História Guardião Dimensional - Capítulo 51


Escrita por: ~ e ~LordeKoorishiro

Visualizações 36
Palavras 2.115
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Bishoujo, Bishounen, Colegial, Comédia, Crossover, Escolar, Esporte, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Científica, Hentai, Lírica, Luta, Magia, Mistério, Policial, Romance e Novela, Saga, Shoujo-Ai, Shounen, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Cross-dresser, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Necrofilia, Nudez, Sadomasoquismo, Self Inserction, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Arco 9: Pesadelo Genético

Capítulo 51 - Sequestro Real


Capítulo 51: Sequestro Real

Earth Land:

Casa dos Marvell:

O telefone tocou fazendo Ichigo despertar com Mavis ainda adormecida em cima dele. O azulado gentilmente tirou a loira de cima dele sem acordá-la e rapidamente foi atender ao telefone estranhando que os seus pais não estavam em casa.

Ichigo (atende o telefone): Alô?

Draculos: Nós temos uma missão para você Ryuujin.

Ichigo: Eu estava me perguntando quanto tempo iria demorar para vocês me chamarem. Não perderam tempo hein? Qual é a missão?

Draculos (sério): Resgatar o Toma o rei de Fiore e suas filhas as princesas Hisui e Kaori.

Ichigo (arregala os olhos): Eles foram capturados? Como?

Draculos: Eles estavam visitando uma nova instalação militar quando ela foi atacada por uma guilda das trevas, de nome Tártaro. Os guarda costas do rei os Garou Knights estão tentando detê-los junto dos soldados da instalação mas, estão em menor número. O rei foi capturado e os membros do Tártaro estão ameaçando a vida dele a menos que cumpramos, as suas exigências.

Ichigo (de cenho franzido): E além de mim quem mais vai para essa operação?

Draculos: Você vai contar com a ajuda de uma equipe e do guarda costas da princesa Kaori que já estão, dentro do complexo. Ele tem mais ou menos a sua idade. Vá a base dos Rune Knights próxima a Magnólia onde você receberá, equipamento e mais algumas instruções.

Ichigo: Ok. (desliga o telefone)

Mavis (chega na sala): Primeiro dia de trabalho?

Ichigo: Infelizmente. O rei do nosso amado reino foi capturado junto das princesas enquanto visitava um novo complexo militar. Os responsáveis são membros do Tártaro.

Mavis (pensativa): Eles querem quebrar a cadeia de comando do reino. (vê o olhar confuso de Ichigo) O seu pai destruiu o conselho da magia revelando sobre a corrupção deles e eles ainda não foram substituídos. Se o rei e suas filhas morrerem os nobres vão entrar em guerra para substituir o monarca.

Ichigo (de cenho franzido): Destruindo o reino por dentro. (ela acena)

Mavis: Leve isso. (dá um tipo de fone a ele) Isso vai permitir que você se comunique comigo pois duvido que eles vão te dar informação muito útil.

Ichigo (coloca o fone no ouvido direito): Obrigado Mavis-chan. (a beija nos lábios e sai da casa)

Mavis: Volte vivo.

No corredor Kazehana estava deprimida. Seus pais tiveram de sair numa missão e agora o seu irmão estava fazendo a mesma coisa deixando ela sozinha. Mavis a notou e se aproximou dela.

Mavis: Está triste Kazehana-chan?

Kazehana (deprimida): Sim.

O Sylveon de Ash chegou perto das duas e começou a se esfregar na pequena meia saiyajin e dragon slayer, fazendo-a sorrir um pouco.

Mavis: Vamos para a guilda?

Kazehana (sorri triste): Está bem.

Com Ichigo:

O azulado se surpreendeu ao ver a sua mãe do lado de fora da casa.

Wendy: Você está sendo ingênuo.

Ichigo: Não tenho muita escolha mãe.

Wendy: Você já tem a pasta. Devolva essa medalha e mande Warrod enfiá-la naquele lugar.

Ichigo: Eu vou fazer isso depois dessa missão mãe. (ela bufa)

Wendy: Está bem mas não diga que não avisei.

Ichigo (sorri): Se algo der errado você poderá dizer: "eu te disse".

Wendy (sorri tristemente): Se isso acontecer eu não vou querer dizer. Mas a verdade é que eu te disse. (some numa nuvem de fumaça)

Ichigo: Kage Bushin. (sai dali)

Na base dos Rune Knights:

Quando Ichigo chegou ele encontrou Draculos esperando por ele. Ele se perguntou o porquê de nem Warrod e Wolfheim estarem ali mas logo concluiu, que era porque Draculos ainda não o havia irritado.

Draculos: Em primeiro lugar o equipamento. Soubemos que você tem uma HF Blade de um de nosso ex-agentes.

Ichigo: Snake já foi um Mago Santo?

Draculos: Por trás das cortinas. (mostra um traje cinza com marcas de ossos do peito e costelas além de uma máscara de mergulho) Você vai entrar por uma entrada subaquática e depois disso estará por conta própria. (mostra um relógio com tela) Serve como comunicador. Se precisar de informação fale conosco.

