História GoldenTale - Capítulo 9


Escrita por: ~ e ~KittyK_

Postado
Categorias Undertale
Personagens Chara, Flowey, Frisk, Papyrus, Sans, W. D. Gaster
Tags Afterdeath, Aftertale, Core!frisk, Dancetale, Dusttale, Errorink, Errortale, Flowerfell, Horrortale, Inktale, Nightcross, Romance, Sansrisk, Sansxfrisk, Underswap, Undertale, Virus
Exibições 186
Palavras 1.888
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Ecchi, Famí­lia, Ficção Científica, Hentai, Lemon, Luta, Romance e Novela, Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Avisos: Adultério, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Necrofilia, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


"Quero sansrisk"
"quando vai ter hentai sansrisk?"
"esperando sansrisk"
Nem sei quantos comentários diziam isso pra mim e pra autora-chan
Vários deles pedindo hentai SANSRISK pq sim!
Ai quando a gente dá oq vcs pedem, vocês desaparecem

Até perdi meu pique pra fazer sansrisk
Não esperem nenhum hentai desse shipp vindo de mim
Conseguiram me deixar brava com o shipp e vão ter sorte se eu tiver pique pra fazer um hentai ou qualquer tipo de cena do shipp

P!Moni: relaxa pessoal. Ela só tá irritada.
T!Moni: mas não foi nada legal vocês fazerem o que fizeram. Tem estado muito difícil pra ela e a co-autora pra escreverem sobre este shipp e ela esperava que vocês ficassem satisfeitos com o cap´tulo anterior
C!Moni: concluindo... SE ALGUÉM PEDIR HENTAI SANSRISK EU PEGO AS FACAS!
S!Moni: n é pra tanto colega. Sossega o facho *dando tapinhas nas costas da C!*

Bom, comecem logo o cap antes que a C pegue o notebook de novo :p

Capítulo 9 - Plano formulado...?


" Amor: um sentimento que se não correspondido, pode causar feridas que doem por tempo indeterminado…

Sandra Santos "

POV Cross

Nightmare havia acabado de nos transportar para um universo próximo. Tínhamos perfeito conhecimento de que Ink, Error e Dream estavam procurando por nós e precisávamos continuar nos movendo na surdina se não o plano ia todo por água abaixo

“O seu plano já foi por água abaixo há muito tempo, Cross.” Ugh, não pode calar a boca por meio segundo? “Não sou eu quem está apaixonado por um cara que não quer nada contigo” Eu mandei calar a boca!

Chara parecia adorar me zoar só porque eu gostava um pouco do Nightmare. “Um pouco? HAHAHA! Você é louco por ele, admita logo!” Você tem sorte de eu não poder tocar em você seu filho da puta

Ouvi-o rir e simplesmente revirei os olhos. Comecei a olhar pelo local, a dimensão não era muito familiar, provavelmente não passamos por aqui “pelo que parece, o nome do lugar é Underlust” já não gostei do nome...

“A não ser que goste de centenas de pessoas pegando no seu pé porque você é ‘gostoso’ ou ‘sexy’ então você vai detestar” soltei um grunhido de leve, cinco segundos nesse lugar e já estou com ânsia. Eu só não entendo por que Nightmare nos traria aqui “então por que não pergunta pro seu senpai, Cross?” CALA A PORRA DA BOCA!

- por que viemos pra cá? – perguntei à Nightmare “me manda calar a boca e depois faz exatamente o que eu disse né? Depois eu sou o filho da puta”

- era a dimensão mais próxima. Vamos só passar algumas horas e então vamos pra próxima

- eu nunca achei que você iria querer que ficássemos num lugar onde todas as pessoas são “afetuosas” – provoquei

- Se ficarmos parados por muito tempo eles nos acham e aliás, aqui tem mais decepção do que você imagina. Aqui é considerado normal te foderem e te jogarem fora depois, mesmo assim a decepção é enorme. É na verdade bem divertido ver esses merdinhas chorando como se a vida deles tivesse acabado, haha – disse ele – mas enfim, vai fazer alguma coisa da qual eu não me importo enquanto eu vou fazer as reservas – e saiu andando

“E você ainda insiste em gostar dele” CALA A BOCA PORRA! É TÃO DIFÍCIL PRA VOCÊ ENTENDER?! “Por favor, ele te acha um fracassado, por que acha que ele escolheu você como aliado? Porque te acha interessante? Pff, claro que não. Ele te escolheu porque você é uma das criaturas mais infelizes de todo o multiverso. Não me surpreenderia se ele soubesse que você tem uma queda por ele só por causa da sua energia negativa”

Suspirei. Odeio admitir mas Chara estava certo, até parece que ele se interessaria por mim. Ele se alimenta de energia negativa, então mesmo que ele gostasse de mim, o que eu duvido muito, ele me daria um chute só pra se alimentar da minha angustia

