História Graças a você... - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Amor Doce
Personagens Alexy, Kentin
Tags Amor Doce, Casnath, Kenale, Kenxy, Lysmin
Visualizações 66
Palavras 598
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Escolar, Yaoi
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Espero que curtam :3
Pufavo, não mata eu ;u;

Capítulo 1 - Capitulo Único - Vivendo e aprendendo...


É tão bom finalmente estar livre... Livre daquele amor doentio, daqueles sorrisos falsos e daquele que me fez sentir a dor de um coração partido...

Eu finalmente te superei, Kentin.

Tirei você da minha cabeça e do meu coração, o que foi difícil, já que eu lhe encontrava na escola e em algumas raras ocasiões, em minha casa.

Eu te amava tanto... Mas você nunca se importou com isso.

Todos os meus amigos me encorajaram a ir até você e dizer tudo o que sentia...

"Ele vai te amar!" eles disseram, "Pelos menos tente!" eles disseram, "Ele vai te entender!" eles disseram.

Todos me iludiram. Eu preferia ter ouvido meu irmão me xingando dos piores nomes do que sofrer toda aquela ilusão.

Após encorajamentos -e ameaças- fui até você me declarar, e recebi risadas em troca. E foi então que percebi o que havia acontecido...

Você se deixou ser influenciado por um mundo de mente fechada... Por pessoas de mente fechada.

Me diga Kentin, como se sentiu ao levar um soco de um "viadinho de merda"?

Como foi ser xingado por um "bicha"?

Melhor ainda, como foi ser humilhado por mim?

Passei tanto tempo achando que aquilo não era real e aquilo havia sido uma brincadeira de mal gosto, ou até que aquele tivesse sido seu irmão gêmeo perverso que voltou para se vingar após anos de esquecimento.

Você veio atrás de mim. Foi até minha casa pedir perdão aos prantos. E finalmente ouvi as palavras "Eu te amo" sairem de sua boca.

Mas as palavras que um dia eu tanto quis ouvir, as quais deviam me fazer chorar de felicidade, me fizeram gritar de raiva.

Nunca me esquecerei da sua expressão de confuso ao me ouvir jogar tudo na sua cara.

Joguei meus sentimentos, minha raiva, joguei até minha bolsa na sua cara. E isso me tirou um grande peso de meus ombros...

E assim eu senti o prazer de te ver chorar. O que devia me deixar abalado, me deixou bem.

Apesar disso, ouvir você implorar para eu te deixar entrar após eu te jogar para fora do meu quarto, foi o que me fez quase voltar atrás, mas meu orgulho me impediu.

Dias se passaram e eu sofri tanto pensando na dor que te causei... Pensando se você também estaria deitado na cama chorando como eu.

Todos vieram me ver, até mesmo quem quase não falava comigo ia até minha casa. Mas isso nunca me fazia melhorar.

Mesmo que Armin evitasse de aparecer com Lysandre, Nathaniel de aparecer com Castiel e Rosa com Leigh, eu sempre me lembrava que eles tinham o amor de quem amavam.

Principalmente por sempre ouvir Lysandre e Leigh chamando seus cônjuges de "amor" tentando reconforta-los quando eles saiam de meu quarto decepcionados por não conseguirem me animar.

Eu queria ir até você, eu precisava falar com você.

Ignorei meus amigos e corri até você implorando por perdão e no final eu quebrei a cara mais uma vez.

E dessa vez eu sabia que seria julgado por aqueles que me avisaram.

"Podia não ter sido trouxa!" disseram Castiel e Armin ao mesmo tempo.

"Eu avisei, não avisei? Aprenda a me escutar!!" gritou Rosalya, indignada.

Mas mesmo que eu tenha os ignorado, tive ajuda para perceber que você não valia tanto a pena quanto eu pensei.

Na verdade, tenho mais é que agradecer por você ter me rejeitado. Foi graças a isso que aprendi a dar valor.

Graças a Rosalya, percebi que você não era tudo em minha vida.

Graças a Armin, percebi que haviam pessoas melhores que você.

Graças à aquela noite, percebi que meu valor é inestimável...

... E que as vezes levar na cara ajuda a perceber isso.

Espero que um dia você se foda por alguém assim como me fodi por você.


Notas Finais


Pufavo, não briguem comigo ;;-;;

Kentietes, amo vocês, mas eu queria fazer uma fic em que o Kentin fosse um babacão com o Alexy e que depois tomasse no cu <3

Fujoshis, é feio matar uma de vocês! :3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...