História Guerra de Tintas - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Hora de Aventura
Tags Amor Colegial, Bubbline, Bubbline G!p, Fiobe, Jaly, Paintball
Exibições 57
Palavras 1.566
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Bishoujo, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Esporte, Famí­lia, Fluffy, Hentai, Lemon, Luta, Mistério, Orange, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Volteeeeiii Capitulo novo já pronto, vai sair segunda a noite por que eu dividi esse.

🔴FOTO DE CAPA : TSER DA NOVA FANFIC

Capítulo 6 - Srta.Abadder ll - Festa, Bambi e carinha de culpada


Fanfic / Fanfiction Guerra de Tintas - Capítulo 6 - Srta.Abadder ll - Festa, Bambi e carinha de culpada

–CHEGA ! 

–Calma, Bonnibel, não precisa gritar.– Meu potinho de pudim faltou pouco para voar em direção a cara do Marshall. 


Por algum motivo eles estão me zoando por ter acertado com tudo "A tão boa jogadora/especialista/profissional/rainha das bolinhas azuis" Ela mereceu, eu sou uma Bubblegum, certo ? E eu sempre dou o troco, não sou um nerd para passar vergonha na frente de todos, tá ok, nerd eu até sou mas isso não é motivo para me humilhar na frente dos meus "amigos". Aquilo foi falta de profissionalismo, tudo bem ! Minha infantilidade no campo de queimada também foi mas ela provocou, eu apenas mostrei que comigo não se mete. 


–Deixe ela em paz, Marsh. – Obrigado Phoebe. 


–Ok, ok. – Marshall levantou as mãos em rendimento, mas estava na cara que ele queria falar bobagens para me deixar brava. 


O sinal bateu indicado a próxima aula que eu, sinceramente, não estou afim de ver. 


–Finalmente última aula ! – Adivinha quem foi o gostoso que gritou aos quatro ventos e fez drama ? – Tchau seus bando de héteros, to largando. – Isso mesmo, o gay entubado do Gumball, e como nos zoamos ele ? 


–Cala boca seu hétero encubado ! Nós que somos do bafão ! – Eita que a bicha ficou revoltada. 


–O que você falou Marshall !? – Gum se virou para o moreno totalmente vermelho, cuidado Marsh ! Ele lixou bem as unhas hoje. 


–Falei nada Bambi, volte a saltitar para sua aula. – Ok, nem eu aguentei, meu riso foi tão alto que todos do refeitório olharam para mim, Phoebe ao meu lado só faltava se engasgar com o próprio ar e Gumball nem se fala, só faltou invocar um unicórnio para atacar o Marsh com purpurina e arco íris, por que eu realmente acho que esse é o único poder ultra mega mortal do rosado como um "verdadeiro macho alpha" que macho não tem nada. 


–Por favor garotos, vamos para aula. – Eu digo depois de conseguir respirar, puxei Phoebe para fora do refeitório e os garotos nos seguiram, cada um emburrado, fofo de se ver. 


[•••]


–Ei, Bonnibel ! 

–Diga Phoebe. 


Me virei para a ruiva atrás de mim que estava com as bochechas coradas e a testa enrugada, ela olhava para o caderno e eu percebi o problema. Ela odiava física. 


–Não entendeu a matéria ? – Eu perguntei calmamente e seus olhos verdes me fitaram. Sua cabeça se moveu para um lado e outro em negação. – É muito fácil...


Peguei a régua, mais especificamente o transferidor, de sua mão e coloquei acima do triângulo desenhado em seu caderno. 


–Olha, nem precisa usar o transferidor para descobrir o ângulo desse triângulo. – Apontei para o desenho – É um obtusângulo, suas pontas medem mais que 90º Graus, e esse é um retângulo pelas pontas medir 90º Graus sendo um Reto. – Apontei para outro desenho a explicando. – Entendeu ? 


Ela me olhou e confirmou com a cabeça. 


–E esse ? – Apontou para o terceiro desenho. 


–Esse é um agudo, Be. As três pontas medem menos que 90º e iguais ao mesmo número, olhe – Coloquei o transferidor na ponta do triângulo menor e medi seus ângulos – todas as pontas medem 65º Graus, fácil. 


