História Future ruined (É fada 3° Temporada) - Capítulo 25


Escrita por: ~

Postado
Categorias Inazuma Eleven (Super Onze)
Personagens Afuro Terumi (Aphrodi), Endou Mamoru, Fudou Akio, Genda "Genou" Koujirou, Kariya Masaki, Kazemaru Ichirouta, Kia Hiroto, Kidou Yuuto, Kirino Ranmaru, Matsukaze Tenma, Midorikawa Ryuuji, Nagumo Haruya (Burn), Natsumi Endo, Sakuma Jirou, Shindou Takuto, Shirou Fubuki, Shuuya Goenji, Suzuno Fuusuke, Tsurugi Kyousuke, Tsurugi Yuuichi
Visualizações 20
Palavras 668
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Esporte, Famí­lia, Hentai, Lemon, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Avisos: Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 25 - Capítulo vinte e cinco


Hayato: Onde está essa caverna? - perguntou pela décima vez.

- Eu não sei tava aqui - apontei para a parede onde a caverna ficava.

Hayato: Disse bem tava aqui não está mais - ele cruzou os braços - Vem vamos embora - ele me pegou pelo braço e começou a me arrastar para longe mas então começamos a cair e ele abraçou meu corpo para me proteger do impacto, depois de um tempo caindo chegamos no chão - Itai.

- Você tá bem? - perguntei me sentado em cima da barriga dele.

Hayato: Você e pesada - eu comecei a bater nele e ele riu - Para - continuei a bater nele - Eu mandei parar - ele ficou por cima e segurou meus pulsos me colocando contra o chão.

- O que você tá fazendo? - ele aproximou nossos rostos e começou a roçar nossos lábios, eu fechei os olhos esperando ele fazer algo mas ouvi ele rir e sair de cima de mim, abri os olhos e vi ele sentado do meu lado tendo um ataque de risos.

Hayato: Hahahahaha você realmente hahahaha achou que eu ia te beijar? ahahahaha - senti meus olhos lacrimejarem - Ei você não vai chorar vai? Bebe chorão! - ele voltou a rir, me levantei e comecei a correr - Ei volta aqui - acabei tropeçando e batendo a cabeça em uma pedra me fazendo perder a consciência.

Narradora on

Hayato: Kitty aparece era brincadeira - ele continuou a andar até que viu o corpo da albina caído no chão com a cabeça sangrando - Merda - ele correu na direção da garota e se ajoelhou ao lado dela - Kitty, Kitty - ele começou a balançar o corpo da garota mas ela não acordava - Droga.

Ele mordeu a linguá a fazendo sangrar, ele abriu a boca da mesma e juntou seus lábios, ela começou a engolir o sangue dele e seu machucado na cabeça começou a se fechar.

Mulher: O que está fazendo? - o garoto se afastou da garoto e encarou a mulher na sua frente.

Hayato: Ai mãe que susto - ele retirou a capa que vestia e usou como apoio para a cabeça da albina.

Mulher: Venha aqui - ele se levantou e se aproximou da mãe - Quer mesmo se envolver nisso?

Hayato: O papai disse que era para eu aproveitar a vida...não que eu vá morrer algum dia - a mulher riu baixo.

Mulher: Seu pai e um idiota - o garoto riu - Mas falando sério Hayato você já tem mais de mil anos não pode ficar agindo como uma criança sendo o irmão mais velho.

Hayato: Ser o primeiro filho e uma merda, por que eu tenho que ser responsável? Samyra engravidou com cem anos e eu que tenho mais de mil nunca tive alguém como ela.

Mulher: Hayato - ela e interrompida.

Hayato: Jenny e May estão vivendo entre os humanos e são casadas, tem filhos, por que eu não posso ser feliz?

Mulher: Você sabe que eu não quero te ver infeliz mas você sabe o rumo dessa história, Kitty se torna a ´´Celestice`` mais forte de todos os tempos e ela morre feliz, sem filhos ou marido.

Hayato: Mas e se ela quiser ter alguém para passar a eternidade? E se EU quiser alguém para ficar a eternidade comigo?

Mulher: Essa e sua escolha mas sabe que mesmo que quisesse não pode torna-la imortal.

Hayato: Eu me mato!

Mulher: Deuses não podem morrer!

Hayato: Mãe você e a deusa da vida e o papai o deus da morte por favor me ajudem - ele começou a chorar - Eu a amo.

Mulher: Amar não e o suficiente.

Hayato: Como sabe?

Mulher: Eu amei seu pai e veja como estamos agora um longe do outro porque amor não foi o suficiente - ela encarou a albina - Pode ficar com ela até ela morrer depois disso volte para casa - a mulher desapareceu deixando Hayato lá com Kitty.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...