“Que bom que você entendeu. Vamos, quem sabe uma bebida não te dá uma animada? Tem um Grillby’s logo a frente... Apesar de este ser um bar de strip...” Serve. Segui em frente com Chara ao meu lado. Mesmo que ele seja um filho da puta na maioria das vezes, ele continua sendo a única companhia que eu tenho e sempre sabe o que pode me animar

Coloquei meu capuz e entrei no lugar em silêncio, ninguém precisava saber quem eu era ou como cheguei ali, só pegaria uma bebida e iria pro Inn

- Olá garoto, nunca vi você por aqui – disse Grillby

- só quero uma whisky, depois me mando – eu disse, rude

- hum... Coração partido? – não respondi, apenas desviei o olhar – isso é dureza cara, mas se quiser tenho a solução perfeita pro seu problema

- eu não quero e não vou beber nada que você me ofereça, só me dá a porra da whisky e eu caio fora, não tenho interesse em programas, propagandas, e muito menos em foder ninguém – eu disse, irritado

Ouvi ele suspirar e finalmente pegar a porra da bebida. Coloquei minha cabeça na mesa, com o estresse subindo pelas minhas costas, tudo o que eu queria fazer agora era cair na cama e esquecer que esse dia aconteceu

Ele logo voltou e me deu a bebida, chequei pra ver se não tinha veneno ou alguma droga, porque em lugares como esse vai saber o que eles colocam nessas merdas

“Tem certeza de que é uma boa? Não vou mentir, isso ta me cheirando mal” provavelmente é o seu fedor, mas eu não ligo, só quero esquecer essas merdas de sentimentos por hoje

Bebi tudo de uma vez e limpei o resto da bebida que estava no canto da minha boca. Como que do nada senti minha cabeça começar a girar e ficar tonto “CROSS!” foi tudo o que consegui ouvir Chara gritar antes de perder o controle de mim

...

Quebra de tempo – algumas horas antes

POV Normal

- levanta – dizia Error enquanto chacoalhava o parceiro de leve

- hum... só mais cinco minutinho... – gemeu Ink, baixo.

- agiliza ai que a Core ta lá embaixo esperando, disse que quer falar com a gente sobre a semente que ela encontrou

- mas ta doendo...

- eu te avisei que ia doer e você quis mesmo assim, agora aguenta – Error cruzou os braços enquanto Ink apenas se virou para o outro lado. O maior suspirou – ugh, ta bom, só coloca a roupa que eu te carrego até embaixo

O menor se sentou e Error jogou suas roupas para ele. Error sorriu malicioso enquanto Ink se vestia, se Core não estivesse esperando no andar de baixo ele não se importaria de partir para um segundo round, mas como ela estava, teria que se contentar com as memórias por enquanto

- pronto? – Ink assentiu e Error o pegou no colo estilo noiva – só não vai dormir de novo viu?

- hum... Ta bom... – respondeu se esforçando para manter os olhos abertos

Error depositou um beijo na testa de Ink e os dois logo desceram para o primeiro andar, onde Core aguardava com Sans e Frisk. O casal estava abraçado e conversando com a criança monocromática, apesar de Frisk estar com uma voz de sono

- olha só quem resolveu aparecer – disse Core

- a noite deve ter sido pesada, não? – disse Sans, sorrindo maliciosamente

- Cala a boca! – disse Ink enquanto os dois sentavam no sofá

- O que você queria falar Core? – perguntou Frisk

- é sobre a semente que vocês acharam. Eu... conversei com um amigo e confirmei minha teoria. Essa semente na verdade é um vírus criado por Ômega Flowey com o intuito de possuir pessoas e monstros com a mesma – explicou Core, Frisk e Sans se espantaram, mas Error e Ink pareceram levar em um nível até normal

- então... ele usa sementes pra possuir pessoas? – perguntou Error

- sim. Ela tem efeitos diferentes em humanos e monstros. Em humanos flores crescem sobre o corpo da pessoa se proliferando com cada reset, enquanto que em monstros, uma flor brota sobre a órbita direita e quando desabrocha o hospedeiro cai sobre o controle do vírus

- por isso que o Papyrus e o Blueberry tinham aquelas flores nos olhos? – perguntou Ink

Core assentiu com a cabeça

- Ômega Flowey está usando as almas deles para coletar poder e conseguir igualar os seus ao de um Deus, já que a Frisk de sua dimensão desistiu do jogo. Se ele conseguir possuir pessoas o suficiente ele pode formar um exército e tentar tomar todas as outras AUs, isso e também tem a possibilidade de ele matar alguma Frisk ou Chara de outras dimensões e roubar sua alma, com o poder de almas de monstros e humanos em seu poder ele se tornaria talvez algo até maior que um deus

