História Girls Try Be Good - Capítulo 42


Escrita por: ~ e ~mmaxine_kook

Postado
Categorias 5 Seconds Of Summer
Personagens Ashton Irwin, Calum Hood, Luke Hemmings, Michael Clifford, Personagens Originais
Tags 5sos, Gtbg, Romance
Visualizações 32
Palavras 930
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção, Romance e Novela
Avisos: Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 42 - Wake Up


Fanfic / Fanfiction Girls Try Be Good - Capítulo 42 - Wake Up


POV`s Krisley:
7 meses depois........

Sentada em uma cadeira totalmente desconfortavel estava eu com Thomas no colo. 7 meses ja haviam se passado e Calum continuava na mesma, eram incontaveis as horas que eu passava a olhar o rosto dele, cada dia mais fino, já cogitaram a hipotese de desligar os aparelhos, o pessoal surtou, principalmente eu. Maixne já estava de 6 meses, com um barrigão que só Deus, afinal a criatura ta gravida de gemeos, dois meninos Luke enlouqueceu e consequentemente acabou quebrando um dos aparelhos da sala de ultrasom ( não sei como se escreve isso :p ).E Safira? Está presa, devido a declaração de Mike a polícia foi impossivel negar que era Safira ao volante na hora da batida, Marie foi encontrada morta pela polícia quando foram atras de Safira, como alguém pode ser tão cruel a ponto de tirar uma vida?
- Krislayneeee! - Maxine entrou no quarto pulando.
- Que foi coisa? - Olhei pra ela e revirei os olhos.
- Deixa eu pegar meu afilhado! - Ela pegou thomas de minhas mãos e começou a brincar com ele que soltava risadas contagiantes. Foquei meu olhar em Calum na maca, me levantei e cheguei mais perto.
- Como queria que você estivesse vendo o crescimento do seu filho, queria que estivesse ao meu lado. - Passei a mão carinhosamente por sua bochecha e acariciei seu cabelo logo selando brevemente sua boca.

POV`s Calum:
Minha cabeça doida e ao longe conseguia ouvir risadas de bebe, senti algo em meus lábios e abri os olhos lentamente. Tendo a visão de uma menina em minha frente, não via muito bem seu rosto pela minha visão estar desfocada.
- Quem é você? - Peguntei assim que foquei no rosto da jovem.
- É um milagre... - Olhei para o lado e havia uma garota ruiva com um bebe no colo, a criança parecia ter seus 4 ou 5 meses.
- Quem são vocês? Onde está os meninos? - As duas se entreolharam.
- Vou chamar o médico. - E a ruiva saiu dali com o bebê.
- Calum, sou eu Krisley, Kriss! Não se lembra? - Neguei, algo me falava que eu conhecia essa garota mas não conseguia lembrar de nada relacionado a ela.
- Vejo que acordou sr.Hood. - O medico adentrou junto da ruiva.
- E eu dormi por quanto tempo? - Ele riu leve.
- 7 meses... - Arregalei os olhos.
- Tudo isso? Mas o que aconteceu? Como vim parar aqui? - Duas enfermeiras entraram e começara a retirar algumas coisas.
- Você sofreu um acidente grave de carro e ficou em coma durante 5 meses, essa mocinha não saiu de perto de você, todos os dias ela estava aqui junto de uns meninos e meninas.
- Agradesço mas quem são elas doutor? - Perguntei.
- Suspeitei que isso acontece. Sr,Hood qual é a ultima coisa na qual se lembra? - Pensei bem.
- A ultima coisa na qual lembro foi no show que eu e os meninos fizemos para promover uma campanha de talentos....
POV`s Krisley: 
Meu coração se apertou, ele não lembra de nada, nada do que aconteceu, anda do que vivemos.
- Entendo... - O Doutor saiu, eu fui atrás dele.
- Doutor? O que aconteceu, por que ele não se lembra de nada dos últimos meses? - Perguntei.
- Bloqueio emocional, ele não consegue se lembrar de nada devido a algo que o traumatizou antes do acidente. Não sei se ele podera lembrar minha cara, torceremos para que aconteça o melhor, ele ficara em observação durante uma semana depois será liberado. - Assenti e voltei para o quanto ainda meio descrente, mas a cena que vi me pegou de surpresa, Thomas estava no colo de Calum rindo enquanto o mesmo fazia cocegas em sua barriga, me peguei rindo da cena.
- Então o que houve? - Maxine me perguntou e eu lhe expliquei tudo e disse para que chamasse o pessoal e informasse o que esá acontecendo.
- Ele é um garotão, seu filho? - Nosso filho.
- Sim, ele gostou de você. - Calum sorriu.
- Mas me diga quem é você? - Ele me olhou confuso.
- Logo iremos te explicar tudo. - Disse rindo fraco.
- Iremos? - Assenti rindo, Thomas deu uma gargalhada.
- Ta rindo de que seu sapeca! - Calum voltou a brincar com Thomas enquanto eu apenas observava e ria.

1 Hora depois.

Todos estavamos no quarto enquanto explicavamos o que aconteceu durante todo esse tempo.
- Então essa criança que segura, é seu filho. - Ashton finalizou.
- Como assim? isso está muito confuso - Ele disse olhando para a criança que ao perceber Calum o olhando sorriu. - Não dá para acreditar que tudo isso aconteceu. Me desculpe... - Sequei uma lagrima que fugiu.
- Deve ser dificil, mas tem todo o tempo do mundo para pensar, vamos com calma, okay? Você não precisa acreditar se não quiser... - Eu disse assim que peguei Thomas que balançava os braços em minha direção.
- Eu quero acreditar, mas não consigo, preciso de tempo. - Sorri.
- Tudo bem. - Ninei Thomas nos braços até ele dormir.
- Quero mijar. - Maxine falou.
- Tão delicada igual coice de cavalo. - Luke falou.
- Não fode Lucas... - Calum riu.
- Voce está gravida de luke pel oque entendi? - Maxine assentiu.
- A cria faz tão bem que veio dois de vez... - Calum arregalou os olhos.
- Meu deus, mas até que enfim tomo rumo Luke. - O mesmo coçou a nuca.


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...