–Obrigado, Bonnibel. – Phoebe sorriu entusiasmada por finalmente saber a matéria e eu apenas ri. – Agradeço a Deus por ter a colocado no meu caminho. 


–igualmente... 


–MARCELINE ! – Ke ???


Me virei para frente no momento que vi a professora de braços cruzados olhando para a porta da sala, onde estava ninguém menos que Marceline/rainha das bolinhas, não me canso desse apelido. 


–Desculpe pelo atraso espontâneo, professora. – Ela mostrou sua barriga enfaixada por baixo da camiseta manga longa vermelha e branca. – Eu me machuquei..– E como sempre acontece, e não me surpreendo que aconteça comigo também, seus olhos me fitaram na mesma hora.


O sorrisinho da vitória estava estampado no meu rosto, é assim Marceline, onde um joga dois também pode jogar. 


–Ok, Srta.Abadder, eu deixo essa passar, entre logo ! 


Seus passos foram apressados até o fundão da sala onde eu vi seu grupo, ela anda sempre com eles ? Não tem amigos ? 
Melhor eu nem falar, eu também não tenho, ainda.... 


–Voltando a aula. 


[•••]


–Se um namorado trai a namorada com um outro garoto, o chifre é colorido com um arco íris encima ? – Sério que Jake perguntou isso mesmo ? Quantos anos ele tem, 10 ? 


–Festinha na casa porpurinada do Gumball, topam ? – Marsh se manifestou quando já estávamos no portão da escola, já marcava 17:30 da tarde e eu mal podia esperar para chegar em casa. – Vai ser semana que vem. 


–Pode ser – Phoebe. 


–Claro que eu vou aparecer lá ! – Esqueci de mencionar, o grupo inteiro da Fionna já foi embora, e com quem ela fica ? Com nós, saco ! 


–Eu vou, mas não vou beber. – Jake avisou preocupado, sabia que ele não era de álcool, sempre tão certinho. – Falo por dois, meu irmão também não vai beber. – É, sempre tão certinho. 


–Deixe o pirralho beber, Jake. – Fionna retrucou. – Falado nele, cadê esse loiro oxigenado ? 


–Não fale dele assim ! Você também é outra. – Phoebe bateu de frente, como sempre, por que eu já sei que isso é rotina, começaram a brigar. 


–Vai defender agora ? É tanto desespero para dar pra ele. – Nossa, pegou pesado, agora sim começa a guerra. 


– O que você falou, sua...– Ficou mais vermelha que o próprio cabelo.


–Então..eu já vou indo ! – Eu aviso para os demais já que as duas estavam presas na própria bolha. 


–"Sua" o que ? Pintor de roda pé ! – Nem preciso dizer quem foi né ? 


–Você não vai na festa, Bonnibel ? – Marshall me perguntou. 


–Vou ver com meu pai. 


–Ok, te vejo amanhã para o treino de PaintBall. 


–Tchau ! – Me despeço e atravesso a rua para ir em rumo à minha casa. 


–Hey, Bonnie ! – Ouço aquela voz tão conhecida por mim e me viro para o ruivo na minha frente. 


–Flame...


–Hã, oi..– Ele estava nervoso – Bom, vai ter uma festa na casa do Gumball...


–É eu sei. 


–Então.. – Ele limpou a garganta e continuou – Você não quer uma carona, sei lá.


Ele está realmente me pedindo para ser a companhia dele ? É, ele está. Eu ri do seu nervosismo deixando o vermelho, coitado. 


–Ok, eu aceito. – Começo a andar para trás me afastando – Te vejo amanhã. – Pisco para ele me viro em direção à rua deixando o para trás. 


PORRA ! ótimo, finalmente pego esse ruivo. Boa Bonnibel, gênio. 


[•••]


–PAPAI ! – Não sei o por que, mas acabou por chover no caminho de casa, espero não pegar um resfriado. – papai, cheguei ! 


Vejo meu pai voltando da cozinha com um pote de pipoca que nem durou um minuto em sua mão, ele, burro do jeito que é, tropeçou no próprio pé e virou tudo no chão. 


–Meu deus, você é burro ou fez curso, papai. – Ele me olhou indignado pela minha frase mas logo desfez e começou a rir igual louco. 

Ué ? Qual a graça agora ? 


