História Fudeu...sou filha do Stark - Capítulo 25


Escrita por: ~

Postado
Categorias Os Vingadores (The Avengers)
Personagens Anthony "Tony" Stark, Clint Barton, Dr. Bruce Banner (Hulk), Feiticeira Escarlate (Wanda Maximoff), Loki, Natasha Romanoff, Nick Fury, Pepper Potts, Sam Wilson (Falcão), Scott Lang, Steve Rogers, Thor, Visão
Tags Bucky Barnes, Capitão América, Fanfic, Filha De Tony Stark, Homem Aranha, Homem De Ferro( Iron Man), Peter Parker, Steve Rogers, Super Poderes, Tony Stark, Universo Alternativo, Vingadores
Visualizações 283
Palavras 1.666
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Fantasia, Ficção, Ficção Científica, Sci-Fi, Suspense, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 25 - A tortura começou


Pov. Narrador
*Torre Stark*

Stark levantou, sentiu uma dor horrível em sua cabeça, logo ele ficou tonto e quase caiu se recuperou da tontura e se dirigiu ao banheiro, olhou sua cara no espelho, olhos inchados, baba seca na bochecha, olheiras gigantescas, e um pouco de maquiagem da sua fantasia. Ele não se lembrava de absolutamente nada, a última coisa que viu foi Bucky dançando com sua filha.
Stark:--Merda, se aquele cretino encostou um dedo nela eu o mato com as minhas próprias mãos.- Ele sentia ciúmes de sua filha, e faria de tudo para protege-la.
Ele olhou para o relógio que marcava 6:00 da tarde, foi até os quartos, apenas Bucky e Steve haviam acordado a mais ou menos 15 horas antes, sua sala estava destruída, e com um forte cheiro de álcool, ele ligou o alarme e em poucos segundos as pessoas foram acordando, Steve já aparece com seu uniforme e o escudo enquanto todos estão de pijama ou com a roupa do dia anterior.
Capitão:--Qual a emergência?
Stark:--Nenhuma, só que temos que acordar.
Capitão:--Mas eu já estava acordado.
Stark:--Meus parabéns, mas o resto do povo estava dormindo.
Natasha:--O que quer Stark?
Stark:--Fury vai nos matar se dormimos o dia inteiro.
Bucky:--Eu não estava dormindo.
Stark:--E eu não estava falando com você.
Clint:--Começou já cedo?
Scarlett:--Ainda que é tarde, são 6 horas.
Thor:--São 7 horas da manhã no relógio Asgardiano.
Stark:--Quem liga pro relógio Asgardiano.
Capitão:--Stark eu quero falar com você.
Stark:--Entra na fila do pão.
Capitão:--O que?
Stark:--Eu consigo te encaixar as 10 antes dos repórteres e depois do presidente.
Capitão:--Estou falando sério.
Stark:--Eu nunca falei tão sério.- Steve puxa Stark até a varanda.
Visão:--Por que o Sr.Rogers puxou o Sr.Stark?
Clint:--Eles vão se pegar Visão, não esta claro que eles andam se pegando a anos?
Stark:--Nossa, tem que apelar para a força bruta.
Capitão:--Por que anda tão infantil? Eu achei que tinha superado essa fase criança/adulta, você fica um idiota desse jeito.
Stark:-- Imagine que você tem uma filha, uma princesa, e vem um Capitão metido a certinho que quer passar a rola nela.- Rogers quase engasga com o palavreado de Tony. --Também imagine, que tem um cara, o que matou os pais de um certo bilionário, e agora esse certo bilionário tem que conviver normalmente com esse cara.
Steve:--Eu e tendo como se sente.
Stark:--A, entende né. Mostre-me a sua filha e o cara que matou seus pais.
Steve:--Não é essa questão Stark.
Stark:--Então qual é? Você me chama aqui pra me perguntar por que eu estou tão infantil, e eu te respondo.
Steve:--Você deveria crescer.
Stark:--E você parar de me encher o saco, eu estou de ressaca porra.- Ao sair Stark percebeu, aonde é que está sua filha? Ele foi ao quarto de Alice, que por acaso ainda dormia mesmo depois do alarme soar. --Cria, acorda.
Alice:--Não.
Stark:--Aonde está a minha filha?
Alice:--Eu estou dormindo.
Stark:--ARGG-Ele já estava bravo com ela.
Alice:--Isso, vira o Hulk e me deixa dormir, obrigado, de nada. -Ele a descobriu e gritou.
Stark:--Fala comigo porra.
Alice:--Não.- E como uma pessoa infantil que é, ele a pulou em cima dela.-- Ai, filho da puta, sai de cima de mim desgraçado.
Stark:--Aonde esta a minha filha?
Alice:--EU NÃO SEI.
Stark:--Vai achar.
Alice:--Você me paga.- Ele sai de cima dela, que o empurra para longe. --Eu vou achar a Kattyn e esfregar na sua cara.- Stark fica feliz, em conseguir o que queria.
Alice sai furiosa até o quarto de Kattyn, ela entra estranhando a porta aberta, ela vê sua cama arrumada.
Alice:--Ela não dormiu aqui.- Pensou. Até que ouviu uma mensagem gravada pela Kattyn.
"Tá gravando, Ok. Xhá, eu fui para a HYDRA, por motivos de: depois te conto, e eles acham que eu estou aqui porque eles me pegaram e raptaram, um bando de trouxas, bom nesse momento em que você assiste, eu já estou lá, não me procure, eu sei como demora para o " resgate " vir, então apenas fale que eu fui raptada, beijos te amo. A, é melhor tu se afastar pois eu programei essa mensagem para ser destruída. "
Alice se afasta um pouco e uma pequena explosão acontecesse.
Alice:-- Filha da puta me deixou sozinha com o bando de animais.

