História Garota perfeita? - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Exibições 7
Palavras 960
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Escolar, Famí­lia, Festa, Mistério, Romance e Novela, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


OOOOIIII Vai mais um e espero QUE GOSTEEEM Sz *-*

Capítulo 6 - Namorando?


*Sophie on

Minhas pernas começaram a tremer, não sei porque mas eu estava nervosa com aquele pequeno e rápido Celinho do nada. Oque ouve comigo? Porque estou assim por isso? E porque ele FEZ isso? Tudo bem ele querer mentir pra elas deixarem do pé dele, mas um Celinho? E porque estou brava por isso? Será que eu estou gostando do meu melhor AMIGO?... Não...? Sim...

Kevin – Sophie? (Ele me toca levemente nos ombros, me fazendo voltar a realidade) Tudo bem?... (Ele falou em um tom calmo me acalmando, e eu nem sei porque estou nervosa.... foi só um celinho... apaixonante vindo dele... Pera que?)

Sophi – Tô sim, desculpa... (Falei notando que exagerei na cara de desentendida na hora)

Camila – É sério que você está namorando essa songamonga ai? (Ela pergunta desentendida)

Kevin – Eu estou namorando essa princesinha sim Camila... (Apenas sorri sem jeito pelo oque ele falou, e ele sorri pra mim de volta)

Camila – Hmm (Ela exclama “hm” com nojo e desprezo)

Sophi – Que foi Camila? Acho que eu ganhei de volta... (apenas ri e abracei o Kevin pela cintura já que ele estava com um dos braços em meus ombros)

Ela me olhou como se estivesse chocada novamente, só que muito mais agora, depois dessa frase que eu disse. E eu apenas sorri, lembrando da minha promessa de quando eu e Kevin éramos crianças.

*Flashback on

Camila e eu erámos melhores amigas na infância, quando eu tinha uns 3 ou 4 anos até uns 6, 7 anos, mas vivíamos brigando e competindo. Era meio que brigas por tudo, apostas idiotas. E eu ganhava sempre, ela sentia inveja das coisas que eu conquistava ao longo do tempo, mas eu não notava. E ai chegou o Kevin, que na época me odiava. Mas daí a Camila começou a gostar dele, e mandou me aproximar dele, e começar a falar dela a ele. Foi oque eu fiz, mas ai, eu e o Kevin começamos a ser muito grudados, e claro que a Camila não iria aceitar isso. E o Kevin sempre me alertava que ela nunca foi minha amiga de verdade, ela só me usava para fazer as coisas que ela queria e pedia. Eu e Kevin viviamos brigando por isso, mas sempre voltando a ser amigos logo depois. E era oque a Camila mais odiava que acontecesse, ela queria que nós brigássemos para ela se aproximar dele, e o ter. Mas ele nunca se quer deu uma chance a ela. Mas ela nunca desistia. Ela chegou a um ponto de explodir, e gritar comigo, me chamando de vadia, que eu roubei o namoradinho dela. Cara ela nem sabia oque significava “vadia” na época, ela começou a me odiar, não queria mais olhar na minha cara, ou falar comigo, nada do tipo sabe. E hoje em dia com 16 anos, ela ainda me odeia por isso.

 Depois que ela mentiu pra minha mãe, dizendo que eu a machuquei e briguei com ela. Minha mãe avia acreditado nela, e depois disso ela gritou comigo, me deixando assustada, com medo e confusa sem saber o porque. Ela me deixou de castigo trancada no quarto. Eu achei que minha mãe me odiava. E fugi de casa indo até a do Kevin, contei tudo a ele, e ele me disse para não ligar e que tudo isso ia passar.

Kevin – Me prometa que nunca mais vai chorar por isso. (Ele me abraçava forte com uma cara de preocupado) Vai passar... Eu prometo que vou cuidar de você, e te proteger. (Ele fala com uma voz séria)

Sophi – Obrigado Kevin mas... Eu sei me cuidar sozinha. (Falei com um tom orgulhoso)

Kevin – haha Tudo bem, mas acho que você tem que voltar, ou sua mãe vai ficar preocupada...

Eu concordo e vou em bora, quando chego em casa, minha mãe corre até mim e me abraça forte. E pela primeira vez ela é carinhosa comigo. Ela sempre foi tão durona e rigorosa comigo, que eu não conhecia esse lado dela.

Bianca – Onde você estava Sophie? (Ela me pergunta me olhando com um olhar preocupado)

Sophi – No Kevin... Porque está assim mamãe...? (Olhei confusa para ela, já que ela quase nunca demonstrou que se importava comigo.)

Bianca – Filha, deixa eu te explicar uma coisa... (Eu a olhei já esperando uma bela de uma bronca) Eu amo muito você filha. A mamãe só não demonstra, porque eu quero você forte para enfrentar as coisas, quero você forte o suficiente para te deixar ir e seguir a vida, eu sei que você é muito nova para entender, Mas quando você crescer... Você vai entender oque eu estou tentando dizer agora. (Fiquei meio confusa, não tinha entendido muito bem oque ela quis dizer... Mas ao menos eu sei que ela realmente me ama) Filha... Não chore pelo que eu fiz, chorar é fraqueza, isso é como perder uma luta. Triste e humilhante... e lembre que ser a numero um em tudo, só vai deixar sua mãe cada vez mais feliz, e orgulhosa. (Eu concordei com a cabeça e ela me abraçou outra vez)

Depois disso, todos os dias a Camila vinha me provocar, ela tentava de tudo, para me fazer chorar. Mas eu apenas continuei fria, como se não ligasse. Mas teve um dia que eu cansei de segurar o choro, então eu chorei, chorei muito, até minhas forças esgotarem.

E dês de então, eu sigo oque minha mãe me disse, tentando ser sempre a numero um em tudo. Lagrimas derramadas sem necessidade, além de ser idiota é sinônimo de fraqueza. E o gostinho de vencer da Camila novamente, me deixou muito feliz, me senti nostálgica. Me senti fria novamente, como no passado...

- Certo ou não, ela merece toda essa humilhação, por ter me usado quando éramos crianças.


Notas Finais


Hmmmmmmmm parece que Sophi tem um passado mais profundo ainda.... kkkkkkkkkkkkjotajota. Que bosta Weigert cala a boquinha.
Espero que tenham gostado Sz
E Desculpas por ser curto eq estou sem criatividade e não sei onde deixei minhas anotações SORRYY Sz


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...