–Meu...M-meu deus ! – Ele se encostou na batente do arco que separa a cozinha do corredor e me fitou novamente. Eu cruzei meus braços tentando achar a graça. 


–Fala logo, Alejandro ! 


–Você parece um pinto molhado ! – Sua gargalhada foi tanta que tive que revirar os olhos, tal pai tal filha mesmo. 


–Eu vou subir...– Corri para a escada ainda o ouvindo gargalhando. Pais... 


Eu senti o cansaço quando vi aquele amontoado de caixas pelo meu novo quarto. POR QUE EU NÃO TENHO UM MINUTO PARA FAZER NADA ? 
Joguei minha mochila no quanto do quarto, fiz um coque desajeitado e fui para o banheiro, pelo menos meu pai colocou uma toalha aqui. 


[•••]


–Como foi a escola, filha ? – Alejandro me perguntou enquanto estávamos no sofá vendo um noticiário. 


–Foi legal. – Puxei o moletom até os joelhos despidos quando ouvi que a chuva inesperada se prolongaria até sábado. 


–Legal como ? – Revirei os olhos. 


–Entrei em um time de Paintball da escola, conheci novos amigos, normal..– Não dei muito detalhes. 


–Hmm..– Eu o vi levantar enquanto resmungava – vou fazer o jantar, ou você prefere pizza ? 


Oi ? Pizza ? Contatinho das gostosas ? 


–PIZZA !!!!


–Ok – Ele riu e passou pelo arco da sala e entrou no corredor onde ficava o telefone. 


[•••]


–Estou cheia..– Peguei a última fatia de pizza, por que a última sempre será minha, sou uma princesa. – Coloca em algum filme. 


Alejandro que tomava um copo de água, pegou o controle e zapeou os canais, até parar na Disney. 


–Ué ? Vamos ver desenho agora ? – Quando olhei para o meu pai, o mesmo batia com a palma da mão no controle – Acabou as pilhas.? 


–Acho que sim...– Uma voz fininha e enjoativa veio da TV chamando atenção minha e do papai. 


–"A palavra "Era uma vez" nunca esteve no meu dicionário, sério, quem eu estou tentando enganar ? Minha vida não é um conto de fadas, muito menos uma história clichê, então deixo avisado que neste futuro conto anti-fadas que irei contar não será igual àquelas  histórias infantis de " felizes para sempre " ou alguma paródia do Titanic. Apenas coloque cem por cento da sua atenção em minhas palavras, esqueça tudo em sua volta e se prenda comigo nessa aventura!..." 


E só deu aquele coro formado por pai e filha. 


–Naaaaaaoooo !!!! 

 


Notas Finais


Capitulo prometido...

Gente vocês têm Twitter ? Então sigam esse user --- @F5_DoBe ou F5💫

Ele postará fotos e várias outras coisas sobre a nova fanfic (mais 12 meses com você) ele também gosta de Twittar sobre Camren e youtubers lá, não sigam ele para não ficar de fora sobre isso. A conta foi feita a pouco tempo atrás então não esqueçam !


🔴LISTA DOS PERSONAGENS (Mais 12 meses com você)

1 Marceline (______________)
2 _________ (________________)
3 Bonnibel (Líder de torcida)
4 _________ (______________)
5 __________(_____________)
6 Fionna (Futebol feminino)
7 Phoebe (Futebol feminino)
8 Marshall Lee (Luta)
9 Gumball J. (Luta)
10 Finn (Jogador de futebol)
11 Jake (Jogador de futebol)
12 Lady Iris (Líder de torcida)
13 Flame (Jogador de futebol)
13 Beemo (Nerd)
14 Ashley
15 Ash
16 Lich
17 Simon (Professor)
18 Simone (Professora)
19 Cake (Líder de torcida)
20 Gunter (Nerd)


OPA ! tá faltando nomes ali encima, quem será né ? O que a Marceline vai ser ? 👀 surpresa !

🔴COMO EU DISSE, A FOTO DE CAPA É UM TSER DA FANFIC NOVA, ESSES VÁRIOS TSERS VÃO APARECER NA CONTA DO F5 @F5_DoBe. E ALGUNS AQUI ENTÃO SE PREPAREM QUE ESSA HISTÓRIA VEM COM TUDO !


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...