História Garotas Mentirosas - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Amigas, Friend, Gossip Girl, Love, Prettylittleliars, Romance
Exibições 2
Palavras 1.308
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Festa, Mistério, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Spoilers, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 1 - Aparências


Fanfic / Fanfiction Garotas Mentirosas - Capítulo 1 - Aparências



Bler Willows


Acho que posso dizer que a minha família ta quase virando nômades, porque é a terceira vez que eu mudo de escola, casa, país, amigos... Para eles é fácil recomeçar tudo de novo. Mas não é!

Como é que fica as amizades que eu faço? Se separar dos amigos é difícil, ainda mais quando eu sinto que faço parte deles. Ai simplesmente os meus pais me levam embora?

E os meus sentimentos? Como é que fica? É claro que amo eles. Mas é muito chato ter que toda hora recomeçar e deixar tudo o que você construiu para trás.

Hoje será o meu primeiro dia de aula na escola New Orleans School. O dia não estava lá pra um dos melhores. Logo logo irá chover, o céu nublado indicava que vinha uma forte chuva.

Amo o inverno, mas preferia que estivéssemos no verão. Suspiro olhando ao redor.

Pego o meu casaco jeans e visto ele antes de chegar no portão da frente da escola.

-Ei garota. - Escuto alguém gritar.

Me viro e vejo uma garota vindo correndo na minha direção. Seu cabelo batia no ombro, era da cor preta com mechas azuis. Seus olhos castanhos, me avaliavam de cima para baixo quando parou de correr e chegou perto de mim.

Ótimo. Além de atrasar, já tem uma pessoa que não vai com a minha cara pelo jeito que me olhava.

-Sou Raquel, estou na mesma sala que você. - estendeu o mão para mim e eu apertei sorrindo. - Muito prazer, Bler.

Ela falava comigo como se eu fosse uma celebridade. Era muito estranho tudo isso.

-Como sabe o meu nome?
- Perguntei intrigada.

Ela começou a rir como se a minha pergunta fosse uma piada.

- Todo mundo sabe. Agora vamos ou não conseguiremos chegar no primeiro horário. - Falou entrelaçando o seu braço com o meu.

Todo trajeto até a escola fomos conversando. É incrível como você pode se enganar pela aparência das pessoas. Quando olhei ela na rua, pensei que fosse uma garota esnobe. Uma daquelas que é líder de um grupo popular? Pois é, imaginava ela assim. Mas não. Raquel era a garota mais louca, extrovertida e legal que eu já tinha conhecido. Ela xingava muito. Eu ria toda vez que ela soltava um palavrão, para uma pessoa.

Felizmente conseguimos chegar a tempo antes do primeiro horário bater. Entrei na sala de aula e olhei ao redor dela. As pessoas pararam que estavam fazendo e me olharam. Simplesmente queria não ter ido hoje. Odeio primeiro dia de aula! Ainda mais quando se tem que se apresentar diante da sala inteira.

Sentei na terceira fileira da segunda cadeira ao lado de Raquel. Percebi que as pessoas ainda me olhavam. A vergonha sempre me faz travar. Fico sem o que fazer, só pensando o quanto não queria está ali.

Os três primeiros horários passaram como um borrão. O sinal do intervalo bateu e todos os alunos da sala se levantaram pegando as suas coisas.

Raquel estava fazendo caretas enquanto três meninas vinham em nossa direção.

-Você é a Bler a novata, não é?
- Perguntou uma garota loira, de olhos verdes.

A outra do lado dela devia ter uns três centímetros a mais que ela de altura. Seus olhos era da cor do mar, combinando com sua pele branca. Cabelo liso preto, usava uma saia curta preta quase igual a que eu usava, a única diferença era que a minha era xadrez com as cores vermelha e preta. Sua blusa colada branca destacava seus seios. Eu diria que ela era a própria Barbie se não fosse a cor do seu cabelo.

A que estava do lado esquerdo da loira também não era de se jogar fora. A mesma cor dos olhos da loira, seu cabelo era castanha clara. Era igualzinha loirinha que falava comigo. Eu diria que eram irmãs, pela semelhança entre as duas.

-Sim. Sou a Bler e você é?

- Perguntei a loira.

Ela sorriu para mim e empinou seu nariz. Meu Deus.

