História Girls Will Be Girls - Capítulo 1


Escrita por: ~

Exibições 22
Palavras 227
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Crossover, Drabble, Drabs, Droubble, Escolar, Famí­lia, Festa, Ficção, Lírica, Musical (Songfic), Poesias, Universo Alternativo
Avisos: Self Inserction
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Vejo vocês nas notas finais com meus textos explicativos que parecem livro auto-ajuda.
Boa leitura!

Capítulo 1 - Capítulo Único


" G i r l s  W i l l  B e  G i r l s "
D
e : V e r o n i k a  R i b e i r o
@GratidaoLerigou

 

Girls will be girls!

Um dia ser garota não vai ser algo ruim; algo que desencadeie uma série de medos e inseguranças; algo que te faça temer suas roupas, seu corpo.

Girls will be girls!

Um dia "garota" não vai ser um substantivo a meninas arrumadas e femininas, e sim um verbo a quem você é, independente do modo que se veste e age.

Girls will be girls!

Um dia garotas não serão taxadas de mais fracas, frágeis e indefesas, mesmo que as mesmas tenham enfrentado a tudo e todos; mesmo que o tenham feito de cabeça erguida, suportando caladas.

Girls will be girls!

Um dia não existirão "coisas de garota", "manias de garota", ou até mesmo "roupas de garota"; garotas serão garotas por opção, sem preocupações, sem padrões.

Girls will be girls!

Um dia o termo fofoca não será relacionado a garotas; o rosa não será a cor das garotas; assim como o azul não será a cor dos garotos; o esporte, e, principalmente o futebol, não serão relacionado a garotos.

Girls will be girls!

Sem medos, sem padrões, sem injustiças, sem preocupações e sem diferenças.

Garotas serão garotas!


Notas Finais


O que eu tenho a dizer sobre esta one? Bom... eu estava com Girls Will Be Girls da Sophie Beem na cabeça! Kkkk
Bom, eu sou sou e não sou feminista. Eu sou aquela feminista normal, nada exagerado, e eu respeito acima de tudo, claro né Kkkk
Eu só sou uma garota que quer direitos iguais, respeito acima de tudo.
Já tive um professor que não "ligava" para as meninas. Sinto ódio até hoje quando me lembro de um dia em que fui picada diversas vezes por uns mosquitos que estavam aglomerados na quadra (é aberta) pois haviam restos de cana lá. Eu sempre fui muito ruim para esses bichos, até hoje se uma formiga ou pernilongo me morde ficam vergões e incha, isso por longos dias. Então imaginem o desespero da criança. Fui pedir ajuda ao professor e o que? "É frescura de menininha"
Quando minha mãe foi me buscar eu estava vermelha, pois sempre fui bem branquela, meu pescoço e braços ardiam, não coçava, ardia.
Claro que não aconteceu nada com o professor nem com ninguém. Mas desde aquele dia procurei não depender da ajuda dele para nada. Estava com dor na perna, não consiguia correr direito? Eu corria só para provar que conseguia e que era forte. Que não era frescura nenhuma.
Mas vish, eu não tinha nem dez anos de idade e guardava rancor? Socorro, a crisma é amanhã e já preciso confessar!
Desculpem o livro auto-ajuda Kkkk
Mas resumindo: sempre sofri com essa coisa de ser inferior ao sexo masculino e sempre quis que me tratassem igual. Não era uma coisa "ei, eu quero uma carrinho de brinquedo!", na verdade eu até gostava de brincar com carrinhos Kkkk, mas era uma coisa do tipo "não tenham dó de mim, muito menos me subestimem por ser garota! "
Então eu acabo por ser meio feminista, mas não sendo Kkkk
E fora minha família que sempre foi essa coisa de "nossa, mas você é menina!"
Chega de texto.
Nesta one eu coloco meus pensamentos para fora sobre a sociedade machista que vivemos, na qual são feitas várias coisas feminista, mas quando você para para ver, é só fachada para falar que tem, só fachada para falar que direitos iguais existem.
Se uma mulher é assediada, a culpa é dela. Mas por quê? Porque ela é mulher.
Se uma mulher usa roupas largas, não passa maquiagem e não se preocupa em ser outra pessoa para agradar os outro ela é "sapatao", ou é uma hetero que vai ficar "para a titia", porque homens só querem a vaidade da mulher.
Claro que não são todos.
Bom, eu já disse chega? Kkkk

Bom, aqui vão alguns avisos:

Oneshot's
Fiquem bem ligados no meu perfil pois estou postando demasiadas Oneshot's. Esta é a quarta se não me engano. Todas as one's que estou postando são mais para drabble/droubbles, então não se preocupem com o quesito tempo, a menos que leiam todas as notas finais de todas elas kkkkk

Cinco Anos
Essa one foi postada em julho após o falecimento de minha professora de língua portuguesa.
Quando o período das Olimpíadas da Língua Portuguesa chegou, eu reescrevi esta one e guardei o rascunho (já que eram no máximo 4.200 palavras e a reescrita ultrapassava), eu passei na primeira etapa das Olimpíadas da Língua Portuguesa com esta minha one reescrita e irei postar este capítulo reescrito dela.

Trip To Love, Just Dreams or Reality
Para quem acompanha estas fics, estou aqui para avisar que eu FINALMENTE vou atualizá-las, hoje mesmo.

A Cabana
Estou com um projeto de fanfic do livro A Cabana. Nas minhas idéias quero fazer uma história para o Matador de Meninas e no final o perdão, com várias conversas com Sarayu, Jesus e Papai, pois no caso do Matador de Meninas, ele não vai perdoar a outra pessoa, ele vai perdoar a si mesmo, então isso será trabalhado em mais de um final de semana. Não vi nenhuma história com esta idéia, aliás, fiquei bem triste por perceber que mal tem histórias com o tema d'A Cabana, apenas várias coisas sobre o mackenzie, até mesmo a história d'A Cabana com nomes diferentes, isso me matou. Mas voltando ao rumo divulgações... Se você leu, esta lendo ou pretende ler A Cabana, fique ligado no meu perfil pois além das one's e atualizações, postarei logo está minha fanfic d'A Cabana, que creio eu, terá por volta de dez capítulos ou menos.

Bom, foi isso, até mais, fiquem ligados no meu perfil, obrigada!
Comentem se possível =)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...