História Gift Of A Friend, Our Paradise - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Cameron Dallas, Matthew Espinosa, Taylor Caniff
Personagens Personagens Originais
Tags Flavia Pavanelli, Magcon, Olívia O'brien, Rachael Jouzai
Exibições 6
Palavras 4.089
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


MA OI MA OI TUDO BEM CAMBADA?
A ALEGRIA ESTÁ AQUI COM MAIS UM CAPÍTULO
parei de gritar
Vo tentar postar 2 agora
É isso
VLW FLW

Capítulo 4 - Hall Of Fame


Fanfic / Fanfiction Gift Of A Friend, Our Paradise - Capítulo 4 - Hall Of Fame

"You can be a master

Don't wait for luck

Dedicate yourself and

You can find yourself..."

Julia's POV

Esses dias estavam tão estressantes para mim. E percebi que isso não estava acontecendo só comigo. Pikachu também estava meio para baixo, não querendo me contar o porque disso.

- Ei, você tá a fim de ir nesse restaurante?- perguntou Pikachu

- Não...- respondi sinceramente

- Que bom, o Skate e o Johnson vão ir lá pra casa do Taylor e você vem junto- disse ela me puxando- Já falei para a Rainbow que nós não vamos, então bora lá 

Quando chegamos na casa do Taylor, Johnson, Skate e Pikachu pareciam que estavam escondendo alguma coisa de mim...

- Você trouxe?- perguntou Pikachu animada

- Claro né querida?- disse Skate com uma cara de óbvio 

- Ok, então vamos lá pra cima no meu quarto- disse Pikachu subindo as escadas

- Por que não pode ser no da Juju?- perguntou Johnson curioso

- Porque o Taylor pode entrar lá e sentir o cheiro, no meu quarto ele não entra nem fudendo. Ele sabe que eu não gosto- explicou ela 
Por fim, subimos as escadas e fomos no quarto da Pikachu. Os meninos abriram a janela enquanto Pikachu trocava de roupa, voltou com dois moletons de seu irmão. Entregou-me um e procurou algo na mochila do Skate

- Podem me dizer o que estamos fazendo aqui?- perguntei com certo receio

- Espera... - disse Pikachu ainda procurando na mochila do Skate- ... ACHEI!- gritou ela levantando um pedaço de papel marrom com algo dentro.

- Por que estava procurando um papel?- perguntei para Pikachu, enquanto a mesma ia para sua mesinha de trabalho

- Não é o papel, mas sim o que tem dentro- disse ela me assustando.

Depois de um tempo mexendo naquele papel, Skate voltou com dois baseados em suas mãos, me entregando um, e logo em seguida acendendo-o para mim.

- Isso é do Skate, ele sempre tentava mandar para mim para o Brasil, mas às vezes não conseguia. Pelo menos, nunca fora barrado, ou preso- explicou Pikachu com um na mão também 

Deitei minha cabeça no colo de Skate, que estava sentado na cama. Vi que Pikachu estava sentada ao lado de Johnson com sua cabeça no ombro dele, enquanto Johnson a abraçava pela cintura.

Rainbow não gostava desse tipo de coisa. E nunca fora a favor das pessoas que fumavam. Por essa razão, nunca contamos a ela que estávamos no meio disso também.

Ficamos lá durante 1 hora, desabafando, rindo. Mas os meninos tiveram que sair antes que Taylor e Rainbow chegassem. Guardamos as coisas do Skate, ele nos entregou mais um papel para cada uma, quando precisássemos e saiu acompanhado de Johnson, enquanto eu e Pikachu tentávamos tirar um pouco da vermelhidão dos olhos e o cheiro do quarto.

Olhamos no relógio e já era 23:00 e eles ainda não haviam chegado. 

Eu acabei indo para o meu quarto, e Pikachu foi dormir, pois queria estar "disposta" para amanhã.