Os quatro ficaram espantados e Sans apertou seu braço ao redor de Frisk em modo protetor

- espera. Se esse vírus faz com que flores brotem com cada reset... Então a Frisk estava possuída com um deles? – perguntou Sans

Core assentiu mais uma vez

- por sorte a sua alma conseguiu ganhar a luta contra o vírus, mas se não tivesse ganhado, sua alma provavelmente pertenceria à ele

- e tem algum jeito de salvar alguém que já esteja possuído por esse vírus? – perguntou Ink, com preocupação em sua voz

Core abaixou a cabeça, aparentando estar chateada

- eu não sei. Não consigo ver muito a partir desse ponto... – mentiu ela. Na verdade Core sabia perfeitamente qual era a cura, mas se quisesse que tudo ocorresse bem, precisaria guardar este segredo

- então o que nós podemos fazer? – perguntou Frisk, temerosa

- isso cabe à vocês decidirem, não posso falar mais além daqui – disse Core

- Core, o vírus consegue entrar nessa dimensão? – perguntou Ink. Ela negou – então talvez pudéssemos refugiar os habitantes das AUs aqui até resolvermos essa situação

- parece uma boa ideia – disse Frisk

- até onde eu sei, Ômega Flowey está apenas coletando as almas dos monstros mais fortes, ou seja, que tem mais poder, então a maioria de seu exército será composta de Papyruses e Sanses – disse Core

- então só precisamos trazer todos eles pra cá? Isso é fácil, terminamos em dois dias – disse Error, dando de ombros

- mas e quanto aos contaminados? – perguntou Ink

- é só você passar a sua tinta por cima da flor e voilá novinhos em folha. Até lá, os que a gente encontrar podemos simplesmente jogá-los no anti-void – disse ele

 - não estão achando isso tudo simples demais? – perguntou Frisk, preocupada

- verdade. Se o tal Ômega Flowey é tão poderoso assim então ele não vai simplesmente plantar o primeiro plano que vier na cabeça dele. Ele não pode ser tão idiota assim – disse Sans revirando os olhos

- seja lá qual for o plano dele, tenho certeza de que podemos acabar com ele facilmente. E se nada der certo, podemos sempre apagar a dimensão dele – disse Error, sorrindo de canto

- ERROR! – protestou Ink, com o cenho franzido

- é só uma brincadeira. Credo! Tem que aprender a não levar as coisas tão a sério

- falou o bipolar da história

- você não fala nada disso quando a gente ta na cama – disse, lançando um olhar malicioso para o menor

- Sério que você não consegue parar de ser pervertido nem por um minuto? – protestou Ink, corado

- isso não é ser pervertido! Isso é... – sensualizou a última parte e moveu sua mão para o membro de Ink e massageou o mesmo por cima do tecido

- Ahh... PARA COM ISSO! – protestou Ink, gemendo um pouco no começo

Core sorriu um pouco, pervertida enquanto Frisk morria de vergonha. Sans não conseguia tirar um sorriso pervertido do rosto e logo desviou o olhar para Frisk que corou mais vendo o olhar no rosto dele

A porta de repente se abriu, interrompendo qualquer coisa que os cinco estivessem fazendo e encararem a criatura que entrou pela porta

O olhar no rosto de Error logo se transformou em um olhar de aborrecimento ao notar Dream parado na porta. Ao notar o olhar no rosto de Error, Ink conseguiu sentir o clima se pesar de novo

- ai merda... – murmurou ele, suando frio


Notas Finais


Não deixem de deixar seu favorito e comentário para nos incentivar a continuar a história. Apreciamos cada comentário que vocês nos mandam, seja ele longo ou curto :3

Também não deixem de checar nossas outras histórias, a Autora-chan escreve 3 além dessa...
Paradox: https://spiritfanfics.com/historia/through-time--paradox-6120615
UnderSchool: https://spiritfanfics.com/historia/underschool--the-control-em-correcao-5810013
ApocalypseTale: https://spiritfanfics.com/historia/projeto-z--apocalipsetale-hiatus-5982680

E quanto a mim, eu tenho duas fics em produção e duas ones feitas :3
It's Raining somewhere else: https://spiritfanfics.com/historia/its-raining-somewhere-else-6454973
Sans! Stay Determined: https://spiritfanfics.com/historia/sans-stay-determined-sob-edicao-6039153
(One) For All Eternity: https://spiritfanfics.com/historia/for-all-eternity-6325752
(one) Are You Okay?: https://spiritfanfics.com/historia/are-you-okay-6523130
(One) Jealous Much: https://spiritfanfics.com/historia/jealous-much-6632096
(One) Sleepover: https://spiritfanfics.com/historia/sleepover-6654109

E quanto ao Sansrisk...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...