História From hate to love. - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Got7
Personagens BamBam, Jackson, JB, J-hope, Jimin, Jin, JR, Jungkook, Mark, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V, Youngjae, Yugyeom
Exibições 42
Palavras 802
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Famí­lia, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Espero que gosteem.

Capítulo 4 - Amizade?


Fanfic / Fanfiction From hate to love. - Capítulo 4 - Amizade?

  Acordei de manha, fiz o que sempre faço e fui pra escola. Cheguei la e Bambam estava me esperando na frente do portão sozinho, com os fones de ouvido escutando musica. Eu me aproximei dele e abracei seu tronco, ele devolveu o abraço dando um beijo no topo da minha cabeça.

  Bambam: sabado começamos a mudança- eu assenti ainda abraçada em seu tronco, soltei ele e entramos pelo portao de mãos dadas. Logo que entramos Park me olhou aparentemente com raiva, ultimamente ele ta mais insuportavel que nunca fica dando uns ataques de raiva do nada. A diretora chegou por trás de nós pra falar com Bambam.

  Diretora: você é o K-Kum-Kumpimook Bu-Bu...- Bambam a interrompeu.

  Bambam: me chame de Bambam, sim sou eu mesmo.

  Diretora: vamos até minha sala ver algumas coisas sobre suas aulas- ele assentiu e foi atras dela. Eu estava indo pra sala quando dois meninos, provavelmente novos, me pararam, ou melhor me prensaram na parede.

  ***: você até que é gatinha- um deles falou passando a ponta do nariz pelo meu pescoço.

  (S/N): o que vocês querem?- um deles sorriu malicioso e me puxou para tras da escola onde era mais vazio, ele me botou contra a parede prendendo meus braços em cima da cabeça. Ele começou a distribuir beijos pelo meu pescoço subindo ate minha boca, quando ele ia me dar um selinho fechei a boca com força e apertei os olhos  rezando pra que o sinal batesse.

  O menino foi puxado com força, sendo tirado de cima de mim como estava um pouco no alto cai no chao sentada, abri os olhos e vi Park o segurando pela gola da camisa e dando um soco em seu queixo, ele caiu no chao com a mao sobre o lugar onde foi dado o soco e com a boca sangrando. Quando o outro menino foi correr Park segurou ele pelo braço o virando para encarar ele, Park deu uma joelhada no meio das pernas dele o largando deitado do lado do outro menino.

  Park: nunca mais mexam com ela!- ele falou irritado. Caminhou ate mim calmamente e me ajudou a levantar.

  (S/N): brigada Jimin, se você nao tivesse chegado nao saberia o que fazer.

  Park: do que voce me chamou?- perguntou surpreso.

  (S/N): Jimin, é seu nome não?- começamos a andar lado a lado.

  Park: eu tava tão acostumado a você me chamando de Park, agora to surpreso de verdade.- falou sorrindo sem mostrar os dentes.

  (S/N): por que resolveu me ajudar? Você me odeia.

  Park: não é que eu te odeie, é que você chama minha atenção.- falou entrando na sala.

  (S/N): como assim chamo sua atenção?- parei na porta.

  Park: você não é que nem as outras você é diferente- ele sorriu e tocou na ponta do meu nariz com o dedo. O sorriso de Park sumiu quando ele viu Bambam atras de mim.

  Bambam: vamos (S/N)?- falou enciumado.

  (S/N): é a primeira vez que to falando normalmente com Jimin sem brigar, vai indo ja te alcanço.- bufou e Park olhou pra ele com um sorriso vitorioso, Bambam franziu o cenho e foi até os meninos. Eu sentei na em cima da minha classe e Park sentou do meu lado.

  Park: quer mesmo minha companhia?- falou sorrindo.

  (S/N): sim, desde que você nao seja irritante

  Park: não sou nem um pouco irritnte.- eu gargalhei.- que? to mentindo?

  (S/N): ta, e muito.- eu parei de rir e suspirei ainda sorrindo.

  Park: posso te fazer uma pergunta?

  (S/N): pode- ele suspirou.

  Park: por que voce não é que nem as outras?- eu olhei pra ele confusa.- tipo... porque não gosta de mim e tenta ficar comigo?

  (S/N): sei lá, só nao sinto nada por você.- o sorriso dele foi sumindo aos poucos.

  Seokjin: Jimin, vem nós estamos te esperando la na frente a mo tempão cara.- Park assentiu e foi até ele, segurei seu braço, dei um beijo em sua bochecha e ele corou.

  (S/N): brigada por ter me salvado.- ele me olhou ainda corado.

  Park: posso te pedir uma coisa?

  (S/N): claro- sorri

  Park: me chama de Jimin.- eu assenti e ele sorriu saindo dali junto com Seokjin. Depois que Jimin saiu Bambam entrou bravo dentro da sala, enquanto eu estava enatando na cadeira ele parou do meu lado.

  Bambam: sobre o que vocês estavam conversando?- ele falou apoiando um dos braços na cadeira e o outro na mesa me encurralando.

  (S/N): não foi nada, Bambam, só conversamos.- esse é o problema do Bambam, desde que nós eramos amigos ele sempre foi muito possessivo.

  Bambam: nao quero mais que voces conversem!

  (S/N): para com isso Bambam, foi só uma conversa, se quisesse ficar com ele nunca teria aceitado seu pedido de namoro!- ele baixou a cabeça e foi sentar na classe dele ainda um pouco bravo.


Notas Finais


espero que tenham gostado pessoinhas.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...