Rachael's POV

As meninas estavam agindo meio estranhas hoje de manhã, não me deixaram entrar no quarto da Pikachu, não sei porque, mas não iria discutir, pois queria estar no local da sessão de fotos o mais cedo possível. Comi só uma maçã e saí correndo da casa de Taylor. Fui de táxi mesmo, pois não iria esperar Taylor e as meninas se arrumarem. 

Chegando lá, uma mulher, que aparentava ter 30 anos, me levou para conhecer o local, meu camarim (uix, uix, que chique) e a fotógrafa. A fotógrafa era bem nova, por sinal e bem bonita...
Troquei de roupa colocando um vestido preto, e fui me posicionar. Tudo estava correndo perfeitamente bem, como o esperado.

Descobri seu nome, Camila, Camila Cabello. Ela era morena e tinha um corpo que deixava qualquer um com inveja, não sei porque ela não quis se tornar modelo...

- Então, Rachael, você sempre quis ser modelo?- perguntou Camila com um sorriso no rosto.

Estávamos almoçando para recuperar energias e ver as fotos à tarde.

- Sim, sempre sonhei em ficar na frente das câmeras...

- E você tem mais algum sonho?

- Tenho sim, sempre quis ser atriz. Minhas amigas falam que eu tenho talento, sabe? Não tenho vergonha de falar em público, sem falar de que fazia aula de teatro e sempre me saí muito bem...- disse relembrando os momentos de escola

- Que legal. Eu sempre fui fotógrafa. Mas, cá entre nós, sempre fui boa cantora..- disse dando um sorriso que me fez estremecer...

Jasmine's POV

Acordei com uma disposição que até estranhei, deve ser o efeito de ontem. Levantei da cama, fui ao banheiro rapidamente, voltando de banho já tomado, com uma roupa limpa, mais simples. Desci as escadas e me deparei com Rainbow, que estava querendo entrar em meu quarto. Eu e Najinha não a deixamos pois ainda tinha certo cheiro, mesmo com as janelas abertas. 

Rainbow acabou indo mais cedo, ficando só eu e Najinha na cozinha, pois Taylor estava se trocando. 

Depois de tomar café, subi as escadas, escovei os dentes e peguei minha mochila com algumas coisas que talvez precisaria. Desci as escadas com Najinha e fomos ao encontro de Taylor que já se encontrava no carro.

Ele me deixou primeiro no estúdio de Bryant, pois já era no caminho. 

Adentrei o local e o encontrei arrumando sua câmera.

- Er, licença?- perguntei meio sem jeito

- Ah, oi! Você deve ser a Jasmine não é?- perguntou levando certo susto

- Sim, sou eu. - respondi sorrindo

- Bom, prazer, sou Bryant e irei te ajudar hoje em algumas coisas. O que quer fazer?- perguntou-me

- Acho que primeiro só irei olhar e depois penso em tirar algumas fotos com sua ajuda.- respondi

- Perfeito!- respondeu sorrindo- Daqui a pouco o modelo já virá aqui para te conhecer, irá gostar dele, Cameron é um bom menino.

Estremeci ao ouvir seu nome. Já tinha ouvido esse nome antes... Fui ajudando Bryant a preparar os equipamentos, assim, segundo ele, já estaria mais "familiarizada" com o local de trabalho. Ele havia me mostrado algumas fotos suas, e eu minhas. Ele me elogiou e mostrou a câmera que iria usar. Estava reconhecendo a máquina quando uma voz masculina entra no local.

- Bryant? Essa é a menina que irá tirar fotos?- perguntou o menino

- Sim, venha aqui Jasmine deixe-me apresentá-los corretamente

Me virei e olhei em sua direção. Nela havia um menino moreno, que sorriu ao me ver -  e que sorriso eu em - de olhos cor de mel, seu cabelo era meio para cima, dando certo charme.