Ichigo: Ok. Como eu coloco isso? (Draculos coloca um selo cinza nele e de repente ele está no traje) Reequip?

Draculos (dá de ombros): Você aprende o que dá para sobreviver.

Mais tarde:

Ichigo teve de voar discretamente até uma caverna litorânea e mergulhar na água dela. Depois de uma hora ele chegou na base. Segundo Draculos aquela entrada devia ter sido selada a meses atrás mas o comandante da base, achou melhor mantê-la aberta como saída de emergência. Ichigo notou várias presenças demoniácas na base.

Ichigo: Bem agora cabe a mim resgatar o rei e as princesas. Então é assim que o Mario se sente? (dá uma risadinha)

Dimensão Olimpiana:

Wendy (geme): Ichigo foi seguir as malditas ordens dos "Imbecis Corruptos de Ishgar".

Ash (suspira): Ele ainda é ingênuo.

Issei: Por que vocês dois simplesmente não mataram esses caras?

Ash: Não queremos que Fairy Tail seja dissolvida por matarmos pessoas "sem razão".

Wendy: Isso e o fato que eles são mais inteligentes que o conselho. Não tem nenhuma prova da corrupção deles.

Issei: Vocês vão arrumar um jeito de ferrá-los mais tarde. Disso eu tenho certeza. Já sairam da seca? (se esquiva de uma rajada de Ki e de um mini tornado) Vou considerar isso como um sim.

Ash e Wendy (corados): Cale a boca.

Issei: Vocês dois são pervertidos. Não sei porque ainda ficam com vergonha quando eu aponto isso.

Charle: Também gostaria de saber.

Pikachu: Pikapi.

Ash: Vocês três não estão em posição de falar.

Wendy: Charle você e Happy não deixaram o Natsu dormir com tanto barulho pelo que ele me contou. (a exceed muda a cor de branco para vermelho)

Ash: O professor Carvalho me avisou que você tem andado se encontrando com a Glaceon da May, Pikachu. (o roedor também fica vermelho)

Wendy e Ash (ao mesmo tempo): E você Issei pelo que a Asia disse depois que Tiamat-san foi revivida, vocês dois sacudiram a mansão!

Issei (sorri com cara de tacho): E? Nós tinhamos de recuperar o tempo perdido e estavamos com saudades um do outro.

Ash: Tem dias que eu me pergunto quem de nós é o mais pervertido.

Issei: Bem não fui eu que decidi ter a minha primeira vez numa floresta onde posso ser pego.

Wendy: Não tinha ninguém lá!

Ash: E nós colocamos selos especiais para todo mundo que se aproximar dez metros de distância de onde estamos, se lembrar de um "compromisso urgente" a quilômetros de nós!

Issei: Isso não ajuda o caso de vocês se querem saber.

Wendy: Nós não temos de ajudar nossos amigos cavaleiros a derrotar espectros do mal? (tentando mudar de assunto)

Earth Land:

Ichigo caminhava discretamente pelos corredores quando finalmente viu uma cena interessante. Um homem que tinha um aroma parecido com o de Gray de costas para ele.

Ichigo (pensando): Hum.

Homem (falando num rádio): Essa seção está limpa Kyouka.

Kyouka (pelo rádio): Ótimo. Esses humanos desprezíveis não merecem viver de qualquer forma. O pacote já chegou Silver?

Silver: Não até agora. (curioso) Nos contrataram para dar um jeito somente num... (Kyouka o interrompe)

Kyouka: Eu sei o que você pensa. Mas acredite o potencial do pacote é incrível. Mesmo os dragões terão medo do potencial dele. Câmbio e desligo.

Silver: Câmbio e desligo. Bem agora irei limpar outra seção.

Ichigo (observa Silver usar um elevador para descer): Quem ou o que é esse "pacote"? (é agarrado por trás) Aoi Karyuu no... (a pessoa o solta e ele repara que é um jovem de sua idade com três espadas)

Jovem: Kooryuu no... (nota o traje dele e cancela o ataque) Você não é do Tátaro?

Ichigo (cancela o seu ataque): Sou um Mago Santo na verdade. Você é o guarda costas da princesa Kaori?

Jovem: Sim. Eu sou Hiroshi Fubuki um Kooryuu Dragon Slayer.

Ichigo: Ichi-... Ryuujin um Aoi Karyuu Dragon Slayer. (olhando as espadas) Para quê tantas espadas?

Hiroshi (sorri): Você irá descobrir mais tarde. Vamos temos nos encontrar com a equipe de segurança da base. Ou melhor o que sobrou dela. (os dois vão para outro elevador) E tente não usar ataques muito destrutivos ou irá atrair atenção.

Ichigo: No problem. E onde estão o rei e as princesas.

Hiroshi: Em algum lugar dos andares inferiores. (aperta um botão e eles vão para cima)

Ryuujin (irei me referir a Ichigo assim nesse arco): Não deveriámos ir para lá então?