Pov.Kattyn

Eles me jogaram em uma cela, suja e com o chão molhado, eu não me atrevi a tocar, um cara pegou uma faca e pediu os segredos dos vingadores, eu disse que não sabia de nada, então ele cravou a faca na minha coxa e a deixou, minutos depois eu não conseguia mais tirar ela de lá, pois meu metabolismo acelerado curou a ferida com a faca ainda na minha pele. Depois eles me levaram em uma sala e abriram meus olhos, me obrigando a assistir um filme sobre sei lá o que, eu sai inúmeras vezes, agora mais do que nunca controlo minha super velocidade, e eu descobri uma coisa o meu corpo produz energia, mas ele também conduz, ou seja eu consigo conduzir a minha energia para outra pessoa fazendo as células dela se mexer iguais as minhas, eu preciso de uma cobaia, mas não vai ser nenhum desses idiotas.

Uma semana depois

Essa semana passou bem devagar, esses imbecis são muito trouxas, eu faço tudo que eu quero aqui, ai eu os deixo me "torturarem", sério, a HYDRA em quesito tortura é horrível, enfim eu dei algumas informações inúteis, mas que parecem úteis como, " No sistema de tubulação, há apenas 3 entradas, a do meio leva a sala de Tony Stark", mas não faz muito sentido, ha sensores em toda a tubulação, se eles tentarem entrar o JARVIS vai gritar no prédio dizendo que ha um movimento suspeito na tubulação, entretanto eles pareceram gostar bastante dessa informação. Eles também não sabiam que poderes eu tinha, um dia eles ligaram o sistema de resfriamento para me congelar, eu não sei o que aconteceu, mas eu comecei a suar, com as paredes e o chão já congelados onde eu encostava o gelo derretia, é uma espécie de defesa do meu corpo, quando mais rápidos a células se movimentam ficando no mesmo lugar mais quente o ar perto delas fica, então ela ficaram achando que o meu poder era de fogo. 
Eu estou sentada aqui na minha cela, eu ainda não uso muito a minha velocidade por conta da minha perna.
--Tu vai para o inferno. - Olhei ao redor, não há ninguém, mas eu conheço exatamente essa voz.
Eu:--Pra qual? O que eu não acredito, ou o que está cheio de homens gostosos dançando em cima de mesas?
Xhá:--Já que a minha vaga lá já esta garantida, vamos ver os homens gostosos.- Ela fica visível, vem até mim e me abraça.--Eu não aguento mais teu pai, ele tá louco atrás de você, ele fez a porra de um manifesto pra achar você, O PRESIDENTE ESTÁ ATRÁS DE VOCÊ.
Eu:--Você não disse onde eu estava, né?
Xhá:--Não, nas acho que o teu pai desconfiou de eu não estar nem um pouco interessada em te procurar, agora mana, 2 explicações, uma: por que você caralhos fugiu de lá e veio para cá, e segundo: tem uma lâmina na sua perna?
Eu:--Bom, era uma faca, até eu quebrar o cabo.
Xhá:--Por que tinha uma faca enfiada na sua perna?