- Oi, prazer, sou Cameron- disse o moreno, estendendo a mão 

- Prazer, sou Jasmine- respondi-o sorrindo, cumprimentando-o em seguida

- Agora que já se conhecem, irei tirar algumas fotos de Cameron, e depois você irá tirar, ok Jasmine?- perguntou Bryant olhando em minha direção 

- Ok, mas por favor, me chame de Jasmy- respondi abrindo um sorriso 

Bryant tirou várias fotos, sempre falando comigo como devo fazer. Não sei se conseguiria tirar fotos com um moreno tão bonito em minha frente. 

- Agora é a sua vez, Jasmine- disse Bryant. Cameron já havia trocado suas roupas, e eu nem havia percebido, estava preocupada demais. Estava até suando frio

Peguei a câmera da mão de Bryant, e pelo jeito percebeu que estava nervosa pois me disse que era só me soltar, não precisava me preocupar.

Fiz o que devia fazer, disse para Cameron fazer algumas poses, enquanto Bryant me observava e me dava algumas dicas de ângulos melhores. 

- Acho que podemos ir lá fora  comer algo, assim podemos dar um tempo nas fotos- sugeriu Bryant

Julia's POV

Cheguei no estúdio e encontrei os Jacks. Estranhei a presença deles, pois não haviam me dito que estariam ali. Cumprimentei eles e seu produtor, Dylan, e me sentei para ver o que deveria fazer.

- Bom, você irá fazer algum cover?- perguntou Dylan

- Não, na verdade, escrevo algumas músicas e queria começar com essa- disse animada. Essa era minha música favorita que havia feito até agora

- Que bonita a letra... Gostei bastante. - disse Dylan após ter passado o olho nas folhas

Os Jacks viram e elogiaram o trabalho também. 

Depois de trocarmos algumas ideias, resolvemos começar a gravar o single... Nem estava acreditando que iria gravar uma música de minha autoria em um estúdio tão profissional com Dylan... 

- Está ficando perfeito! Você, Julia, tem muito talento para escrever músicas, e sua voz, nem me fale!- elogiou Dylan

- Obrigada. Minhas amigas sempre me incentivaram a ser cantora... E pelo visto estou fazendo a escolha certa- disse animada

- Quem sabe mais tarde, não podemos fazer um feat.?- Gilinsky deu a ideia 

- Sério??- perguntei sem acreditar

- Isso é uma ótima ideia...- pensou Dylan, alto

- Perfeito! Já temos uma nova música para fazer então...- disse Johnson com um sorriso no rosto

- Mas... Eu nem sei como começar ou sobre o que falar!- pensei alto, preocupada 

- Por isso que vamos te ajudar... Assim você já saberá como é trabalhar em um feat. Tenho certeza que irá adorar...- confortou - me Gilinsky 

- Assim espero...- disse com esperanças

Jasmine's POV

Logo após nosso almoço, resolvemos continuar durante um tempo o photo shoot, e depois iríamos ver as fotos para estarmos "liberados".

Continuei falando com Cameron, sobre o que deveria fazer. Às vezes era um pouco difícil me concentrar, mas sempre pensava em como era importante esse emprego para mim e para as meninas, então ficava mais focada.

- Posso dar uma olhadinha nas fotos? Só por curiosidade, para ver como é seu trabalho...- perguntou Cameron à mim

- Claro!- respondi-o, colocando na galeria e passando as fotos enquanto ele as olhava. Ele sorria com  todas as fotos, sempre me elogiando.

- Sério, você é muito boa. Meus parabéns!- elogiou-me Cameron

Fomos ver o resultado das fotos, e sinceramente, sem querer me gabar, estavam muito boas... Eu gostei bastante.

- Uau! Jasmine, você tem um ótimo talento para fotografia...- elogiou-me Bryant- Johnson estava certo quando disse que você era boa nisso...

- Pera aí... Johnson? Jack Johnson?- perguntou Cameron à mim

- Sim... Algum problema com ele?- perguntei estranhando-o

- Não... Claro que não, era só que ele nunca havia me dito sobre você - explicou-se Cameron.

Então é daí que eu havia ouvido falar desse nome... Johnson havia me dito sobre Cameron, e eu nem havia prestado atenção...

