História Friendzone - (Namjin) - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Exibições 18
Palavras 761
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Famí­lia, Festa, Ficção, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 4 - Hero - Monsta X


Fanfic / Fanfiction Friendzone - (Namjin) - Capítulo 4 - Hero - Monsta X

✥ Quarto capítulo ✥

" Este é o meu último aviso

Quando eu fico com raiva, mudo descaradamente

Eu vou te proteger

Por isso ninguém pode te levar facilmente "

Hero - Monsta X

Namjoon P.O.V's ON

O sinal acabou tocando - informando que o intervalo havia acabado -, assim nos levantamos e agradecemos aos garotos sobre tudo,  e etc. O motivo da diretora ter chamado Yoongi? Ainda não sabemos, e então ele foi em direção à diretoria, e eu e Jin voltamos para a sala de aula. 

E, felizmente, o professor avisou que teria de voltar pra casa mais cedo por conta de alguns imprevistos, assim deixaria a turma livre, e claro, vários estudantes bateram palmas - por felicidade -. Eu e Jin saímos de sala e fomos para perto de uma arvore que havia ali na escola, de vez em quando costumávamos ficar ali mesmo, conversando, jogando... Nos escoramos na mesma, que já estava um pouco velha, mas continuava resistente. Coloquei minha mochila por baixo de minha cabeça, usando-na como travesseiro e me deitei ali mesmo, enquanto Jin apenas estava sentado com as costas escoradas na mesma.

Eu e Jin começamos a falar coisas aleatórias e estúpidas - coisas que simplesmente vinham em mente -, a qual várias não faziam sentido e eram realmente estúpidas. Pude ver que Lee - ex namorado do Jin - estava se aproximando, e o hyung também notou e tentou disfarçar o ignorando, mas Lee permaneceu persistente e sentou-se ao lado de Jin, colocando o braço por cima de seu ombro.

O que você quer, Lee? Bufou Jin, parecendo impaciente.

Eu vim aqui apenas cumprimentar meu namorado, oras. Pegou Jin hyung pelo queixo e virou seu rosto em sua direção, mas Jin virou o rosto novamente, indignado.

Nós não somos mais namorados, Lee. Respondeu. Esqueceu que terminamos por acaso? "

" Ah, Jin... Fez bico e afinou a voz. Eu já te pedi desculpas... "

Jin hyun começou a discutir com Lee, e eu já estava perdendo a paciência com aquela discussão. Era sempre assim; Lee tinha crises de ciúmes atoa, Jin mal podia falar com alguém que Lee tinha um ataque de raiva, e isso deixava o hyung bravo e chateado ao mesmo tempo. Bufei e me levantei, assim encarando Lee. Eu estava odiando quando ele sempre começava a discutir com Jin hyung, pois, se Jin não quer voltar com ele, ele não é obrigado! Ciúmes? Sim, isso era ciúmes, mas ciúmes apenas de amigo, nada mais do que isso...

Jin hyung, ele está te incomodando? Cerrei os punhos, fuzilando com o olhar Lee que fazia o mesmo.

Jin se levantou e ficou por trás de mim, Lee se levantou e também cerrou os punhos, enquanto me encarava mortalmente. Eu nunca me dei bem com Lee desde que soube que ele fazia Jin se sentir "preso" com aquelas crises de ciúmes que ele tinha, e isso me deixava muito bravo.

Isso é assunto nosso, Namjoon! Falou entre os dentes, Lee.

Vamos Jin hyung, vamos ficar longe de coisas desnecessáriasPeguei a mochila de Jin e a entreguei, peguei a minha e joguei por cima de meu ombro, e em seguida segurei na mão de Jin e saí andando de lá, enquanto deixava um Lee para trás me fuzilando com o olhar.

Fui andando de mão dada com Jin até o canto do pátio em frente a uma mesinha feita de pedra. Me virei para encarar Jin, e pude ver que ele estava corado. Céus, ele é tão fofo corado... soltei um risinho com esse pensamento, assim deixando-no mais corado e sem graça. Então soltei sua mão. Permanecemos calados durante um tempo, até ele resolver quebrar o silêncio...

Namjoon... Ele encarava o chão, mas levantou o olhar para me encarar. Por que você me ajudou? Tipo, ah, você sabe... "

Não é óbvio? Eu sorri, e ele apenas fez uma cara confusa. Amigos ajudam amigos, não importa em que tipo de situação seja! "

Ele sorriu de volta e me agradeceu, e o silêncio voltou à tona. Nos sentamos nos bancos de pedra que haviam ali também, ao lado da mesa que continha pintado nela um tabuleiro de xadrez e ao lado algumas peças em uma sacola de plástico transparente. Jin encarava sua mão, e percebi que ele ainda estava um pouco corado, e eu ri internamente com isso. Eu apenas gostaria de saber o que se passa na sua cabeça, hyung...

CONTINUA



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...