Eu:--Bom, foi um filha da puta que quando eu cheguei aqui ele ficou responsável pela minha tortura, agora ele manda os capangas dele me torturarem que por acaso são uns debilóides.
Xhá:--E quanto a primeira pergunta.
Eu:--Ok, é complicado, deixa eu te mostrar.- Peguei o meu relógio que eu escondia em um lugar por ali, procurei a gravação no JARVIS e mostrei.--Tá, ele claramente estava bêbado, e além do mais ele ta pirando porque não te acha, talvez ele tenha falado da boca pra fora.
Eu:--Eu não to nem ai.
Xhá:--Tá, só vamos voltar pra ele parar de encher meu saco.
Eu:--Eu não quero.
Xhá:--Kattyn, agora.
Eu:--Você parece a minha mãe.- Eu ia seguindo ela até a saída quando os caras chegaram pra me torturar e imediatamente ela ficou invisível, eu parei estática.
Cara1:--Ei como essa vadia tirou as algemas.
Cara2:--Eu não sei mas ela vai pagar.
Cara3:--Já sei, uma vez eu ouvi falar que a pior sensação é a de ser afogado.
Cara2:--Afogada ela será.
Cara1:--Eu vou pegar o tanque.- Eles colocaram um saco na minha cabeça e eu vi a hora perfeita para testar meu corpo, eles iam me afundar mas quando meu cabelo encostou na água eu tentei liberar energia do meu corpo, eu fechei os olhos e quando os abri os 3 estavam caídos no chão o terceiro estava tendo um ataque. A Xhá ficou visível se abaixou e colocou a mão nos pescoços deles.
Xhá:--É estão mortos, agora vamos pra casa.- Assenti, ela nos deixou invisível e estávamos indo até que tive uma ideia.
Eu:--Ei, e que tal se a gente ficar e virar agentes da HYDRA?
Xhá:--Hum, tá bem, vamos lá falar com o chefe.
Entramos na sala dele sem nenhum problema.
Eu:--Ei, oi, nós queremos ser agentes.
Chefe:--Perai  você não é a menina aprisionada lá em baixo?
Eu:--Sim, agora nos de o emprego por favor.- Depois de uma extensa conversa para nos deixar ser agentes nós finalmente conseguimos.
Xhá:--Legal, agora se eu matar as pessoas ninguém vai me julgar.
Eu:--Quanta sanidade.- Segundos depois eu escuto um estrondo, e vejo um escudo voando para minha direção junto com o Bucky e logo atrás Steve.
Steve:--Comunicando, encontramos a lebre prosseguindo para a toca.- Eu tinha que pensar rápido, segurei o ombro da Xhá e tentei fazer com que ela captasse a minha energia.
Xhá:--Eita porra ta tudo devagar. - Isso eu sou a melhor.
Eu:--Eu sou muito foda, agora vem vamos sair daqui.- Eu puxo ela, mas antes eu fico alguns metros do Steve deixo na velocidade normal, eu pisco e mando um beijinho para ele e saio com a Xhá.

Pov.Steve
Eu:--Perdemos a lebre, repito perdemos a lebre.- ARGH essa garota está me deixando louco.


Notas Finais


OIEEEEE, UMA VEZ UM NOVO E SABIO DINOSSAURO ME DISSE QUE HITLER JA FOI UMA GALINHA GIGANTE QUERENDO VOAR ATE O SOL-~- reflitao

BEIJUS DA ZUMBIRIQUITA


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...