- Ah... Então vocês se conhecem?- perguntei- Quer dizer, claro que se conhecem... Acabara de me dizer que ele nunca havia te dito sobre mim ou minhas amigas...- disse meio nervosa

- É...- respondeu Cameron sem jeito

- Bom, então é isso gente. Jasmine, vou mandar essas fotos para alguém do ramo da fotografia mais profissional e então te mando o resultado das suas fotos, ok?- perguntou Bryant, tentando quebrar o clima pesado que havia ficado

- Ah sim, claro- respondi-o

Estava arrumando minhas coisas e fui ver o horário. Droga. 19:30. Não sabia que havia passado tanto tempo

- Jasmine?- perguntou uma voz masculina

- Sim?- virei-me e era Cameron que estava parado na porta da sala onde havia deixado minhas coisas 

- Er... Você quer uma carona?- perguntou-me meio sem jeito- Sabe, já é tarde... Eu não sei se tem carro ou alguém te dará carona...

- Sim. Eu quero, por favor. Não sei se Taylor está ocupado... Então é melhor não o atrapalhar.

- Você está morando onde?- perguntou-me

- Na casa do Taylor por enquanto, mas quando conseguir um emprego e dinheiro suficiente, irei comprar um apartamento para mim e minhas amigas- expliquei

- Ah ta... Então, vamos indo- avisou Cameron

 

Rachael's POV

Depois do tempo que tivemos, troquei de roupa, colocando um biquíni que deixava minhas curvas totalmente à mostra. Coloquei uma saída de banho por cima e saí do meu camarim, agora com 2 homens ao meu lado. E que homens senhor!

Camila me dizia o que fazer, e eu, é claro, a obedecia. Estava me sentindo meio estranha, não conseguia olhar para frente, toda vez que olhava para Camila um frio invadia minha barriga.

Me esforcei ao máximo pois sabia que esse emprego seria importante não só para mim, como para as meninas. Poderíamos ter um pouco de liberdade, e maturidade. Não imaginava o quanto um "simples" emprego poderia salvar a minha vida. Poderia mudar tudo, sabe? Eu finalmente não teria que ouvir mais minha mãe nem meu irmão todos os dias. Eu finalmente poderia acordar todos os dias, olhar à minha volta e poder pensar: "Enfim, minha liberdade chegou. Poderei ser alguém na vida, com um emprego dos sonhos, com as melhores amigas, e quem sabe um dia, poder estar no "Hall da Fama". 

Esse meu Hall da Fama, não precisa ser o verdadeiro. Desde que eu seja reconhecida pelo o que eu faço e bem-sucedida, já irá ser meu Hall da Fama...

- Nossa Rachael, você tem muito talento para ser modelo mesmo. Quando me disseram que você era boa, não imaginava que era assim- elogiou-me Camila- Parece até profissional! Meus parabéns!- deu um sorriso de tirar o fôlego 

- Ah, obrigada- disse, porém saiu mais como um suspiro

- Acabamos por aqui Rachael, irei te mandar as fotos por e-mail provavelmente daqui a 2 dias- informou-me Camila

- Sem problema, demore o tempo que for necessário- disse sorrindo

- Quer carona? Ou alguém irá vir te buscar?- perguntou Camila

- Não precisa, obrigada. O irmão da minha amiga, Taylor, já irá me buscar- respondi-a

- Ok então. A gente se vê- acenou Camila, indo em direção à sua sala

Depois de pegar minhas coisas no camarim, saí do prédio e fiquei esperando na frente, até que uma mensagem de Taylor chega, me dizendo que já estava chegando, aproveitei e vi o horário 18:30. Na mensagem dizia que Taylor estava indo buscar a Najinha, e que já estava no caminho.

Julia's POV

A música não estava totalmente pronta, então iríamos ter que ficar mais um tempo no estúdio, gravando, consertando erros...

