História From hate to love; vkook; taekook. - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Personagens Originais
Tags Bts, K-pop Bts, Taekook, Vkook
Exibições 106
Palavras 715
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Escolar, Famí­lia, Festa, Fluffy, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Yaoi
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Era pra ter saído ontem ;-;

MAS O SPIRIT BUGOU :<

Enfim, boa leitura, gentinha <33

Capítulo 2 - 2; kiss?


Fanfic / Fanfiction From hate to love; vkook; taekook. - Capítulo 2 - 2; kiss?

TAEHYUNG

Já são quase oito horas, e eu tô aonde? Na merda.

Literalmente.

Eu não tenho nada pra vestir, e o Yoongi ainda não chegou. 

Quer saber? Eu vou é tomar meu banho de 1 hora. 

 

...

 

Já fazia uma hora que eu e Yoongi estávamos andando na rua, e a porra da casa não chega.

Se essa festa for mentira, eu juro pra vocês, que eu mato Jeon Jeongguk!

— Ah, estamos chegando! A casa tá ali. - O filha da puta, vulgo meu melhor amigo, disse ofegante.

— JÁ ESTAVA NA HORA, NÉ!? - Nem deixei Yoongi responder, e fui correndo até a casa.

Chegando lá, avistei várias pessoas bebendo, comendo, se engolindo, e se duvidar, até transando ali no jardim mesmo.

 

...

 

Eu estava entediado. Não fazia nem doze minutos que eu estava ali e já tava querendo ir pra casa.

  — Tae! Você veio! - Uma voz, que eu conhecia muito bem, me chamou.

— Oi, Jeongguk. - Disse firme. 

— Aqui está muito agitado.. Vamos pra outro lugar? - Eu corei. 

— Quê? Não! - Disse rindo. 

— Você realmente quer ficar nessa festa, Taehyung? - Jeongguk perguntou. Velho, os olhos dele me dão medo. 

— Não.. Vamos logo. - Disse sério, e me levantei. Quando estava quase saindo, sinto alguma coisa segurar o meu pulso. 

— Aonde vai, mocinho!? - Yoongi perguntou. 

— Interessa!? - Respondi. 

— Eu estou de olho em você, tem que me dizer onde vai, Tae. - Yoongi estava calmo. Seria um milagre? 

— Eu vou sair, não sei pra onde vou. Eu não demoro, juro. 

— Tudo bem, vá. Eu.. Talvez eu demore. - Sorriu para mim maliciosamente, e logo foi até onde Jimin estava. 

 

... 

NARRADOR

Taehyung e Jeongguk caminhavam em silêncio. Jeongguk estava agoniado, e então decidiu quebrar o silêncio mortal que estava entre eles. 

— Taehyung? - Chamou. 

— Hm? - Disse e não foi respondido. — O que foi, Jeongguk? 

— Por quê.. Por quê quando eu vou falar com você, você sai andando, ou responde com grosseria? 

— Porquê eu não gosto de você. 

— H-hãn!? - Jeongguk estava pasmo. 

— B-brincadeira.. - Taehyung tentou "acalmá-lo".  — Não é que eu não goste de você.. O seu jeito me dá nojo. - Disse direto, e viu Jeongguk ficar ainda mais pasmo. 

— Que jeito? 

— Pegador, cobiçado. Você sabe, famosinho. - Disse irônico. 

— Certo. - Jeongguk saiu andando o mais rápido possível, estava chateado por saber que pensavam aquilo dele. 

No começo, Taehyung não ligou. Mas depois de alguns segundos, a culpa foi lhe corroendo. Seu coração -de pedra-, apertava ao ver Jeongguk quieto, frio, vázio.. 

— Jeon.. 

— Que foi!? Vai jogar mais alguma coisa na minha cara?! 

— NÃO!!! EU SÓ QUERO PEDIR DESCULPA! - Taehyung se estourou. Mal percebeu, e lágrimas quentes preenchiam suas bochechas. 

Aquela cena deixou Jeongguk sem reação, afinal, nunca viu Taehyung chorar. Não pensou duas vezes, e abraçou o garoto de cabelos avermelhados bem forte. De primeira, Taehyung pensou em empurrá-lo, mas estava se sentindo tão culpado, que apenas deixou o abraço acontecer. Taehyung já havia parado de chorar, e eles ainda estavam se abraçando. O menino de madeixas vermelhas tentou se separar, mas o moreno só o apertou ainda mais em seus braços.

— Jeon.. Gguk. - Disse sem ar. Na hora, Jeongguk o soltou, e uma risadinha do garoto de cabelos vermelhos escapou -ao ver as bochechas do outro ruborizadas-.

— Desculpe, Tae. - Jeongguk disse olhando para qualquer canto.

— Tudo bem. - Disse.  

Taehyung estava se sentindo incomodado, ao jeito que o moreno lhe olhava. Mas, ele olhava sem desejo, sem pena, ele só olhava. E os olhos negros de Jeongguk eram lindos. Qualquer um se perdia ali.  

Sem nem ao menos esperar, Jeongguk tomou o avermelhado em seus braços. 

— Jeongguk? - Taehyung estava assustado. 

— Sh-h.. Não diga nada.. - Jeongguk fez uma voz sedutora, que fez o corpo de ambos se esquentar. 

Jeongguk olhava diretamente para a boca avermelhada de Taehyung, não estava mais aguentando aquela distancia. Nunca sentiu uma vontade enorme de beijá-lo. 

O moreno ia aproximando seu rosto, que dava até para sentir a respiração ofegante dos dois. Quando Jeongguk fechou seus olhos, e roçou seus lábios rosados no de Taehyung, o avermelhado o empurrou. 

— VOCÊ ESTÁ LOUCO? - Taehyung dizia estressado. 

— Eu.. - Antes de Jeongguk terminar, Taehyung saiu correndo, mais uma vez. Deixando Jeongguk totalmente estático. 

 

"Você é um merda, Jeon Jeongguk." 

 

 


Notas Finais


FIREEEEEEEEEEEEEEEEEE
EOEOOOOOOOOOOO

oi gnt eu demorei dsclp ;--;-;-;-;
era p eu postar ontem, mas o spirit bugou.... foi só cmg??
enfim
foi curtinho, né? desculpem aaaaaaa
peço perdão pelo horário também ;;
um beijaooooooo <3

TWITTER: @ladyttae


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...