História Grupo Dos Virgens - Capítulo 1


Escrita por: ~, ~GirlGeek10, ~Bia060403 e ~OliveiraGi

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Exibições 9
Palavras 949
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Bishoujo, Colegial, Drama (Tragédia), Ecchi, Festa, Harem, Hentai, Josei, Lemon, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Pansexualidade, Sadomasoquismo, Sexo, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Desculpem, para aqueles que são fãs da fic eu peço desculpas, por problemas tecnicos a fic acabou sendo apagada, e para aqueles que são novos...
Essa fanfic foi inspirada, pela imaginação doida das minhas amigas, um grupo bem humorado de garotos, e pela minha paixão extrema por Gays, espero que gostem, e se lembrem que é ficção
P.S: Ao final desse capítulo eu vou deixar uma Playllist pra vcs escutarem enquanto leem
Bjs 31

Capítulo 1 - O Fim Pode Ser o Começo


Fanfic / Fanfiction Grupo Dos Virgens - Capítulo 1 - O Fim Pode Ser o Começo

Jack ON

Eu cansei disso, toda essa discussão, e nem é uma discussão, não posso gritar, ela não me escuta, é incrível, como pude me apaixonar por ela, é como se eu fosse o invisível da situação, estou farto de todos falarem que ela está me traindo, apesar do Cesar ter admitido ter tentado beija-la isso não me feriu, como posso continuar com isso, nosso primeiro beijo foi visto por quase todos os meus amigos, é hora de deixa-lá ir.

Depois de sair do chuveiro, enrolo a toalha na parte debaixo do corpo, seco meu cabelo e passo um creme, coloco meu uniforme, e vou almoçar, falta meia hora antes deu sair de casa, não posso me atrasar pro colégio, eu esquento a comida que a minha mãe me deixou no microondas lavo a louça e escovo os dentes, saio correndo de casa estou 10 minutos atrasado, pego o primeiro ônibus que vai para a direção do colégio,(que seria o Vila Gilda).

Quando chego na escola avisto dois idiotas, que no caso seriam os meus amigos, eu os comprimento, em seguida vem alguém atrás de mim e tenta pular em minhas costas, quando eu me viro vejo Derek, eu fico um pouco vermelho por ele ter feito algo tão infantil, passam se os anos e ele continua o mesmo, eu  pego na perna dele que ficou presa na minha camiseta, e levanto um pouco acima da cabeça, e ele cai para trás,quando se levanta tenta me dar uma gravata mais eu me esquivo.

- Jackson Oliveira, eu vou te bater idiota - ele diz correndo atrás de mim , quando me alcança, segura meu ombro, e se abaixa ele está cansado e fica tentando lutar por mais ar com os lábios entre abertos, ele olha pra mim e depois de morder o lábio sorri, ele chega bem perto da minha orelha e diz em sussurro - te peguei

Eu puxo o boné dele para baixo, cobrindo os olhos para ele não ver a minha reação, "ah cara estranho" ele deve ser um pervertido de carteirinha, ele fica meio bobo, por não consegui  ver, e em vez dele tirar o boné ele vai mais para frente e enrosca seus dedos na minha camiseta, me deixando meio espantado, e começa a subir os dedos, não sei se ele sabe mais a minha camiseta está subindo com a mão dele, só depois percebo que estamos em uma parte nem tão visível  do colégio, e ele me encosta em uma parede, e encosta os lábios em minha nuca, e da uma leve mordiscada

- Te farei pagar, por me fazer ter que correr até aqui - e quando os lábios passam perigosamente depois da minha bochecha, eu consigo ouvir os gritos de procura da Karen, do Scott e do Cesar , então ele me solta se afasta, e via o boné, vira pra mim, que estou vermelho e meu coração não para de bater - Tchau princesa

- Vai pro inferno - digo cobrindo a boca - imbecil - depois disso são dali e topo instantaneamente com Karen, ela me abraça, e diz que ficou chateada por não ter ligado para ela no dia anterior, mesmo assim ela tenta me beijar, ai eu a impeço e digo que precisamos conversar, ela diz que tudo bem mais ai o sinal toca, ai eu adio essa nossa "conversinha", para depois da aula, como ela está no segundo ,ano não daria para nos conversarmos, eu fico chateado com isso, até por que ainda não consegui me acomodar a situação de agora apouco.

DEPOIS DA AULA

Quando eu saio da classe do Sr.Hayde, eu vou direto a cafeteria, onde penso encontrar Karen, ela está conversando com as amigas e depois, como costume, Andre e Stiles vão na mesa dela, como não quero causar uma cena, não interrompo, e espero ela acabar de lanchar, quando ela vem até mim d novo e quer me cumprimentar com um beijo recuso mais uma vez.

- Ta bom oque está acontecendo com você  Jackson, você me evita, nem me beija mais, e não liga pra saber com eu estou - ela está evidentemente irritada, ela cruza ou braços, e bate o pé - você tá estressado ou oque?

- Eu não estou satisfeito no nosso relacionamento - e antes que ela comece a falar, eu levanto a mão em sinal de pare - espere por favor, eu quero terminar

- Eu entendo 

-Você entende?

-Sim, eu entendo que você é um idiota insensível, e que não sabe terminar com uma garota, mais obrigado Jack, por que assim me poupa a chatice de ter que pedir para alguém dar um fora em você por mim, então adeus, seja feliz etc

E então assim ela foi embora, feliz e satisfeita, até colocar a mão no ombro do Charlie e leva ele para......bem algum lugar, fico feliz de sua recuperação eminente,depois vejo Jason vindo até mim e me pegando pelos joelhos e me jogando nas suas costas, esse cara só pode ser louco.

-Ei, para onde você está me levando Jason - eu digo batendo em suas costas, quase acertando sua bunda - me larga

-Fique susa princesa, estamos indo comemorar

-Comemorar oque? - eu pergunto, acho que o sangue está subindo pela cabeça - sabe meu aniversario é só mês que vem

-Seu termino, com a neura da Karen

-E por que iriamos comemorar isso?

-Porque você está solteiro de novo dard

-Não entendi - não sei o por que mais depois que ele disse isso ele riu, e eu tenho quase certeza de que ele estava sorrindo até chegarmos na sala de história.

"O que será que ele quis dizer com aquilo"


Notas Finais


The Smiths - This Charming Man
Troye Sivan - FOOLS


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...