- Que horas são?- perguntou Johnson

Fui ver o horário em meu celular, e o respondi dizendo que era 19:00, vi as mensagens que tinham me mandado, algumas (várias) do grupo que Aaron havia colocado eu e as meninas, e várias do Taylor que me chamaram a atenção. 

Taylor: (18:00) Estou passando aí 

18:05- Cheguei. Já tá saindo???

18:07- Quer me responder Mana?
 

18:07- Olha aqui, não vou te pagar o X-Salada que tu queria
 

18:08- Pera, não era o X-Salada que tu queria, era o X-Bacon né non?
 

18:09- Sei lá, depois nóis se resolve
 

18:09- ME RESPONDE KIRIDA
 

18:10- Tô desistindo...
 

18:10- O
 

18:10- I
 

18:10- ME
 

18:10- RESPONDEE
 

18:11- VOU TE BATER FOFA
 

18:11- Ah, quer saber? Se explode sozinha. Depois tu pega um táxi. Sei lá. SE VIRA! TO INDO BUSCAR A RAINBOW VLW FLW!

Então é isso... Ele havia me deixado... E havia buscado a Rainbow e a Pikachu.

- Gente, fiquei sem carona...- disse desanimada

- Como assim? E o Taylor?- perguntou JG

- Ele tinha passado aqui 18:00 e eu não desci, então ele saiu e me pediu pra ver com alguém carona...- expliquei para eles

- Até daríamos carona para você, mas não vai dar...- disse Johnson- Vamos, meio que sair com umas meninas, e elas vão passar aqui direto

- Tudo bem, sem problemas...- disse dando um sorriso meio torto

- Ei. Acho que o Matt pode vim te buscar. Ele nunca faz nada- JG deu a ideia

- Vou mandar uma mensagem para ele. Vai que ele saiu com alguém...- informei-os

- Matt? Saindo com alguém? Hahaha! Desde quando?- disse JG rindo

- É, ele sempre fica em casa. Não gosta de sair de jeito nenhum. Aquela gazela é muito preguiçosa...- disse Johnson, rindo

Mandei mensagem para Matt e ele respondeu na hora dizendo que estaria ali para me buscar quando eu ligasse para ele que já estava acabando.

Continuamos a trabalhar na música, e já estávamos pensando no feat. dos Jacks e meu até que deu 21:00. Estávamos todos cansados e resolvemos continuar amanhã, dar os toques finais na música.

Mandei mensagem para o Matt, e ele me respondeu dizendo que estava no caminho. Então, resolvi esperar na frente do prédio do estúdio do Dylan.

- Oi Juju!- disse uma voz rouca no meu ouvido

- Ai! Que susto Matt- disse ao me virar e ver o loiro que ria da minha cara de cu

- Hahaha... Sua.. Ca.. Ra... AI MEU DEUS!- ele gritou com uma voz fina

- MATT CALA A BOCA!- disse para ele

- Uix uix. Tá legal então... Nem falo mais nada- disse fazendo bico

- Tá tá tá... Só me diz onde tá o carro- disse sem paciência, estava muito cansada

Ele apontou em uma direção onde havia vários carros

- Qual deles é Matt?- perguntei

Ele levantou os ombros em sinal de "sei lá"

- Deu Matthew, não tô com paciência hoje! Só me diz onde tá a porra do carro- quase gritei

Ele fez sinal para me seguir. Segui ele, entrando em seu carro. 

- Vai ficar sem falar comigo Matt? Sério??- perguntei

Sem resposta

- Maaaatt, fala comigoooo!- disse manhosa- Sem resposta- OLHA AQUI MULEQUE, SE TU NÃO FALAR COMIGO JURO QUE TE DOU UMAS BOFETADAS NA CARA TÁ???

