História Friends With Benefits - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Barbara Palvin, Justin Bieber
Personagens Barbara Palvin, Justin Bieber, Personagens Originais
Tags Barbara Palvin, Colegial, Justin Bieber, Sexo
Exibições 58
Palavras 2.008
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hey Gente!! Primeiramente eu queria me desculpar com vocês por nãp ter postado no dia....vou ser sincera...esqueci geral. Desculpa mesmo....estou postando agora e não vou poder postar sábado que vem pois domingo tenho uma prova para passar numa escola e pretendo estudar a semana toda....avisos dados..vamos ao capítulo!!!♥♥♥♥

Capítulo 4 - Chapter Four


                        Atlanta, 20 de janeiro 13:15 p.m
       Katherine Scott point of view

Justin e eu fomos o caminho todo conversando aleatóriamente. Chegamos na casa dele e fomos para a cozinha.
Justin: Tem.....-ele procura no fogão- lasanha
- Okay, vou no banheiro tá
Justin: Okay, enquanto isso eu esquento
Entrei no banheiro e fiz minha necessidade. Me olhei no espelho, mexi no cabelo e lavei as mãos.
Deci as escadas e senti um cheiro de queimado vindo da cozinha.
Tossi e entrei na mesma.
- Justin? O que você fez?
Justin: Entava esquentando o lasanha- tosse
- Você não sabe cozinhar
Justin: Eu não estava cozinhando, estava esquentando o que já estava pronto
- Você não sabe esquentar comida- rio- o que te deu na cabeça? Você não sabe nem colocar água num copo sem que transborde, imagina esquentar uma lasanha- rio ainda mais
Justin: Hahaha- ri falso
- Okay, agora vamos morrer de fome?
Justin abre as janelas para sair a fumaça e fala.
Justin: Vou ligar para um restaurante japonês
- Okay- vou pra sala e me sento no sofá- Onde estão Jaxon e Jazmyn?
Justin: Foram morar um tempo com meu pai
- E você só me diz agora?- ele ri
Justin: Eles foram ontem
A comida chega e fomos pra cozinha. Comemos e fomos pro quarto dele.
Justin se joga na cama e eu vou pra poltrona.
Justin: O que vamos fazer agora?
- Dormir?
Justin: Meu Deus Kath! Você só dorme também!
- A culpa não é minha se dormir é tão bom
Justin: Mas não existe só isso na vida! Vamos fazer alguma coisa legal!
- Dormir?
Justin: Vai se foder- rimos
- Okay....o que podemos fazer?
Justin: Piscina?
- Não...primeiro....não trouxe biquini, segundo...to com preguiça
Justin: Tenho biquini aqui, das vezes que você veio aqui
- Mas ainda tem a preguiça
Justin: Preguiça é o meu cú, nós vamos pra piscina e não se fala mais nisso- fala se levantando e tirando a camisa, mostrando seu corpo sarado e cheio de tatuagens, suspirei- Que foi?- pergunta com uma cara divertida como se já soubesse o que era mas queria que eu falasse
- Nada- pego um biquini e vou pro banheiro, coloco o biquini e saio
Justin: Pronta?- me olha de cima a baixo me analisando
- Vamos né..
Justin: Sua animação contagia, revira os olhos
- Eeee- finjo estar animada
Descemos as escadas e fomos pra parte da piscina.
Sou agarrada por trás e lançada na piscina.
- JUSTIN! PORRA!!- vejo que ele se jogou comigo e jogo água nele
Justin: Se você não percebeu ainda...EU JÁ ESTOU MOLHADO! Então por que fica jogando água ainda?- ele ri alto
- Sei lá- rio e afundo na água
Nado até o outro lado da piscina e quando fico ser ar, subo.
Vejo que Justin já está do outro lado.
- Como você chegou aqui tão rápido?!
Justin: Teletransporte
- Ah claro
Justin: Se você tivesse o privilégio de esolher um poder, qual escolheria?
- Sei lá, qual você escolheira?
Justin: Invisibilidade, aí eu poderia entrar no banheiro das meninas e foder todo mundo sem que ninguém percebesse...
- Credo! Você só pensa nisso!- tento afundar sua cabeça, falhando
Ele me pega pela cintura e me levanta.
- JUSTIN! ME SOLTA MEU DEUS!-rimos, ele obedece
Justin: Eu sou muito forte- se gaba e beija seu músculo
- Ah claro...- reviro os olhos
Justin: Toca aqui- fala se referindo ao seu tanquinho
- Eu não vou...- ele me interrompe
Justin: Eu sei que você quer tocar...não minta pra si mesma- diz com uma expressão divertida no rosto
- Eu não quero.....- me interromope novamente
Justin: Quer sim
- Não- ele pega minha mão e coloca no seu peito encima da sua tatuagem de cruz e desce até sua barriga
Justin: Matou?- ele ri
- Convencido...- finjo tédio
Justin: Essa não é a palavra certa...eu diria...realista
- Okay, você é um convencido realista
Justin: Idiota....- ri- Vamos? Temos que tomar banho e levar você pra casa ainda
- Okay- ele sai da piscina, depois me dá a mão e me puxa
Entramos na casa e fomos pro seu quarto, deixando um rastro de água por onde passamos.
- Eu vou primeiro!
Justin: A casa é minha e você quer ir primeiro?- o olho ameassadoramente- Tudo bem, eu deixo
Pego minha roupa e um sutiã e uma calcinha de diferentes conjuntos.
- Como tem sutiã e calcinha minhas aqui?
Justin: Você esquece tudo aqui, não se preocupe que minha mãe lavou
Entro no banheiro e tomo um banho rápido, me troco e saio.
Justin entra sem falar nada e sai quinze minutos depois.
Justin: Vamos?
- Vamos
Ele me levou até minha casa, nos despidimos e eu entrei.
Mãe: Onde você estava?
- Na casa do Justin
Mãe: E nem avisa
- Agora você vai querer dar uma de mãe preocupada? Você nunca se importou comigo e agora vem dar sermão? Você não tem esse direito
Mãe: Eu tenho sim, sabe por que? Porque eu sou sua mãe!
- Desde quando?!! Desde agora? Porque durante esses dezesseis anos você tacou o foda-se pra mim!!!
Ela fica quieta.
- Vou sair e não sei que horas volto
Mãe: Você não vai
- E quem é você pra falar se eu vou ou não?- ela permanece calada- Foi o que pensei
Subo pro quarto e me arrumo. Coloco uma saia preta rodada que chega até metade da coxa, um cropped branco, um all star preto e uma touca preta.
Dou um jeito na minha cara e no meu cabelo.
- Vamos lá Katherine, hoje você vai pegar alguém
Saio do meu quarto e vou pra sala. A festa começava às 20:00, ainda eram 19:30.
Vejo as mensagens.

