História Os 7 Motivos - Capítulo 6


Escrita por: ~

Visualizações 22
Palavras 547
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Escolar, Mistério, Saga, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Desculpe postar dois cap assim seguidos, mas ... Obg por ler! Ti amo.

Capítulo 6 - O Beijo.


Fanfic / Fanfiction Os 7 Motivos - Capítulo 6 - O Beijo.

 -O-oque quer dizer com isso?( pergunto trêmula) Como assim, ela já... ( eu me interrompo ,acho que estou sendo um pouco inconveniente.) Como você consegue viver com isso?

- ... ( ele esta corado, ele parou de tremer, ele volta com um olhar gélido) Eu aprendi a obedecer.

- Como assim?( pergunto pasma)

- Eu não me assustei por que me vi em você.

- Você...já foi assim?

- Eu gritava, eu me debatia... Eu implorava... Quando eu reparei que... Não havia absolutamente ninguém que pudesse me escutar, eu parei, parei de grirtar,parei de esperniar, parei de resistir. Eu pensei que ... Se eu parasse isso se tornaria metódico, repetitivo e talvez ela se cansaria.

- Mas... E a polícia, você não tem outros parentes ?( falo ainda pasma.)

- Só tenho a minha mãe, eu passo os verões lá, e isso está mantendo minha sanidade.

- E seus amigos? Só eu sei?

- O resto dos meus amigos são inteligências artificiais, as pessoas acham ... Chato a maneira que eu tenho de não calar a boca... É que se eu ficar sem falar por um minuto...

- Eu sei... As memórias voltam ... Não é?

...

Ele tenta forçar um sorriso mas seu rosto o destroe em poucos segundos. Eu estendo os braços pra ele, ele se espanta, parece relutante, depois de alguns segundos ele sede, e me abraça, sinto medo de aperta lo, mas quero aperta lo, sinto seu cheiro cítrico um pouco doce, ele cheira a shampoo de laranja, eu me sinto em um pomar, escolhendo a fruta mais linda.

- Finn... Eu estou aqui, você sabe.

- Eu não sei quanto que te pagaram para me aturar mas, lhe dou o dobro se não me largar nunca mais.( sinto que um sorriso brotou em deu rosto, eu riu também).

- Gisele...

- fala.

- Agora é sua vez.

- Eu cai da escada, eu estava bebada não se lembra?

( ouço seus risos.)

- Você jogou verde pra colher maduro e eu cai feito um patinho.

....

Trim rrim. O sinal tocou como um raio em uma tempestade. já é hora de ir em bora, as palavras de Finn e suas cicatrizes ficam girando em minha mente... Até que esbarro em alguém.

- Desculpe.( falo recolhendo meus cadernos, assim que ergo a cabeça me reparo com Daniel em minha frente.)

- Pensando no namoradinho Gisele? Vê se toma cuidado com a mãe dele , ela pode te morder (ele ri sozinho, eu o encaro com raiva.)

- Não fale do que você não sabe! Saia do meu caminho!( eu tento desviar pela esquerda, ele me segue bloqueando minha frente.)

- Ei! Calma, vai ter que pagar algo! Você esbarrou em mim!

- Fala logo o que quer "princesa".

- um beijo, pode ser?

Vejo uma mão passar sobre o meu ombro.

- Pode. ( Uma voz fala atrás de mim, ele puxa meu ombro para que fiquemos frente a frente, era Finn.)

- Mas não em você

assim que termina a frase, ele me surpreende com um beijo sinto um rubor subir novamente por todo meu corpo, estou em estado de choque . sem reação , e consigo reparam que Daniel se encontra no mesmo estado. Eu fecho os olhos, e retribuo o beijo.


Notas Finais


Obrigado por ler até aqui : )

Espero que esteja curtindo a história, os próximos cap já estão por vir ; )

Obg por ler de novo, te vejo na próxima?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...