História Garota - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Dragon Ball
Personagens Gohan, Goku, Goten, Pan, Trunks, Vegeta
Visualizações 24
Palavras 502
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Harem, Hentai, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Violência
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 3 - ..So...so..socorro.....por favor


Fanfic / Fanfiction Garota - Capítulo 3 - ..So...so..socorro.....por favor

Abri meus olhos minha carma estava molhada minha respiração ofegante minha camisola colada no meu corpo meu suor pigava

" um sonho "

Olhei tudo a minha volta meu quarto a luz da lua entrava pela janela e iluminava meu quarto

Escutei um barulho vindo da cozinhar um barulho assustado

" pai "

Sentei na minha cama me virei toquei o chão com meu pés 

" frio "

levantei meio zonza fui andando até a porta e sai do quarto mesmo com medo fui andando ouvia trovões altos e assustadores descia pela escada de modo devagar estava muito escuro desci mas um pouco logo vir meu pai caido no chão corri até o mesmo me joguei ao seu lado ficando ajoelhada o virei sua testa sangrava eu o mexia desesperada enquanto sussurrava

" pai...pai..pai arcode..pai eu estou com medo"

Olhei para a cozinha as luzes piscavam meu corpo se arrepio fiquei mas assustada me levantei e andei até a cozinhar meu corpo me pedia para corre minha mente me pedia para fica quando entrei na bendita cozinhar vir minha mãe nós braços de uma criatura 

" mae "

A unica palavra que saia da minha boca a criatura parecia uma cobra ernome branca a criatura me olhou seus olhos roxos misturados com rosa tinha um azul marinho brm no fundo a criatura continuo me olhando

 seu olhar meu corpo estático eu nao entendia nada a critura tinha um beleza que empenotizava 

Senti um ardência em meu braço logo sai daquele encanto a criatura segurava meu braço e me puxava pelos cabelos para fora da minha casa logo fiquei desesperada

Meus poderes não fucionam nada meus pais

- pa-ai... pa

Minha voz esta tão baixa

- pai...mãe 

Enquanto me segurava em tudo que eu via modi a mão do ser nojento que me puxava tentei corre para dentro de casa 

Alguma coisa bateu em minhas pernas cai na grama alguma coisa estava me luxando me afastando da minha casa 

- paii..paii

Olhei para trás a criatura estava longe mas sua mão estava enrolada em minha perna suas unhas em minha pele o braço do ser estava esticado parecia um elástico

Logo senti que ia morre se ele me levasse

- pa..pai...

por favor kami me ajude por favor Socorro

- PAIIIIIIIIIII HAAAAAAA MEEE LARGAAAAA SOCORROOOO

Eu me debatia e me segurava na grama meus dedos e joelhos sujos meus cabelos bagunçados 

- PAAANNNN

Olhei para porta da minha casa minha mãe andava com dificuldade segurava suas barriga que sangrava

- MÃEEEEEEE socorro...SOCORROOOOOO

Lágrimas desciam pelo meu rosto mãe o que aconteceu

- pan eu..eu

Ela se escorou na porta fez uma cara de dor e caiu na grama desmaiada

- mãe ...mãe..... NÃOOOOOO...OOOO ME LARGA MÃE HAAAAAA

 Me afogava com as minhas próprias lágrimas soluçava logo desmaiei nós braços do meu sequestrado

4 semanas

Ele tinha me vendido para uma espécie de bordel todas as espécies vinham se divertir com uma garota diferente eu só ajudava o bamem por ser nova todas se deitava contragosto com alguém que nem conhecia

Era nojento

Eu não podia fugi algo aconteceu comigo eu não lembro de nada 

Eu só peço por ajuda 

Alguém me socorra.




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...