WhatsApp On

Chris: Todos prontos?
Justin: Terminando de arrumar o topete
Chaz: Você e esse seu topete....eu estou pronto
Ryan: Também
Kath: Também
Chris: Só falta você Justin
Ryan: Bem...eu estou com carro hoje....vou ir buscando vocês já porque um mora no puta que pariu, o outro mora no cú do mundo e vai demorar né? To indo buscar o Chris agora porque ele ta mais perto, depois a Kath, depois Chaz e por último o Justin, pra dar tempo dele arrumar mais o topete
Chris: Okay, vem logo
Kath: Okay
Chaz: Ta bom

WhatsApp Off

Sento no sofá e espero. Dez minutos depois Ryan chega.
- Olá- digo quando entro no carro
Eles respondem um "Olá" e eu sento. Logo começa a tocar a música Closer do Chainsmokers.

"Hey, I was doing just fine before I met you
I drink too much and that's an issue, but I'm okay
Hey, you tell your friends it was nice to meet them
But I hope I never see them again

I know it breaks your heart
Moved to the city in a broke-down car
And four years, no calls
Now you're lookin' pretty in a hotel bar
And I-I-I can't stop
No, I-I-I can't stop

So, baby, pull me closer in the backseat of your Rover
That I know you can't afford
Bite that tattoo on your shoulder
Pull the sheets right off the corner
Of the mattress that you stole
From your roommate back in Boulder
We ain't ever getting older

We ain't ever getting older
We ain't ever getting older

You look as good as the day I met you
I forget just why I left you, I was insane
Stay and play that blink-182 song
That we beat to death in Tucson, okay

I know it breaks your heart
Moved to the city in a broke-down car
And four years, no call
Now I'm lookin' pretty in a hotel bar
And I-I-I can't stop
No, I-I-I can't stop

So, baby, pull me closer in the backseat of your Rover
That I know you can't afford
Bite that tattoo on your shoulder
Pull the sheets right off the corner
Of the mattress that you stole
From your roommate back in Boulder
We ain't ever getting older