- Calma ae tia, tô de boas contigo... Relaxa mina- respondeu-me, finalmente, Matt

- AI GRAÇAS A DEUS! TU TÁ FALANDO COMIGO!- gritei me jogando em seus braços 

- AAAAAAH- gritou Matt me assustando, e me fazendo gritar também 

- AAAAAAH-gritei

- POR QUE A GENTE TÁ GRITANDO?- perguntou Matt

- NÃO SEI!- gritei

- PARA DE GRITAR JIZUIS-Matt

- NÃO DÁ- Eu

- SÓ CALA A BOCA- Matt

- CALA VOCÊ- Eu

- TÔ BEM AQUI, VALEU- Matt

- DEU SIM OR- Eu

- DEU NADA- Matt

- MINHA ROLA- Eu

- ME... Pera aí, tu tem rola?- Matt disse olhando para mim assustado

- Não né Matt? É um jeito de dizer criado!- Disse óbvia 

- Criado???- Perguntou ofendido

- É, CRIADO!- gritei 

- Deu filha, não grita mais que daqui a pouco eu pulo daqui...- Matt disse fazendo uma careta

- Não precisa não, já chegamos...- avisei-o

- Nossa, já??- perguntou Matt

- Queline...- disse prendendo o riso

- Queline??- perguntou Matt

- É... Já... Queline- Disse óbvia 

- Tá legal... Vamos sair daqui antes que isso me infecte- Matt disse me olhando com nojo

- Ai, essa doeu- disse abrindo a porta do carro

- Aham tá, tu faz coisa pior que eu sei. Tchau Najinha- acenou Matt, enquanto eu saia do carro

- NÃO ME CHAMA DE NAJINHA! E OUTRA, EU SOU MAIS SANTA QUE SUA MÃE!- gritei para Matt

Tentativa falha. Ele já havia saído.

Jasmine's POV

Entrei no carro com Cameron e ficamos em silêncio, até ele o quebrar

- Então, você veio de onde?- Perguntou-me

- Do útero da minha mãe- respondi sem olhar pra ele, prendendo o riso

- Pera... Isso eu sei né fia? Quero saber do país querida- disse querendo rir também 
Estava tentando falar, mas não conseguia. Queria rir..

- HAHAHHAHAHAHHAHAHAHA- Cameron riu alto, me dando um susto

- AI CACETA- gritei, colocando as mãos no ouvido

- Que foi?- perguntou como se nada tivesse acontecido

- Talvez, VOCÊ GRITOU NO MEU OUVIDO???- perguntei gritando

- Exagerada- revirou os olhos- Agora me responde, que país tu nasceu. Por que deu pra perceber que você não é daqui. Seu sotaque te entrega- me encarou, dando um sorrisinho de lado

- Sou do Brasil. 

- Uuh lá lá... Temos uma brasileira entre nós- disse se mexendo no banco

- Na verdade são três. Eu e mais 2 amigas... Sem contar o Taylor. Mas aquele bicha não conta como gente. Sem querer ofender os gays é claro, amo gays. Sempre quis ter um amigo gay- disse sem parar 

- Mas... O Taylor não é gay?- perguntou Cameron, confuso

- Queria um amigo gay que se assumisse...- expliquei

- Ah tá... Quer colocar música flor?- perguntou olhando para mim

- Flor? E essa intimidade ae que eu não te dei lindo?- perguntei entrando na brincadeira

- Não filha, é tipo, Jasmine, flor... Entendeu?- perguntou Cameron sorrindo. Não pude evitar de sorrir também 

- Tá, foi uma bosta mas vou fingir que gostei. Qual é a senha do Bluetooth??- perguntei 

- Mymslallimsjak- disse ele resmungando

- Hã?? Fala inglês meu querido- debochei

- MY LITTLE PONY 69- gritou

- Que merda é essa??- perguntei rindo enquanto colocava a senha no celular- Esse 69 estragou com a magia...

- O Nash que colocou, agora não sei mais como muda...

- Aaah, a Lacraia Dos Olhos Azuis... Ela tem cara mesmo de fazer uma coisa dessas- disse rindo ainda

- Lacraia Dos Olhos Azuis??- perguntou sem entender

- É nego, eu chamo o Nash assim, dá licença- expliquei

Cameron levantou os braços em sinal de rendição. 