Hiroshi: Nós precisamos de um cartão de acesso especial que está com os demônios. (os dois saem do elevador) E Ryuujin é um codinome estranho mesmo para um Dragon Slayer.

Ryuujin: É para compensar o nome comum que me deram.

Hiroshi: Se você diz... (eles chegam numa sala com a porta trancada e Hiroshi bate na porta) La-Li-Lu-Le-Lo. (a porta é aberta por um homem loiro de olhos esmeralda)

Loiro (olha para Ryuujin): Quem é esse cara Hiroshi? (deixando eles entrarem antes de fechar a porta)

Hiroshi: Ele é o nosso reforço.

Loiro (bufa): Estamos ferrados. (olha para Ryuujin de novo) Deixe eu me apresentar. Sou Marcus. Você já conheceu o Hiroshi, esses são o Gibbs (aponta para um homem de cabelos brancos prateados que acena para ele), o outro é o Mcgee (aponta para um homem jovem mexendo nos computadores) e essa é Haruna (uma mulher morena afiando uma faca surge).

Ryuujin: Sou o Ryuujin. Como chegamos nessa situação?

Mcgee: O rei e as princesas estavam verificando essa nova base quando os demônios chegaram matando vários dos nossos. Os Garou Knights foram derrotados facilmente e agora também são reféns. (pensativo) Eu acho que fomos traídos pois essa base é consideravelmente nova.

Gibbs (bufando): E pensar que só faltava uma semana para eu me aposentar. (pega uma pistola)

Ryuujin (olha para Hiroshi): Você não deveria estar com a Kaori-hime? (vê ele apertar as espadas irritado) Calma não quis te alfinetar.

Hiroshi: Ela me ordenou que eu tirasse tantas pessoas da base quanto o possível e depois para eu deter, o Tártaro. (amargo) Sempre pensando nos outros e nunca nela própria.

Marcus: E foi o que salvou vários não combatentes daqui garoto.

Ryuujin: Ok. E qual é o nosso plano para libertá-los? E qual são os demônios que estão aqui?

Mcgee (mostra imagens por um computador): Este é Imohtep (a imagem de um homem branco careca surge) apesar da aparência normal ele não é nada normal. Força e agilidade sobrehumanas e além disso levou vários tiros aparentemente sem sofrer danos.

Ryuujin: Tinha um cara chamado Silver conversando pelo rádio com uma chamada Kyouka.

Gibbs (sombrio): O momento chegou.

Ryuujin: O que quer dizer?

Haruna: Vinte anos atrás o Tártaro estava invadindo uma aldeia e Gibbs e seu pelotão de Rune Knights foram lidar com a situação. Eles foram completamente detonados pelo Tártaro mas Gibbs conseguiu destruir um dos olhos de Kyouka.

Mcgee: Achei onde os reféns estão! (eles olham na tela do computador) É o subandar 4 na sala dezenove. (mostra as imagens deles na câmera)

Ryuujin: Entendi.

Hiroshi: Não podemos simplemente destruir o chão não é mesmo?

Mcgee: Ele é feito de uma combinação de Adamantium e Vibranium. Vocês precisariam ser dragões adultos para destruí-lo.

Ryuujin: Então teremos mesmo de achar os cartões né?

Marcus: É o que parece. Vamos. (ele, Hiroshi, Haruna e Gibbs pegam rádios e saem)

Mcgee (nota o comunicador de pulso de Ryuujin): Se precisar de ajuda a minha frequência é 142.84. Eu vou dar suporte por aqui.

Ryuujin: Ok. (todos saem da sala exceto Mcgee e e separam)

Após algum tempo sozinho Ryuujin encontrou uma mulher com seios grandes embora a sua característica mais notável sendo os seus dois grandes chifres com aparência de ouro salientes dos lados da cabeça e apontando para cima. Em cima de sua cabeça é uma faixa branca que separa seu cabelo, emoldurando a franja de seu cabelo abaixo da testa. Em sua testa há um símbolo circular pequeno, com um pequeno ponto no interior e rodeado por vários pontos ao redor do topo. Amarrado em volta do pescoço é uma pequena gargantilha de cor branca.

Ela estava lendo um livro aparentemente sem notá-lo. Ryuujin estava prestes a ignorá-la quando ela disse:

"O que um Mago Santo faz aqui?"

Ryuujin: Adivinhe.

Mulher (ainda lendo o livro): Eu calculo 90% de chances de você ter vindo aqui pelo rei e as princesas.

Ryuujin: E os outros 10%?

Mulher (fecha o livro): Você veio aqui porque acha que está preso a algum tipo de acordo. Você é um ingênuo.

Ryuujin: Eu me ofendo com isso. E qual o seu nome?

Mulher: Meu nome é Sayla. E eu serei a última coisa que você verá na vida.

Ryuujin (saca a HF Blade): É o que veremos Sayla-san.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...