We ain't ever getting older
We ain't ever getting older

So, baby, pull me closer in the backseat of your Rover
That I know you can't afford
Bite that tattoo on your shoulder
Pull the sheets right off the corner
Of the mattress that you stole
From your roommate back in Boulder
We ain't ever getting older

We ain't ever getting older (no, we ain't ever getting older)
We ain't ever getting older (no, we ain't ever getting older)
We ain't ever getting older (we ain't ever getting older)
We ain't ever getting older (no, we ain't ever getting older)

No, we ain't ever getting older
No, we ain't ever getting older"

A música termina e o carro para.
Chris: CHAAAAAAZ- ele grita e buzina
Chaz: TO INDO PORRA! NÃO GRITA!!- grita da varanda do quarto dele
Ele entra no carro e se senta ao meu lado.
Chaz: Oi gatinha- beija minha bochecha
- Oi- devolvo o beijo
Ele me abraça de lado e permanesse assim.
Chaz: Ta linda hein
- Obrigada
Fomos até a casa de Justin e ele não apareceu.
Chaz: Ah mais eu vou ir lá e vou trazer ele arrastado pelo topete ainda
- Vamos?
Chris: Vamos pegar logo esse viado
Saímos do carro e adentramos a casa de Justin.
Chaz: JUSTIN SEU BUCETA! TÁ SURDO É? VAMOS LOGO!- grita assim que entramos na casa
Pattie: MEU DEUS CHAZ QUE SUSTO!!- surge da cozinha
Chris: Foi mal tia Pattie....cadê o Justin?
Pattie: No quarto...
- Okay tia Pattie, vamos meninos?- olho pra trás e quandi vejo eles não estão mais lá e os três surgem na escada carregando Justin
Chaz: Obrigado tia Pattie- diz gentilmente, depois vira pra nós e grita- VAMO CAMBADA
Entramos no carro e fomos cantando até o local da festa.
Chegamos e saímos do carro.
A música já estava alta do lado de fora e só de pensar em como devia estar lá dentro minha cabeça doía e ao mesmo tempo pedia pra entrar logo.
Mal entramos na casa e cada um foi pro seu lado. O cheiro de droga e álcool consumia o local e a fumaça fazia meus olhos lacrimejarem.
Foi pra cozinha pegar alguma bebida.
A casa estava cheia, então fica difícil eu me locomover entre as pessoas sem que nenhuma não derrube o copo vermelho no chão.
Já havia se passado duas horas desde que cheguei aqui e bebi doze copos de vodca.
Minha visão estava turva e eu não entendia o que as pessias falavam, não entendia nem o que eu mesma falava.
Xx: Oi gatinha-fala alguém que não consigo identificar e me abraça por trás
- É...o..oiii!!!-grito
Xx: Kath? Você está bêbada?!
- Eu naum!!- quase caio
Xx: É claro que tá!!! Quanto você bebeu?!
- E quem é você pra falar quanto eu bebo ou não?!- começo a rir
Xx: QUANTO VOCÊ BEBEU?!
- Ai gato para de gritar comigo por isso, nós poderíamos estar gritando por outra coisa lá em algum quarto- tento beijá-lo
Xx: É o que?! Você vai embora agora! Olha o que está falando pro seu amigo meu Deus!
- Se você fosse meu amigo....estaríamos transando gostoso lá encima!!
Xx: Amigos não fazem isso- ele ri
- Existem exceções.....-falo tentando seduzi-lo
Xx: Vamos embora, vou te levar pra casa- ele tenta me guiar pra fora da casa mas me recuso
- Não- termino de falar e ele me levanta e me carrega porta à fora
- O buceta me larga!- me debato
Ele ri e nega com a cabeça.
Me coloca no carro e dá partida.
- Eu vou....- não termino de falar e vomito no banco do carro
Xx: NO CARRO NÃO MEU DEUS!!!- ele começa a chorar- O carro do Ryan.....o carro tão limpinho....ele vai me matar...- ele para o carro no meio da rua e os motoristas começam a buzinar- VÃO SE FODER SEUS BUCETA, NÃO TA VENDO QUE É EMERGÊNCIA?!
Xx: Kath...preciava vomitar no carro? Precisava meu Deus?! Era necessário?!
De repente fica tudo preto e não ouço mais nada.






Notas Finais


Bem gente....é isso!!!! Espero que tenham gostado e no outro sábado(não nesse) eu volto!!!♥♥♥♥♥ XoXo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...