Coloquei Black Beatle do Rae Sremmurd. Meu segundo rapper favorito. O primeiro é claro que é Drake né non?

- That girl is a real crowd pleaser, small world all her friends know me, young bool livin like a old geezer, release the cash, watch it fall slowly, frat girls still tryna get even, hater are mad for what ever reason, smoke in the air, binge drinking, they lose it when the DJ drops the needle- cantávamos juntos, rindo.

Colocamos várias outras músicas, como Iggy Azalea, Rihanna, Beyoncé, Drake, Wiz Khalifa... E nem parecia que já havíamos chegado na casa de Taylor.

- Jasmy, am, pode me passar seu número? Eu quero, sabe, ver mais fotos que você já tirou...- disse passando a mão no cabelo. Devia estar nervoso

- Ah claro!- peguei seu celular de sua mão, colocando o número- Aqui

- Valeu- agradeceu

- Nada- respondi, acenando- A gente se vê?

- Sim- confirmou Cameron- A gente se vê...

Entrei em casa sem olhar para trás 

Rachael's POV

Esperei na frente, e em menos de 5 minutos Taylor estava na frente do prédio, acenando para mim ir ao seu encontro.

- Oi Tay- disse sorrindo

- Oi Rainbow. Como foi?- perguntou Taylor

- Foi ótimo! Acho que esse emprego já é meu! A fotógrafa não parava de me elogiar- disse com os olhos brilhando ao lembrar de Camila e de como fora gentil comigo. 

- Que bom! Já temos uma com um emprego pelo menos...- suspirou Taylor

Não conversamos muito, infelizmente, durante a viagem. Porém, nossos olhares se cruzavam na maioria das vezes, me deixando um pouco desconfortável...

Chegamos em casa mais devagar do que imaginara, devia ser por conta do silêncio, que deixava a viagem muito mais demorada. 

Coloquei a bolsa em cima da mesa e fui até a cozinha, pegando uma maçã, pois estava com fome.

- Sabe onde a Najinha e a Pikachu estão? Elas não respondem minhas mensagens... Aí fica difícil...- disse Taylor, entrando na cozinha

- Não- respondi me virando, dando de cara com o Taylor.

Estávamos muito próximos, podíamos sentir a respiração um do outro. Faltava ar para mim, mas queria ficar nessa posição o mais tempo possível. Podia sentir seu hálito de menta, que invadia minhas narinas. Fechei os olhos esperando o tão esperado momento acontecer, mas em vez disso, só senti sua respiração indo mais longe, seguido de um risinho.

- Hahaha... Você acha mesmo que eu iria te beijar Rainbow? Sério? Olha pra você. Eu tenho tanta garota aos meus pés, que é só eu estalar os dedos que uma aparece do meu lado... Se liga- saiu, me deixando sozinha na cozinha. Só eu e minhas lágrimas...

Não podia deixar isso me afetar. Iria ganhar uma nova vida. E com isso, poderia deixar de ser trouxa. Não iria mais me iludir por um pirralho que tem qualquer garota a qualquer momento. Eu quero alguém especial, e que cuide de mim. Aliás, quem não quer?

Mas agora sou uma nova Rachael, vou estar em todos os holofotes possíveis com todos os homens aos meus pés. Porém, só um terá o meu coração. E esse não será Taylor Caniff

Irei estar em todas as revistas, sendo conhecida mundialmente, todos verão Rachael Jouzai nas televisões, em entrevistas, nas capas de revistas... Poderei então, estar no MEU Hall da Fama

 

"There's gonna be a day when your
Standing in a Hall Of Fame
And the world's gonna know your name
And you will be in the walls in the Hall Of Fame..."

 

Hall Of Fame- The Script feat. Will.I.Am

 

 

 


Notas Finais


MINHA MÃO TÁ DOENDO PRA PORRAAA
Mas já posto o outro capítulo
Desculpa qualquer erro, sou burra por Natureza
Mamãe fez assim, é assim que vai ficar.
VLW FLW BEIJOS AZUL '-'


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...