História Guerra - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Carrossel
Personagens Alícia Gusman, Bibi Smith, Carmen Carrilho, Cirilo Rivera, Daniel Zapata, Davi Rabinovich, Diana Ayala, Jaime Palillo, Jorge Cavalieri, Kokimoto Mishima, Marcelina Guerra, Margarida Garcia, Maria Joaquina Medsen, Mário Ayala, Paulo Guerra, Personagens Originais, Rabito, Valéria Ferreira
Exibições 269
Palavras 627
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Hentai, Luta, Mistério, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Terror e Horror, Violência, Visual Novel
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 5 - Capítulo 5


Fanfic / Fanfiction Guerra - Capítulo 5 - Capítulo 5

Grupo "Santos Diabinhos"

 

Chocolate- Lembrando que hoje é o fim de semana na casa abandonada que a Alicia marcou.

Vaal- É verdade. 

Mj- É Sério que a gente vai mesmo fazer isso?

Bibi- Foi a Ali que pediu, Mari.

Koki- Não sei porque desse drama todo

Laura- Vdd gnt. Somos tds amgs aki.

Jorge- O negócio é que "eles" não estão aki, Lauricha. 

Mj- O Paulo nem é problema.

Mj- O problema são certas cadeias

Mário- Majo você tá falando da minha namorada

Vaal- Ela tá falando a verdade

Vaal- Desculpa dizer.

Vaal-  Já avisando só vou pra ver meu shipp junto 

Daniel- *revirar de olhos* 

Daniel-  Foco Valéria.

Daniel- Gente vamos fazer isso pela Alicia

Mário- Vocês aceitaram a MJ e o Jorge apesar de todos os vacilos, vocês me aceitaram, vocês conhecem a Marce e o Paulo. São ou foram amigos deles deem uma chance a eles.

Koki- Ele tem razão. 

Mj- Ok, vou dar uma chance,  mas não prometo nada.

 

Mário

 

Eu desligo o celular e término de arrumar a mochila. É um alívio saber que pelo menos não vão apedrejar eles logo de cara.

Desde que eu conheço a Marce eu gosto dela. Muito antes de estudar na mundial eu tinha uma queda pela irmã do meu melhor amigo.

Então passamos os últimos dois anos entre encontros ao caso e sexo casual. Quando finalmente tive coragem de pedir ela em namoro. As coisas saíram melhores que o planejado.

Sei que a Alicia está morando em segredo com eles e  que o Paulo contou pra ela o grande segredo. A Marce não me contou. 

Ela diz que tem medo de que o peso do segredo seja demais pra mim. E eu aceitei. Estar ao lado dela é a melhor coisa do mundo. 

Eu estou tentando muito que essa história de reintegra-los ao grupo dê certo. Porque, e acho que a Alicia chegou a essa mesma conclusão, se eles não conseguirem aceita-los só restam duas opções: terminar o namoro,  ou abandonar os amigos e, pelo menos para mim, deixar meu namoro não é uma opção.

Me despeço do meu pai e da Natália, verifico a ração e água do Rabito e saio de casa. Pra minha surpresa o Paulo, a Alicia e a Marce estão na porta de casa.

A Alicia está com a cara emburrada, sei que ela odeia quando os pais vem na cidade. Então não é uma surpresa assim tão grande que ela não esteja de bom humor.

 

- A gente tinha marcado aqui e eu esqueci?

- Não, Grandão. Eles conseguiram escapar antes dos pais da Ally e me perguntaram se eu já tinha saído e eu disse que estava vindo te encontrar e eles vieram também. 

- Ah tá. -dou um beijo nela pego sua mão e digo- Vamos?

 

Começamos a caminhar e a Marce e o Paulo engrenam em uma discussão. Enquanto a Ali para ao meu lado.

 

- Você está preocupado por causa da conversa no grupo? 

- Você viu? 

- Ta estranhando eu não ter falado nada, né? 

- Seus pais?

- Na verdade não. Eu escolhi o Paulo, não tenho o que dizer. Se nós não conseguirmos que o pessoal aceite eles a minha decisão ja está tomada.

- Eu estava pensando a mesma coisa.

- Mais eu acredito que tudo vai dar certo.

 

Nós chegamos nas casa abandonada e já estavam todos lá.  

 

- Oi pessoal. 

 

A maioria das pessoas resmunga algo. Logo Alicia desce a bebida pra todos e as conversas vão animando até que a Valéria resolve sugerir para jogarem verdade e desafio.

 

Valéria Majo

- Desafio.

- Desafio você a ficar no colo do Cirilo durante o resto do jogo.

 MajoX Marcelina 

- verdade.

- Porque você mudou tanto nos últimos anos? 


Notas Finais


O que será que a Marce vai responder como será que essé fim de semana vai acabar me digam o que vocês acham


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...