-Meu nome é Regina Gilbert. Essa é a minha irmã Janis e a outra.

- Apontou sorrindo para a garota "Barbie".- É a Emma Hastings. Bem vinda a High School Blashend, Bler Willows.

Raquel revirou os olhos e falou:

- Ah por favor Regina. Faça um favor a ela e se manda. - Disse Raquel.

-Sempre ignorante Raquel. - Falou a Regina balançando a cabeça.- Seus pais não te deram educação em casa?

Raquel estava com uma cara de que iria partir pra cima dela. Tinha que fazer algo logo. Era lógico que elas não se gostavam.

-Ah maninha. Você sabe que os pais dela são divorciados. - A Emma olhava para a Raquel com um sorriso vitorioso no rosto.

-Você queria me falar alguma coisa Regina?- Perguntei tentando mudar de assunto.

Sua atenção estava todinha em mim. Era o que eu queria para ela poder deixar a Raquel em paz.

-Ah sim. Eu quero. Vim convidar você para uma festa que eu dar na minha casa hoje a noite. Eu deixo tu levar essa esquizofrênica ai.- Apontou com o queixo para Raquel. - Bom era isso. Espero que vá.

As três saíram rebolando na direção do patio.

-Vaca. Ela é uma vadia. Argh.

- Empurrou a cadeira no chão.

-Ah. Como assim ela deixa? Até aonde eu sei, eu nem conheço ela. Ela falava comigo como se eu fosse propriedade dela.- Estava indignada.

Raquel suspirou fundo e olhou para mim pegando no braço.

-Vamos temos que procurar uma roupa pra você ir nessa festa.- Falou quando estávamos saindo da escola.

-Como assim? Espere aí. Você quer que eu fuja da escola? Você é completamente louca.- Olhava para ela sorrindo.

-Ora vamos. Os professores nem vão sentir a nossa falta.- Me olhou com uma carinha de cachorro abandonado.

Suspirou e olhei ao redor.

-Tudo bem. Mas e se formos descobertas? E se der tudo errado e alguém conhecido nos ver? E se a minha mãe me vê?! - Estava disposta a faltar aula com ela.

-Você fala como se fôssemos roubar algo. Olha o que tem de mal nisso? Todo aluno algum dia ou já fez ou vai fazer. É a lei da vida. - Disse convencida.

-Tá.. Mas quem é Regina Gilbert ? E aquelas outras duas?- Perguntei curiosa.

-Nem queira saber. A única coisa que posso dizer é que são tudo umas vadias.- Disse

Ainda estávamos na frente da escola quando sinal bateu.

-Esse são modos de falar com uma Rainha?- Perguntou a Regina nos assustando.

-Vamos Bler temos que ir logo.

- Raquel e eu caminhavam quando Regina pegou minha mão esquerda livre.

-Nós pudemos ir com vocês? Eu posso te ajudar a escolher sua roupa. - Pediu a Regina

Olhei para Raquel que balançava a cabeça. Caramba ela só queria ajudar!

-Tudo bem.-Falei.- Mas com uma condição.

Regina e Emma me olhavam atentas.

-Qual?- Dessa vez era Emma falando.

-Simples. Vocês têm que parar de fazer essas brincadeiras estúpidas com a Raquel.

As três se entreolhavam, Regina respirou fundo e revirou os olhos.

-Okay. Nós juramos não fazer mais isso.

Raquel olhou intrigada para ela e fomos caminhando silenciosamente até a loja Mademoiselle que ficava a três quarteirão da escola.

-Ai tem coisa.- Disse Raquel no meu ouvido quando chegamos na loja.

Nessa hora meu celular vibrou indicando que tinha uma mensagem.

"Parece que temos mais duas vadias para a minha coleção. Cuidado, as vadias de High School Blashend sempre se dão mal."

-A.D.

Olhei ao redor, vendo se tinha alguém há mais na loja além das meninas e a vendedora. Meu coração estava a mil. Isso só podia ser algum tipo de trote para calouros ou algo do tipo.

Olhei para cada uma das três que olhava as roupas. Regina levantou a sua cabeça e olhou para mim sorrindo.

Ai tem coisa.


Notas Finais


Aceito críticas. Não é fanfic de PLL


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...