eu também sou seu amigo e nós fizemos sexo!" - um sorriso malicioso se formou em seu rosto.

   "É diferente!" - falo.

   "O que é diferente?" - eu me calo.

   "N-Nada!, esquece..." - me levanto.

   "Vem cá!" - me agarra.

   "O q-que f-foi?" - ele encara meus lábios.

   "Tenho vontade de te beijar!" - me beija.

   Sua boca macia, ai Deus, me leva a loucura, suas mãos permaneciam em um único lugar, meu rosto, como se estivesse me segurando para eu não fugir, aos poucos o ar foi sumindo e uma hora ou outra teríamos que parar.

   Me pegou no colo e me sentou na mesa, assim ficando entre as minhas pernas, o beijo foi ficando mais intenso e o calor se fez presente, eu não consigo acreditar que o Suga me beijou e que fizemos sexo, as coisas tão muito perfeitas, isso que dizer que uma hora tudo vai dar errado...

   "acho melhor nós pararmos..." - interrompo o beijo.

   "Também acho..." - fala ofegante.

   "Eu vou sair um pouco, tá? " - me olha desconfiado.

   "Tá bom!" - concorda.

   Sai da casa do Suga e fui andar um pouco, eu tenho medo, um medo, o Suga e eu tranzamos e o meu medo é de ele fazer comigo igual fez com outras garotas, eu deveria sair dessa antes de me decepcionar?o que fazer, com quem fazer, eu deveria cortar a nossa relação por aqui?ah Meu Deus...

   "(s/n)? Tá tudo bem?" - Jungkook chega e eu limpo as lágrimas.

   "T-Tá s-sim!" - forço meu melhor sorriso.

   "Ah, não parece...gosta de bolo?" - senta do meu lado.

   "Sim, e-eu gosto de bolo, por que?" - ele abre um sorriso.

   "Abriu uma confeitaria aqui perto, vamos lá?" - me convida.

   "Tá, vamos!" - aceito e ele abre mais o sorriso. 

   "Ótimo!" - disse por fim e fomos.

   Chegamos na confeitaria e olha, tinha cada bolo gostoso, tipo, quase mais gostoso que o Yoongi!. 

   "tá gostando?" - traz mais um bolo.

   "Muito, o bolo daqui é muito bom!" - ele sorri.

   "Também acho, o que faz por aqui? Você nunca vem pra esse bairro, é difícil te ver por aqui!" - comenta.

   "Os pais do Yoongi foram viajar e eu vim fazer companhia pra ele!" - sorrio.

   "Por que ele não ficou na sua casa?" 

   "Ele e meu irmão não se dão muito bem, se ficassem juntos..." - faço um sinal e ele ri.

   "Entendi...você tem mais um irmão?" - come um pedaço do bolo.

   "Uma irmã, ela ainda é uma criança, Yumi!" -faço o mesmo.

   "Eu podia ir te visitar, o que acha?" 

   "Acho bom, gostei da idéia..." - Yoongi vai me matar.

   "Que dia você volta pra sua casa?" 

   "Amanhã mesmo!" - ele sorri. 

   "Me passa seu número..." - pega o celular.

   "Tá bom..." - passo meu número.

   "Já terminei, e você?" - se refere ao bolo.

   "Também!" - levanto.

   "Deixa que eu pago!" - levanta também. 

   "Não precisa..." - me interrompe.

   "Precisa sim, eu te convidei, eu pago!" - paga e não deixa eu falar nada.

   Essa tarde com o Kookie foi legal, me fez bem, já tenho outro amigo agora.

   "bom, foi muito legal passar a tarde com você, mais eu tenho que ir...nos vemos na escola?" - ele abre um sorriso.

   "Nos vemos na escola, sem dúvida..." - fomos embora.

   O desafio maior, ciúmes chamado Yoongi.

   "como foi o passeio?" - está assistindo televisão.

   "Foi bom!" - passo por ele e sento no outro sofá. 

   "O que fez?" - ainda não desvia o olhar da televisão.

   "Eu andei por aí e depois eu encontrei o Kookie..." - me encarou.

   "Foi sair com um garoto? Com o 'Kookie'?" - imita minha voz.

   "Não eu não fui sair com um garoto, se encontramos por acaso!" - me olha de um jeito mortal. 

   "Você e o Jungkook?" - seu tom me deu medo.

   "Sim, eu e o Kookie!" - falo e ele ri.

   " 'Kookie' já está dando apelido é? Da onde vem essa intimidade?" - fica bravo.

   "Você está me cansando Yoongi!" - me levanto e vou pra cozinha.

   "Não me deixe falando sozinho!" - vem gritando atrás. 

   "Você tá bravo, não dá pra conversar com você bravo!" - pego um copo de água. 

   "mas é claro que eu estou bravo, como queria que eu não estivesse? Você saiu com o Jungkook e já está até apelidando ele de 'Kookie'" - novamente imita a minha voz.

   "Ele foi legal comigo, me ofereceu bolo..." - me interrompeu.

   "bolo? Ah Meu Deus, você saiu com ele pra comer bolo?" - me olha como se eu tivesse cometido um crime.

   "Sim Yoongi, nós saímos pra comer bolo!" - afirmo.

   "Primeiro oferece o bolo, e depois o leitinho..." - interrompo ele.

   "Veja lá como fala comigo!" - me irrito também. 

   "Mais ele é um homem , sentem necessidades!" - me olha com raiva.

   "Ele não resolveu as necessidades dele comigo, se é isso que é você está insinuando!" - ele abre um sorriso envergonhado.

   "Ah não!?" - Coça a nuca.

   "Não né Yoongi!" - bebo minha água.

   "Desculpa!" - me abraça por trás.

   "Por que fazer isso Yoongi?" - ele cheira meu pescoço.

   "É que eu...senti...ciúmes!" - beija minha bochecha e da uma risada tímida.

       Continua...


Notas Finais


❤❤❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...